5 de Abril de 2018
por esmael
Comente agora

Ivan Valente: “Temer é um covarde”

O deputado federal Ivan Valente (PSOL-SP) afirmou que Michel Temer é um covarde porque não demitiu o comandante-geral do Exército Eduardo Villas Boas. Ele discursou em São Bernardo do Campo, em frente ao Sindicato dos Metalúrgicos, em apoio a Lula. Acompanhe ao vivo. Leia mais

16 de Março de 2018
por esmael
Comentários desativados em Bolsonaro e Temer são iguais quando o assunto é assassinato de Marielle Franco

Bolsonaro e Temer são iguais quando o assunto é assassinato de Marielle Franco

A covardia une Michel Temer e Jair Bolsonaro. O primeiro cancelou viagem que faria ao Rio de Janeiro com medo que a repercussão da execução da vereadora Marielle Franco (PSOL) arranhe sua imagem. O segundo foi o único dos 13 pré-candidatos a presidente da República que não se dignificou a fazer um comentário apenas. Leia mais

3 de agosto de 2016
por esmael
60 Comentários

A misoginia d’O Antagonista

vanessa_antagonista_gleisi“O Antagonista”, espécie de assessoria de Michel Temer (PMDB) e do golpe, é um site misógino. O Blog do Esmael selecionou algumas postagens do dia de ontem (2) contra as senadoras Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) e Gleisi Hoffmann (PT-PR).

21 de dezembro de 2015
por esmael
19 Comentários

Ex-deputado foi demitido por espancar ex-mulher. Richa deveria renunciar pelo massacre de 213 professoras?

O governador Beto Richa (PSDB) foi rápido no gatilho ontem (20) ao demitir o diretor da Cohapar, ex-deputado Osmar Bertoldi (DEM), após repercussão da violência contra sua ex-mulher Tatiana Bittencourt. O tucano tomou a decisão com medo de que o entrevero também atingisse sua “imagem”.

Richa deveria utilizar a mesma métrica consigo mesmo para penitenciar-se pelos pecados do dia 29 de abril, quando 213 professoras foram covardemente massacradas no Centro Cívico. Ou seja, o governador do PSDB poderia aproveitar a reflexão de fim de ano e pedir para sair.

O governador jura que não teve outra opção a não surrar os “black blocs” que lutavam contra o confisco da ParanáPrevidência. Bertoldi, demitido por Richa, também se diz vítima de “armação” da ex-mulher que tenta extorquir-lhe R$ 1,7 milhão.

Osmar Bertoldi é suplente do deputado federal pela coligação que reelegeu Richa (PSDB-DEM-PR-PSC-PTdoB-PP-SD-PSD-PPS). No início de 2015, ele assumiu a cadeira na Câmara, entre fevereiro e maio, com a licença de Fernando Francischini (SD), que no período foi secretário da Segurança Pública.

A seguir, leia a íntegra da nota de esclarecimento de Osmar Bertoldi:

“Aos Familiares, Amigos e Eleitores.

Em razão da publicidade que vem sendo dada às inverídicas acusações feitas por Tatiane Lucia Selhorst Bittencourt, venho a público esclarecer que, em 15 de agosto de 2015, houve efetivamente um lamentável desentendimento. Ambos tivemos ferimentos e acabei sofrendo lesões nos braços, rosto e dentes, inclusive tendo me submetido a exames e lavrado laudo de corpo de delito. Tal desentendimento foi motivado pela discordância sobre o regime de casamento.

É inverídica a afirmação de que Tatiane foi mantida em cárcere privado, eis que permaneceu em minha residência por livre e espontânea vontade, pelo tempo que quis ficar. Tinha as chaves da casa e controle do portão, acesso a telefones, ligando para familiares e amigos, internet, inclusive com postagens em redes sociais e recebeu visita de três amigas. Em suma, teve vida normal durante todo o tempo.

Após deixar a minha residência Tatiane, para não tornar público o fato, passou a exigir a quantia de aproximadamente R$1,7 milhão, mediante documento protocolado em cartório. Tudo isso vem sendo investigado pela Polícia Civil.

Por não receber os valores exigidos, quatro meses após os

11 de agosto de 2015
por esmael
3 Comentários

CPI de Crimes Cibernéticos deverá convocar o governador Beto Richa

Arruda_Richa_TendaA CPI dos Crimes Cibernéticos, que será instalada semana que vem na Câmara Federal, deverá iniciar seus trabalhos com a convocação do governador do Paraná, Beto Richa (PSDB). A informação é do deputado João Arruda (PMDB-PR), membro titular da comissão de investigação. Leia mais

7 de agosto de 2015
por esmael
17 Comentários

Site anônimo ligado a Beto Richa ataca jornalistas e blogueiros no Paraná

Ao atacar a blogosfera progressista e não-alinhada ao Palácio Iguaçu, o governo do estado pretende desviar a atenção do escândalo bilionário da Refinaria Manguinhos. Segundo o jornalista e blogueiro Cícero Cattani, Richa e seu indefectível primo Luiz Abi usufruíram de diárias de R$ 5.113,50 no luxuoso Hotel Fasano, no Rio, pagas pela empresa fluminense no Carnaval de 2012. Agora Manguinhos é suspeita de sonegar a

Ao atacar a blogosfera progressista e não-alinhada ao Palácio Iguaçu, o governo do estado pretende desviar a atenção do escândalo bilionário da Refinaria Manguinhos. Segundo o jornalista e blogueiro Cícero Cattani, Richa e seu indefectível primo Luiz Abi usufruíram de diárias de R$ 5.113,50 no luxuoso Hotel Fasano, no Rio, pagas pela empresa fluminense no Carnaval de 2012. Agora Manguinhos é suspeita de sonegar a “bagatela” R$ 1 bilhão em impostos no Paraná, bem debaixo do nariz do tucano, com a conivência dos famigerados primos Abi e Richa.

O Blog do Esmael foi vítima de covarde ataque nas últimas horas de cibertucanos que operam a partir da “Tenda Digital”, um grupo de criminosos cibernéticos ligados ao governador Beto Richa (PSDB) e ao lobista Luiz Abi Antoun, primo do tucano, que esteve preso duas vezes por fraudes em licitação e cobrança de propina na Receita Estadual. Leia mais

28 de julho de 2015
por esmael
23 Comentários

Nesta quarta, professores protestam pelos 3 meses do massacre e 50 anos de Richa

aniversarioO governador Beto Richa (PSDB) completa 50 anos nesta quarta-feira, dia 29, coincidindo com a passagem de três meses desde o massacre contra os professores e servidores do estado promovido por ele e sua equipe para garantir o confisco da previdência do funcionalismo. Leia mais

3 de junho de 2015
por esmael
25 Comentários

Diretores de escola gravam ‘assédio moral’ da Secretaria de Educação

seres_massacre_richaVários diretores de escolas foram chamados à Secretaria de Estado da Educação (SEED), nesta segunda-feira (1º), para dar início à perseguição, punição e envio de faltas de professores e funcionários em greve há quase 40 dias nos 2,1 mil estabelecimentos de ensino do Paraná.

Nem todos os gestores concordam em dizer “amém” ao governador Beto Richa (PSDB) e à secretária interina da Educação, Ana Seres Trento Comin, por isso, desde ontem (2), alguns foram informados que sofreram processo administrativo (inquisição) na Secretaria de Estado da Educação (SEED).

Alguns dos chefes de NRE disseram textualmente que a punição era em virtude da do repúdio dos diretores ao massacre de 29 de abril, no Centro Cívico, quando mais de 200 professores ficaram feridos pelas bombas, cassetetes, tiros e ataque de cães pitbulls.

Pois bem, é aí que a porca começa torce o rabo. Os diretores foram orientados a gravar as conversas com os Núcleos Regionais de Educação (NREs), braço político da secretária interina e do governador tucano.

25 de Maio de 2015
por esmael
42 Comentários

Veja essa: PMs que massacraram professores terão de devolver diárias

pm_diarias

Os policiais militares que vieram para a capital no dia 29 de abril desempenhar o papel de “vilões” estão indignados, pois o Ministério Público deverá pedir devolução de parte de diárias que receberam no dia do massacre. Leia mais