6 de maio de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Foro privilegiado: Todos são iguais perante a lei?

Foro privilegiado: Todos são iguais perante a lei?

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) destrói a tese de que todos são “iguais” perante a lei. Ele enaltece o voto do ministro do STF Gilmar Mendes que defendeu o fim do foro privilegiado para as mais de 54 mil autoridades que hoje se beneficiam dele. Segundo o magistrado, citando o jurista Lênio Streck, a restrição da prerrogativa de foro por função somente para 594 políticos é como uma tosa de porco: “rende muito grito e pouca lã”. ... 

Leia mais

8 de março de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Bancada estadual do PSB do Paraná planeja debandada com entrada de Osmar Dias

Bancada estadual do PSB do Paraná planeja debandada com entrada de Osmar Dias

O feitiço virou contra o feiticeiro. Primeiro os deputados estaduais do PSB levaram Osmar Dias até o diretório nacional da agremiação. Queriam filiá-lo. Agora não querem mais. Mas o problema é que o irmão mais moço do senador Alvaro Dias (Podemos) aprendeu o caminho e agora tem interlocução direta com o presidente nacional Carlos Siqueira, sem o intermédio da bancada estadual. ... 

Leia mais

15 de agosto de 2017
por Esmael Morais
139 Comentários

Enquete: Você reelegeria os atuais deputados estaduais e federais, se as eleições fosse hoje?

Em outubro de 2018, os eleitores vão às urnas para também escolher os deputados estaduais e federais. Diante desse encontro inadiável e das recentes denúncias contra os parlamentos, em geral, a pergunta é: os atuais deputados estaduais e federais te representam? Vote na enquete. ... 

Leia mais

11 de março de 2016
por admin
27 Comentários

Corrupção no governo Beto Richa é melhor que as outras? Por quê?

Com base na gravidade dos desvios na Receita Estadual apurados pelo Gaeco, na Operação Publicano, os deputados de oposição tentam novamente emplacar uma CPI sobre o tema. A primeira tentativa de instalação de uma comissão parlamentar para investigar o caso está completando um ano. Assim como em 2015, a maioria dos deputados se recusa a assinar o requerimento.

É que as revelações dos auditores fiscais no caso apontam para o Palácio Iguaçu. Há fortes indícios de que a propina arrecadada ajudou a financiar a reeleição do governador Beto Richa (PSDB). Por isso os deputados governistas, a tal “Bancada do Camburão”,  fazem de tudo para evitar as investigações e a exposição do caso.

O problema é que os deputados que escondem a sujeira do governos estadual, são os mesmos que fazem discursos inflamados contra as denúncias de corrupção no governo federal. Muitos estarão nas ruas no domingo (13) para combater a corrupção(!), mas só a federal. A do Beto Richa tá liberada.

Confia abaixo o vídeo de um disc Leia mais

24 de setembro de 2015
por admin
6 Comentários

João Arruda: Respeitem o Campagnolo!

João Arruda*

O exercício da democracia pressupõe o respeito ao contraditório, ou seja: todo cidadão tem o direito de dizer quando não concorda com alguma coisa. É dessa forma que eu analiso o discurso do presidente da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), Edson Campagnolo, ao tomar posse para um novo mandato à frente da entidade.

Entre outras observações, Campagnolo criticou o pacotaço do governo Beto Richa (PSDB) e os salários dos deputados estaduais. Como já fez, anteriormente, ao condenar as altas tarifas do pedágio. O empresário recebe, agora, ataques duros dos aliados do governador, talvez porque os áulicos do Palácio Iguaçu não estejam afeitos ao contraditório nem a entidades livres, desvinculadas da máquina do estado.

O governo Beto Richa parece se ressentir disso, da independência de algumas lideranças do setor produtivo, uma vez que já perdeu completamente o apoio dos trabalhadores, especialmente depois da repressão aos professores no fatídico 29 de abril, um episódio que entrou para a história da infâmia do Paraná.

No fim de seu discurso, o presidente da Fiep sugeriu o impeachment da presidente Dilma Roussef. Discordo dele, até porque não há base legal para o afastamento da presidente. Aliás, não defendo nem o impeachment do atual governador, sobre o qual recaem suspeitas de um esquema de caixa 2 via Receita Estadual. O ponto é: Campagnolo tem direito de dizer o que pensa.

Discordar pontualmente do empresário não significa que eu vá cercear seu direito de se expressar, o que a forte reação palaciana tenta fazer. Uma discussão de alto nível não precisa ser tão agressiva assim. No debate sobre a elevação do teto do Simples, por exemplo, tivemos divergências, mas o empresário jamais me impediu de emitir o meu juízo de valor a seus colegas de Fiep. É disso que se trata: democracia.

Podemos discutir se o tom do presidente da Fiep foi adequado. Verdade. Da mesma forma, também é possível chamar de indelicado quem mente sobre a situação financeira do estado, quem tira dinheiro de prefeituras em plena crise econômica, quem ousa propor a venda da Copel e da Sanepar para cobrir rombo nas contas públicas.

O fato é que Campagnolo foi corajoso. Poderia ter contemporizado para agradar a todos. Preferiu a sinceridade. E ela, como sabemos, dói.

*João Arruda é deputa Leia mais

28 de abril de 2015
por Esmael Morais
12 Comentários

Coluna do Enio Verri: “O clima é tenso e de desrespeito aos paranaenses”

verriEnio Verri*

Praças do Centro Cívico, Curitiba. Cerca de 1.500 policias a postos. O cenário é de guerra. O risco é grande. Talvez uma ameaça terrorista ou operação contra o tráfico de drogas no Paraná. Mas não é. Trata-se de um simulacro de 30 de agosto de 1988.

Se na década de 80, o ex-governador Alvaro Dias (PSDB) soltou a cavalaria nos professores, o atual, Beto Richa (PSDB) criminaliza servidores públicos em greve pelos seus direitos ao ameaçá-los e confrontá-los com desnecessária força coerciva.

No estado das contradições, onde deputado anda de camburão e polícia bate em professores, o clima é tenso e de desrespeito aos paranaenses. Nos municípios, viaturas paradas, escolas sem estrutura e servidores e postos de saúde sem remédios.

No Paraná do governador que não paga fornecedores e atrasa salários, a solução é agraciar grandes empresários e amigos pessoais, enquanto confisca o fundo previdenciário dos servidores públicos para cobrir o rombo nos cofres públicos, inacreditavelmente, efetuado em sua primeira gestão. Leia mais

27 de abril de 2015
por Esmael Morais
64 Comentários

Sitiados na Alep, deputados aprovam confisco da previdência dos servidores em primeira votação

sitioOs deputados estaduais acabaram de aprovar, por 31 votos a 21, em primeira votação, o confisco da poupança previdenciária dos servidores pelo governador Beto Richa (PSDB). Foram apresentadas dezesseis emendas ao projeto original que deverão ser analisadas na Comissão de Constituição e Justiça nesta terça-feira (28). ... 

Leia mais

16 de abril de 2015
por Esmael Morais
17 Comentários

Fórum apresenta ‘Placar da Corrupção’ idealizado pelos primos Requião

Os primos Arruda e Requião Filho, idealizadores do fórum anticorrupção no governo Richa, apresentam placar que será inaugurado dia 26; Os integrantes do clã Requião distribuíram hoje imagem simulando o painel na Rua XV, em Curitiba.

Os primos Arruda e Requião Filho, idealizadores do fórum anticorrupção no governo Richa, apresentam placar que será inaugurado dia 26; Os integrantes do clã Requião distribuíram hoje imagem simulando o painel na Rua XV, em Curitiba.

O ‘Fórum Popular Contra a Corrupção no Paraná’ apresentou nesta quinta-feira (16) o ‘Placar da Corrupção’, que será inaugurado no próximo dia 26 de abril, em Curitiba, durante manifestação pelo impeachment do governador Beto Richa (PSDB). ... 

Leia mais

14 de abril de 2015
por Esmael Morais
7 Comentários

João Arruda propõe ‘Fórum Popular Contra a Corrupção’ no Paraná

‘Fórum Popular Contra a Corrupção’ teria o papel de mobilizar a sociedade pela CPI na Assembleia; João Arruda, idealizador do colegiado, reforça a necessidade ampliar a pressão pela assinatura de apoio dos deputados estaduais; autor do requerimento da investigação, Requião Filho, promete para os próximos dias um "Placar da Corrupção" nas principais cidades do Paraná.

‘Fórum Popular Contra a Corrupção’ teria o papel de mobilizar a sociedade pela CPI na Assembleia; João Arruda, idealizador do colegiado, reforça a necessidade ampliar a pressão pela assinatura de apoio dos deputados estaduais; autor do requerimento da investigação, Requião Filho, promete para os próximos dias um “Placar da Corrupção” nas principais cidades do Paraná.

O deputado João Arruda (PMDB), coordenador-geral da bancada federal paranaense em Brasília, nesta terça-feira (14), sugeriu que partidos e movimentos sociais constituam um ‘Fórum Popular Contra a Corrupção no Paraná’ visando pressionar a Assembleia Legislativa a instalar uma comissão para investigar os recentes escândalos na Receita Estadual. ... 

Leia mais

6 de abril de 2015
por Esmael Morais
24 Comentários

Vem aí o “Placar da Corrupção” na Assembleia Legislativa do Paraná

placar_corrupcao_requiaofilhoMovimentos sociais levarão às ruas no próximo dia 19 de abril, durante manifestação pelo impeachment do governador Beto Richa (PSDB), um “Placar da Corrupção” com os nomes dos 54 deputados estaduais na Assembleia Legislativa do Paraná.  ... 

Leia mais

7 de março de 2015
por Esmael Morais
11 Comentários

Deputados são “mais mal avaliados” na gestão Traiano que na de Rossoni, compara Gazeta do Povo

O agora deputado federal Valdir Rossoni, ex-presidente da Assembleia, agradava mais à  população com seu famoso cheque sem fundos, diz levantamento da Paraná Pesquisas, divulgada hoje pela Gazeta do Povo; segundo Murilo Hidalgo, diretor do instituto, o governador Beto Richa puxou para o buraco os deputados estaduais que foram reprovados pela média de 3,2, cujo índice vai de zero a dez.

O agora deputado federal Valdir Rossoni, ex-presidente da Assembleia, agradava mais à  população com seu famoso cheque sem fundos, diz levantamento da Paraná Pesquisas, divulgada hoje pela Gazeta do Povo; segundo Murilo Hidalgo, diretor do instituto, o governador Beto Richa puxou para o buraco os deputados estaduais que foram reprovados pela média de 3,2, cujo índice vai de zero a dez.

O jornal Gazeta do Povo, edição deste sábado (7), divulga sondagem da Paraná Pesquisas, com notas de zero a 10, atribuídas pelos eleitores aos deputados estaduais da Assembleia Legislativa. ... 

Leia mais

13 de fevereiro de 2015
por Esmael Morais
84 Comentários

Conheça os deputados da ‘Bancada do Camburão’ na Assembleia

Foto: Carolina Pompeo/Gazeta do Povo.

Foto: Carolina Pompeo/Gazeta do Povo.

Sob o clima de tensão, parte dos parlamentares chegou ontem (12) à  Assembleia Legislativa do Paraná dentro de um “caverão” da Polícia Militar, na companhia do secretário de Segurança Pública, Fernando Francischini. Após os primeiros estrondos, porém, eles decidiram encerrar a sessão que votaria o polêmico projeto do governo. ... 

Leia mais

11 de fevereiro de 2015
por Esmael Morais
21 Comentários

Deputados contrários ao ‘pacote de maldades’ boicotam sessão do tratoraço

Deputados de oposição ao governo Beto Richa (PSDB) publicaram nota descartando participação na sessão 'escondida' em que o governo vai tentar aprovar o pacotaço contra os servidores do Paraná.

Deputados de oposição ao governo Beto Richa (PSDB) publicaram nota descartando participação na sessão ‘escondida’ em que o governo vai tentar aprovar o pacotaço contra os servidores do Paraná. Segundo a nota, a realização da sessão ‘escondida’, longe do plenário “aumenta o impasse e potencializa a tensão entre o governo tucano e trabalhadores”. Leia a nota abaixo.

Nota Oficial da Bancada de Oposição na Alep ... 

Leia mais

15 de julho de 2014
por Esmael Morais
31 Comentários

Prova de amor: deputado desiste da reeleição para apoiar a esposa

O deputado estadual Felipe Lucas (PPS), não será candidato a reeleição. Ele desistiu de concorrer nas eleições para apoiar a candidatura da esposa Marisa Massa Lucas (PSC), que irá disputar uma vaga na Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP).

Felipe diz que a decisão foi tomada considerando as chances que o casal teria em suas coligações. Marisa faz parte da Coligação Paraná Mais Forte formada por três partidos (PSC/PR e PT do B), que conta com o candidato Ratinho Junior, apontado como um forte postulante a uma votação expressiva. Caso isto se confirme nas urnas, elevam-se as chances de que a coligação faça um número maior de deputados estaduais, devido ao coeficiente eleitoral.

A estimativa do PSC, segundo Marisa, é de que poderão ser eleitos oito ou dez deputados pela Coligação. Já no PPS a expectativa quanto ao número de deputados que poderão ser eleitos é menor. E a quantidade de votos necessária para eleger um deputado estadual também deverá ser superior, conforme explica Felipe. Na vila política, Marisa exerceu o cargo de vice-prefeita de Irati por dois mandatos.

Nas eleições 2014, Marisa Massa Lucas fará campanha em parceria com o filho, o vereador Rafael Felipe Lucas (PSB), que concorrerá a uma vaga na Câmara Federal.

Com informações da Rede Sul Notícias.

Leia mais

27 de junho de 2014
por Esmael Morais
22 Comentários

“Toda infidelidade será castigada no PMDB”, avisa xerife de Requião

Ex-secretário da Segurança, Luiz Fernando Delazari, revelou ao Blog do Esmael que praticamente todos os deputados estaduais que haviam trabalhado pela coligação com o PSDB de Beto Richa "já se arrependeram"; "A convenção do PMDB definiu pela candidatura própria do senador Roberto Requião ao governo do Paraná, logo, se houver movimento no sentido contrário, haverá degola", avisou o xerife do senador Roberto Requião.

Ex-secretário da Segurança, Luiz Fernando Delazari, revelou ao Blog do Esmael que praticamente todos os deputados estaduais que haviam trabalhado pela coligação com o PSDB de Beto Richa “já se arrependeram”; “A convenção do PMDB definiu pela candidatura própria do senador Roberto Requião ao governo do Paraná, logo, se houver movimento no sentido contrário, haverá degola”, avisou o xerife do senador Roberto Requião.

O ex-secretário da Segurança Pública, Luiz Fernando Delazari, o Lulinha, ao Blog do Esmael, nesta sexta (27), disse que o PMDB não vai tolerar casos de infidelidade durante a campanha eleitoral. ... 

Leia mais

18 de junho de 2014
por Esmael Morais
4 Comentários

STF: Paraná continuará com 30 deputados federais e 54 estaduais

Por maioria de votos, o Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) julgou inconstitucionais a Resolução TSE 23.389/2013, que definiu o tamanho das bancadas dos estados e do Distrito Federal na Câmara dos Deputados para as eleições de 2014, e a Lei Complementar (LC) 78/1993, que autorizou a corte eleitoral a definir os quantitativos.

Na sessão desta quarta-feira (18), votaram pela invalidade das normas a ministra Rosa Weber e os ministros Teori Zavascki, Joaquim Barbosa, Luiz Fux, Marco Aurélio, Celso de Mello e Ricardo Lewandowski.

Com a decisão de hoje, o Paraná continuará com 30 deputados federais e 54 estaduais. Antes, o entendimento era que seriam 29 federais e 53 estaduais.

Pela constitucionalidade das normas se manifestaram os ministros Gilmar Mendes, Luís Roberto Barroso e Dias Toffoli.

A questão foi discutida no julgamento conjunto das Ações Diretas de Inconstitucionalidade (ADIs) 4947, 5020, 5028, 5130, 4963, 4965, ajuizadas por governadores, Assembleias Legislativas e pela Mesa da Câmara dos Deputados; e da Ação Declaratória de Constitucionalidade (ADC) 33, ajuizada pela Mesa do Senado Federal, a qual pede que o STF declare válido o Decreto Legislativo 424/2013, do Congresso Nacional, que sustou os efeitos da Resolução do TSE.

A maioria dos ministros seguiu o voto da relatora das ADIs 4963 e 4965, ministra Rosa Weber, para quem o artigo 45 (parágrafo 1!º) da Constituição Federal prevê que a representação na Câmara dos Deputados e nas Assembleias Legislativas deve ser definida por lei complementar. E, para a ministra, a Lei Complementar 78/1993, na qual se baseou a resolução do TSE, é omissa quanto ao tamanho das bancadas, conforme manda o dispositivo constitucional, porque deixou de fixar os critérios de cálculo que legitimariam a atuação do TSE.

Já o ministro Gilmar Mendes, relator das demais ações, disse entender que a Lei Complementar 78/1993 não delegou poder de legislar ao TSE. Apenas deu à  corte eleitoral o poder para rea Leia mais

12 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
24 Comentários

Governo e deputados são os verdadeiros responsáveis pela falta de água no Paraná

De repente, não mais que de repente, eis que o Paraná grita pela falta de água nas torneiras.

Os jornais do interior registram a escassez do precioso líquido, mas não ousam apontar a verdadeira causa: a privatização da Sanepar.

Outrora companhia de água e esgoto mais eficiente do país agora se esmera em praticar tarifas mais caras do mundo e remeter lucros e mais lucros ao sócio privado Grupo Dominó!.

Querem os verdadeiros culpados pelo racionamento e rodízio nas cidades do estado?

Eu lhes dou: estão bem ali na Assembleia Legislativa, no Centro Cívico. São os deputados estaduais que aprovaram a transferência de ações da empresa para mãos privadas, por 32 votos a 16, no dia 11 de setembro de 2013.

Como ao capital interessa sóis o lucro também é natural! que ele tenha deixado de investir em infraestrutura, na captação, no tratamento e na distribuição da água aos paranaenses.

Quem acreditou na existência do capitalismo mais humano! caiu do cavalo.

Privatização é coisa do demônio.

E é exatamente isso que o vereador Antônio Laroca (PDT), de Ponta Grossa, nos Campos Gerais, poderá descobrir se se aprofundar nas investigações na Câmara.

Outro político pontagrossense, o ex-vereador João Barbiero (PV), relatada que o Procon quer taxa mínima por causa da suspensão do fornecimento da água no município.

Dos 49 parlamentares presentes na sessão da Assembleia do dia 11 de setembro do ano passado, 32 votaram pela privatização da estatal de água esgoto. Dezesseis disseram não à  privatização.

Veja abaixo quem votou favorável à  privatização da Sanepar:

01- Adelino Ribeiro(PSL)
02- Ademar Traiano (PSDB)
03- Ademir Bier (PMDB)
04- Alceu Maron Filho (PSDB)
05- Alexandre Curi (PMDB)
06- André Bueno (PDT)
07- Belinati (PP)
08- Bernardo Ribas Carli (PSDB)
09- Cantora Mara Lima (PSDB)
10- Dr. Batista (PMN)
11- Duílio Genari (PP)
12- Elio Ruch (DEM)
13- Fernando Scanavaca (PDT)
14- Francisco Bà¼hrer (PSDB)
15- Jonas Guimarães (PMDB)
16- Luiz Accorsi (PSDB)
17- Lui Carlos Martins (PSD)
18- Mauro Moraes (PSDB)
19- Nelson Garcia (PSDB)
20- Nelson Justus (DEM)
21- Ney Leprevost (PSD)
22- Paranhos (PSC)
23- Pastor Edson Praczyk (PRB)
24- Pedro Lupion (DEM)
25- Plauto Miró (DEM)
26- Rasca Rodrigues (PV)
27- Roberto Aciolli (PV)
28- Rose Litro (PSDB)
29- Stephanes Junior (PMDB)
30- Tercílio Turini (PPS)
31- Teruo Kato (PMDB)
32- Wilson Quinteiro (PSB)

Clique aqui para ler o relatório do painel eletrônico da Assembleia Legislativa do Paraná.

Leia mais

Esmael Morais 2009-2018. O Blog do Esmael é liberto das excludentes convenções mercantis Copyright ©. O site não cobra pelos direitos autorais, portanto, pode e deve ser reproduzido no todo ou em parte, além de ser liberado para distribuição desde que preservado seu conteúdo e o nome do autor. | A política como ela é em tempo real.

Topo