6 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Lula vai condecorar militância petista com medalha de honra

Lula vai condecorar militância petista com medalha de honra

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, assim que deixar a prisão, vai condecorar pessoalmente a militância petista com medalha de honra pela luta em defesa da democracia. ... 

Leia mais

6 de julho de 2018
por editor
Comentários desativados em Lula propõe constituinte para superar a ‘podridão’ da política brasileira

Lula propõe constituinte para superar a ‘podridão’ da política brasileira

O ex-presidente Lula reafirmou nesta quinta-feira (5) sua candidatura à presidência da República e propôs a convocação de uma nova assembleia nacional constituinte para superar a “podridão” que tomou conta do cenário político nacional. O recado foi transmitido pelo coordenador do MST, João Pedro Stédile, após visita à Superintendência da Polícia Federal de Curitiba, acompanhado do ex-presidente do PT, Rui Falcão. ... 

Leia mais

5 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Lula confirma Marília Arraes ao governo de Pernambuco

Lula confirma Marília Arraes ao governo de Pernambuco

O ex-presidente Lula lançou nesta quinta (5), em Curitiba, a vereadora Marília Arraes (PT) ao governo de Pernambuco. ... 

Leia mais

5 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Lula: “O STF não merece respeito do povo brasileiro”

Lula: “O STF não merece respeito do povo brasileiro”

O ex-presidente Lula recebeu hoje as visitas do líder do MST João Pedro Stédille e do ex-presidente do PT Rui Falcão. ... 

Leia mais

5 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Lula recebe visita do líder do MST

Lula recebe visita do líder do MST

O ex-presidente Lula receberá a visita nesta quinta (5) do líder do MST, João Pedro Stédile, na carceragem da Polícia Federal de Curitiba. ... 

Leia mais

24 de maio de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em “Lula foi sequestrado pelo STF”, denuncia João Pedro Stédile

“Lula foi sequestrado pelo STF”, denuncia João Pedro Stédile

O líder do MST João Pedro Stédile denunciou nesta quinta (24) que o ex-presidente Lula não é mais preso político, mas, sim, sequestrado do Supremo Tribunal Federal. ... 

Leia mais

6 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em MST bloqueia estradas contra a prisão de Lula

MST bloqueia estradas contra a prisão de Lula

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) iniciou o bloqueio de estradas em diversos estados protestando contra a ordem de prisão ao ex-presidente Lula. A ideia é bloquear cerca de 50 rodovias nos 24 estados em que o movimento está presente. ... 

Leia mais

16 de março de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em “Estamos convencidos de que é preciso defender o Lula”, diz Stedile do MST

“Estamos convencidos de que é preciso defender o Lula”, diz Stedile do MST


Principal liderança do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), João Pedro Stedile, analisou a possibilidade de prisão de Lula. Para ele, tudo não passa de uma trama para impedir a candidatura de Lula à presidência. “O processo da lava-jato é uma fantasia, uma montagem de power point”, afirmou Stedile, em entrevista ao Brasil de Fato. ... 

Leia mais

7 de março de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Bolsonaro baixa o nível: “Os canalhas do MST e do MTST”

Bolsonaro baixa o nível: “Os canalhas do MST e do MTST”

O deputado Jair Bolsonaro, no ato de filiação no PSL, agora à noite, chamou João Pedro Stédile (MST) e Guilherme Boulos (MTST) para a briga. Ele chamou os dois líderes de movimentos populares de “os canalhas do MST e do MTST”. ... 

Leia mais

31 de dezembro de 2017
por Esmael Morais
7 Comentários

Os 10 piores acontecimentos de 2017 para o brasileiro, segundo Stédile

O líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) João Pedro Stédile, em artigo especial, listou os 10 piores acontecimentos de 2017 para o povo brasileiro. Confira. ... 

Leia mais

13 de junho de 2016
por Esmael Morais
28 Comentários

Dilma detalha nesta terça proposta de plebiscito ao movimento Fora Temer

carmem_foro_dilma_requiaoO Blog do Esmael entrevistou na manhã desta segunda-feira 13 a vice-presidenta nacional da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Carmem Foro, que estava reunida com senador Roberto Requião (PMDB-PR), em Brasília, para definir o rito do funeral do golpe de Estado.

O gabinete do parlamentar paranaense se transformou no principal QG do movimento “Fora Temer” – que advoga a ilegitimidade do interino Michel Temer (PMDB) — e pelo “Volta, Dilma”. Leia mais

12 de junho de 2016
por Esmael Morais
44 Comentários

Dilma e Requião se reúnem nesta segunda-feira 13 com movimentos sociais

requiao_dilmaA presidente eleita Dilma Rousseff e o senador Roberto Requião (PMDB-PR) participam de uma reunião com lideranças dos movimentos sociais, nesta segunda-feira (13), em Brasília, com o objetivo de trazê-los para a proposta de plebiscito e antecipação das eleições presidenciais. Leia mais

9 de maio de 2016
por Esmael Morais
6 Comentários

Contra o golpe, MST ocupa fazenda ligada a Michel Temer em SP

da página do MST
mst_temerNa manhã desta segunda-feira (09), mil famílias organizadas pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), ocuparam a fazenda Esmeralda, com sede em Duartina, interior de São Paulo, a fazenda é ligada ao vice-presidente Michel Temer (PMDB).

O objetivo da ocupação é denunciar as conspirações golpistas de Temer, muitas vezes articuladas de dentro da propriedade. Coma a ação, os Sem Terra também recolocam a pauta da Reforma Agrária em todo país. Leia mais

27 de outubro de 2015
por admin
23 Comentários

#Lula70: Personalidades exaltam legado do ex-presidente Lula

Via Brasil 247.

Em comemoração aos 70 de Lula, nesta terça-feira, o Instituto Lula divulgou diversas mensagens de políticos, atletas e outras personalidades em homenagem ao ex-presidente.

“Nós contamos e precisamos muito de você. Hoje e por muito tempo”, disse Luiz Marinho, prefeito de São Bernardo do Campo.

João Pedro Stédile, da liderança do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), destacou seu legado: “Que o senhor possa seguir ajudando o povo brasileiro a se conscientizar sobre nossos inimigos e percorrendo esse Brasil levando uma voz de esperança”, afirmou.

“Parte destes 70 anos foi dedicado ao povo do Rio de Janeiro, que se libertou. O senhor levou o desenvolvimento econômico aonde as pessoas já não acreditavam mais”, destacou ainda Luiz Fernando Pezão, governador do Rio de Janeiro.

Um dos vídeos mais assistidos e compartilhados foi o da equipe do Corinthians, com o técnico Tite, o gerente de futebol Edu Gaspar e os jogadores Cássio, Felipe, Ralf, Danilo e Jadson.

O cantor Zeca Pagodinho também enviou uma mensagem: “Meu querido amigo, feliz aniversário! Seu amigo está aqui, com saudade de você”, disse.

O ministro da Cultura, Juca Ferreira; a diretora e produtora de cinema Tata Amaral; Sebastião Salgado, um dos maiores fotógrafos do mundo, e sua esposa, Lélia Wanick Salgado, participaram igualmente da iniciativa.

“Tenho certeza de que o Brasil ainda precisa do senhor e nós vamos estar juntos nessas batalhas para melhorar a vida do povo brasileiro”, disse o ministro da Cultura, Juca Ferreira.

Assista aos videos aqui.

Leia mais

12 de março de 2015
por Esmael Morais
12 Comentários

MST reforça protesto pelo “Fora Richa”

O Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) promete jogar pesado na manifestação de amanhã, dia 13, em Curitiba, pelo “Fora Beto Richa” e em defesa da Petrobras, da reforma política e dos direitos trabalhistas.

O MST também foi atingindo pelo pacote de maldades! do governador Beto Richa, que, neste segundo mandato, determinou o fechamento de turmas e demissão de professores e funcionários em assentamentos.

Nos últimos 4 anos, o movimento em defesa da reforma agrária vinha mantendo uma relação amistosa com o tucano.

No Paraná, a marcha é coordenada sob o guarda-chuva da Central Única dos Trabalhadores (CUT). Mais de 50 entidades lançaram ontem uma ofensiva para a mobilização desta sexta.

O posicionamento do governador tucano a favor do impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT) acirrou os ânimos no estado (clique aqui). Por causa disso, a passeata sairá da Praça Santos Andrade (UFPR), à s 17 horas, rumo ao Palácio Iguaçu, no Centro Cívico, sede do executivo estadual.

Antes, porém, CUT e PT pensavam em marchar até a Boca Maldita, tradicional ponte de protestos na capital paranaense.

Temendo o protesto pelo seu próprio impeachment, Beto Richa acionou as forças de repressão que são comandadas pelo secretário da Segurança Pública, Fernando Francischini, um conhecido anti-Dilma de carteirinha.

A situação é tensa no estado e em todo o país. Hoje pela manhã, a direção nacional do MST condenou ameaças de morte ao líder do movimento João Pedro Stédile.

De acordo com os sem-terra, circula pelas redes sociais da internet um anúncio que pede Stedile vivo ou morto! e oferece uma recompensa de R$ 10 mil.

Em nota oficial, o MST afirma que já levou o caso à s autoridades e denuncia que as pessoas que disseminam ódio na internet contra Stedile são as mesmas que convocam para a manifestação pelo impeachment de Dilma no dia 15.

A seguir a íntegra da nota oficial do MST

Nota sobre a ameaça de morte a Stedile

Nota ao povo brasileiro

Circula pelas redes sociais da internet um anúncio que pede Stedile vivo ou morto!. Apresentando-o como líder do MST e inimigo da Pátria!, o autor oferece uma recompensa de R$ 10 mil para quem atender o seu pedido. Em outras palavras, está incentivado e prometendo pagar para matar uma pessoa, no caso João Pedro Stedile, da coordenação nacional do MST.

Há indícios que a ação criminosa partiu da conta pessoal no facebook de Paulo Mendonça, guarda municipal de Macaé (RJ). E foi, imediatamente, reproduzida pela maioria das redes sociais que diariamente destilam ódio contra os movimentos populares, migrantes, petistas e agora, especialmente, contra a presidenta Dilma Rousseff. São as mesmas redes sociais, em sua maioria, que estão chamando a população para os atos do dia 15/3, para exigir a saída de Dilma do cargo de Presidenta da República, eleita legitimamente em 2014.

Já foram tomadas as providências, junto à s autoridades, para que o autor do cartaz e todos os que estão fazendo sua divulgação, com o mesmo propósito, sejam investigados e responsabilizados criminalmente, uma vez que são autores do crime de incitação à  pratica de homicídio.

Mas o panfleto é apenas um reflexo dos setores da elite brasileira que estão dispostos a promover uma onda de violência e ódio, com o intuito de desestabilizar o governo e retomar o poder, de onde foram afastados com a vitória petista nas urnas em 2002.

Para estes setores não há limites, nem sequer bom senso. Leia mais

19 de novembro de 2014
por Esmael Morais
13 Comentários

Golpe contra Dilma destamparia a revolta popular!, diz líder do MST

por Marco Damiani, via Brasil 247
stedile_dilmaO quadro referencial do MST João Pedro Stédile acaba de chegar do Vaticano. Pela primeira vez na história da Igreja, oficialmente um papa avaliza uma grande reunião de movimentos populares. No caso, o encontro de uma centena de entidades, pensada e organizada pelos brasileiros do MST com seus colegas de luta pelo mundo. “O papa Francisco demonstra ter consciência das mudanças que precisam ser feitas”, afirmou Stédile ao 247.

Mas, de volta ao Brasil, o que esperava o líder dos sem terra era um país em que setores de elite já discutiam as chances de uma quebra da ordem. Mais radicalmente, em cartazetes levados à  avenida Paulista, em duas passeatas com menos de 5 mil pessoas no total, alguns pediram a tal “volta dos militares”. De modo mais sofisticado, articulações em Brasília, a partir do escândalo de corrupção na Petrobras, vislumbram a chance de envolver a presidente Dilma Rousseff entre o cientes e tomar-lhe, pelo impeachment, o poder. Adeptos do caminho mais curto para este fim apostam num golpe de caneta do ministro Gilmar Mendes, do STF, que poderá censurar as contas da campanha do PT e atalhar uma crise institucional.

Stédile, um dos poucos brasileiros que tem condições, como se diz, de ‘colocar o povo nas ruas’, desdenha das três alternativas.

– Não vejo um movimento golpista. A conjuntura não permite, não haveria a menor chance de sucesso, diz ele.

– Numa hipótese mais radical, a burguesia sabe que estaria aberta a caixa de pandora da revolta popular. E isso é muito perigoso, completou.

Por e-mail, o líder popular que batalha há mais de 30 anos no mesmo campo social, sem ter caído em tentação de obter mandatos políticos ou assumir cargos bem remunerados deu as seguintes respostas à s nossas perguntas: Leia mais