25 de julho de 2016
por esmael
19 Comentários

Paraná Pesquisa desmente Datafolha: 62% querem Temer fora e novas eleições

temer_pr_pesquisaO instituto Paraná Pesquisas, de Murilo Hidalgo, se uniu com a Globo para desmentir o Datafolha, que semana passada colocou a bunda na janela ao fraudar resultado pró-Michel Temer (PMDB).

9 de junho de 2016
por esmael
14 Comentários

Temer e mídia bandida fazem ‘operação abafa’ contra pedido de Janot

rodrigo_janot_pmdb

O interino Michel Temer lançou uma ofensiva midiática para impedir que a cúpula do PMDB vá para a cadeia. Estão no bico do corvo os senadores Renan Calheiros (AL), presidente do Senado; Romero Jucá (RR), ex-ministro do Planejamento; o ex-presidente da República, José Sarney (AP), e Eduardo Cunha (RJ), presidente afastado da Câmara. Ou seja, “tutti buona gente…”.

11 de março de 2016
por admin
14 Comentários

Colunista do Globo abre o jogo: golpe é pró-corrupção

via Brasil 247.

O jornalista Ricardo Noblat, colunista do jornal O Globo, cometeu nesta sexta-feira (11) mais um ato de sincericídio em favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff.

Noblat em sua conta no Twitter:

Ou seja, um dos porta-vozes da família Marinho defende que quem sair às ruas contra a corrupção neste domingo estará sendo manipulado por corruptos preocupados com o próprio pescoço.

Como diria o humorista e escritor Gregório Duvivier, “querem lavar o chão com merda”.

11 de março de 2016
por admin
26 Comentários

Acuada, Rede Globo agora é contra a prisão de Lula

via Brasil 247.

Por meio dos colunistas Merval Pereira e Ricardo Noblat, a Globo voltou a contestar a decisão do Ministério Público de São Paulo de pedir a prisão preventiva do ex-presidente. Vale lembrar que, desde o início desse processo, a Globo, como incitadora do ódio, se tornou alvo de diversos protestos populares.

Para o Colunista do Globo Merval Pereira o pedido de prisão preventiva do ex-presidente Lula foi despropositado.

Ele reconhece que, ‘mesmo que fossem verdadeiras as alegações dos promotores do estado de São Paulo para pedir a prisão preventiva do ex-presidente Lula, os argumentos levantados têm mais cunho político do que jurídico’.

Segundo Merval, o promotor Cassio Conserino já havia se precipitado ao anunciar em entrevista à revista “Veja” que denunciaria o ex-presidente, mesmo antes de ouvi-lo”. “Agora tomou uma medida despropositada”, diz .

Afirma ainda que uma ação dessas, justamente às vésperas das grandes manifestações de domingo, dá margens ao aumento da insegurança, e mais parece provocação política.

O colunista Ricardo Noblat também detonou o pedido de prisão preventiva do ex-presidente Lula feito por “três jovens e tolos promotores públicos de São Paulo, à procura dos seus 10 minutos de fama de uma nota de rodapé em futuros livros de História”.

“A peça produzida pelos três não é apenas uma peça jurídica que, por medíocre, desmorona à medida em que a leitura avança. É vazia, embora apenas prenhe de adjetivos barulhentos e inócuos. É panfletária. E sequer disfarça a má vontade que seus autores devotam a Lula”, diz.

Segundo ele, caso deveria ser investigado no Conselho Nacional do Ministério Público (leia aqui).

Assista, abaixo, ao vídeo em que uma reportagem do jornal de William Waack é interrompido por um protesto contra a “Globo Golpista”:

4 de maio de 2015
por esmael
55 Comentários

Para salvar Richa, velha mídia nacional “demite” Francischini

Desde a manhã de ontem (3) trama-se no Palácio Iguaçu, sede do governo do Paraná, a queda do secretário da Segurança Pública, Fernando Francischini, o Batman, aponta como responsável pelo massacre contra os professores no último dia 29 de abril.

O jornal O Estado de S. Paulo, o Estadão, edição desta segunda-feira (4), coloca Francischini na “corda bamba” ao responsabilizá-lo pelos excessos da Polícia Militar na semana passada. A reportagem cita o deputado federal Valdir Rossoni, presidente regional do PSDB, como porta-voz do governador Beto Richa (PSDB) para o pedido de demissão do Batman.

“Francischini está deitado no caixão, com algodão no nariz. A demissão é questão de horas. É o método Beto Richa de exonerar auxiliares”, avaliou para o Blog do Esmael um deputado governista.

O jornal Folha de S. Paulo, também edição de hoje, imputa a culpa do massacre a Francischini, mas exime o governador do PSDB de qualquer responsabilidade pela violência policial contra os professores.

Entretanto, o jornalista Ricardo Noblat, d’O Globo, faz leitura diferente em seu blog. Aponta o governador Beto Richa como culpado pelo massacre. Ele cita os apelos do prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), e do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, para que o tucano parasse de atirar bombas contra os professores.

Resta saber: Francischini, responsável ou não, assumirá a bronca sozinho ou vai arrastar junto o mandante do massacre contra os professores?

13 de novembro de 2014
por esmael
22 Comentários

Veja essa: Reprovado nas urnas, “Aécio passa no teste do avião”

globo_aecio.jpgO chororô é sem-fim nas hostes oposicionistas e na elite que não se conformam de jeito nenhum com a derrota do senador Aécio Neves (PSDB-MG).

O deputado federal Fernando Francischini (SD-PR), ao compartilhar história da derrota mais doída de todos os tempos, cravou ser a “crônica de uma vitória anunciada”.

O parlamentar, que é delegado licenciado da Polícia Federal, comentava no Facebook uma nota do blogueiro Ricardo Noblat, d’O Globo, sobre uma viagem do tucano em voo 1488 da GOL.

Depois de lamentações de passageiros, que confessaram ter chorado pela derrota nas urnas, a tripulação da aeronave teria aproveitado para lançar Aécio para 2018.

“A GOL sente-se honrada em transportar o senador Aécio Neves, futuro presidente do Brasil”.

Verdade ou não, o senador tucano terá que combinar novamente com os russos; leia-se: eleitores.

Psicólogos da linha freudiana afirmam que doeria bem menos se reconhecessem a derrota para Dilma Rousseff (PT).

Leia a íntegra da “crônica de uma vitória anunciada”:

19 de abril de 2014
por esmael
27 Comentários

Dias abre o jogo: ordem é alimentar noticiário ruim na velha mídia

do Brasil 247
Qual é a principal missão da oposição nos dias atuais? O senador Alvaro Dias (PSDB-PR), um de seus principais líderes, responde. “Precisamos desconstruir a imagem do governo, alimentando o noticiário negativo com ação afirmativa”, disse ele, numa rápida entrevista ao Blog do Noblat. “A instalação da CPI da Petrobras vai ajudar nessa desconstrução.”

Ou seja: Dias, praticamente, abriu o jogo. A ordem é alimentar notícias negativas !“ o que tem dado certo, a julgar pelo que se lê em jornais e revistas !“ e usar a CPI da Petrobras, cuja instalação será decidida pela ministra Rosa Weber, na próxima terça-feira, para “desconstruir” a imagem do governo.

Leia, abaixo, a íntegra do depoimento de Dias a Gabriel Garcia, publicado no Blog do Noblat:

Três perguntas para… senador Alvaro Dias (PSDB-PR)

A presidente Dilma continua na frente nas pesquisas de intenção de votos. Caiu um pouco, passando de 40%, em março, para 37%, segundo o Ibope. Isso é desanimador para a oposição?

Pelo contrário. Os eleitores só vão se preocupar com eleições após a Copa. E vale verificar o ambiente hoje do país. A insatisfação da população com o governo é grande. Isso tende a trazer votos para a oposição.

Então o importante é que ela continue caindo, ainda que pouco?

Há forte tendência de queda de Dilma, verificada a cada pesquisa. Essa tendência vai se avolumar com o noticiário negativo. São as más notícias que desgastam e derrubam o governo. Temos um tempo de maturação para que esse noticiário reflita nas intenções de voto.

Mas a oposição não tem conseguido usar essa insatisfação a seu favor. O que fazer?

A oposição tem que ter clareza no discurso e ser mais afirmativa. Tem que se apresentar como alternativa real de mudança e convencer o eleitoral. Ao mesmo tempo, precisamos descon