22 de abril de 2018
por esmael
Comentários desativados em Elio Gaspari vê o “novo” em Joaquim Barbosa. Será que ele é?

Elio Gaspari vê o “novo” em Joaquim Barbosa. Será que ele é?

O colunista Elio Gaspari, da Folha, gastou os principais bytes deste domingo (22) para elogiar o ex-ministro do STF Joaquim Barbosa, presidenciável do PSB, como o “novo” nas eleições deste ano. Mas será mesmo que o “socialista” encarna a “novidade” do ponto de vista da ruptura com tudo que aí está? O Blog do Esmael afirma que Gaspari está equivocado. Leia mais

11 de janeiro de 2018
por esmael
49 Comentários

Delegado Francischini assume o comando da Batalha de Maringá; assista

O deputado Delegado Francischini (SD), ex-secretário da Segurança Pública do Paraná, assumiu o comando geral da Batalha de Maringá, anunciada para este sábado (13), durante o lançamento nacional do Comitê Em Defesa da Democracia e por Eleições Livres, que acontecerá às 9h na Câmara Municipal de Maringá. Leia mais

29 de dezembro de 2015
por esmael
16 Comentários

Garganta Profunda de Londrina: Francischini, o Batman, vai amarelar?

por Garganta Profunda de Londrina

As declarações do deputado Fernando Francischini, o Batman, ameaçando contar a verdade sobre as ordens que recebeu no Massacre de 29 de abril causaram azia e má digestão da ceia de Natal na família Richa.

Ao tomar conhecimento das ameaças feitas e também das duras críticas feitas por Francischini ao todo-poderoso Mauro Ricardo, o governador teria sentenciado que “são de dar ânsia em porco”.

O Palácio então telefonou para um empreiteiro amigo que faz a ponte com Francischini para dizer que, desse jeito, o atual secretario Wagner Mesquita, indicado para a função por Francischini entra na marca do pênalti.

Para substituir Mesquita, o governador mandou levantar do banco e ir para o aquecimento o chefe da Casa Militar, Adilson Casitas, ligadissimo ao megaempresario da educação privada Wilson Matos, dono do complexo CESUMAR, de Maringá.

Com essa jogada, Beto Richa “trava” a SESP, mantendo-a sob seu comando, pois imagina que Cida Borghetti não terá coragem de demitir Casitas, em 2018.

Se o coronel da reserva Casitas não topar a SESP, o Palácio já tem um plano B, o atual diretor-geral da secretaria, o delegado Francisco Batista Costa.

Richa também gosta desta solução, pois tem amizade com o irmão do delegado Costa, o médico homeopata Luis Antônio Batista Costa.

Porém, alguns próximos do governador tentam contemporizar a situação, achando que Francischini, o Batman, vai “amarelar” em fevereiro e não vai dizer nada que comprometa o carniceiro do Centro Cívico no processo judicial do Massacre de 29 de abril.

Será que o Batman vai afinar, trocando a capa negra-morcego por uma amarelinha-ovo?

26 de dezembro de 2015
por esmael
49 Comentários

Francischini promete revelar em fevereiro Richa como “pai” do massacre de professores

batman_massacre_richaO deputado federal Fernando Francischini (SD), ex-secretário da Segurança Pública do Paraná, em entrevista ao Blog do Esmael, afirmou que no início de fevereiro vai revelar para o Brasil e o mundo o nome do governador Beto Richa (PSDB) como verdadeiro “pai” do massacre de professores ocorrido em 29 de abril deste ano.

O ex-secretário Francischini, conhecido como Batman, foi ao horário eleitoral gratuito na noite desta sexta-feira (25) desejar aos eleitores “feliz Natal e próspero 2016”. O parlamentar é pré-candidato à Prefeitura de Curitiba.

O deputado Francischini não “escolheu” fevereiro aleatoriamente para “revelar” o mandante do massacre. Pelo contrário. Ele foi notificado para prestar depoimento à Justiça na volta do recesso parlamentar, no começo do mês de Momo.

10 de novembro de 2015
por esmael
24 Comentários

Quiproquó na CCJ da Alep, que cassa título cidadão honrário de José Dirceu

fellipe_dirceu_periclesO k-suco ferveu no início da tarde desta terça-feira (10) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep).

A indigitada comissão cassou o título de cidadão honorário concedido ao ex-ministro José Dirceu, quando ainda todos lhe puxavam o saco por volta de 2003.

A autoria do projeto é do deputado Francischini Kid (SD), filho do deputado federal e ex-secretário Fernando Francischini (SD).

7 de novembro de 2015
por esmael
20 Comentários

Depois de pedir apoio ao Japão, Batman protocola novo pedido de impeachment de Dilma

O deputado federal Fernando Francischini (SD-PR), conhecido no Paraná como Batman, depois de pedir apoio do príncipe japonês Akishino, anunciou o protocolo de novo pedido de impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT).

Segundo o deputado-morcego, ele “cansou” dos próprios parlamentares coxinhas e por isso fez o novo pedido para chamar de seu.

“Cansei. Protocolei meu próprio pedido de ‪impeachment‬ da Dilma! Vou fazer um levante por uma forma independente de oposição e espero ter vocês ao meu lado”, justificou Batman.

Batman ou Francischini, não se sabe qual nome utilizará, vai disputar a Prefeitura de Curitiba em 2016. Além do PT, ele tem como alvo preferencial o prefeito Gustavo Fruet (PDT).

5 de novembro de 2015
por esmael
34 Comentários

Agora vai. Francischini, o Batman, se une a Cunha, o Coringa, pelo impeachment de Dilma

batman_coringaO deputado Fernando Francischini (SD-PR), conhecido como Batman, uniu forças com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), conhecido como Coringa, para tentar o impeachment da presidenta da República Dilma Rousseff (PT).

Percebendo que há mais voto para a cassação de Coringa, isto é, do presidente da Câmara do que Dilma, Francischini, o Batman, recorreu nesta quinta-feira (5) ao príncipe do Japão Akishino.

28 de setembro de 2015
por esmael
18 Comentários

CCJ da Assembleia ameaça ‘pacote de maldades 3’ de Beto Richa

francischiniKid_richaOs deputados estaduais governistas que compõem a Comissão de Constituição de Justiça (CCJ), da Assembleia Legislativa, ensaiam rebelião contra o ‘pacote de maldades 3’ do governador Beto Richa (PSDB).

Daqui a pouco, às 13h30, a CCJ se reúne para analisar 44 emendas ao projeto de lei 662/15 — número dado ao pacotaço — que impõe mais impostos e cria o Caixa Único (CU) do governo do estado.

A partir das 14h30, em parceria com a TV 15, o Blog do Esmael transmite a sessão ao vivo para o Brasil e o mundo. O k-suco tende a ferver esta tarde na Assembleia.

Na semana passada, os presidentes da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), Edson Campagnolo, e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-PR), Juliano Breda, elevam o tom das críticas à sanha arrecadatória de Beto Richa.

O presidente da Fiep, por exemplo, chegou a defender que os deputados tenham os salários reduzidos em virtude do desserviço que eles vêm prestando à economia e à sociedade paranaenses.

Na CCJ, ao menos um deputado — Francischini Kid (SD) — anunciou que votará contra o pacotaço. Ele se somará aos oposicionistas na rejeição do aumento de impostos porque, segundo ele, a lei vinda do Palácio Iguaçu é “inconstitucional”.

11 de setembro de 2015
por esmael
28 Comentários

É mais fácil sair o impeachment de Richa que o de Dilma

beto_dilma_panelacoO país inteiro assiste estarrecido há meses uma insana marcha golpista que tenta remover a presidenta Dilma Rousseff e o PT do poder central. Eles foram democraticamente eleitos por 54 milhões de eleitores em 2014, mas, ao que parece, isso não importa muito para a velha mídia e o PSDB. Leia mais

8 de setembro de 2015
por esmael
23 Comentários

Acusado de quadrilheiro e defensor do golpe, Paulinho da Força vira réu no STF. Cadê Francischini, o Batman?

do Brasil 247
O deputado federal Paulo Pereira da Silva (SP), fundador e presidente do partido Solidariedade, se tornou réu por ação penal aberta nesta terça-feira 8 pelo Supremo Tribunal Federal (STF). O parlamentar responderá por formação de quadrilha, lavagem de dinheiro e crime contra o sistema financeiro nacional.

Paulinho da Força, como é conhecido por sua ligação com a Força Sindical, foi denunciado por envolvimento na Operação Santa Tereza, da Polícia Federal, que investigou desvios de recursos do BNDES. O Supremo decidiu aceitar a denúncia contra o parlamentar, apresentada pelo Ministério Público Federal, que acredita que ele se beneficiou do esquema.

O deputado já é julgado pelo Supremo por falsificação de documento particular, falsidade ideológica e estelionato, em um caso que pode resultar, caso haja condenação, em uma pena de até 15 anos de prisão. Nesse episódio, o deputado e outras 11 pessoas são acusadas de superfaturar em 77% a compra de uma fazenda para implementação de um projeto de reforma agrária.

O deputado vem sendo uma das principais vozes a favor do golpe contra a presidente Dilma Rousseff, inclusive participando de protestos contra o governo e o PT e em defesa do impeachment. Paulinho já chegou a dizer que Dilma deveria estar na prisão. Nesta segunda-feira 7, Dia da Independência, o Solidariedade pediu a renúncia de Dilma pelo Facebook.

3 de setembro de 2015
por esmael
7 Comentários

Francischini Kid, o filho do Batman, derrotou Richa na questão do pedágio

Deputado Francischini Kid e seu pai, o Batman, se aliaram ontem (2) à oposição para derrotar o governo Beto Richa na CCJ da Assembleia Legislativa; tucano queria rebaixar o papel da Agepar na fiscalização das pedageiras, não deu, terá que engolir a OAB e o CREA no órgão que continuará deliberativo ao invés de consultivo – como planejava o Palácio Iguaçu.

Deputado Francischini Kid e seu pai, o Batman, se aliaram ontem (2) à oposição para derrotar o governo Beto Richa na CCJ da Assembleia Legislativa; tucano queria rebaixar o papel da Agepar na fiscalização das pedageiras, não deu, terá que engolir a OAB e o CREA no órgão que continuará deliberativo ao invés de consultivo – como planejava o Palácio Iguaçu.

Batman, o ex-secretário da Segurança, há coisa de duas semanas, eximiu-se da responsabilidade pelo massacre de professores no Centro Cívico, e afirmou que apontará o verdadeiro mandante daquela covardia que deixou 213 feridos. Leia mais

27 de agosto de 2015
por esmael
7 Comentários

O ‘Rei do Pedágio’ está só

richa_rei_pedagioO governador Beto Richa (PSDB), o Rei do Pedágio, está só na empreitada de prorrogar os contratos do ‘pedágio mais caro do mundo’ nas rodovias que cortam o Paraná. Leia mais

24 de agosto de 2015
por esmael
4 Comentários

Professores marcham sábado para lembrar 4 meses do massacre no Centro Cívico

A APP-Sindicato realizará neste sábado, dia 29 de agosto, às 8h da manhã, uma assembleia da categoria na Praça Santos Andrade (UFPR), em Curitiba, em seguida, todos marcharão até a o Centro Cívico para dizer ao governador Beto Richa (PSDB): violência nunca mais.

O movimento contará com apoio e presenças de professores, funcionários, alunos e pais em tradicional marcha na defesa da educação pública e para repudiar a violência. O Blog do Esmael, em parceria com a TV 15, vai transmitir o protesto ao vivo para o Brasil e o mundo.

A assembleia e a marcha acontecerão no dia 29, exatamente quatro meses após o massacre ter se repetido como tragédia. Em abril, 213 pessoas ficaram feridas depois que Beto Richa autorizou a polícia usar de violência contra educadores que lutavam contra o confisco de R$ 8 bilhões da aposentadoria do funcionalismo público.

Na semana passada, o deputado Fernando Francischini (SD), secretário da Segurança no massacre, em entrevista à TV 15 e ao Blog do Esmael, prometeu revelar em breve o “verdadeiro mandante” da covardia contra os professores no Centro Cívico.

A APP também promete relembrar a violência do governo de Alvaro Dias, em 1988. Na época, foram dezenas de feridos; em 2015, centenas. “A história se repetiu como tragédia”, diz a entidade representativa do magistério paranaense.

“Sabe por que eu sou aposentada e continuo militando? Porque eu acredito em um mundo mais justo. O que aconteceu este ano foi muito pior que 88, a gente não pode parar”, conta a professora Maria Adelaide ao sintetizar os ideais da luta da APP-Sindicato.

20 de agosto de 2015
por esmael
30 Comentários

Francischini sobre o massacre de 29 de abril: “Eu não mandaria bater em professor”; assista ao vídeo

O deputado federal Fernando Francischini (SD), ex-secretário da Segurança Pública do Paraná, em entrevista exclusiva ao Blog do Esmael/TV 15, afirmou nesta quinta-feira (20) que revelará em breve o verdadeiro mandante do massacre de professores e servidores públicos no dia 29 de abril.

“Não seria eu, numa maluquice política, que mandaria bater em professor”, esquivou-se Francischini, de Brasília, em seu primeiro pronunciamento oficial após quatro meses do triste episódio.

O parlamentar entrou ao vivo na transmissão da manifestação pró-Dilma Rousseff e PT, que reuniu cinco mil pessoas na capital paranaense.

O ex-secretário adiantou que no momento oportuno revelará “quem são as pessoas e autoridades que participaram [da decisão]. Vocês vão ter surpresa”, assegurou, olhando firme em direção ao 3º andar do Palácio Iguaçu.

De acordo com Francischini, [o massacre] foi uma posição de governo. “Não me foi dada a oportunidade de defesa”, reclamou.

Em 29 de abril, no Centro Cívico, durante manifestação contra o confisco da poupança previdenciária, a PM reprimiu violentamente professores e servidores. Resultaram 213 feridos do massacre, demissão de secretários de Estado, dentre os quais Francischini, e muita perseguição de educadores.

A entrevista completa de Francischini está aqui neste link (a partir de 1h e 17 minutos)

19 de agosto de 2015
por esmael
7 Comentários

Veja essa: Francischini quer CUT como entidade “terrorista” no País

Deputado Franchischini, o Batman, protestou no domingo contra a presidenta Dilma e o PT; parlamentar que já havia pedido a prisão do sindicalista Vagner Freitas agora quer classificar a CUT como "terrorista".

Deputado Franchischini, o Batman, protestou no domingo contra a presidenta Dilma e o PT; parlamentar que já havia pedido a prisão do sindicalista Vagner Freitas agora quer classificar a CUT como “terrorista”.

O deputado federal Fernando Francischini (SD), conhecido no Paraná como “Batman”, não para de surpreender o país. Depois de pedir a prisão do presidente da CUT (Central Única dos Trabalhadores), na véspera do #CarnaCoxinha, por suposta incitação à violência, o “parlamentar-morcego” agora agora classificar a entidade sindical como “terrorista”. Leia mais

14 de agosto de 2015
por esmael
27 Comentários

Piada pronta: Francischini pede para que presidente da CUT seja preso por incitação à violência; assista

prisaocut

Se contar ninguém acredita, mas o ex-secretário de Segurança Pública do Paraná, deputado federal Fernando Francischini (SD), aquele que comandou o massacre da Polícia Militar contra os professores e servidores públicos estaduais, resultando em cerca de 250 feridos, quer que o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Vagner Freitas, seja preso por incitar a violência.

Francischini encaminhou requerimento ao Procurador-Geral da República (PGR) com pedido de prisão, e ainda quer que seja aberto inquérito contra a presidenta Dilma Rousseff (PT) e o ex-presidente Lula (PT) por conivência com possíveis ações contra os manifestantes que vão às ruas no domingo (16).

Parece que Francischini não se lembra que tanto Dilma quanto Lula têm recebido as manifestações contrárias ao governo e ao PT com civilidade, se colando inclusive numa atitude de diálogo com a sociedade. Já o “Batman das Araucárias” tratou os manifestantes do Paraná com bombas lançadas de helicóptero, tiros e cassetetes.

Só pode ser piada.

Confira o vídeo que Francischini publicou nas redes sociais:

18 de junho de 2015
por esmael
12 Comentários

Segundo o PT, ‘Pimenta’ no rabo do ‘Batman’ é refresco; assista

pimentDurante sessão da Câmara dos Deputados na noite desta quarta-feira (17), em que se discutia a correção da tabela do imposto de renda, o deputado Paulo Pimenta (PT-RS) rebateu declaração do deputado Fernando Francischini (SSD) quando este classificou como “malvadeza” a posição da bancada governista. Leia mais

24 de abril de 2015
por esmael
17 Comentários

Garganta Profunda: “Vai dar merda!”

richa_batmanGarganta Profunda, codinome de um informante do Blog do Esmael no Palácio Iguaçu, com trânsito fácil no gabinete do governador Beto Richa (PSDB), faz rápida análise sobre a operação de guerra planejada contra professores na quarta-feira (29). Leia o texto:

Conta o folclore político que Chico Buarque de Holanda teria sugerido, certa feita, ao Presidente Lula criar o MVDM, ou seja, o “Ministério do Vai dar Merda”.

Bem que o genial Chico poderia passar pelas bandas do Palácio Iguaçu e renovar esta sugestão, agora ao governador Beto Richa.

Como relatado com exclusividade, ontem, pelo Blog do Esmael, o secretário de Segurança levou ontem oficiais da PM para se reunir na clandestinidade com o Presidente da Assembleia, Ademar Traiano.

Na pauta, o dispositivo policial a ser montado para evitar que a população, democraticamente, possa acompanhar, na praça e na ALEP, a votação do confisco do dinheiro da ParanáPrevidência.

A começar pelo Secretário Francischini, também conhecido como Comandante do Camburão dos Deputados, pela gestão “bandido bom é bandido morto” e que já avançou fisicamente no então Deputado Rosinha numa sessão de CPI na Câmara dos Deputados, o quadro é de se preocupar.