6 de agosto de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Recado do Lula: Não estaremos do lado da Globo nem do mercado financeiro

Recado do Lula: Não estaremos do lado da Globo nem do mercado financeiro

Luiz Inácio Lula da Silva, candidato do PT à Presidência da República, mandou novo recado hoje (6) aos brasileiros: ... 

Leia mais

25 de junho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em PT x Fachin

PT x Fachin

As manobras de Fachin, segundo Aroeira.

O PT deverá protocolar nesta segunda (25) recurso contra as manobras do ministro do STF, Edson Fachin, para manter preso político o ex-presidente Lula. ... 

Leia mais

20 de junho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Meirelles na vice de Alckmin, exige burguesia paulistana

Meirelles na vice de Alckmin, exige burguesia paulistana

Pela Folha, o ex-ministro dos bancos Henrique Meirelles (MDB) recebeu o recado para desistir da cabeça de chapa para ser candidato a vice de Geraldo Alckmin (PSDB). ... 

Leia mais

15 de junho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Lula segue imbatível, segundo pesquisa de especuladores

Lula segue imbatível, segundo pesquisa de especuladores

Luiz Inácio Lula da Silva segue imbatível nas urnas, constata nesta sexta (15) pesquisa da XP Investimentos — uma das agências de especulação financeira que controla o site Infomoney. ... 

Leia mais

22 de abril de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Elio Gaspari vê o “novo” em Joaquim Barbosa. Será que ele é?

Elio Gaspari vê o “novo” em Joaquim Barbosa. Será que ele é?

O colunista Elio Gaspari, da Folha, gastou os principais bytes deste domingo (22) para elogiar o ex-ministro do STF Joaquim Barbosa, presidenciável do PSB, como o “novo” nas eleições deste ano. Mas será mesmo que o “socialista” encarna a “novidade” do ponto de vista da ruptura com tudo que aí está? O Blog do Esmael afirma que Gaspari está equivocado. ... 

Leia mais

10 de abril de 2018
por Eugênio Aragão
7 Comentários

Até o “mercado” reagiu mal à prisão de Lula

A prisão do ex-presidente Lula vai se revelando um mau negócio até para a direita e os neoliberais que fazem de tudo pelo “mercado”. As primeiras reações de euforia com a subida na bolsa e a queda do dólar, deram lugar às incertezas de um país dividido e caótico. ... 

Leia mais

19 de fevereiro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Fiep pedem fim da aposentadoria no mesmo dia de paralisação contra reforma da previdência

Fiep pedem fim da aposentadoria no mesmo dia de paralisação contra reforma da previdência

O presidente da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), Edson Campagnolo, defende o fim da aposentadoria para os trabalhadores. A posição do dirigente foi explicitada no mesmo dia em que houve uma paralisação nacional, inclusive em Curitiba, contra a reforma da previdência. ... 

Leia mais

26 de janeiro de 2018
por Esmael Morais
26 Comentários

Requião: “Lula foi submetido a uma inquisição medieval; faltou o braseiro no TF4”

O senador Roberto Requião (MDB-PR) afirmou em vídeo publicado nesta sexta-feira (26) que o caso do tríplex contra o ex-presidente Lula “não deveria ter caído nas mãos do juiz Sérgio Moro” porque não tinha nada a ver com a Petrobras. “Não há prova material. O apartamento estava no nome da OAS”, disse. Para o emedebista, não havia defesa possível nesse processo julgado pelo TRF4. “Era uma acusação inquisitorial. Uma coisa medieval”, disparou. ... 

Leia mais

27 de outubro de 2017
por Esmael Morais
3 Comentários

Rodrigo Maia deu um “golpe institucional” e é “primeiro-ministro” para mercado financeiro

Até o deputado Tiririca sabe que Michel Temer não governa mais. De tão fraco até baixou quarta no hospital. Leia mais

9 de setembro de 2015
por Esmael Morais
34 Comentários

Requião denuncia chantagem da agência Standard & Poor’s no rebaixamento do Brasil

Requião vê engodo do capital vadio no rebaixamento de nota do Brasil nesta quarta (9); depois de lançamento da Frente Brasil Popular, em Minas Gerais, no último fim de semana, especuladores lutam para manter Joaquim Levy no Ministério Fazenda; senador paranaense estranha que, ao mesmo tempo que velha mídia e PSDB comemoram a “queda”, agência de classificação chinesa Dagong tenha elevado nota dado nota A+ para o Brasil; resumo da ópera: demite o Levy, Dilma.

Requião vê engodo do capital vadio no rebaixamento de nota do Brasil nesta quarta (9); depois de lançamento da Frente Brasil Popular, em Minas Gerais, no último fim de semana, especuladores lutam para manter Joaquim Levy no Ministério Fazenda; senador paranaense estranha que, ao mesmo tempo que velha mídia e PSDB comemoram a “queda”, agência de classificação chinesa Dagong tenha elevado nota dado nota A+ para o Brasil; resumo da ópera: demite o Levy, Dilma.

O senador Roberto Requião (PMDB-PR) é voz lúcida — e o contraponto — nesse deserto de ideias em tempo de conservadorismo e ausência de projeto para o país. Exemplo disso foi a denúncia que ele fez nesta quarta-feira (9), solitariamente, de que o Brasil está sendo vítima de chantagem ao ter nota rebaixada pela agência de risco Standard & Poor’s. ... 

Leia mais

8 de outubro de 2014
por Esmael Morais
18 Comentários

Rumor de escândalo sobre PSDB derruba Bolsa de Valores

via Brasil 247

O Ibovespa vive um dia de montanha-russa. O índice chegou a subir 1,31% na abertura do pregão em meio a especulações eleitorais, passou a cair forte em meio a especulações sobre a Ata do Fomc (Federal Open Market Committee) e passou a despencar mais de 2% em meio a rumores de que uma denúncia afetaria Aécio Neves (PSDB), mas que não foi comprovada. Porém, após a Ata do Fomc, o índice amenizou um pouco as perdas, mas não suficiente para fazer o índice virar para cima.

Petrobras chegou a cair 5,5%, mas amenizou para baixa de cerca de 3%, enquanto o Banco do Brasil zerou as perdas. A ata do Fomc mostrou que o Fed vai manter a expressão “tempo considerável” ao se referir a juros baixos, o dólar diminuiu a sua alta registrada hoje.

Mas os rumores eleitorais pesam mais sobre o índice. “Todos os ativos brasileiros viraram repentinamente após rumores de que a imprensa fará denúncia que pode afetar candidatura de Aécio”, diz Davison Santana, estrategista da Bloomberg. No entanto, até o momento ainda não foi divulgado nem confirmado qualquer teor sobre as informações que estariam para ser divulgadas, assim como a credibilidade das informações.

Além disso, o mercado partiu para movimento de proteção antes de pesquisas que serão divulgadas amanhã, com destaque para o Datafolha e Ibope. As expectativas pelas pesquisas são desencontradas: enquanto algumas pesquisas espelho apontam para um empate técnico entre Dilma e Aécio, outras sinalizaram a candidata petista com uma diferença acima do esperado ante o tucano.

Destaque ainda para o relatório da agência de classificação de risco Moody’s, que fez um comentário sobre a situação brasileira após o primeiro turno das eleições presidenciais.

Segundo a agência, o rating do Brasil não depende de quem vencer a eleição e sim da capacidade do novo governo de reverter a deterioração que tem sido observada nas métricas de dívida, na política fiscal e na situação econômica. A Moody’s diz que há pouca clareza nas propostas apresentadas até agora por Aécio Neves (PSDB) e Dilma Rousseff (PT), o que pode ser uma estratégia política.

Mesmo a ata da última reunião do Fomc (Federal Open Market Committee), que impulsionou os mercados lá fora, não impulsionou tanto a bolsa por aqui. A ata mostrou que alguns integrantes do Fed queriam tirar a fala “tempo considerável”, mas evitou em parte por causa da preocupação de que como o mercado veria essa política, além de acreditar ser preciso prudência para avaliar as condições econômicas.

Oi cai forte Fora do noticiário econômico e eleitoral, destaque para para a Oi (OIBR4), que tem a maior baixa do índice depois do anúncio da saída do seu CEO (Chief Executive Officer) Zeinal Bava. De acordo com o Bradesco BBI, a decisão tomada num momento em que a companhia enfrenta uma condição financeira delicada reforça a perspectiva desafiadora para a companhia telefônica.

Leia mais