13 de Maio de 2016
por esmael
46 Comentários

PM-PR prepara greve contra Richa

richa_massacre3Os 23 mil policiais e bombeiros militares do Paraná deverão deflagrar greve geral nos próximos meses, informaram esta sexta-feira (13) fontes do Blog do Esmael no Palácio Iguaçu. O alvo são os constantes calotes do governador Beto Richa (PSDB) nas praças e oficiais da corporação.

O Blog do Esmael teve acesso a ríspidas mensagens do secretário da Segurança, Wagner Mesquita, postadas num grupo de WhatsApp. “Enquanto isso, mais uma vez recebi um ataque gratuito da ASSOFEPAR questionando cargos e salários na SESP….”, reclamou o secretário em relação à associação de oficiais militares.

A avaliação nos quartéis da PM é que essa briga com o secretário pode antecipar a greve, pois os policiais e bombeiros dizem que o governo deu calote neles de R$ 60 milhões. São valores relativos a promoções, tempo de serviço, aulas ministradas e transferências desde 2011.

3 de Maio de 2016
por admin
9 Comentários

Estudantes ocupam Assembleia Legislativa de São Paulo; Alckmin envia Tropa de Choque

alesp

Estudantes da rede pública de ensino de São Paulo ocuparam na tarde de hoje (03) o plenário da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp). Eles pedem a criação de uma CPI para investigar a “máfia da merenda” que desviou recursos públicos da alimentação dos estudantes.

Há informações de que o governador Geraldo Alckmin (PSDB) tenha acionado a Tropa de Choque da Polícia Militar. Existe risco de confronto nos próximos instantes.

11 de Abril de 2016
por admin
8 Comentários

Coluna da Gleisi Hoffmann: Funeral de um lavrador sem terra

Gleisi Hoffmann*

Neste final de semana foi a música de Chico que ficou comigo enquanto estive na manifestação dos sem-terra em Quedas do Iguaçu, no interior do Paraná.

“Não é cova grande, é cova medida, é a terra que querias ver dividida… É a conta menor que tiraste em vida… É a parte que te cabe deste latifúndio…”

Duas vidas, duas histórias, dois homens enterrados com seus sonhos e centenas de famílias assustadas, convivendo com a dor, também com o preconceito e intolerância.

Muitos comentários na imprensa do Paraná, nas redes sociais, no meu facebook sobre os sem-terra, qualificando-os de vagabundos, violentos, bandidos.

Olhava para aquelas pessoas sofridas, pobres, homens e mulheres de vida muito simples e difícil, que sonham e querem viver com dignidade com suas famílias, e pensava: onde está a violência, a não ser da pobreza?! Onde estão os vagabundos, com mãos lisas, peles macias, sem marcas de sol?! Bandidos com foices e enxadas, que cortam lenha e lavram a terra? Só quem nunca pisou em um acampamento pode achar que essas famílias são agressoras da ordem. Mais de um ano vivendo em barracos de costaneiras, enfrentando o frio, chuva, o calor dia e noite; fazendo lavoura sem condições adequadas para tirar seu sustento.

A terra ocupada era usada pela empresa de reflorestamento Araupel. Quando a área estava na iminência de ser ocupada a empresa me procurou. Acompanhei-os ao MDA e INCRA. Penso que se a te

7 de Março de 2016
por admin
22 Comentários

Em giro pelo interior, Beto Richa colhe vaias e protestos; assista ao vídeo

O governador Beto Richa (PSDB) visitou algumas cidades do interior do Paraná na quinta (3) e sexta-feira (4) da semana passada. Embora esteja com o governo mergulhado na lama da corrupção, o tucano defendeu “punição exemplar” aos denunciados na operação Lava Jato ao comentar o sequestro do ex-presidente Lula.

Sempre tentando reaver um pouco da popularidade perdida com as ações desastrosas de seu governo, Richa atrai protestos por onde passa. Mesmo cercado por forte aparato policial, que impede a aproximação de qualquer pessoa não alinhada a ele, os constrangimentos são inevitáveis.

Foi assim nos municípios de União da Vitória e Telêmaco Borba, na quinta-feira (3).

Nas duas cidades os compromissos foram para a “inauguração” de Batalhões da Polícia Militar que ainda nem existem. Segundo a população de Telêmaco, o futuro batalhão da cidade vai servir mesmo é para defender o patrimônio da empresa Klabin.

Na sexta-feira (4) os compromissos do governador foram em Maringá e Umuarama. Em ambas as cidades, Richa participou de inaugurações de equipamentos hospitalares. Em Umuarama, mesmo afastadas por uma cerca montada pela PM, os manifestantes fizeram bastante barulho, atrapalhando o discurso de Richa. Confira a seguir.

Al

20 de outubro de 2015
por admin
7 Comentários

Gleisi se solidariza com jovens que levaram “geral” na chegada à Conferência da Juventude do Paraná

geral

O Conselho Municipal de Juventude de Curitiba distribuiu nesta terça-feira (20) Nota de Repúdio ao Governo do Estado (leia abaixo) contra a ação policial que recepcionou a delegação de Curitiba na 3ª Conferência Estadual de Juventude do Paraná.

A conferência ocorreu no fim de semana em Faxinal do Céu, município de Pinhão, e a referida ação da polícia ocorreu na madrugada do dia 17 (sábado). Segundo os participantes, os policiais fortemente armados e com cães obrigaram toda a delegação de Curitiba a desembarcar do ônibus para ser revistada.

A senadora Gleisi Hoffmann (PT) manifestou solidariedade aos jovens reprimidos pela polícia. Ela criticou o governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), por promover uma repressão à juventude que não se verificava desde o regime militar.

“Deixo aqui meu protesto ao governo do estado do Paraná, porque, infelizmente, está levando a imagem do nosso estado para o Brasil e para o mundo como um estado arrogante e antidemocrático” completou a senadora.

Os representantes do governo alegam que se tratava de uma “operação padrão”, mas somente a delegação de Curitiba sofreu esse constrangimento.

Leia a seguir a Nota do Conselho Municipal de Juventude de Curitiba:

31 de agosto de 2015
por esmael
7 Comentários

Richa ‘paga com traição’ apoio de trabalhadores de cooperativas agrícolas; assista ao vídeo

cvale

O governador Beto Richa (PSDB) já demonstrou de várias maneiras, por ações ou omissões, que sua administração não está voltada a atender a maioria da população. Essa opção ficou clara mais uma vez na semana passada quando a Polícia Militar promoveu uma ação na entrada da Cooperativa Cvale, no município de Palotina. Leia mais

27 de agosto de 2015
por esmael
12 Comentários

Além de professores, pode faltar policiais militares no Paraná

profe_pm_richaNo último domingo (23), o Blog do Esmael mostrou que pode faltar professores nas escolas da rede pública estadual em virtude da desvalorização da profissão pelo governo Beto Richa (PSDB). Os motivos para essa desilusão com o magistério foram agravados pelo massacre no dia 29 de abril, dia em que o “Carniceiro do Centro Cívico” confiscou a poupança previdenciária dos servidores públicos pela violência das armas. Leia mais

24 de agosto de 2015
por esmael
11 Comentários

Assembleia Legislativa debaterá o uso de animais pela PM em manifestações

rascaPor iniciativa do deputado estadual Rasca Rodrigues (PV), a Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) vai realizar nesta terça-feira (25) uma audiência pública sobre o uso de animais  — cães, cavalos e gansos, por exemplo — como aparato de segurança em manifestações públicas.

O assunto é um desdobramento do massacre no último 29 de abril, no Centro Cívico, em Curitiba, quando o governo do estado usou a Polícia Militar para atacar os manifestantes que protestavam em frente à Alep. Na época, cerca de 250 professores e servidores ficaram feridos, um jornalista além do próprio deputado Rasca foram atacados por cães da PM.

No evento será discutido o projeto de Lei 333/2015, de autoria dos deputados Rasca Rodrigues e Márcio Pacheco (PPL), que pretende proibir no Paraná a utilização de animais em manifestações de rua.

19 de agosto de 2015
por esmael
18 Comentários

Beto Richa prende e agora ‘esfola o palhaço’ por meio de cibercomissionados

O governo Beto Richa (PSDB) é mais ou menos o que se pode chamar de tragédia grega no sentido teatral da cultura helênica clássica. Pois bem, a última piada (sem graça) desse governo tem relação justamente com a arte cênica.

Na última sexta-feira, dia 14, durante uma apresentação no Festival de Teatro de Cascavel no Calçadão da cidade, o ator que representa o palhaço Tico Bonito foi preso pelo Pelotão de Choque da Polícia Militar porque fez uma crítica aos policiais e ao governador. Até aí temos um caso de abuso de autoridade e cerceamento da liberdade de expressão. Mas o caso piora.

Nos dias seguintes, Tico Bonito passou a ser alvo de ataques dos cibertucanos da Tenda Digital nas redes sociais que espalharam a falsa notícia de que o palhaço estaria sendo pago para falar mal do governador Beto Richa, pois receberia uma verba de R$ 333,5 mil reais da Lei Rouanet.

O ator Leonides Quadra, que interpreta o palhaço Tico Bonito, tem um projeto aprovado pela Lei, mas ainda não fez captação. Qualquer pessoa minimamente esclarecida sabe que a Lei Rouanet proporciona isenção para empresários investirem em cultura, e que a aprovação é por critérios técnicos.

Mas os ataques covardes se disseminaram e “Tico Bonito”, depois de ser preso no meio de um espetáculo, teve que começar a se explicar a respeito de uma verba que nem recebeu e que tem procedência mais que justificada.

E a piada, cada vez com menos graça, não acabou. Depois da prisão arbitrária e dos ataques tramados nos porões do Palácio Iguaçu, Beto Richa quis posar de bom moço e condenou publicamente a prisão de Leonides. Sim, o mesmo governador que ordenou o ataque aos professores e servidores em 29 de abril no massacre do Centro Cívico, agora quer construir uma imagem de defensor da livre opinião. Richa determinou abertura de inquérito para apurar possível abuso de autoridade da PM.

O último capítulo dessa tragicomédia veio para lavar a alma de quem está vivendo e sentindo a tragédia da gestão de Beto Richa na pele. Leonidas respondeu ao governador Beto Richa de maneira altiva e certeira: “Eu

27 de julho de 2015
por esmael
32 Comentários

“Tudo por dinheiro”: Beto Richa fará blitz para caçar devedores do IPVA

ipvaApesar do aumento mais que abusivo de 40% no Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), a inadimplência não subiu; ou melhor, até diminuiu, ficando em 20,72% de janeiro a julho, contra 24,79% no mesmo período do ano passado. Sinal de que, apesar do tarifaço de Beto Richa (PSDB), os paranaenses não querem se complicar. Leia mais

8 de Maio de 2015
por esmael
23 Comentários

Com demissão de comandante, Richa culpa policiais militares pelo massacre dos professores no Paraná

richa_massacre_pm_francischiniGarganta Profunda de Londrina é o codinome de uma fonte do Blog do Esmael dentro do Palácio Iguaçu. O dito cujo tem informações privilegiadas porque frequenta a antessala do governador Beto Richa (PSDB). Acompanha diuturnamente os passos do tucano.

Nesses tempos de pitbull, o informante relata abaixo — com exclusividade — as tensões vividas dentro do Palácio Iguaçu em decorrência do massacre dos professores no último dia 29 de abril. A repercussão internacional da violência policial está dificultando o estancamento da crise.

O Palácio Iguaçu confirmou ontem (7) a informação dada pelo Blog do Esmael na segunda-feira, dia 4, de que o coronel César Kogut havia sido defenestrado do comando-geral da PM. A saída dele equivale ao governador Beto Richa culpar os policiais pelo massacre do Centro Cívico, avalia Garganta Profunda de Londrina.

O informante ainda conta que preocupa os palacianos o “júri simulado” que ocorrerá hoje (8), na UFPR, do governador e do secretário. O Blog do Esmael vai transmitir ao vivo o julgamento a partir das 18h30.

A seguir, leia a íntegra do relatório do Garganta Profunda de Londrina:

27 de Abril de 2015
por esmael
11 Comentários

Coluna da Gleisi Hoffmann: “A mania de perseguição, as mentiras e agora a repressão”

gleisi4*Gleisi Hoffmann

Colocar-se como perseguido, vítima da ação de outro, de preferência de seu antecessor ou do governo federal, dissimulando, mentindo sobre fatos e situações, são características já conhecidas do governador Beto Richa. A elas se somam agora o autoritarismo e uso da força para impor sua vontade, ainda que isso signifique jogar no lixo a palavra que deu e colocar o Estado sob regime de exceção.

A equipe do governador e sua base de apoio na Assembleia tem divulgado que o governo federal deve ao Estado do Paraná, tanto pelo Ministério da Fazenda como pelo Ministério da Saúde, e que isso é um dos motivos que está levando o governo a mexer com o Fundo de Previdência dos Servidores.

Essas afirmações são parecidas àquelas que Beto Richa faz quando diz que Luiz Abi é parente distante com o qual mantém apenas relações sociais. No momento seguinte surgem novos fatos a desnudar a mentira e a dissimulação.

24 de Abril de 2015
por esmael
34 Comentários

Por falta de pagamento do governo Richa, professores e PMs voltam a ficar sem atendimento médico no SAS

sasMais uma vez os professores e policiais militares, servidores do governo estadual, estão sofrendo com dificuldades no atendimento médico no Serviço de Assistência ao Servidor (SAS), o que por sinal tem sido um problema constante desde o primeiro mandato do governador Beto Richa (PSDB).

Uma professora de Pato Branco informou ao Blog do Esmael que não conseguiu atendimento para sua filha no Hospital São Lucas e o motivo seria a falta de pagamento do governo do estado pelo convênio. Segundo a informação da professora, só seriam atendidos pacientes do SAS que estivessem “correndo riscos vitais”.

Após desistir do atendimento, a professora foi procurada por um médico do hospital que informou ter havido um problema de comunicação, que a paciente seria atendida se fosse a seu plantão, mas confirmou o atraso no pagamento de mais de dois meses por parte do governo.

Já os policiais militares, além das dificuldades no atendimento, agora estão proibidos de ficar doentes sob pena de perderem as folgas e passarem por mentirosos.

8 de Abril de 2015
por esmael
19 Comentários

Oficial da PM afirma Luiz Abi “ajudava” Polícia Militar a obter recursos

samirAs investigações do Gaeco vão avançando e a cada dia surgem mais “surpresas” da rede de corrupção montada no governo Beto Richa (PSDB) e operada pelo seu primo, Luiz Abi Antoun, que chegou a ser preso no mês passado.

Em depoimento ao Ministério Público, o tenente-coronel da Polícia Militar, Samir Elias Geha, afirmou que o influência de Luiz Abi na PM ia além da suposta fraude na licitação de serviços de manutenção das viaturas.

Segundo Geha, Luiz Abi era um verdadeiro provedor de recursos, considerado um “benfeitor” para a PM, só que às margens da legalidade. O tenente-coronel afirmou que procurava Luiz Abi quando faltava dinheiro no quartel.

No último dia 26 de março, o Blog do Esmael anotou que o Gaeco havia complicado a vida de Richa porque seu primo, preso por corrupção, mandava nas polícias do Paraná (clique aqui). O registro fora fundamentado nas investigações dos promotores de Londrina.

O Ministério Público aponta que Luiz Abi é o verdadeiro proprietário da oficina Providence, que venceu a licitação de manutenção de viaturas, considerada fraudulenta pelos promotores. O proprietário legal da oficina, Ismar Ieger, seria um “laranja” de Abi, e teria sido apresentado ao primo do governador pelo tenente-coronel Geha.

Samir Elias Geha, está na Polícia Militar há 29 anos e foi ouvido na condição de testemunha, pois até agora não responde por nenhuma irregularidade.

A crise econômica em que o Beto Richa enfiou o governo do Paraná faz com que instituições como a Policia Militar se fragilizem, e fiquem à mercê de oportunistas como o primo de Richa, Luiz Abi Antoun. A falta de combustível, viaturas sucateadas, falta de alimentação adequada, calotes nos pagamentos de benefícios baixam o moral da tropa, e abrem as portas para soluções “não convencionais” para os problemas do cotidiano.

Abi montou uma estrutura de poder paralela ao governo, se aproveitando da crise e dos problemas na administração para sugar e desviar recursos do próprio estado.

Portanto, está cada dia mais difícil sustentar que o governador não sabia dos esquemas operados por Abi, pois até as capivaras do Parque Barigui já tinha conhecimento da “operação subterrânea” de seu parente no governo do estado.

Por outro lado, a maioria na Assembleia Legislativa ainda confere uma certa blindagem ao governador. Mas, afinal de contas, até quando?

Confira vídeo com reportagem da RPCTV sobre o caso:

2 de Abril de 2015
por esmael
29 Comentários

Família Richa tem ligações perigosas com “chefe de quadrilha” preso no Paraná, diz Jornal de Londrina

do Brasil 247
abi_primo_richaEmbora esteja tentando se distanciar do primo Luiz Abi Antoun, desde que ele foi preso na Operação Voldemort, o governador paranaense, Beto Richa, teve mais um vínculo com a família Antoun exposto pela imprensa paranaense.

A nova revelação, do Jornal de Londrina, é a sociedade entre Fernanda Richa, primeira-dama paranaense, e a esposa de Luiz Abi, Eloiza Antoun, numa faculdade privada, criada em 1999.

Numa delação premiada recente, o fotógrafo Marcelo Caramori, que atuava no Palácio Iguaçu, acusou Antoun de ser o caixa informal de Beto Richa na arrecadação de recursos ilícitos para suas campanhas (saiba mais aqui).

Ontem, o senador e ex-governador Roberto Requião (PMDB-PR) usou o Twitter para antecipar uma possível denúncia bombástica: a existência de contas secretas de Richa em Dubai e na Suíça (leia mais aqui).

A proximidade com a família Antoun, revelada na sociedade entre a primeira-dama e a esposa do corrupto preso pelo Gaeco (que foi às ruas protestar contra a corrupção no dia 15 de março), é mais um complicador para Richa.

Leia, abaixo, o furo de reportagem do Jornal de Londrina:

1 de Abril de 2015
por esmael
13 Comentários

Palácio Iguaçu dispara contra Gaeco em dia de novas prisões

tchello_gaeco_palacioNesta quarta-feira (1º), o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), braço policial do Ministério Público do Paraná, prendeu mais dois auditores da Delegacia Receita Estadual de Londrina. Coincidência ou não, surgiram hoje disparos contra os promotores londrinenses Jorge da Costa e Claudio Esteves. Especialistas veem as digitais do Palácio Iguaçu nessa ação. Leia mais

1 de Abril de 2015
por esmael
28 Comentários

Coluna do Reinaldo Almeida César: “Maior feito na segurança de Richa foi a apreensão de mil borboletas”

Reinaldo Almeida César*

Agentes penitenciários no Paraná fizeram protestos, com pauta legítima que merece nosso integral apoio.

Querem apenas condição digna e segura de trabalho. Não suportam mais conviver com tantas ameaças de rebelião, chorando a morte de colegas assassinados brutalmente, dentro e fora de presídios.

Agentes penitenciários são imprescindíveis na administração da justiça criminal. A classe deveria ser fortalecida, prestigiada, bem remunerada pelo governo. Novos concursos, com oportunidades de capacitação na carreira, ao lado de investimentos e novas vagas no sistema penitenciário deveriam ser realizados. Fortalecer a Secretaria de Justiça seria imperativo.

Assim foi prometido pelo então candidato Beto Richa por duas vezes, no “Metas de Governo 2011-2014” e, quatro anos depois, em “Plano de Metas 2015-2018”.

Numa época em que a palavra da classe política anda tão combalida, o governador Beto Richa ameaça estender esta falta de crédito também para documentos lavrados em cartório, algo tão sagrado no nosso traço cultural, pela herança dos meirinhos de Portugal.

Pergunto, em jogo rápido: quantos novos presídios você viu o governador Beto Richa construindo e inaugurando?

A equação é dramática. Crescem os crimes violentos, a polícia se desdobra de maneira heróica, o Ministério Público e o Judiciário fazem sua parte. Resultado, novas massas de encarcerados, que se somam a milhares de tantos outros já privados de liberdade.

Isso sem contar que o Paraná tem 25 mil mandados de prisão em aberto, segundo dados recentes do CNJ. Entre eles, os de Marcio Lima, da Receita Estadual e o de Ernani Delicato, do DETO, celebridades nos malfeitos da organização criminosa do norte do Estado.

O sistema carcerário deve ser assunto de primeira grandeza. Somente o Estado tem o monopólio do julgamento e da privação da liberdade. É assim e tem sido desde o pacto social desenhado por Rousseau.

A grande maioria dos estados brasileiros adota o formato clássico da Secretaria de Justiça na condução do sistema penitenciário. Alguns já avançaram e criaram até mesmo uma pasta autônoma, uma Secretaria de Administração Penitenciária, pela importância que o setor encerra.

Aqui, tudo diferente. No apagar das luzes do ano passado, o governo surpreendeu, decidindo andar décadas em marcha ré, em alta velocidade. A novidade que apresentou foi colocar a administração penitenciária na já complexa Secretaria de Segurança Pública, tão sacrificada pelo estrangulamento do FUNESP e de seu orçamento.

Assim, enquanto assistimos os crimes violentos dispararem em Curitiba e no Paraná, caixas eletrônicos explodirem pelos ares, vigilantes bancários e taxistas serem covardemente assassinados e o comércio de Curitiba registrar um assalto a cada duas horas, os policiais do Paraná agora são obrigados a deixar suas atribuições legais de lado para se ocuparem do reforço do sistema penitenciário, em flagrante desvio de função, empregando tempo e energia em escolta e vigilância de presos, que nada tem a ver com a função policial.

Logo, menor presença de polícia nas ruas fazendo policiamento preventivo e menos polícia judiciária investigando.

Visitar as custódias desumanas nos distritos policiais do Paraná, significa se deparar com a visão dos círculos e fossos descritos no primeiro livro de Dante.

Nesta surpreendente mudança de rota, o governo acenou aos agentes penitenciários com uma falsa sensação de que

31 de Março de 2015
por esmael
25 Comentários

Quadrilha fraudava licitação de dentro do palácio do governo Richa; assista

richa_palacio_abiSe fosse aquele quadro ‘Gol do Fantástico’, o governador Beto Richa (PSDB) teria hoje direito de pedir música devido à aparição, pela terceira vez consecutiva, em menos de uma semana, em reportagem negativa para o Paraná. Leia mais

31 de Março de 2015
por esmael
31 Comentários

Mais uma vez, Beto Richa faz vergonha em rede nacional de TV; assista

Na última sexta-feira (27), os esquemas de corrupção no governo Beto Richa foram ao Jornal Nacional pela primeira vez; ontem, menos de uma semana depois, o tucano voltou a envergonhar o Paraná em rede nacional; abaixo, assista ao vídeo com a reportagem global.

Na última sexta-feira (27), os esquemas de corrupção no governo Beto Richa foram ao Jornal Nacional pela primeira vez; ontem, menos de uma semana depois, o tucano voltou a envergonhar o Paraná em rede nacional; abaixo, assista ao vídeo com a reportagem global.

Nem a TV Globo respeita mais o governo Beto Richa (PSDB). O tucano, mais uma vez, envergonha o Paraná em rede nacional. A corrupção que assola o estado voltou a ser tema até mesmo no Jornal Nacional, tradicionalmente avesso a críticas aos políticos do PSDB. Antes tarde do que nunca, diz um ditado popular. Leia mais

31 de Março de 2015
por esmael
29 Comentários

Promotores do Gaeco investigam “Teles” na conexão Richa-Foz

O policial civil Ademilton Joaquim Telles está no radar das investigações do Gaeco; ele atendia pessoalmente o governador Beto Richa e seu primo, Luiz Abi Antoun, nas incontáveis vezes que estavam em Foz.

O policial civil Ademilton Joaquim Telles está no radar das investigações do Gaeco; ele atendia pessoalmente o governador Beto Richa e seu primo, Luiz Abi Antoun, nas incontáveis vezes que estavam em Foz.

Nos depoimentos do fotógrafo Marcelo Tchello Caramori, o ex-assessor do governador Beto Richa (PSDB), também conhecido como “Taradão do Palácio Iguaçu”, surgiram personagens novos nas investigações dos promotores do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), braço policial do Ministério Público do Paraná. Um deles é o policial civil Ademilton Joaquim Telles, conhecido como Teles, que trabalha em Foz do Iguaçu, na fronteira com Paraguai e Argentina. Leia mais