14 de Fevereiro de 2018
por esmael
Comente agora

Acelera João!!!

O jornalista Ricardo Cappelli analisa a possível saída do prefeito de São Paulo João Doria do PSDB. Ele estaria deixando o ninho para migrar no DEM. Segundo o articulista, esta fragmentação no campo conservador seria um “presentaço” para esquerda. “Nunca pensei em dizer isso mas, “Acelera João!”. Estamos na torcida!”, ironiza Cappelli. Leia mais

7 de Fevereiro de 2018
por esmael
Comente agora

Da guerra: a lição do mensalão

O jornalista Ricardo Cappelli escreve que o ex-presidente Lula disputará essa eleição mesmo que condenado, preso e impedido. Leia mais

1 de Fevereiro de 2018
por esmael
16 Comentários

A esquerda fora do segundo turno?

O jornalista Ricardo Cappelli, em minuciosa leitura da pesquisa Datafolha, prevê uma tragédia eleitoral para a esquerda brasileira caso Lula seja impedido de disputar a eleição de outubro. Segundo ele, a mídia controlada pela direita vai abrir espaços aos pré-candidatos progressistas visando a pulverização dos votos. Para Cappelli, a Globo saiu na frente. “O apresentador Luciano Huck é o principal vencedor da amostra. Sem ser candidato empata com o governador Geraldo Alckmin.” Entretanto, o articulista afirma que a esquerda unida vai ao segundo turno e pode ganhar a eleição. Leia mais

22 de Janeiro de 2018
por esmael
8 Comentários

Só a esquerda perdeu com a lava jato, afirma colunista da Folha

O sociólogo Celso Rocha de Barros, colunista da Folha de S. Paulo, escreve nesta segunda-feira (22) o que todo mundo de bom senso já sabia: a lava jato foi criada com o fito de perseguir a esquerda, derrubar a presidenta eleita Dilma Rousseff e, agora, barrar a candidatura de Lula na eleição presidencial. Leia mais

29 de dezembro de 2017
por esmael
8 Comentários

Freixo: ‘Unir a esquerda pra quê?’

Sol maior do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), o deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL-RJ), em entrevista à Folha, se diz contra a união da esquerda em 2018. “Não sei se esse é o momento de unificar todo mundo, não”, afirma, ao defender o líder da Frente Povo Sem Medo Guilherme Boulos à Presidência da República. Leia mais

3 de dezembro de 2017
por esmael
Comentários desativados em Ventos da esquerda do Chile sopram em direção ao Brasil, afirma Patrus Ananias

Ventos da esquerda do Chile sopram em direção ao Brasil, afirma Patrus Ananias

O deputado federal Patrus Ananias (PT-MG), vice-presidente da Frente Nacional em Defesa da Soberania Nacional, afirmou que o resultado das urnas no Chile, em que a esquerda saiu fortalecida e vitoriosa, também pode significar a derrota neoliberal nas eleições de 2018 no Brasil.

27 de setembro de 2015
por esmael
13 Comentários

“Vamos às ruas pela taxação do andar de cima”, avisa líder do MTST

O filósofo e colunista Guilherme Boulos, líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), concedeu uma entrevista exclusiva ao Blog do Esmael neste domingo (27). Ele está em Curitiba debatendo saídas populares para crise política e econômica do Brasil e falou da “Frente Povo Sem Medo”.

Uma das saídas, segundo Boulos, é mobilizar o povo para conter o avanço conservador no país.

“Em outubro, vamos às ruas pela taxação do andar de cima. A saída é pela esquerda, uma reforma popular que exija a taxação dos mais ricos”, avisou.

Boulos, que é colunista do jornal Folha de S. Paulo, deu sua impressão sobre Curitiba: “Houve forte especulação imobiliária nos últimos anos, o que detrói o mito da cidade modelo.

“Houve forte especulação imobiliária nos últimos anos, o que reforça o mito da cidade modelo”, disse o líder do MTST, ao mencionar três ocupações na capital paranaense do MPM (Movimento Popular por Moradia) que reúnem 1200 famílias.

A seguir, leia a entrevista completa com Guilherme Boulos:

Blog do Esmael: Qual a avaliação do cenário político, os riscos para os setores populares?

Boulos: Vivemos uma conjuntura bastante complexa para a esquerda brasileira. Assistimos a uma ofensiva ultraconservadora, da direita mais golpista, que quer impor um retrocesso institucional ao país. Essa direitona precisa ser combatida no Congresso Nacional e nas ruas. O governo vai cometendo erros, que são as medidas de austeridade, impopulares, que destroem o apoio da sociedade. Esse é o nosso desafio: enfrentar os conservadores e o golpismo, combater a austeridade e defender reformas populares.

Blog do Esmael: O governo Dilma “fica” e quais as alternativas para essa encruzilhada?

Boulos: Nós temos que trabalhar com três orientações básicas: 1- retomar capacidade de mobilização, ciclo de mobilização popular, esquerda retomar as ruas (a direita tem tomado as ruas e nós não temos), deixando de fazer política com olhos na institucionalidade; 2- unidade, fazer frentes de luta e mobilização, e n

25 de setembro de 2015
por admin
3 Comentários

Guilherme Boulos do MTST debate em Curitiba saída popular para crise

O líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos, estará em Curitiba neste sábado (26) para um debate sobre conjuntura política. Ele é a principal liderança do movimento nacional de luta por moradia e se consolidou como importante defensor de uma saída popular para a crise atual do capitalismo no Brasil.

Boulos, formado em filosofia e colunista da Folha de S. Paulo, é uma espécie de herdeiro informal urbano de João Pedro Stédile, líder do campesino Movimento Sem Terra (MST).

O debate de amanhã está sendo organizado por militantes de esquerda ligados ao PSOL e PT, entre outros, e será a primeira de “uma série de conversas com lideranças de esquerda e dos movimentos sociais como mais um mecanismo de construção de um pensamento de esquerda renovado.”

Serviço: Roda de conversa com Guilherme Boulos
Sábado, 26 de setembro, 19h
Local: Mímesis Conexões Artísticas, Rua João Manoel, 74, São Francisco, Curitiba.

13 de Abril de 2015
por esmael
7 Comentários

Morre aos 74 anos escritor uruguaio Eduardo Galeano

via G1.
galeano_livroO escritor uruguaio Eduardo Galeano morreu aos 74 anos em Montevidéu, nesta segunda-feira (13). Galeano estava internado em um hospital na capital uruguaia desde sexta-feira (10) devido a complicações de um câncer de pulmão, que já havia sido tratado em 2007.

Nascido em Montevidéu no dia 3 de setembro de 1940, Eduardo Galeano começou muito jovem no jornalismo e nos mais variados gêneros literários como o ensaio, a poesia e a narrativa. Ensaísta, historiador e ficcionista, publicou mais de 30 livros, quase todos traduzidos no Brasil. Ele é autor da obra “As veias abertas da América Latina”, em que denunciou a opressão e amargura do continente e que foi traduzido para dezenas de idiomas.

8 de Abril de 2015
por esmael
14 Comentários

Morreu aos 57 anos Jorge Modesto

O Paraná perdeu hoje Jorge Modesto, histórico militante de esquerda. Ele esteve nos anos 60 na linha de frente do movimento estudantil e, mais tarde, nos anos 80, foi destacado dirigente sindical.

O corpo de Modesto está sendo velado desde as 14 horas na capela 1 do Cemitério municipal de Curitiba.

Modesto era servidor do Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR). Morreu lutando contra o pacote de maldades do governador Beto Richa (PSDB), dentre os itens o confisco do fundo previdenciário. Ele também esteve presente no acampamento do Sindijus e da APP-Sindicato, no Centro Cívico, durante a greve de fevereiro.

Em dezembro de 13, Modesto gravou para o DHPAZ — o Depoimentos para a História – A Resistência à Ditadura Militar no Paraná. Abaixo, assista ao vídeo.

7 de outubro de 2014
por esmael
12 Comentários

Freixo, do PSOL, é o primeiro líder de esquerda a aderir a Dilma

do Brasil 247
A presidente Dilma Rousseff telefonou para o deputado estadual Marcelo Freixo, do PSOL do Rio de Janeiro, num gesto demonstrou a importância com que a presidente e seus estrategistas de campanha veem a adesão de Freixo à  candidatura dela. Campeão nas eleições do Rio para deputado estadual, com 350.408 de votos, Freixo é uma das marcas registradas do PSOL, assim como a ex-presidenciável Luciana Genro o deputado federal baiano Jean Wyllys. Juntos, eles compõem a chamada alma da agremiação.

Para o PT, o apoio de Freixo é uma conquista em si, mas também foi visto como um sinal da aproximação da legenda, formalmente, ao campo de Dilma.

Nas contas dos estrategistas do partido, a presidente terá de conquistar 9 milhões de votos para vencer Aécio Neves nas urnas de 26 de outubro. Neste sentido, acreditam que um posicionamento claro de Luciana poderá render a Dilma a grande maioria do 1,4 milhão de votos que ela conseguiu no dia 5.

– Não admito o retrocesso que acredito que um governo tucano poderá representar, justificou o deputado. “Independentemente da posição que o partido vier a tomar, eu votarei em Dilma nesse segundo turno”.

Emissário do PT estão lançando as pontes possíveis ao PSOL. Um dos argumentos é o de que Dilma não apenas não atacou Luciana na campanha, como sua origem política na esquerda dos anos 1960/70 guarda identidade com muitas bandeiras atuais do PSOL.

O partido pretende fazer uma reunião de sua direção nacional para decidir um rumo no segundo turno, ou a abstenção entre as duas escolhas possíveis, entre Dilma e Aécio. O partido, por meio do parlamentar baiano Jean Wyllys, aproximou-se de Marina Silva no primeiro turno, mas quando a candidata do PSB resolveu conciliar com o pastor Silas Malafaia em torno da questão gay !“ apesar de ela não ter admitido esse movimento -, o afastamento foi automático. Agora, o PSOL pode mudar para o lado do PT.

16 de Abril de 2014
por esmael
24 Comentários

Ratinho cria versão masculina de Rachel Sheherazade no Paraná; assista

O apresentador Carlos Roberto Massa, o Ratinho, criou no Paraná uma versão masculina da polêmica jornalista Rachel Sheherazade ao ampliar o espaço em sua emissora no estado, a Rede Massa, do comentarista Paulo Martins.

Sheherazade foi alvo de campanha na internet e representação na Procuradoria Geral da República pelo crime de apologia e incitamento à  tortura e ao linchamento.

Em fevereiro deste ano, um adolescente foi espancado e preso nu pelo pescoço a um poste através uma trava de bicicleta por homens no Aterro do Flamengo, na Zona Sul da capital fluminense. O jovem cometia furtos na região. Com a notícia, Rachel Sheherazade, que ficou conhecida por causa de suas opiniões fortes, deu o seu parecer sobre o fato no “SBT Brasil”.

“No país que ostenta incríveis 26 assassinatos a cada 100 mil habitantes, que arquiva mais de 80% de inquéritos de homicídio e sofre de violência endêmica, a atitude dos vingadores é até compreensível. O Estado é omisso, a polícia é desmoralizada, a Justiça é falha. O que resta ao cidadão de bem que, ainda por cima, foi desarmado? Se defender, é claro”, disse.

“O contra-ataque aos bandidos é o que chamo de legítima defesa coletiva de uma sociedade sem Estado contra um estado de violência sem limite. E, aos defensores dos Direitos Humanos, que se apiedaram do marginalzinho preso ao poste, eu lanço uma campanha: faça um favor ao Brasil, adote um bandido”, encerrou Rachel.

Dito isto, volto à  vaca fria. Considerado extrema-direita, Martins tem apavorado a esquerda em geral e os petistas em particular contra quem espezinha pela manhã e noite nos telejornais da afiliada do SBT.

Na noite desta terça (15), por exemplo, ele disse que o PT não é só um partido mas um estado mental e que a prisão dos mensaleiros não diminuiu a corrupção praticada pelo partido.

Segundo ele, novos “Andrés” surgirão no PT. “O Brasil para ser livre e decente vai ter que acordar e recuperar sua vergonha na cara o quanto antes, pode ser já, em 2014”.

Sheherazade, a do SBT nacional, primeiro foi colocada na geladeira por Silvio Santos, agora voltou sem fazer comentário no telejornal. Na contramão do “patrão”, Ratinho ampliou a opinião de Paulo Martins nas suas quatro emissoras que cobrem todo o te

9 de Abril de 2014
por esmael
14 Comentários

FHC: ‘Sou de esquerda, mas ninguém acredita’; por que será?

do Brasil 247

Durante debate no Museu de Arte do Rio, com a presença de intelectuais e o ex-ministro Sergio Paulo Rouanet, ex-presidente do PSDB declarou: "hoje, se disser que sou de esquerda, as pessoas não vão acreditar. Embora seja verdade. à‰ verdade!".

Durante debate no Museu de Arte do Rio, com a presença de intelectuais e o ex-ministro Sergio Paulo Rouanet, ex-presidente do PSDB declarou: “hoje, se disser que sou de esquerda, as pessoas não vão acreditar. Embora seja verdade. à‰ verdade!”.

Durante evento no Rio na noite desta terça-feira 8, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso brincou com a plateia, repleta de intelectuais, ao dizer que tem, sim, uma visão de esquerda na política, mas que ninguém acredita. Leia mais

6 de Abril de 2014
por esmael
52 Comentários

Extrema-direita encurralada: SBT afasta Sheherazade da programação

 Investigada pela Procuradoria-Geral da República, de Rodrigo Janot, após denúncia de apologia ao crime feita pela líder do PCdoB na Câmara, Jandira Feghali (RJ), apresentadora Rachel Sheherazade sai do ar; emissora de Silvio Santos alega novas férias!, dois meses após ela ter tirado folga para viagem a Paris; em fevereiro, ela gerou polêmica nas redes sociais e entre outros jornalistas por defender a ação de um grupo de justiceiros! que acorrentaram um suposto infrator a um poste no Rio; no Paraná, Rede Massa, emissora afiliada ao SBT, também retirou do ar o Jornal da Massa! depois de cinco anos; bancada do telejornal contava com o polêmico Paulo Martins; com posições de extrema-direita, jornalista se posicionava contra PT e Dilma; nas redes sociais, fãs do moço fazem campanha para que o apresentador Ratinho, dono da emissora paranaense, o recontrate para continuar descendo o chinelo no petismo e na esquerda.


Investigada pela Procuradoria-Geral da República, de Rodrigo Janot, após denúncia de apologia ao crime feita pela líder do PCdoB na Câmara, Jandira Feghali (RJ), apresentadora Rachel Sheherazade sai do ar; emissora de Silvio Santos alega novas férias!, dois meses após ela ter tirado folga para viagem a Paris; em fevereiro, ela gerou polêmica nas redes sociais e entre outros jornalistas por defender a ação de um grupo de justiceiros! que acorrentaram um suposto infrator a um poste no Rio; no Paraná, Rede Massa, emissora afiliada ao SBT, também retirou do ar o Jornal da Massa! depois de cinco anos; bancada do telejornal contava com o polêmico Paulo Martins; com posições de extrema-direita, jornalista se posicionava contra PT e Dilma; nas redes sociais, fãs do moço fazem campanha para que o apresentador Ratinho, dono da emissora paranaense, o recontrate para continuar descendo o chinelo no petismo e na esquerda.

Sem fazer alardes, o SBT afastou a polêmica apresentadora Rachel Sheherazade da grande de programação. Oficialmente, a emissora de Silvio Santos alega que jornalista está em férias, mas segundo o colunista Ricardo Feltrin, ela já havia tirado folga em janeiro, em viagem a Paris. Leia mais