29 de setembro de 2017
por esmael
20 Comentários

“Governo Richa quer escravizar servidores públicos do Paraná”, denuncia presidente reeleito da APP-Sindicato

O professor Hermes Leão será empossado nesta sexta-feira (29) para mais um mandato na APP-Sindicato. E já programa manifestações contra o desmonte da educação pelos governos Beto Richa (PSDB) e Michel Temer (PMDB).

22 de julho de 2017
por esmael
2 Comentários

Governo barra a APP nos Jogos Escolares

O governo Beto Richa (PSDB) começou a usar a máquina para barrar a APP-Sindicato nos logradouros donde se concentrem educadores.

9 de fevereiro de 2017
por esmael
25 Comentários

URGENTE: Richa suspende distribuição de aulas e caos aumenta nas escolas do Paraná

O governo Beto Richa (PSDB) mandou suspender no início desta noite a distribuição de aulas prevista para esta sexta-feira (10) e sábado (11) aos professores contratados em regime PSS (Processo Seletivo Simplificado).

24 de outubro de 2016
por esmael
27 Comentários

APP-Sindicato denuncia aos Direitos Humanos aliança de Richa com fascistas no Paraná

hermes_fascistas_richaO presidente da APP-Sindicato Hemes Leão publicou um vídeo nas redes sociais, nesta segunda (24), denunciando o governador Beto Richa (PSDB) por estimular movimentos violentos contrários à greve dos educadores e a ocupação de 900 escolas por estudantes. O líder sindical adiantou que denunciará o tucano por prática antissindical e por violações aos direitos humanos em organizações internacionais. (Abaixo, assista ao vídeo).

20 de outubro de 2016
por esmael
30 Comentários

APP-Sindicato convoca para sábado assembleia visando suspensão [ou não] greve na educação

app_richa_greveO comando de greve da APP-Sindicato convocou uma assembleia geral dos educadores para este sábado, dia 22, às 8h30, em Curitiba, para avaliar se suspende ou não a greve por tempo indeterminado iniciada na última segunda (17).

19 de julho de 2015
por esmael
17 Comentários

Requião compara Cunha a Beto Richa: “Cara dum, focinho doutro”

Cunha_Richa_RequiaoO senador Roberto Requião (PMDB), pelo Twitter, espezinhou o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a quem comparou ao governador do Paraná Beto Richa (PSDB). Leia mais

8 de julho de 2015
por esmael
19 Comentários

APP-Sindicato: ‘Beto Richa acredita nas próprias mentiras que conta sobre salário dos educadores’

A APP-Sindicato reagiu aos novos ataques do governador Beto Richa (PSDB) à entidade e aos professores da rede pública estadual de ensino. Richa acusou ontem, em evento com prefeitos do interior, que a greve dos professores teria acabado quando o governo divulgou os supersalários da categoria. O tucano também culpou os profissionais do magistério e o sindicato pela queda na qualidade na educação do estado.

Em resposta, o Sindicato publicou uma nota (leia abaixo) em seu site desafiando o governador a debater em audiência pública os salários dos professores, comparando-os com os vencimentos dos demais servidores e os supersalários no primeiro escalão. Segundo a APP, os trabalhadores da educação representam 62% do total de servidores do estado. Mas, a folha de pagamento da educação representa somente 38% do total.

A nota também faz referência às mentiras veiculadas pelo governo do estado atribuindo supersalários aos professores do estado, lembrando que por decisão judicial uma matéria que comparava os salários de professores com o de prefeitos foi retirada do ar, e o governo tem prazo para desmentir as demais distorções.

Segundo o presidente da APP, professor Hermes Leão, “a insistência da criminalização dos salários do Beto Richa não é novidade em governo que não tem compromisso com a população. É o esforço de sempre buscar em terceiros a responsabilidade principal que é exatamente dos governantes. Se temos dificuldades em educação, saúde e segurança pública, a responsabilidade é do governante, já que é ausente em planejamentos e investimentos”, destaca.

Leia a seguir a íntegra da nota da APP-Sindicato:

Beto Richa volta a atacar educadores(as) e sindicato

Sindicato desafia governador a debater salários em audiência pública

Um governo que deveria fazer uma luta pela valorização da educação e de todos os educadores e educadoras do Estado, tem feito justamente o contrário no Paraná. Ataques e mais ataques aos(as) servidores(as) e à APP-Sindicato tem sido a postura frequente do governador Beto Richa que, não por acaso, vem apresentando quedas consecutivas de apoio e popularidade dos(as) paranaenses e está sendo processado pelo Ministério Público pelo Massacre do dia 29 de abril.

Em um encontro com prefeitos(as) do interior do Estado, Richa fez acusões à APP-Sindicato e desqualificou a luta histórica da entidade pela qualidade da educação paranaense. O governador criminalizou mais uma vez os salários de educadores(as) mesmo depois que a justiça determinou a retificação das informações publicadas no Portal de Transparência do Estado, mantido por verba pública, e a retirada de mentiras divulgadas na Agência Estadual de Notíci

3 de julho de 2015
por esmael
18 Comentários

Espectro do impeachment volta a rondar o Palácio Iguaçu

richa_impeachment_profsNa última segunda-feira, dia 29 de junho, dois meses após o covarde massacre dos professores no Centro Cívico, em Curitiba, promotores do Ministério Público do Paraná (MP) concederam entrevista coletiva para anunciar que ofereceram à Justiça denúncia contra o governador Beto Richa (PSDB) por improbidade administrativa, ou seja, crime de responsabilidade que pode cassar-lhe o mandato e os direitos políticos por 8 anos.

Dito isto, cada vez mais o espectro do impeachment ronda as imediações do Palácio Iguaçu, mesmo local que serviu para a ação violenta da polícia que deixou saldo de 213 feridos.

O blogueiro e advogado Tarso Violin Cabral, no último dia 25 de maio, protocolou o primeiro requerimento na Assembleia solicitando o impedimento do governador tucano. Para ele e um grupo de juristas, que subscreveram o documento, a ação de improbidade administrativa anunciada pelo Ministério Público contra Beto Richa, o ex-secretário da Segurança Pública, Fernando Francischini, e o alto comando da PM à frente das decisões do Massacre de 29 de abril, reforça a tese do impeachment.

Nesta sexta-feira (3) veio mais um elemento que poderá ser apensado a denuncia de improbidade do inquilino do Palácio Iguaçu: a Justiça determinou que Richa cessasse de mentir e fazer campanha contra professores no site oficial Agência Estadual de Notícia; o tucano vinha abusando da máquina pública para denegrir a imagem dos educadores que ainda lutam por melhores condições de trabalho e reposição inflacionária.

3 de julho de 2015
por esmael
10 Comentários

Justiça proíbe mentira de Richa sobre salários de professores

tendaO juiz Guilherme de Paula Rezende, da 4ª Vara da Fazenda Pública da Região Metropolitana de Curitiba, determinou a retira do ar da matéria veiculada pela Agência Estadual de Notícias que comparava os salários de professores do Estado ao de prefeitos do interior. Leia mais

25 de junho de 2015
por esmael
17 Comentários

Salários dos professores do Paraná estão abaixo da média nacional

salariosO Portal G1 fez um comparativo nacional dos salários dos professores das redes públicas de ensino dos 26 estados e do Distrito Federal e a conclusão desmente o governador Beto Richa (PSDB) que afirma que os professores do Paraná ganham altos salários, acima da média nacional. “Até mais que muitos prefeitos!”, jura o tucano, que utilizou inclusive o Portal da Transparência para massacrar o magistério. Leia mais

25 de maio de 2015
por esmael
17 Comentários

Semana começa com mais adesões à greve geral contra Beto Richa

balancoOs professores e servidores da rede pública de ensino e das universidades estaduais estão entrando na quinta semana de greve, enquanto outras categorias do funcionalismo público estadual vão aderindo ao movimento que já é uma greve geral dos servidores do Estado.

A bandeira que unifica as categorias é a reposição da data-base de 8,17%, mas cada categoria tem pautas próprias. A expectativa é que o governador Beto Richa (PSDB) encaminhe uma mensagem para a Assembleia Legislativa hoje ou amanhã.

Com o apoio da bancada do PSC ao reajuste pleiteado pelos servidores, a margem de negociação do governo deve se limitar a tentar aprovar o parcelamento do índice. Porém, a notícia de que o Tribunal de Justiça (TJ) vai conceder reajuste de 8,17% a todo os servidores concursados, comissionados e aposentados do Judiciário Estadual, retroativos a 1º de maio de 2015, deve acirrar os ânimos e fortalecer a mobilização dos grevistas.

24 de maio de 2015
por esmael
18 Comentários

Prof. Hermes Leão para o Blog do Esmael: “É preciso resistir para vencer!”

hermes_appO presidente da APP-Sindicato, Hermes Leão, em artigo especial para o Blog do Esmael, neste domingo (24), aponta para a perspectiva de vitória dos educadores nas próximas horas. No entanto, ele salienta a importância da “resistência dos educadores e demais colegas do Serviço Público Estadual na greve geral”.

Com apoio de 98% da população paranaense, o dirigente da APP-Sindicato pede mobilização da comunidade escolar e sociedade civil à greve na educação básica do estado e do serviço público estadual.

O Blog do Esmael, solidário nesta luta dos educadores, reafirma que a luta dos profissionais do magistério se sobrepôs à questão da data-base, de reposição dos 8,17%. A categoria pode se orgulhar, seja qual o resultado final dessa campanha, que desmascarou o governo lesa-Paraná e antipovo de Beto Richa. Eis o maior ganho.

A seguir, leia a íntegra do artigo exclusivo de Hermes Leão para o Blog do Esmael conclamando para a continuidade da greve na educação do Paraná:

20 de abril de 2015
por esmael
26 Comentários

Professores retomam esta semana greve geral contra governo Beto Richa

Professor Hermes Leão, presidente da APP-Sindicato: “Não admitimos que o projeto seja votado com tanta pressa. Queremos o debate, pois temos a nossa proposta para o regime de previdência”.

Professor Hermes Leão, presidente da APP-Sindicato: “Não admitimos que o projeto seja votado com tanta pressa. Queremos o debate, pois temos a nossa proposta para o regime de previdência”.

Professores da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), a partir desta quarta-feira (22), entram em greve por tempo indeterminado. A paralisação é motivada pela tentativa de confisco, pelo governador Beto Richa (PSDB), da poupança previdenciária dos servidores públicos do Paraná. As demais instituições estaduais de ensino superior também deverão cruzar os braços nos próximos dias. Leia mais

12 de março de 2015
por esmael
12 Comentários

MST reforça protesto pelo “Fora Richa”

O Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) promete jogar pesado na manifestação de amanhã, dia 13, em Curitiba, pelo “Fora Beto Richa” e em defesa da Petrobras, da reforma política e dos direitos trabalhistas.

O MST também foi atingindo pelo pacote de maldades! do governador Beto Richa, que, neste segundo mandato, determinou o fechamento de turmas e demissão de professores e funcionários em assentamentos.

Nos últimos 4 anos, o movimento em defesa da reforma agrária vinha mantendo uma relação amistosa com o tucano.

No Paraná, a marcha é coordenada sob o guarda-chuva da Central Única dos Trabalhadores (CUT). Mais de 50 entidades lançaram ontem uma ofensiva para a mobilização desta sexta.

O posicionamento do governador tucano a favor do impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT) acirrou os ânimos no estado (clique aqui). Por causa disso, a passeata sairá da Praça Santos Andrade (UFPR), à s 17 horas, rumo ao Palácio Iguaçu, no Centro Cívico, sede do executivo estadual.

Antes, porém, CUT e PT pensavam em marchar até a Boca Maldita, tradicional ponte de protestos na capital paranaense.

Temendo o protesto pelo seu próprio impeachment, Beto Richa acionou as forças de repressão que são comandadas pelo secretário da Segurança Pública, Fernando Francischini, um conhecido anti-Dilma de carteirinha.

A situação é tensa no estado e em todo o país. Hoje pela manhã, a direção nacional do MST condenou ameaças de morte ao líder do movimento João Pedro Stédile.

De acordo com os sem-terra, circula pelas redes sociais da internet um anúncio que pede Stedile vivo ou morto! e oferece uma recompensa de R$ 10 mil.

Em nota oficial, o MST afirma que já levou o caso à s autoridades e denuncia que as pessoas que disseminam ódio na internet contra Stedile são as mesmas que convocam para a manifestação pelo impeachment de Dilma no dia 15.

A seguir a íntegra da nota oficial do MST

Nota sobre a ameaça de morte a Stedile

Nota ao povo brasileiro

Circula pelas redes sociais da internet um anúncio que pede Stedile vivo ou morto!. Apresentando-o como líder do MST e inimigo da Pátria!, o autor oferece uma recompensa de R$ 10 mil para quem atender o seu pedido. Em outras palavras, está incentivado e prometendo pagar para matar uma pessoa, no caso João Pedro Stedile, da coordenação nacional do MST.

Há indícios que a ação criminosa partiu da conta pessoal no facebook de Paulo Mendonça, guarda municipal de Macaé (RJ). E foi, imediatamente, reproduzida pela maioria das redes sociais que diariamente destilam ódio contra os movimentos populares, migrantes, petistas e agora, especialmente, contra a presidenta Dilma Rousseff. São as mesmas redes sociais, em sua maioria, que estão chamando a população para os atos do dia 15/3, para exigir a saída de Dilma do cargo de Presidenta da República, eleita legitimamente em 2014.

Já foram tomadas as providências, junto à s autoridades, para que o autor do cartaz e todos os que estão fazendo sua divulgação, com o mesmo propósito, sejam investigados e responsabilizados criminalmente, uma vez que são autores do crime de incitação à  pratica de homicídio.

Mas o panfleto é apenas um reflexo dos setores da elite brasileira que estão dispostos a promover uma onda de violência e ódio, com o intuito de desestabilizar o governo e retomar o poder, de onde foram afastados com a vitória petista nas urnas em 2002.

Para estes setores não há limites, nem sequer bom senso. Recusam-se a aceitar a vontade da população manifestada no processo democrático de eleger seus governantes.

Deixam-se levar por instintos golpistas, embalados pelo apoio e a conivência da m

11 de março de 2015
por esmael
11 Comentários

PT sai do armário para as ruas; assista

Até ontem à  tarde, o PT nacional titubeava sobre as manifestações desta sexta-feira, dia 13. A cúpula petista e o Palácio do Planalto temiam que os protestos em defesa de Dilma pudessem descambar para uma competição com o ato anti-Dilma no domingo, dia 13.

Nessa queda de braço, o PT decidiu sair do armário para voltar ao asfalto — onde ele foi criado. A opção pela luta ao lado da massa, ao invés do conforto do ar condicionado dos aparelhos! partidários e sindicais, foi bastante comemorada pela militância em Curitiba.

Na capital paranaense, foi adicionado à  pauta nacional o impeachment do governador Beto Richa (PSDB). A concentração da manifestação organizada por mais de 50 entidades do movimento social será na tradicional Praça Santos Andrade (UFPR) e seguirá rumo ao Palácio Iguaçu.

Acuado, o governador tucano colocou de prontidão todo o efetivo de repressão da Polícia Militar. Até o BOPE, treinado para intervir em grandes eventos, também está de sobreaviso (clique aqui).

O diabo é que Beto Richa é um dos coordenadores do protesto contra Dilma no domingo. Por isso o grau de tensão é muito elevado.

Assista ao vídeo convocando o protesto de sexta 13:

11 de março de 2015
por esmael
39 Comentários

Temendo protesto de impeachment, Beto Richa aciona força de repressão para sexta-feira 13

Protesto em Curitiba terá bandeiras locais, como "Fora Beto Richa", e nacionais, em defesa dos direitos da classe trabalhadora, da Petrobrás, da democracia e da Reforma Política.

Protesto em Curitiba terá bandeiras locais, como “Fora Beto Richa”, e nacionais, em defesa dos direitos da classe trabalhadora, da Petrobrás, da democracia e da Reforma Política.

O governador Beto Richa (PSDB) colocou hoje as forças de repressão da Polícia Militar para reprimir manifestantes que sairão à s ruas na sexta-feira, dia 13, em protesto pelo seu impeachment. A ordem do comando geral da PM é para todo o efetivo ficar de prontidão, inclusive o BOPE, treinado para ações contra multidões. Leia mais

11 de março de 2015
por esmael
88 Comentários

Responda: ‘E daí, foi bom pra você?’

O feedback é o método mais avançado que existe na vida para medir a satisfação de terceiros.  Por isso responda, por favor: foi boa a cobertura do Blog do Esmael e da TV 15 durante a greve do magistério?

O feedback é o método mais avançado que existe na vida para medir a satisfação de terceiros. Por isso responda, por favor: foi boa a cobertura do Blog do Esmael e da TV 15 durante a greve do magistério?

Primeiramente, o Blog do Esmael saúda todos os professores, pedagogos, diretores e agentes educacionais do Paraná pela aula de cidadania, pela luta e resistência exemplar, pela vitoriosa greve de um mês. Parabéns aos educadores que triunfaram sobre a arrogância, a prepotência e o ódio do governador Beto Richa (PSDB)! Leia mais

10 de março de 2015
por esmael
21 Comentários

Bom exemplo: Agredidos por Richa, professores exigem direito de resposta na velha mídia do Paraná

hermes_richa_galo.jpgO presidente da APP-Sindicato, professor Hermes Silva Leão, em vídeo distribuído nas redes sociais, informou nesta terça-feira (10) que a entidade que dirige pediu direito de respostas à s emissoras de rádio e TV que exibiram entrevistas do governador Beto Richa (PSDB) com ataques a professores e funcionários de escola do Paraná. Leia mais