24 de abril de 2018
por editor
Comentários desativados em Relembre: Os “preparativos” de Richa para o 29 de abril

Relembre: Os “preparativos” de Richa para o 29 de abril

 ... 

Leia mais

17 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Para lembrar: Sobe a tensão entre os servidores e a “bancada do camburão”

Para lembrar: Sobe a tensão entre os servidores e a “bancada do camburão”

Há 3 anos, o então governador Beto Richa (PSDB) declarava guerra aos servidores públicos estaduais. O projeto de confisco da previdência dos servidores tramitava pela segunda vez na Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP); e os deputados da “bancada do camburão” aprovaram regime urgência para a matéria. ... 

Leia mais

16 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Há 3 anos: Beto Richa era Dick Vigarista, segundo a APP-Sindicato

Há 3 anos: Beto Richa era Dick Vigarista, segundo a APP-Sindicato

Em 16 de abril de 2015 a APP-Sindicato radicalizou o discurso para mobilizar os professores e sensibilizar a sociedade. A entidade publicou materiais oficiais associando a imagem do então governador Beto Richa (PSDB) ao personagem Dick Vigarista, do desenho animado “Corrida Maluca” exibido nos anos 70. ... 

Leia mais

12 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
4 Comentários

Relembre: A “bancada do camburão” na ALEP

O dia 12 de abril de 2015 foi um domingo tranquilo. Era dia de comemorar os dois meses da primeira vitória dos servidores na Assembleia Legislativa do Estado do Paraná. Foi em 12 de fevereiro que os deputados governistas entraram no camburão para passar pelos servidores e tentar fazer uma sessão secreta na ALEP. ... 

Leia mais

9 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Relembre: Os balanços dos 100 dias de Richa

Relembre: Os balanços dos 100 dias de Richa

Há 3 anos, em 09 de abril de 2015, o governador Beto Richa (PSDB) publicava de maneira discreta um balanço dos 100 dias do seu segundo mandato. A Secretaria da Casa Civil tentou imprimir um tom de comemoração na lista de “realizações”, mas não havia clima para isso. Da mesma forma, os servidores denunciavam o desastre do segundo mandato do tucano. ... 

Leia mais

8 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Há 3 anos, servidores gritavam “bando de ladrão, vai sair de camburão” na ALEP

Há 3 anos, servidores gritavam “bando de ladrão, vai sair de camburão” na ALEP

Em 08 de abril de 2015, a temperatura voltava a subir no enfrentamento entre os servidores estaduais e os deputados da “bancada do camburão” na Assembleia Legislativa do Paraná. Os servidores ocuparam as galerias da ALEP para a audiência pública que discutiu o confisco da previdência pelo então governador Beto Richa (PSDB). ... 

Leia mais

7 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Há 3 anos, confisco da previdência dos servidores começava a tramitar na ALEP

Há 3 anos, confisco da previdência dos servidores começava a tramitar na ALEP

No dia sete de abril de 2015, uma terça-feira, o novo projeto de Beto Richa (PSDB) para confiscar o fundo de previdência dos servidores começava a tramitar na Assembléia Legislativa do Paraná. Seria a mais dura disputa do governo e a mais forte resistência dos servidores. Uma guerra que só foi vencida pelo tucano com o uso da força policial, resultando no massacre de 29 de abril de 2015. ... 

Leia mais

6 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Há 3 anos, Beto Richa reenviava o confisco da previdência para a Assembleia

Há 3 anos, Beto Richa reenviava o confisco da previdência para a Assembleia


O começo do segundo mandato de Beto Richa (PSDB) em 2015 foi desastroso para o governador. Embalado pela reeleição, Richa tentava aprovar na Assembleia Legislativa do Paraná um pacote de maldades com aumentos de impostos e taxas, além do confisco de R$ 8 bilhões do fundo de previdência dos servidores. ... 

Leia mais

5 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Há 3 anos, Beto Richa preparava o ‘pacotaço’ de maldades chamado de ajuste fiscal

Há 3 anos, Beto Richa preparava o ‘pacotaço’ de maldades chamado de ajuste fiscal

O dia 05 de abril de 2015 foi um domingo de Páscoa. O governador Beto Richa (PSDB) e seu secretário da Fazenda Mauro Ricardo davam os ajustes finais no “pacotaço” de maldades contra os paranaenses. O conjunto de medidas de arrocho nas contas seria apresentado em mensagem para tramitação na Assembleia Legislativa na terça-feira seguinte. ... 

Leia mais

4 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Há 3 anos, servidores protestavam contra os “deputados do camburão” nas bases

Há 3 anos, servidores protestavam contra os “deputados do camburão” nas bases


No dia 04 de abril de 2015, um sábado, véspera da Páscoa, os professores e servidores estaduais protestavam contra os deputados da “bancada do camburão” nas bases. Eles faziam pressão para que os parlamentares rejeitassem os projetos do governador Beto Richa (PSDB) contra a educação. Relembre. ... 

Leia mais

2 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Há 3 anos, Servidores rechaçavam projeto de Richa para o confisco da previdência

Há 3 anos, Servidores rechaçavam projeto de Richa para o confisco da previdência

No dia 02 de abril de 2015, os servidores públicos estaduais rechaçavam uma segunda proposta do governador Beto Richa (PSDB) para confiscar a sua previdência. Naquele momento estava sendo agendada uma audiência pública na Assembleia Legislativa sobre o tema que seria no dia 08 de abril. O segundo projeto chegaria a Alep só no dia 06 daquele mês. ... 

Leia mais

29 de março de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em ‘Faria tudo novamente’, diz Francischini sobre o massacre de 29 de abril

‘Faria tudo novamente’, diz Francischini sobre o massacre de 29 de abril

O deputado Fernando Francischini (PSL-PR) lembrou com saudades do tempo que foi secretário da Segurança Pública do Paraná. Em conjunto com Beto Richa (PSDB), Francischini é apontado por educadores como responsável pelo massacre do dia 29 de abril de 2015, em Curitiba. Naquele triste episódio, a Polícia Militar atacou de maneira covarde dezenas de milhares de professores e servidores que protestavam contra o confisco do seu fundo de previdência. Além de não se arrepender do massacre, ele diz que faria tudo novamente. ... 

Leia mais

28 de março de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Perdeu, prefake! Câmara de São Paulo congela confisco da previdência

Perdeu, prefake! Câmara de São Paulo congela confisco da previdência


A Câmara Municipal de São Paulo congelou por 120 dias o Projeto de Lei do confisco da previdência dos servidores da cidade. O prefake João Doria (PSDB) foi obrigado a ceder e vai renunciar ao cargo sem entregar a encomenda do mercado. ... 

Leia mais

23 de março de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Prefake Doria confisca previdência dos servidores

Prefake Doria confisca previdência dos servidores


Quando o assunto é maldade, o governador Beto Richa (PSDB) do Paraná continua fazendo escola. Seu companheiro tucano, pré-candidato ao governo de São Paulo, o prefake Doria, também promoveu o confisco da previdência dos servidores municipais da capital paulista. ... 

Leia mais

28 de abril de 2016
por admin
13 Comentários

Veja como será a marcha que já faz tremer o Palácio Iguaçu

marcha16

Nesta sexta-feira em que o massacre de 29 de abril completará um ano, uma grande marcha liderada pelos educadores da rede pública estadual vai sacudir Curitiba. As perspectivas de tamanho, força e repercussão desta mobilização já estão fazendo tremer o governador Beto Richa (PSDB) e sua equipe; a julgar pelos ataques desferidos pela internet e com uma carta falsa distribuída nas escolas.  Leia mais

11 de fevereiro de 2016
por admin
12 Comentários

Após confisco do fundo de aposentadoria, Beto Richa quer privatizar a previdência dos servidores

previ

O estoque de maldades do governo Beto Richa (PSDB) contra os paranaenses, em especial os servidores do estado, parece longe de chegar ao fim. Hoje (11) pela manhã, o Blog do Esmael já noticiou o “Pacote de Maldades 4” que pretende fatiar e vender as principais empresas pública do Paraná, dentre as quais a Copel e a Sanepar.

A este funesto pacote, some-se agora a proposta do governo de privatizar de vez a previdência dos servidores públicos estaduais. Isso mesmo, após confiscar mais de R$ 8 bi da poupança dos servidores, Richa quer passar o filé mignon da previdência para a iniciativa privada.

E não se trata de nenhuma especulação ou boato de corredor. É o próprio secretário da Fazenda, o interventor nacional do PSDB nas finanças paranaenses, Mauro Ricardo da Costa, que vem anunciando aos quatro ventos o projeto que institui uma previdência privada para os servidores estaduais. O projeto de lei será ser enviado à Assembleia Legislativa nos próximos dias. Leia mais

28 de dezembro de 2015
por admin
23 Comentários

Beto Richa ameaça servidores estaduais: “Faria tudo de novo”

ameacaO governador Beto Richa (PSDB), em entrevista ao Jornal Folha de Londrina, edição desta segunda-feira (28), comentou o ‘ajuste fiscal’ implantado em seu governo com aumento de impostos, sonegação da data-base e o confisco do fundo de previdência dos servidores, resultando no massacre de 29 de abril.

O tucano não manifestou arrependimento com as desastrosas medidas que resultaram em duas greves dos professores da rede pública estadual de ensino e das universidades. Muito pelo contrário, ele ameaçou os servidores dizendo que “faria tudo de novo”.

Para o governador, o massacre do Centro Cívico, no qual helicópteros jogavam bombas e policiais militares abriam fogo contra dezenas de milhares de manifestantes, foi uma “manifestação orquestrada” pela APP-Sindicato. Leia mais

18 de dezembro de 2015
por admin
29 Comentários

2015, o ano que teima não terminar para os educadores do Paraná

O ano de 2015 é aquele que os trabalhadores na educação do Paraná estão torcendo para que termine logo, mas ele teima em não chegar ao fim. O objetivo dos profissionais do magistério é carregado da simplicidade de apenas virar a página para seguir em frente, após aquela “zerada” necessária que somente umas boas férias proporcionariam.

Proporcionariam, pois, infelizmente, não vai ser assim para a maioria dos educadores do estado. Para eles, 2015 ainda vai render muita dor de cabeça. O ano não quer terminar para os educadores paranaenses.

A intransigência do governador Beto Richa (PSDB), como todos nós sabemos, levou os professores e servidores da educação a realizaram duas greves no primeiro semestre de 2015. Por causa da malvadeza do tucano e desorganização da Secretaria de Estado da Educação (SEED), o ano letivo está atrasado e haverá aulas nas escolas estaduais até o dia 19 de fevereiro de 2016.

Em função disso, o mandato dos atuais diretores também vai terminar no dia 19 de fevereiro de 2016. Os novos diretores, eleitos há duas semanas, só assumem no dia 21/02 do ano vindouro.

Mas a escolha e distribuição de aulas para 2016 ainda será feita pelos atuais diretores, o que tem grande potencial para causar confusão. Nas escolas onde houve disputa, o processo pode gerar retaliações e favorecimentos; mais ou menos como uma moeda de troca pelos apoios ou votos.

Além disso, a pressão para o fechamento de turmas é forte. Muitas escolas estão recebendo dos Núcleos Regionais de Educação autorização para abrir somente um terço das turmas iniciais de ensino fundamental ou médio em relação às deste ano. Por exemplo, se uma escola tem “três” sextos anos, a orientação é que só abra “um” no ano que vem. Os alunos restantes que procurem outra escola.

Desta maneira, Beto Richa quer tocar em frente seu plano momentaneamente frustrado de fechar turmas e escolas. Menos turmas representam menos professores, menos pedagogos, menos funcionários e menos recursos para a educação.

Toda essa pressão sobre os educadores vem “coroar” a ano em que eles sofreram calotes em progressões, atraso no pagamento dos terços de férias, tentativa de retirada dos quinquênios, confisco do fundo de aposentadoria e tiveram sonegado o direito à data-base.

Isso tudo sem falar no massacre de 29 de abril, na rede de intrigas e mentiras montada pelo governador Beto Richa para denegrir a imagem dos professores, na mudança das regras para a eleição dos diretores de escola, só para citar os ataques mais sofridos.

A resistência dos professores conseguiu manter a categoria de cabeça erguida, mas, literalmente, a custa de sofrimento e sangue Leia mais

9 de dezembro de 2015
por admin
32 Comentários

Beto Richa paga de papai Noel ao fazer cortesia com chapéu de servidores

O governador Beto Richa (PSDB) está alardeando o pagamento antecipado da gratificação natalina (13° salário) dos servidores públicos estaduais como se fosse uma grande benesse concedida. Ele não é nenhum papai Noel, como se pretende vender. Pelo contrário, como se verá logo abaixo.

O pagamento anunciado para esta quinta-feira (10) que, segundo o próprio governo vai injetar R$ 1,4 bilhão na economia do estado, não é nenhum favor, mas direito adquirido de todos os trabalhadores.

Além do mais, os recursos que agora estariam “sobrando” no Caixa Único (CU) do estado tem origem no confisco da previdência dos servidores, realizado a custa do massacre do funcionalismo no fatídico dia 29 de abril. Isto sem falar na sonegação do reajuste da data-base de 8,17%.

Resumindo, o governador tucano é tinhoso e faz cortesia com o chapéu alheio, ou seja, com o fundo de pensão dos próprios funcionários do estado.

O dinheiro da previdência, como todos sabem e já foi inclusive confirmado por nota técnica do Ministério da Previdência, fará falta em poucos ano Leia mais