Tucano golpista assume que houve manipulação para derrubar Dilma

Dilma: “Austericídio de Bolsonaro derruba o PIB”

Eles recorreram a ciborgues para fraudar a vontade do eleitor nas urnas

A BBC Brasil fez uma reportagem de fôlego explicando como políticos utilizaram “ciborgues” — que é a junção de perfis falso e atividade humana — para fraudar a vontade do eleitor nas eleições de 2014.

Prisão de policial que ‘sabe demais’ causa paúra no Palácio Iguaçu

richa_teles_foz“Caiu” o policial civil Ademilton Joaquim Telles, conhecido como Teles, preso ontem (29) em operação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado na tríplice fronteira. A queda do moço causa paúra no terceiro andar do Palácio Iguaçu.

Temer cada vez mais perto da cassação no TSE; novos cheques põem ilegítimo na marca do pênalti

dilma_temer_tseA tese segunda a qual a campanha do ilegítimo Michel Temer (PMDB) seria independente da de Dilma Rousseff (PT) não tem como prosperar no TSE, que analisa a cassação da chapa eleita em 2014.

O objetivo da mídia bandida agora é abater voo presidencial de Marina Silva

marina_silva_jato_eduardo_camposA seletividade da mídia bandida brasileira chega a dar asco até no mais pacato cidadão. Vide o caso que hoje vem à tona, o do jato do ex-presidenciável Eduardo Campos (PSB), morto num acidente aéreo em plena campanha de 2014. O objetivo agora é abater Marina Silva (REDE), a segunda colocada nas pesquisas.

Escândalo Andrade Gutierrez/PSDB: veja como a mídia golpista manipula a informação da Vaza Jato

estadao_aecio_AG_dilmaO mau-caratismo e seletividade da velha mídia golpista e de seus miquinhos amestrados da Vaza Jato podem ser explicados — e detalhados — pela própria velha mídia golpista. A manipulação é tosca e escandalosa ao mesmo tempo.

O Blog do Esmael resgatou do fundo do baú neste sábado (9) uma reportagem do Estadão, datada de 7 de outubro de 2015, sobre troca de mensagens no WhatsApp entre a cúpula da empreiteira Andrade Gutierrez.

O distinto leitor ficará chocado com os conteúdos machistas, sexistas e misóginos dos diálogos que têm como alvo a presidente Dilma Rousseff na véspera e no dia do segundo turno — 26 de outubro de 2014.

As conversas abaixo foram resgatadas pela Polícia Federal na Vaza Jato.

“É agora… O tema corrupção….A mulher está nervosa demais….Agora o homem moeu a gorda de perna aberta”, disse Anuar Caram, que foi logo respondido por Ricardo Sá: “Fora sapa com cara do satanás!!!”.

Ministro Edinho Silva fuzila a ‘Vaza Jato’: delação é ‘mentira cabeluda’

Ministro Edinho Silva, da Secretaria de Comunicação da Presidência da República, nesta quinta-feira (7), desmentiu delação premiada publicada na Folha de S. Paulo; jornal que compõe consórcio que visa o golpe contra a presidente Dilma Rousseff publicou hoje vazamento de trechos de delação do ex-presidente da Andrade Gutierrez, Otávio Marques de Azevedo, sobre suposta propina “por dentro” na campanha da petista; ministro, que foi tesoureiro da campanha, assegurou que se trata de factoide e “não tem lastro na verdade”; Edinho disse ainda que não cometeu ilegalidade e que agiu com ética na eleição de 2014.
Ministro Edinho Silva, da Secretaria de Comunicação da Presidência da República, nesta quinta-feira (7), desmentiu delação premiada publicada na Folha de S. Paulo; jornal que compõe consórcio que visa o golpe contra a presidente Dilma Rousseff publicou hoje vazamento de trechos de delação do ex-presidente da Andrade Gutierrez, Otávio Marques de Azevedo, sobre suposta propina “por dentro” na campanha da petista; ministro, que foi tesoureiro da campanha, assegurou que se trata de factoide e “não tem lastro na verdade”; Edinho disse ainda que não cometeu ilegalidade e que agiu com ética na eleição de 2014.

Economia retraiu 3,8% em 2015 devido à crise gerada pela oposição tucana

do Brasil 247

O Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil encolheu 1,4% no quarto trimestre de 2015 sobre os três meses anteriores, fechando o ano passado com contração de 3,8%, pior resultado da série histórica iniciada em 1996, informou o IBGE nesta quinta-feira; sobre o quarto trimestre de 2014, o PIB despencou 5,9%, também o pior da série; 2015 foi o ano marcado pela crise política, protagonizada pela oposição de Aécio Neves (PSDB-MG) e pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ); juntos, os dois lideraram um movimento pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff e por votações que impediram a aprovação de medidas do ajuste fiscal, essencial para a recuperação do País.
O Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil encolheu 1,4% no quarto trimestre de 2015 sobre os três meses anteriores, fechando o ano passado com contração de 3,8%, pior resultado da série histórica iniciada em 1996, informou o IBGE nesta quinta-feira; sobre o quarto trimestre de 2014, o PIB despencou 5,9%, também o pior da série; 2015 foi o ano marcado pela crise política, protagonizada pela oposição de Aécio Neves (PSDB-MG) e pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ); juntos, os dois lideraram um movimento pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff e por votações que impediram a aprovação de medidas do ajuste fiscal, essencial para a recuperação do País.

De olho em 2016, ‘Japa da Federal’ no PTN; Chistiane Yared parte para o PR

Assim como o Japa da Federal, Cristiane Yared sonha com a Prefeitura de Curitiba. A deputada é lembrada para a vice do deputado Requião Filho (PMDB).
Assim como o Japa da Federal, Cristiane Yared sonha com a Prefeitura de Curitiba. A deputada é lembrada para a vice do deputado Requião Filho (PMDB).
O troca-troca partidário promete ser intenso no Paraná até o próximo dia 19 de março, data fatal para a “janela da infidelidade”, quando os parlamentares podem mudar de sigla sem serem punidos com a perda dos respectivos mandatos. Também é o período de quem vai disputar as eleições de 2016 buscar um abrigo partidário.

Nesse balaio todo está o agente da Polícia Federal Newton Hidenori Ishii, o Japa da Federal, que deverá ingressar no PTN. Ele está de olho na Prefeitura de Curitiba. Antes, o Japa tentou o PSD, mas o partido apresentará o deputado estadual Ney Leprevost ao executivo da capital paranaense.

Quem também pulará a janela é a deputado federal Christiane Yared, a mais votada do Paraná, que deixará o PTN para filiar-se no Partido da República (PR). O convite foi formalizado pelo presidente estadual da legenda, o deputado federal Luiz Nishimori. A solenidade de filiação será no dia 7 de março.

Blog do Esmael derrota tucano Beto Richa no Tribunal Superior Eleitoral

enio_richa

O governador Beto Richa (PSDB) perdeu uma longa, cruenta e importante batalha para o Blog do Esmael no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Este mês, a ministra Luciana Lóssio, em seu relatório, deu vitória a este blogueiro e ao deputado Enio Verri, do PT, acerca da tentativa de censura às críticas ao governo tucano durante a campanha eleitoral de 2014.

A ministra reverteu multa de R$ 5 mil contra o Blog do Esmael e Verri, que mantém coluna semanal neste espaço. O parlamentar escreveu texto cujo título era “Richa não governa para os pobres”. O tucano ficou magoado com trechos que classificavam sua gestão como “desastrosa”, “inconsequente” e “irresponsável”.

De acordo com o despacho da ministra Luciana Lóssio, “as críticas, conquanto ácidas, dizem respeito à atuação do governador como agente político, não se depreendendo delas qualquer ofensa à sua honra ou divulgação de fatos notoriamente inverídicos”.

A defesa do Blog do Esmael, bem como a de Enio, ficou a cargo do advogado Luiz Fernando Pereira, do escritório Vernalha Guimarães & Pereira Advogados.

Ainda cabe recurso da a Coligação “Todos Pelo Paraná” e pelo Ministério Público, mas, como se trata de matéria constitucional, dificilmente lograrão êxito.

A seguir, leia a íntegra da decisão inédita do TSE:

CPI de Crimes Cibernéticos deverá convocar o governador Beto Richa

Requião compara Cunha a Beto Richa: “Cara dum, focinho doutro”

Beto Richa diz que PSDB faz governo no Paraná modelo para o país; assista

Espectro do impeachment volta a rondar o Palácio Iguaçu

richa_impeachment_profsNa última segunda-feira, dia 29 de junho, dois meses após o covarde massacre dos professores no Centro Cívico, em Curitiba, promotores do Ministério Público do Paraná (MP) concederam entrevista coletiva para anunciar que ofereceram à Justiça denúncia contra o governador Beto Richa (PSDB) por improbidade administrativa, ou seja, crime de responsabilidade que pode cassar-lhe o mandato e os direitos políticos por 8 anos.

Dito isto, cada vez mais o espectro do impeachment ronda as imediações do Palácio Iguaçu, mesmo local que serviu para a ação violenta da polícia que deixou saldo de 213 feridos.

O blogueiro e advogado Tarso Violin Cabral, no último dia 25 de maio, protocolou o primeiro requerimento na Assembleia solicitando o impedimento do governador tucano. Para ele e um grupo de juristas, que subscreveram o documento, a ação de improbidade administrativa anunciada pelo Ministério Público contra Beto Richa, o ex-secretário da Segurança Pública, Fernando Francischini, e o alto comando da PM à frente das decisões do Massacre de 29 de abril, reforça a tese do impeachment.

Nesta sexta-feira (3) veio mais um elemento que poderá ser apensado a denuncia de improbidade do inquilino do Palácio Iguaçu: a Justiça determinou que Richa cessasse de mentir e fazer campanha contra professores no site oficial Agência Estadual de Notícia; o tucano vinha abusando da máquina pública para denegrir a imagem dos educadores que ainda lutam por melhores condições de trabalho e reposição inflacionária.

Richa teria menos votos do que teve Gomyde para o Senado, diz pesquisa

Requião promete abrir acervo “bala de prata” às 20h de hoje na TV 15

Coluna do Requião Filho: “Caso Araupel, a verdade veio à tona”

araupelRequião Filho*

Ontem, lendo um jornal de grande circulação, tomei conhecimento da notícia de que foi reconhecida pela Justiça Federal que a Fazenda Rio das Cobras pertence à União, e não à Araupel.

A Juíza Lilia Cortes de Carvalho de Martino da 1ª Vara Federal de Cascavel declarou nulo o título da Araupel e reconheceu que toda a cadeia dominial das terras e a integralidade da área pertence à União.

Lembro-me muito bem que, em entrevista à Rádio CBN de Cascavel, o Senador Requião questionou a propriedade da terra, vez que a própria Araupel a discutia judicialmente.

A Araupel não possui a propriedade da fazenda e a ressalva do Senador, de que teria que se aguardar uma decisão judicial, era absolutamente verdadeira e pertinente ao caso.

A campanha de reeleição do governador Beto Richa quis transformar a Araupel em vítima. Richa implicou que Requião era a favor de invasão de terras durante sua campanha.

A verdade vem à tona, a Justiça Federal hoje reconhece que a propriedade não pertencia à Araupel e sim da União.

Para dividir grevistas, Palácio Iguaçu infiltra “cibertucanos” em grupos de educadores nas redes sociais

tenda_infiltrado_whatsapp

Na semana passada, o Blog do Esmael mostrou que o governo Beto Richa (PSDB) iniciara uma verdadeira “guerra suja” visando desqualificar os professores em greve. Agora, na segunda fase, os cibertucanos estão se infiltrando nos grupos de discussão de educadores, sobretudo no WhatsApp, a nova coqueluche do momento, para promover a divisão no movimento grevista do Paraná.

Se na primeira etapa da “guerra suja” o objetivo era mostrar imagens antigas e cópia de contracheques forjados com o intuito de isolar os educadores, com mensagens enviadas a pais e alunos, nesta a ideia dos invasores a soldo do Palácio Iguaçu é semear a discórdia entre professores e funcionários das 2,1 mil escolas do estado.

Os infiltrados lançam dúvidas sobre a “firmeza” dos professores e servidores em greve há um mês, disseminam informações falsas sobre a luta do magistério e do serviço público, espalham medo, estimulam o ódio entre colegas tal qual ocorreu no segundo turno disputado por Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB). Na época, o Blog do Esmael anotou que o “Extremismo de direita pró-Aécio afasta brasileiros das redes sociais”.

Nesta segunda-feira (25), por exemplo, um desses infiltrados no grupo “Memória da Violência”, criado no WhatsApp por educadores massacrados no dia 29 de abril, no Centro Cívico, foi alvo do submundo dos cibertucanos. Informações privadas foram publicadas em mídias ligadas ao Palácio Iguaçu.

Aécio recebeu mais que PT de empresa investigada pela Lava Jato; por que a velha mídia esconde isso?

do Brasil 247

pessoa_utc_aecioLevantamento feito pelo site Às Claras, ligado à ONG Transparência Brasil, mostra que a UTC Engenharia, do empreiteiro Ricardo Pessoa, realizou doações no valor de R$ 8.722.566,00 para a campanha a presidente do senador Aécio Neves (PSDB), no ano passado.

O montante é R$ 1,22 milhão a mais do que o valor que Ricardo Pessoa disse ter doado ao PT, durante interrogatório com procuradores da Operação Lava Jato.

Copel também financiou ataque cibertucano contra Dilma e PT

Além de dobrar o lucro dos sócios privados da estatal de energia, Beto Richa também é bastante generoso com cibertucanos de extrema-direita, contratados com ‘dinheiro alheio’ para atacar PT e Dilma; essas duas ações, com certeza, justificam em parte os recentes aumentos na conta de luz de todos os paranaenses.
Além de dobrar o lucro dos sócios privados da estatal de energia, Beto Richa também é bastante generoso com cibertucanos de extrema-direita, contratados com ‘dinheiro alheio’ para atacar PT e Dilma; essas duas ações, com certeza, justificam em parte os recentes aumentos na conta de luz de todos os paranaenses.
A Companhia Paranaense de Energia (Copel) também financiou ataques cibertucanos contra a presidenta Dilma Rousseff e o PT. A informação é de Fernando Gouveia, proprietário do site www.implicante.org, que registrou ontem (18) em seu perfil no Facebook:

“A Agência Propeg é uma das empresas que são clientes da Appendix, entre as quais vale destacar a Vivas.Com, em contrato pelo qual prestamos serviço ao Governo do Paraná, numa ação para a Copel…”, escreveu Gouveia.

Mais preciso impossível.

Na manhã de ontem, ao repercutir reportagem da Folha de S. Paulo, o Blog do Esmael anotou que o governador do Paraná, Beto Richa, fez escola no PSDB nacional. Segundo o jornal, o blogueiro recebe mensalmente R$ 70 mil do governo de São Paulo para defenestrar adversários de Geraldo Alckmin, dentre os quais PT e Dilma.

Ambos os governadores do PSDB, paulista e paranaense, têm o mesmo modus operandi porque a fonte pagadora dos cibertucanos é a mesma: o erário.

Nas eleições de 2014, os senadores Gleisi Hoffmann (PT) e Roberto Requião (PMDB) foram os alvos prediletos dos cibertucanos pró-Richa.

Os cibertucanos funcionavam em um bunker instalado dentro do Palácio Iguaçu e agiam sob o guarda-chuva da franquia tucana “Tenda Digital” — que foi proibida pela Justiça Eleitoral na disputa pelo Palácio Iguaçu.

Abaixo, leia a íntegra da explicação de Fernando Gouveira no Facebook:

Richa fez escola no PSDB. Alckmin contrata cibertucano para atacar o PT

O Brasil se livrou do “Choque de Indigestão” tucano que quebrou os estados de Minas e Paraná