11 de dezembro de 2017
por esmael
7 Comentários

Maia e Temer querem “enganar” centrais sindicais para aprovar reforma da previdência

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), jura que não tem condições de votar a reforma da previdência. Do outro lado da Praça dos Três Poderes, Michel Temer (PMDB) et caterva asseguram que o fim da aposentadoria será votado no próximo dia 18.

30 de agosto de 2017
por esmael
20 Comentários

Rodrigo Maia propõe “novo centro” no lançamento do 14º Congresso do PCdoB

O presidente da Câmara Rodrigo Maia (DEM-RJ) foi o convidado de honra na abertura do 14º Congresso do PCdoB, nesta quarta-feira (30), em Brasília, no Salão Nobre da Casa. Em discurso no evento, Maia defendeu um “novo centro” com a participação dos comunistas.

9 de julho de 2017
por esmael
60 Comentários

Golpe de Temer e Maia põe Brasil de volta no mapa da fome da ONU

Segundo a ONU, três anos depois de o Brasil sair do mapa mundial da fome da organização, esse fantasma voltou a assombrar famílias. O período coincide com o do golpe de Estado que alçou os sem-voto Michel Temer (PMDB) e Rodrigo Maia (DEM-RJ) ao poder.

8 de julho de 2017
por esmael
120 Comentários

URGENTE: Vaza lista com ministério do “golpe no golpe” de Rodrigo Maia

Em tempo punhais longos, o Blog do Esmael obteve com exclusividade neste sábado (8) a lista com o ministério do “golpe no golpe” do presidente da Câmara Rodrigo Maia (DEM-RJ), o “Botafogo” nas planilhas da Odebrecht.

5 de julho de 2017
por esmael
19 Comentários

Lula: “Rodrigo Maia já está se preparando para ser o próximo presidente da República”

O ex-presidente Lula, em discurso na posse da senadora Gleisi Hoffmann, na presidência do PT, disse na noite desta quarta-feira (5) que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), já está se preparando para ser o próximo presidente da República.

25 de Abril de 2017
por esmael
Comentários desativados em Reforma trabalhista vai à votação na véspera da greve geral

Reforma trabalhista vai à votação na véspera da greve geral

O ilegítimo governo de Michel Temer (PMDB) resolveu desafiar as centrais sindicais do país colocando a reforma trabalhista na pauta de votação da Câmara “até” quinta-feira (27).