20 de abril de 2018
por editor
Comentários desativados em Há 3 anos, Gleisi denunciava o confisco da previdência dos servidores por Richa

Há 3 anos, Gleisi denunciava o confisco da previdência dos servidores por Richa

No dia 20 de abril de 2015, uma segunda-feira no meio do feriadão de Tiradentes, a Senadora Gleisi Hoffmann (PT) publicava um artigo em sua coluna semanal aqui no Blog do Esmael sobre a tentativa de confisco da previdência dos servidores. O então governador Beto Richa (PSDB) atropelou o debate democrático com o regime de urgência na Assembleia Legislativa (ALEP). Restava o debate pela imprensa. ... 

Leia mais

8 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Há 3 anos, servidores gritavam “bando de ladrão, vai sair de camburão” na ALEP

Há 3 anos, servidores gritavam “bando de ladrão, vai sair de camburão” na ALEP

Em 08 de abril de 2015, a temperatura voltava a subir no enfrentamento entre os servidores estaduais e os deputados da “bancada do camburão” na Assembleia Legislativa do Paraná. Os servidores ocuparam as galerias da ALEP para a audiência pública que discutiu o confisco da previdência pelo então governador Beto Richa (PSDB). ... 

Leia mais

7 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
Comentários desativados em Há 3 anos, confisco da previdência dos servidores começava a tramitar na ALEP

Há 3 anos, confisco da previdência dos servidores começava a tramitar na ALEP

No dia sete de abril de 2015, uma terça-feira, o novo projeto de Beto Richa (PSDB) para confiscar o fundo de previdência dos servidores começava a tramitar na Assembléia Legislativa do Paraná. Seria a mais dura disputa do governo e a mais forte resistência dos servidores. Uma guerra que só foi vencida pelo tucano com o uso da força policial, resultando no massacre de 29 de abril de 2015. ... 

Leia mais

7 de maio de 2015
por Esmael Morais
46 Comentários

Após repercussão negativa, Assembleia cancela título de “Governador dos Trabalhadores” a Beto Richa

premio_richaO presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Ademar Traiano (PSDB), cancelou “por motivo de força maior” a sessão solene que aconteceria hoje (7), às 18h30, em que o governador Beto Richa (PSDB) seria agraciado com o título de “Governador dos Trabalhadores”.

A informação do cancelamento é do presidente da Fotrapar (Fundação Força Trabalhista do Paraná), Walter Cezar, que encabeçava o evento a mando do secretário de Estado da Saúde, Michelle Caputo. O criador do troféu em comemoração ao Dia Internacional do Trabalho é funcionário em cargo comissionado no governo do estado.

A premiação que seria concedida a Beto Richa, uma semana após o massacre de professores, no Centro Cívico, causou revolta entre os paranaenses.

O Blog do Esmael apurou que o governador tucano “determinou” à Assembleia que cancelasse o evento de entrega do título. A tarefa de desarticular o evento coube ao chefe da Casa Civil, Eduardo Sciarra (PSD), que deu um “esporro” no secretário da Saúde.

Segundo Sciarra, não haveria momento mais inoportuno para a premiação para Beto Richa em um momento que os professores estão acampados em frente à Assembleia. Ou seja, para uma nova ocupação seria só atravessar a Praça 29 de Abril (antiga Nossa Senhora de Salete).

Leia a íntegra do comunicado do presidente da Fotrapar, Walter Cezar, que circula no restrito grupo Whatsapp “Amigos do Beto Richa”: Leia mais

6 de maio de 2015
por Esmael Morais
127 Comentários

1 semana após massacre, Assembleia condecora Richa com título de “governador dos trabalhadores”

soleneOs professores e servidores estaduais estudam tomar o plenário da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) nesta quinta-feira, dia 7 de maio. É que a Alep realizará, a partir das 18h30, uma sessão solene em comemoração ao Dia Internacional do Trabalhador (!) convocada pelos deputados Ademar Traiano (PSDB) e Marcio Nunes (PSC).

Durante a sessão, a Fundação Força Trabalhista do Paraná (Fotropar), uma entidade ligada ao secretário da Saúde, Michele Caputo, irá promover o “Dia do Sindicalista” com homenagens aos dirigentes sindicais alinhados aos tucanos.

No convite figura o slogan mais que inoportuno: “Beto Richa: O governador dos trabalhadores!”, e é assinado pelo presidente da Fotropar, Walter Cézar, funcionário comissionado na Secretaria de Saúde.

Os manifestantes prometem vaiar cada homenageado, além dos que eles consideram “puxa-sacos” do governador tucano. Leia mais

22 de abril de 2015
por Esmael Morais
10 Comentários

Confisco da previdência pode ser o mico do ano na Assembleia do PR

A charge "bancada do camburão" é de Paixão, originalmente na Gazeta do Povo.

A charge “bancada do camburão” é de Paixão, originalmente na Gazeta do Povo.

Os deputados estaduais estão prestes a embarcar, pela segunda vez, numa espécie de “camburão” pilotado pelo governador Beto Richa (PSDB). A figura de linguagem utilizada pelo Blog do Esmael é para exemplificar ao leitor o tamanho da roubada que os parlamentares governistas estão prestes a entrar novamente, se votarem em regime de urgência o pacote de ajuste do tucano que prevê o confisco de R$ 140 milhões ao mês da poupança previdenciária de 200 mil servidores públicos. ... 

Leia mais

20 de abril de 2015
por Esmael Morais
30 Comentários

Coluna da Gleisi Hoffmann: “Previdência não pode ser confiscada por Richa em regime de urgência”

gleisi_previdencia_richaGleisi Hoffmann* ... 

Leia mais

15 de abril de 2015
por Esmael Morais
3 Comentários

Cinco mil trabalhadores contra a terceirização em Curitiba; assista


O Blog do Esmael transmitiu ao vivo, em parceria com a TV 15, direto de Curitiba, manifestação dos trabalhadores contra o projeto da terceirização (PL 4330/40) que tramita na Câmara Federal.

Movimento contra a precarização do trabalho coincide com a aprovação de requerimento, na Assembleia, para votação em regime de urgência do projeto que confisca a poupança previdenciária dos servidores públicos paranaenses.

O protesto organizado pelas centrais CUT, UGT, Força Sindical, NCST, CTB e demais entidades dos movimentos populares, entre 12h e 14h, reuniu cinco mil trabalhadores.

Transmissão encerradas às 14h11.

Abaixo, assista na íntegra ao vídeo da manifestação:

Leia mais

15 de abril de 2015
por Esmael Morais
3 Comentários

Marcha contra terceirização seguirá para a Boca Maldita, jura CUT

Desde a madrugada desta quarta-feira, dia 15, milhares de trabalhadores protestam na região Sul de Curitiba. Parte da Linha Verde, uma via com intenso tráfego na Cidade Industrial, e portas de fábricas como a Volvo foram bloqueados contra a lei de terceirização em regime de votação na Câmara Federal.

Por volta das 11 horas, os trabalhadores sob as bandeiras da CUT, UGT, Força Sindical, NCST, CTB e demais entidades dos movimentos populares, se concentram na Praça Santos Andrade (UFPR), de onde saem para uma marcha originalmente marcada para seguir rumo à Boca Maldita.

A presidenta da CUT, Regina Cruz, ao repórter César Setti, descartou mudar o trajeto em direção à Assembleia Legislativa do Paraná, no Centro Cívico, cuja sessão começa às 14h30.

O Blog do Esmael vai transmitir ao vivo, a partir das 12h, toda a manifestação em parceria com a TV 15.

Além de trabalhadores do setor privado, o movimento de hoje contra a terceirização também envolve muitos servidores públicos que estão sendo ameaçados pelo confisco da poupança previdenciária. Ontem (14), os deputados aprovaram requerimento para tramitar em regime de urgência projeto do governador Beto Richa (PSDB).

“Não discutimos nada sobre mudar o trajeto, mas vamos ver isso quando chegarmos à Praça Santos Andrade”, admitiu Nelson de Souza, o Nelsão, presidente da Força. Ele conversou com o Blog do Esmael durante manifestação em frente à montadora sueca Volvo.

Pelo sim pelo não é bom os deputados estaduais colocarem as barbas de molho, pois o funcionalismo público está “P” da vida com esse confisco da previdência.

Leia mais

15 de abril de 2015
por Esmael Morais
15 Comentários

“Vou lutar em Brasília para barrar o confisco da previdência dos servidores do Paraná”, avisa Gleisi

gleisi_previdenciaA senadora Gleisi Hoffmann (PT) afirmou ao Blog do Esmael nesta quarta-feira (15) que vai lutar, em Brasília, para que o governo Beto Richa (PSDB) não confisque a poupança previdenciária, de R$ 8 bilhões, que pertence aos servidores públicos do Paraná. ... 

Leia mais

15 de abril de 2015
por Esmael Morais
32 Comentários

Veja como votou cada deputado no regime de urgência para o confisco da previdência dos servidores do PR

camburao_previdenciaO plenário da Assembleia Legislativa do Paraná aprovou no final da tarde de ontem (14), por 31 votos a 15, requerimento do deputado Luiz Cláudio Romanelli (PMDB), líder do governador Beto Richa (PSDB), que coloca em regime de urgência a tramitação do projeto que confisca a poupança previdenciária dos servidores do estados. ... 

Leia mais

14 de abril de 2015
por Esmael Morais
53 Comentários

Por 31 votos a 15, Assembleia aprova regime de urgência para confisco da Previdência; assista ao vídeo

Rasca e Requião Filho protestaram contra o regime de urgência para votar a Previdência; "Somente uma grande mobilização da sociedade para barrar o confisco da poupança dos servidores", diz o peemedebista.

Rasca e Requião Filho protestaram contra o regime de urgência para votar a Previdência; “Somente uma grande mobilização da sociedade para barrar o confisco da poupança dos servidores”, diz o peemedebista.

O governo Beto Richa (PSDB) tem pressa para abocanhar a poupança previdenciária dos servidores públicos do Paraná. Na tarde desta terça-feira (14), por 31 votos a 15, a Assembleia Legislativa aprovou tramitação em regime de urgência do projeto que confisca o dinheiro da previdência. ... 

Leia mais

14 de abril de 2015
por Esmael Morais
25 Comentários

Beto Richa empurra professores e servidores para mais uma greve

greveEm meio à crise política que se instalou no governo federal no início deste segundo mandato de Dilma Rousseff (PT), a presidenta e sua equipe calçou as “sandálias da humildade” e vem repetindo o mantra do “diálogo” na tentativa de trazer de volta a disputa para a cancha da política e do debate de ideias.

Goste ou não de Dilma e do PT, é preciso reconhecer que a tática funcionou. As manifestações de domingo murcharam, e a presidenta vai desarmando uma a uma todas as minas plantadas em seu caminho.

Essa poderia ser uma lição útil para o governador Beto Richa (PSDB), sua equipe e sua base aliada na Assembleia Legislativa, mas eles parecem mesmo querer mesmo o confronto.

Em meio a uma crise financeira criada pelo próprio governador em seu primeiro mandato, sob denúncias de corrupção que atingem parentes próximos, Richa empurra os servidores, em particular os professores da rede pública de ensino e das universidades para uma nova greve.

Após uma sequência de calotes aplicada nos proventos dos servidores, da tentava retirar direitos como os quinquênios, e da tentativa de meter a mão nos R$ 8 bilhões do fundo da previdência dos servidores, o governo enfrentou um longa greve do funcionalismo que barrou os principais ataques aos seus direitos.

A greve acabou, mas a atitude do governo não mudou. A situação nas escolas e universidades públicas continua precária. Faltam professores, funcionários e recursos para as atividades do cotidiano. Como se não bastasse, o governo insiste em confiscar a previdência dos servidores para fazer caixa. Leia mais