19 de novembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Presidente da Renault, Carlos Ghosn, é preso no Japão

Presidente da Renault, Carlos Ghosn, é preso no Japão

O brasileiro Carlos Ghosn, presidente da Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi, foi preso nesta segunda-feira (19) no Japão. ... 

Leia mais

3 de março de 2018
por Esmael Morais
1 Comentário

Beto Richa deu de graça uma fábrica de cervejas para a Ambev, diz The Intercept

Reportagem de Rafael Moro Martins, no The Intercpet, revela os bastidores das regalias que Ambev obteve do governo de Beto Richa (PSDB) para se instalar uma fábrica de cervejas no Paraná. A multinacional ganhou de graça as instalações no município de Ponta Grossa, região dos Campos Gerais, a 100 km de Curitiba. Curioso é que o assunto “vazou” após uma disputa judicial com um bar da capital paranaense. ... 

Leia mais

3 de março de 2018
por Esmael Morais
1 Comentário

Beto Richa deu de graça uma fábrica de cervejas para a Ambev, diz The Intercept

Reportagem de Rafael Moro Martins, no The Intercpet, revela os bastidores das regalias que Ambev obteve do governo de Beto Richa (PSDB) para se instalar uma fábrica de cervejas no Paraná. A multinacional ganhou de graça as instalações no município de Ponta Grossa, região dos Campos Gerais, a 100 km de Curitiba. Curioso é que o assunto “vazou” após uma disputa judicial com um bar da capital paranaense. ... 

Leia mais

20 de março de 2017
por Esmael Morais
Comentários desativados em Romanelli: O Paraná que acredita

Romanelli: O Paraná que acredita

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), líder do governo Beto Richa (PSDB) na Assembleia Legislativa, relata hoje (20) que o programa Paraná Competitivo passa a conceder incentivos para empresas do varejo, e-commerce e atacadista. Além desse tema, o colunista conta que o governo do estado lançou pacote de licitações de R$ 2,3 bilhões para obras de conservação e manutenção de toda malha rodoviária estadual. Romanelli também convoca para a audiência pública sobre o adiamento das concessões de pedágio que será realizada nesta terça-feira, dia 21, a partir das 9 horas, no Plenarinho da Assembleia. Leia mais

16 de abril de 2015
por Esmael Morais
17 Comentários

Fórum apresenta ‘Placar da Corrupção’ idealizado pelos primos Requião

Os primos Arruda e Requião Filho, idealizadores do fórum anticorrupção no governo Richa, apresentam placar que será inaugurado dia 26; Os integrantes do clã Requião distribuíram hoje imagem simulando o painel na Rua XV, em Curitiba.

Os primos Arruda e Requião Filho, idealizadores do fórum anticorrupção no governo Richa, apresentam placar que será inaugurado dia 26; Os integrantes do clã Requião distribuíram hoje imagem simulando o painel na Rua XV, em Curitiba.

O ‘Fórum Popular Contra a Corrupção no Paraná’ apresentou nesta quinta-feira (16) o ‘Placar da Corrupção’, que será inaugurado no próximo dia 26 de abril, em Curitiba, durante manifestação pelo impeachment do governador Beto Richa (PSDB). ... 

Leia mais

14 de abril de 2015
por Esmael Morais
7 Comentários

João Arruda propõe ‘Fórum Popular Contra a Corrupção’ no Paraná

‘Fórum Popular Contra a Corrupção’ teria o papel de mobilizar a sociedade pela CPI na Assembleia; João Arruda, idealizador do colegiado, reforça a necessidade ampliar a pressão pela assinatura de apoio dos deputados estaduais; autor do requerimento da investigação, Requião Filho, promete para os próximos dias um "Placar da Corrupção" nas principais cidades do Paraná.

‘Fórum Popular Contra a Corrupção’ teria o papel de mobilizar a sociedade pela CPI na Assembleia; João Arruda, idealizador do colegiado, reforça a necessidade ampliar a pressão pela assinatura de apoio dos deputados estaduais; autor do requerimento da investigação, Requião Filho, promete para os próximos dias um “Placar da Corrupção” nas principais cidades do Paraná.

O deputado João Arruda (PMDB), coordenador-geral da bancada federal paranaense em Brasília, nesta terça-feira (14), sugeriu que partidos e movimentos sociais constituam um ‘Fórum Popular Contra a Corrupção no Paraná’ visando pressionar a Assembleia Legislativa a instalar uma comissão para investigar os recentes escândalos na Receita Estadual. ... 

Leia mais

11 de abril de 2015
por Esmael Morais
12 Comentários

“A Receita é ferramenta de arrecadação para Beto Richa”, acusa deputado João Arruda; assista ao vídeo

Requião dá pistas sobre o rumo das investigações de corrupção na Receita Estadual: "Esse sujeito [Luiz Abi] chefiou o caixa 2 do governo, segundo o Ministério Público Estadual. Isso não pode terminar só nele. ‘O melhor está por vir’, sem sombra de dúvidas"; abaixo, assista ao vídeo com discurso de João Arruda.

Requião dá pistas sobre o rumo das investigações de corrupção na Receita Estadual: “Esse sujeito [Luiz Abi] chefiou o caixa 2 do governo, segundo o Ministério Público Estadual. Isso não pode terminar só nele. ‘O melhor está por vir’, sem sombra de dúvidas”; abaixo, assista ao vídeo com discurso de João Arruda.

O deputado federal João Arruda, coordenador-geral da bancada paranaense em Brasília, foi o orador mais virulento ontem à noite (10), no município de Fernandes Pinheiro, região dos Campos Gerais, durante encontro regional do PMDB. ... 

Leia mais

6 de abril de 2015
por Esmael Morais
24 Comentários

Vem aí o “Placar da Corrupção” na Assembleia Legislativa do Paraná

placar_corrupcao_requiaofilhoMovimentos sociais levarão às ruas no próximo dia 19 de abril, durante manifestação pelo impeachment do governador Beto Richa (PSDB), um “Placar da Corrupção” com os nomes dos 54 deputados estaduais na Assembleia Legislativa do Paraná.  ... 

Leia mais

2 de abril de 2015
por Esmael Morais
29 Comentários

Família Richa tem ligações perigosas com “chefe de quadrilha” preso no Paraná, diz Jornal de Londrina

do Brasil 247
abi_primo_richaEmbora esteja tentando se distanciar do primo Luiz Abi Antoun, desde que ele foi preso na Operação Voldemort, o governador paranaense, Beto Richa, teve mais um vínculo com a família Antoun exposto pela imprensa paranaense.

A nova revelação, do Jornal de Londrina, é a sociedade entre Fernanda Richa, primeira-dama paranaense, e a esposa de Luiz Abi, Eloiza Antoun, numa faculdade privada, criada em 1999.

Numa delação premiada recente, o fotógrafo Marcelo Caramori, que atuava no Palácio Iguaçu, acusou Antoun de ser o caixa informal de Beto Richa na arrecadação de recursos ilícitos para suas campanhas (saiba mais aqui).

Ontem, o senador e ex-governador Roberto Requião (PMDB-PR) usou o Twitter para antecipar uma possível denúncia bombástica: a existência de contas secretas de Richa em Dubai e na Suíça (leia mais aqui).

A proximidade com a família Antoun, revelada na sociedade entre a primeira-dama e a esposa do corrupto preso pelo Gaeco (que foi às ruas protestar contra a corrupção no dia 15 de março), é mais um complicador para Richa.

Leia, abaixo, o furo de reportagem do Jornal de Londrina: Leia mais

1 de abril de 2015
por Esmael Morais
13 Comentários

Palácio Iguaçu dispara contra Gaeco em dia de novas prisões

tchello_gaeco_palacioNesta quarta-feira (1º), o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), braço policial do Ministério Público do Paraná, prendeu mais dois auditores da Delegacia Receita Estadual de Londrina. Coincidência ou não, surgiram hoje disparos contra os promotores londrinenses Jorge da Costa e Claudio Esteves. Especialistas veem as digitais do Palácio Iguaçu nessa ação. ... 

Leia mais

31 de março de 2015
por Esmael Morais
25 Comentários

Quadrilha fraudava licitação de dentro do palácio do governo Richa; assista

richa_palacio_abiSe fosse aquele quadro ‘Gol do Fantástico’, o governador Beto Richa (PSDB) teria hoje direito de pedir música devido à aparição, pela terceira vez consecutiva, em menos de uma semana, em reportagem negativa para o Paraná.  ... 

Leia mais

31 de março de 2015
por Esmael Morais
9 Comentários

Requião Filho pede informações sobre o Conselho de Contribuintes do PR

richa_requiaofilhoO deputado Requião Filho, vice-líder do PMDB, vai protocolar nesta terça-feira (31) pedido de informações sobre os trabalhos do Conselho de Contribuintes e Recursos Fiscais do Paraná. O requerimento será endereçado ao secretário da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, a quem o colegiado está ligado no organograma do órgão. ... 

Leia mais

31 de março de 2015
por Esmael Morais
31 Comentários

Mais uma vez, Beto Richa faz vergonha em rede nacional de TV; assista

Na última sexta-feira (27), os esquemas de corrupção no governo Beto Richa foram ao Jornal Nacional pela primeira vez; ontem, menos de uma semana depois, o tucano voltou a envergonhar o Paraná em rede nacional; abaixo, assista ao vídeo com a reportagem global.

Na última sexta-feira (27), os esquemas de corrupção no governo Beto Richa foram ao Jornal Nacional pela primeira vez; ontem, menos de uma semana depois, o tucano voltou a envergonhar o Paraná em rede nacional; abaixo, assista ao vídeo com a reportagem global.

Nem a TV Globo respeita mais o governo Beto Richa (PSDB). O tucano, mais uma vez, envergonha o Paraná em rede nacional. A corrupção que assola o estado voltou a ser tema até mesmo no Jornal Nacional, tradicionalmente avesso a críticas aos políticos do PSDB. Antes tarde do que nunca, diz um ditado popular. ... 

Leia mais

30 de março de 2015
por Esmael Morais
10 Comentários

Oposição consegue mais uma assinatura para a CPI da Receita

“De grão em grão a galinha enche o papo”, disse nesta segunda-feira (30) o deputado Requião Filho, vice-líder do PMDB, ao comemorar mais uma assinatura em apoio à criação de uma comissão de investigação da corrupção na Receita Estadual de Londrina.

O deputado Nelson Luersen, líder do PDT, é o dono da nona assinatura favorável à investigação dos escândalos no órgão de gestão fiscal do estado. Estima-se que os prejuízos ao erário cheguem a R$ 1 bilhão, em virtude da ação da quadrilha na Receita.

Segundo o autor da proposta da CPI, Requião Filho, até quarta-feira mais dois parlamentares vão anunciar apoio às investigações de corrupção. Ele não quis antecipar os nomes, mas a proposta de comissão de inquérito começará a Páscoa com 11 assinaturas.

O deputado Luiz Cláudio Romanelli (PMDB), líder do governo na Assembleia, luta no outro polo contra a CPI da Receita Estadual. “Pela minha experiência parlamentar, eu confio mais no Gaeco do que numa CPI”, desconversou o governista.

Para o líder do PMDB, Nereu Moura, é uma vergonha a Assembleia seguir a reboque da imprensa que todos os dias veicula mais escândalos acerca de corrupção no governo estadual. O deputado se referiu às recentes notícias sobre as digitais do primo do governador, o lobista Luiz Abi Antoun, na arrecadação de dinheiro para a campanha de Richa (clique aqui).

Ao falar sobre a necessidade da CPI da Receita, Requião Filho ainda fustigou a fila com seis CPIs laranjas. Ele disse que só faz sentido a “CPI da Violência contra a Mulher” se houver investigação os crimes contra meninas vítimas de pedofilia em Londrina.

“Vamos trazer à Casa as vítimas do fotógrafo tatuado. Vamos perguntar quem abusou delas em Londrina”, sugeriu o vice-líder peemedebista.

Assista ao vídeo com o discurso de Requião Filho:

Leia mais

30 de março de 2015
por Esmael Morais
24 Comentários

Fotógrafo delata esquema de corrupção no governo Richa

richa_tchello_abiA situação no governo Beto Richa (PSDB) é mais grave do que a vã filosofia pode supor. Os esquemas de corrupção atribuídos ao lobista Luiz Abi Antoun, primo do governador tucano, bateram à porta do Palácio Iguaçu. Embora mais curta por causa do feriado, os palacianos já trabalham com a hipótese de uma “semana de cão” nos arredores do Centro Cívico. ... 

Leia mais

29 de março de 2015
por Esmael Morais
20 Comentários

‘Beto Richa sabia da influência do primo Luiz Abi na Receita Estadual’

richa_sefa_abiO governador Beto Richa (PSDB) sabia do trânsito livre que seu primo Luiz Abi Antoun tinha dentro da Secretaria de Estado da Fazenda (SEFA). O tucano teria sido alertado várias vezes sobre a desenvoltura do parente no órgão de gestão fiscal e no governo como um todo. A informação exclusiva foi repassada ao Blog do Esmael por um representante de grandes empresas que atuam no estado.

Sob a condição de anonimato, a fonte diz que alertou o governador Beto Richa várias vezes sobre a atuação de seu primo na SEFA e na Coordenação da Receita do Estado (CRE).

Na época, o inspetor geral de fiscalização da Receita Estadual era o auditor Márcio Albuquerque Lima, colega do governador em corridas de automobilismo, que está foragido da polícia. O primo Luiz Abi não teve a mesma sorte, pois, por uma semana, ficou preso em Londrina sob a acusação de “chefiar a quadrilha”. Acabou solto graças a um habeas corpus do Tribunal de Justiça.

O Grupo de Atuação Especial de Combate do Crime Organizado (Gaeco), braço policial do Ministério Público, deverá desencadear nova operação nos próximos dias voltada à cúpula da Receita. Os promotores já teriam um organograma do esquema que supostamente envolveria integrantes do conselho de contribuintes, Paraná Competitivo, diretoria e delegacias regionais da SEFA, bem como escritórios especializados em direito tributário.

Os promotores londrinenses também estariam de olho em um tal “mágico” que teria capacidade de fazer “desaparecer” débitos de empresas com a Receita Estadual.

Em 7 agosto de 2014, durante a campanha pela reeleição, Beto Richa foi homenageado em jantar promovido pelos agentes fazendários da SEFA e do CRE no restaurante Dom Antônio, bairro Santa Felicidade, em Curitiba.

Segundo um tributarista ouvido pelo Blog do Esmael, a Operação Publicano, que investiga prejuízo que pode ultrapassar R$ 1 bilhão ao governo do estado, o modus operandi da quadrilha que atua na Receita Estadual pode ser muito parecido com aquele desbaratado na Receita Federal, semana passada, pela Operação Zelotes da Polícia Federal.

Na Operação Zelotes, da PF, estima-se em prejuízo de R$ 19 bilhões provocados por bancos e grandes empresas que tiveram suas dívidas apagadas no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf).

Na última sexta-feira (27), o Ministério Público bateu à porta do primeiro escalão do governo do estado ao pedir que o Tribunal de Justiça investigue a secretária Dinorah Nogara. Ela é suspeita e integrar o esquema que fraudava licitações em favor de Luiz Abi.

Leia também: Leia mais

30 de abril de 2014
por Esmael Morais
33 Comentários

Coluna do Ademar Traiano: Paraná desenvolve a economia e faz política social sem demagogia

Ademar Traiano*

A Assembleia aprovou mensagem do governo do Estado sobre o novo salário mínimo regional. O novo piso, que entra em vigor no feriado de 1!º de Maio, será aplicado em quatro faixas salariais, que variam de R$ 948,20 a R$ 1.095,60. à‰ o mínimo regional mais alto do país e seu valor foi estabelecido a partir de uma ampla negociação e um consenso entre governo, trabalhadores e iniciativa privada.

O piso regional, que beneficia um milhão de pessoas, regula o salário de categorias profissionais que não têm convenção nem acordo coletivo de trabalho. O piso busca um equilíbrio que permita ao empresário continuar a investir e garantir a reposição do poder de compra dos trabalhadores, duramente atingido pela inflação provocada pelas barbeiragens econômicas do governo do PT.

Ao contrário do governo federal, que provoca pânico nos investidores com seu voluntarismo e incompetência, o bom ambiente para empreendimentos criado pelo governo do Paraná fez com que o estado contornasse, com êxito, a crise que atingiu o setor automobilístico. O estado acaba de firmar um novo acordo com a montadora francesa Renault para a produção de dois novos carros no Complexo Ayrton Senna, em São José dos Pinhais.

A empresa vai investir R$ 500 milhões no desenvolvimento e produção de dois novos veículos. O novo empreendimento da Renault vem se somar aos R$ 30 bilhões de novos investimentos atraídos ao Paraná em 3 anos pelo programa Paraná Competitivo.

Por privilegiar a economia, em lugar da ideologia, o Paraná também se destaca na geração de empregos. De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), o Estado gerou 341.393 empregos com carteira assinada entre janeiro de 2011 e fevereiro de 2014. São bons resultados colhidos apesar da notória perseguição e políticas discriminatórias movidas contra o estado. Entre elas, o bloqueio dos empréstimos que continua, apesar de seguidas liminares do STF determinarem a liberação dos recursos para o estado.

O estado faz investimentos pesados em setores essenciais, como a educação. Entre eles, é importante citar a reposição salarial de 50,16 % para os professores da rede estadual, que enfrentaram um longo período de achatamento salarial no governo anterior.

Outro destaque são os programas sociais. O Programa Família Paranaense, por exemplo, que envolve 17 secretarias de Estado e é coordenado pela Secretaria da Família e Desenvolvimento Social, garante atenção especial à s pessoas com vulnerabilidade social e se revelou um exemplo de eficiência.

Em três anos, de 2011 a 2013, o Paraná atingiu 92% de uma meta prevista para quatro anos: tirar 100 mil famílias da extrema pobreza. Quem atesta que a quase totalidade desse objetivo já foi atingido é o Ministério do Desenvolvimento Social. Em três anos, 92.250 famílias tiveram melhoria substancial em suas condições de vida no estado.

O acompanhamento à s famílias carentes e a garantia dos direitos das crianças e adolescentes que vivem no Paraná é feito pela Secretaria da Família e Desenvolvimento Social, criada pelo governador Beto Richa. Até então o Paraná não possuía uma pasta dedicada exclusivamente das pessoas que vivem em vulnerabilidade social.

No Para Leia mais