Marcelo Crivella

2 de abril de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Câmara do Rio abre processo de impeachment contra Marcelo Crivella

Câmara do Rio abre processo de impeachment contra Marcelo Crivella

A Câmara Municipal do Rio de Janeiro abriu nesta terça-feira (2) um processo de impeachment contra o prefeito da cidade, Marcelo Crivella (PRB).  ... 

Leia mais

8 de março de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Há motivos para pedir o impeachment de Bolsonaro, concorda Reinaldo Azevedo

Há motivos para pedir o impeachment de Bolsonaro, concorda Reinaldo Azevedo

O jornalista Reinaldo Azevedo, da Folha e da Bandnews FM, afirmou que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) cometeu crimes que justificariam pedidos de impeachment. ... 

Leia mais

6 de março de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Bolsonaro ataca blocos de carnaval em rede social

Bolsonaro ataca blocos de carnaval em rede social

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) usou o Twitter na noite desta terça-feira (5) para atacar os blocos de carnaval de rua. Ele postou um vídeo que mostra um homem urinando na cabeça de outro em cima de um ponto de táxi.  ... 

Leia mais

28 de novembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em MBL vai pedir o impeachment do ministro Luiz Fux

MBL vai pedir o impeachment do ministro Luiz Fux

O advogado e coordenador nacional do Movimento Brasil Livre (MBL), Rubinho Nunes, vai entrar com um pedido de impeachment contra o ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), por crime de responsabilidade. A colunista Monica Bergamo, da Folha de São Paulo, informa que o pedido será protocolado nesta-quarta-feira (28) às 15h. ... 

Leia mais

12 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Crivella escapa do impeachment

Crivella escapa do impeachment

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRP), por 29 votos a 16, escapou da abertura do processo de impeachment na Câmara Municipal. ... 

Leia mais

4 de janeiro de 2018
por Esmael Morais
13 Comentários

Com medo do xilindró, Temer articula mudança na “regra de ouro” fiscal

Para Michel Temer, o seguro já morreu de velho. Por isso ele trabalha pela mudança na “regra de ouro” das finanças públicas, prevista no artigo 167 da Constituição, que proíbe o governo de emitir dívida em valor superior às despesas de capital (essencialmente investimentos) do exercício. Uma PEC deverá ser apresentada ao Congresso com o intuito de livrá-lo de crime de responsabilidade, durante e após deixar o cargo. ... 

Leia mais

29 de novembro de 2016
por Esmael Morais
2 Comentários

A ditadura do Judiciário e o crime de responsabilidade de Temer

enio_ditaduraO deputado Enio Verri (PT-PR), em sua coluna desta terça (29), afirma que Michel Temer (PMDB) será representado perante o Ministério Público Federal e deverá, até os primeiros meses de 2017, ser apeado do poder pelo STF, para dar lugar à continuidade do golpe. Portanto, abusando da mesóclise, dar-se-á espaço à ditadura do Judiciário que já está aí… Leia mais

28 de novembro de 2016
por Esmael Morais
4 Comentários

URGENTE: PSOL protocolou pedido de impeachment de Michel Temer

psol_temer_impeachmentA bancada do PSOL protocolou na tarde desta segunda (28) o primeiro pedido de impeachment do presidente ilegítimo Michel Temer (PMDB). Leia mais

25 de novembro de 2016
por Esmael Morais
29 Comentários

Caixa dois é conversa fiada. O que importa agora é o impeachment de Temer

temer_iphanNão mais que de repente a velha mídia — olha só quem! — retoma o faniquito moral e punitivo contra o caixa dois. Mais uma falsa polêmica, pois o que importa mesmo agora é tirar da Presidência da República o ilegítimo e aético Michel Temer (PMDB) pela prática de crime de responsabilidade. Leia mais

24 de novembro de 2016
por Esmael Morais
40 Comentários

Temer fez lobby pró-Geddel, diz ex-ministro à PF; oposição pede impeachment do ilegítimo

geddel_temerO ilegítimo Michel Temer (PMDB) fez pressão, isto é, lobby para “enquadrar” o ex-ministro da Cultura Marcelo Calero visando liberar empreendimento de interesse particular do ministro de Governo Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) em Salvador. A oposição exige o impeachment do tinhoso. Leia mais

16 de novembro de 2016
por Esmael Morais
12 Comentários

Deputados vão rejeitar ‘anistia’ para judiciário e ‘castigo’ para políticos

deltan_camaraO parecer do deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) sobre as medidas anticorrupção deverá bater na trave da Câmara, pois, de acordo com parlamentares ouvidos pelo Blog do Esmael, o texto criminaliza os políticos ao tempo que retira a possibilidade de juízes serem julgados por crime de responsabilidade. Ou seja, ‘castiga’ o mundo da política, mas ‘anistia’ o mundo do judiciário. Leia mais

12 de outubro de 2016
por Esmael Morais
91 Comentários

Educadores e servidores em greve querem 3 milhões de assinaturas pelo impeachment de Beto Richa

richa_impeachmentO movimento de greve iniciado pelos servidores públicos do Paraná nesta semana planeja coletar um milhão de assinaturas físicas e outras 2 milhões virtuais para sustentar um pedido de impeachment do governador Beto Richa (PSDB). Leia mais

4 de outubro de 2016
por Esmael Morais
106 Comentários

Educadores do Paraná vão deflagrar greve na quinta contra Beto Richa

greve_app_professoresA APP-Sindicato deverá deflagrar a partir desta quinta-feira (6) greve geral dos educadores contra o governador Beto Richa (PSDB) nas 2,1 mil escolas da rede pública do estado. Leia mais

9 de abril de 2016
por Esmael Morais
16 Comentários

Coluna do Jorge Bernardi: Para ex-governador, Brasil caminha para uma guerra civil

Download áudio

Jorge Bernardi*

Há 15 dias, escrevi nesta coluna, que a radicalização política estava assumindo proporções perigosas que poderia levar o país a uma guerra civil. Nesta semana, o ex-governador gaúcho Tarso Genro, admitiu em entrevista ao jornalista Roberto D’ Avila, da Globo News, também que o Brasil caminha para guerra civil, se ocorrer o impeachment da presidente Dilma Rousseff sem que se comprove crime de responsabilidade.

A imprensa fez recentemente reportagens sobre intolerância política e divisão da sociedade que separa amigos, sócios, famílias gerando brigas nos mundos virtual e real. A preocupação é que a disputa possa extrapolar para a violência com consequências imprevisíveis. Basta um cadáver numa destas manifestações para que os ânimos, que estão a flor da pele, passe para a disputa armada pelo poder.

O Data Folha divulgou recentemente pesquisa em que mostra os participantes das manifestações em Sã Leia mais

Alvaro_Coluna

14 de outubro de 2015
por Esmael Morais
16 Comentários

Coluna do Alvaro Dias: As pedaladas fiscais e o impeachment

Download

Alvaro Dias*

Na última semana, o Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou, por unanimidade, parecer pela rejeição das contas presidenciais de 2014. Devido a várias irregularidades, como as chamadas pedaladas fiscais, os oito ministros entenderam que as contas não estavam em condições de serem aprovadas.

A decisão histórica do TCU coloca pressão sobre o Congresso Nacional. A Comissão Mista de Orçamento e o plenário da Câmara e do Congresso terão, agora, de votar o parecer do tribunal, o que pode dar início a um processo de impeachment da presidente da República.

Nós, da oposição, temos o dever de interpretar o momento histórico que vivemos. Qual é a nossa missão e a nossa responsabilidade? E, diante de tanta corrupção descoberta pela Operação Lava Jato; de investigações conduzidas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre irregularidades na campanha presidencial; e de inúmeros erros econômicos do governo, como as pedaladas fiscais, temos o dever de representar a indignação da maioria dos brasileiros e defender a proposta do impeachment.

O impeachment é um dispositivo constitucional, portanto um instrumento democrático de socorro à população, e não se trata de um rito sumário. Antes da aprovação ou rejeição por deputados e senadores, a Constituição Federal garante um amplo debate diante da defesa apresentada pelo governo.

Para um processo que julga o crime de responsabilidade cometido por um governante, o fato ocorrido durante o mandato vigente tem um peso maior na argumentação jurídica. Mas o Ministério Público junto ao TCU apontou que o governo atrasou a transferência de R$ 40,2 bilhões aos bancos públicos no primeiro semestre de 2015, ou seja, a prática das pedaladas fiscais teria se repetido.

Com esse novo fato, a oposição apresentou um aditamento ao pedido de impeachment assinado pelos juristas Hélio Bicudo e Miguel Reale Júnior para incluir as irregularidades desse novo mandato.

Estamos em um momento de crise política e de grande desesperança. Para o País é sempre traumático alterar o cronograma estabelecido pela democracia, mas seria ainda mais trágico se o voto impusesse a impunidade.

*Alvaro Dias é senador pelo PSDB e líder da Oposição no Senado Federal. Ele escreve nas quartas-feiras para o Blog do Esmael sobre “Ética na Política”.

Leia mais