16 de janeiro de 2018
por esmael
3 Comentários

Joel Krüger toma posse no Confea, após embate jurídico com a direita

O engenheiro civil paranaense Joel Krüger tomou posse na presidência do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), nesta segunda-feira (15), um mês após ser eleito, em virtude uma guerra jurídica travada pelo candidato perdedor.  ... 

Leia mais

29 de dezembro de 2015
por admin
7 Comentários

Coluna do Marcelo Araújo: Decreto sobre a indústria da multa de Curitiba foi revogado?

Download áudio

Marcelo Araújo*

Em 30/01/2013 o prefeito Gustavo Fruet (PDT) decretava, por seu então Secretário de Trânsito Joel Krüger, o fim da ‘Indústria da Multa’.

Era notória a relação de bigamia daquele secretário entre a Setran e o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea), e com o tempo o amor falou mais alto que a paixão de verão. Em seu lugar assume sua Superintendente, naquele tipo de sucessão no estilo já que só tem tu, fica tu mesmo, explicando assim como em Curitiba os elefantes sobem em árvores… alguém os coloca lá!

Quanto ao tal decreto de extinção da ‘Indústria de Multas’, teria sido ele revogado pela capivara ou por quem a colocou lá?

Vejamos: Segundo ofício (abaixo) encaminhado ao Vereador Prof. Galdino (PSDB) e também ao Presidente da Câmara, no qual o Prefeito corrobora na acusação contra mim por Difamação (e que merece responder por Denunciação Caluniosa), as autuações feitas por equipamentos eletrônicos em toda a cidade entre os meses de janeiro a julho de 2015 tiveram variação mensal entre 21 mil e 28 mil.

Segundo notícia no site oficial da prefeitura, somente na área calma na segunda quinzena de novembro foram 4.083 autuações, ou seja, 1/3 do total mensal de toda a cidade. Essa informação é completada por outra que dá conta que isso significa que dos 310mil veículos que passam pelos cruzamentos da área calma apenas 0,09% foram autuados.

Essa informação me parece manipulada, no pressuposto lógico de que a maioria das pessoas não vai parar para raciocinar sobre tal informação, o blog Gazetona revende do jeito que compra, sem avaliar esses critérios, e o povo engole com pão. O objetivo dessa manipulação é fazer crer que o número de autuações foi ínfimo, mas está havendo a contagem de quantos cruzamentos um mesmo carro passou dentro da área calma, o que pode significar dezenas de passagens, porém de um único veículo, o qual pode ter recebido apena Leia mais

3 de setembro de 2015
por esmael
7 Comentários

Francischini Kid, o filho do Batman, derrotou Richa na questão do pedágio

Deputado Francischini Kid e seu pai, o Batman, se aliaram ontem (2) à oposição para derrotar o governo Beto Richa na CCJ da Assembleia Legislativa; tucano queria rebaixar o papel da Agepar na fiscalização das pedageiras, não deu, terá que engolir a OAB e o CREA no órgão que continuará deliberativo ao invés de consultivo – como planejava o Palácio Iguaçu.

Deputado Francischini Kid e seu pai, o Batman, se aliaram ontem (2) à oposição para derrotar o governo Beto Richa na CCJ da Assembleia Legislativa; tucano queria rebaixar o papel da Agepar na fiscalização das pedageiras, não deu, terá que engolir a OAB e o CREA no órgão que continuará deliberativo ao invés de consultivo – como planejava o Palácio Iguaçu.

Batman, o ex-secretário da Segurança, há coisa de duas semanas, eximiu-se da responsabilidade pelo massacre de professores no Centro Cívico, e afirmou que apontará o verdadeiro mandante daquela covardia que deixou 213 feridos... 

Leia mais

20 de agosto de 2015
por esmael
14 Comentários

Coluna do Requião Filho: Está tudo dominado, orquestrado, combinado… e o Paraná continua pedagiado!

Requião Filho*

Download

A Assembleia Legislativa do Paraná está prestes a presentear o governador Beto Richa com mais um bastão poderoso: o direito de decidir livremente sobre o aumento dos pedágios nas estradas paranaenses.

Após a recente informação que vazou sobre a possibilidade de renovação dos contratos de pedágio no Estado, antes mesmo de seu vencimento, Beto Richa foi rápido e encaminhou à ALEP por meio de seus súditos um projeto para facilitar as coisas.

A Proposta aprovada em primeira votação acaba com o Conselho Deliberativo da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Infraestrutura do Paraná (Agepar) e retira de seus conselheiros a função de decidir sobre o reajuste de tarifas.

Para completar transforma os conselheiros em meros consultores, sem qualquer poder de voto, e indica novos integrantes para substituir representantes especializados no assunto. Agora quem decide, homologa e fixa os aumentos dos pedágios é nada mais nada menos do que a própria diretoria, presidida pelo fiel escudeiro, ex-chefe da Casa Civil, Cezar Augusto Silvestri.

Na prática, o governo agora controla livremente quanto vai entrar no bolso das concessionárias e a população, mais uma vez, pagando a conta.

O paranaense continua de mãos amarradas assistindo de camarote a mais uma maravilha da gestão que afirmava: “o melhor está por vir”!

Todos os projetos enviados à Assembleia este ano pelo Governo do Estado, direta ou indiretamente, em nenhum momento visam beneficiar a população, mas apenas salvar os cofres de quem gastou tudo irresponsavelmente.

Para ter uma ideia, a agência fica inclusive responsável pelo aumento do reajuste de tarifas de ônibus que fazem linhas intermunicipais e interestaduais. Decisões que antes eram debatidas por um conjunto de pessoas, agora ficam somente à mercê da diretoria da Agepar.

Os deputados de oposição que participaram da primeira votação do projeto na terça-feira (18) foram vencidos pela maioria: 36 votos a 12. Engraçado como, demagogicamente, destes 36, muitos se dizem contra o pedágio, mas acabaram por facilitar o controle de quem pretende continuar, por muitos anos ainda, tirando proveito do dinheiro público.

Uma medida encontrada para informar a população e tentar encontrar mais explicações sobre o projeto é a aprovação de quatro emendas que vou apresentar em conjunto com a bancada de oposição.

A proposta enfraquece o Conselho e exime o governador de responsabilidade formal sobre a política tarifária, uma vez que a agência, sob o comando de seu indicado, terá total poder sobre o reajuste de tarifas de pedágio.

Queremos saber o porquê da exclusão do membro do CREA- Leia mais

9 de julho de 2015
por esmael
12 Comentários

Com “peso na consciência”, Assembleia isenta doentes crônicos do pedágio mais caro do mundo no Paraná

alep_pedagioPara enrolar o distinto público, a Assembleia Legislativa aprovou projeto ontem (8) isentando portadores de doenças crônica da cobrança do pedágio mais caro do mundo nas rodovias do Paraná.

Efetivamente, não se sabe quantos “cristãos” serão beneficiados pela proposta do deputado Missionário Ricardo Arruda (PSC). Provavelmente nenhum, por isso passou com muita facilidade no plenário.

A Assembleia há muito está com “peso na consciência”, desde que assou uma enorme pizza na CPI do Pedágio. O parlamento não cumpre seu papel de fiscalizar a máfia que opera nas estradas do estado.

Além da adesão de mais parlamentares à bancada do pedágio, o Palácio Iguaçu se transformou em um balcão de defesa da prorrogação do contrato com as concessionárias. O governo Beto Richa (PSDB) advoga sem pejo contra os usuários das rodovias.

Um relatório do Conselho Regional de Engenharia (Crea), de março de 2013, em poder do Fiep (Federação das Indústrias) e Fecoopar (Federação e Organização das Cooperativas do Paraná), acusa as concessionárias de ter feito nos últimos 15 anos paisagismo nas rodovias pedagiadas ao invés de engenharia.

Abaixo, leia a íntegra o relatório do Crea recomendando a não renovação da concessão do pedágio mais caro do mundo no Paraná: Leia mais

30 de setembro de 2014
por esmael
2 Comentários

Rachaduras de viaduto novo na PR-445 em Londrina estão aumentando

O Blog do Esmael já havia noticiado semana passada as rachaduras de um viaduto prestes a ser inaugurado junto com a duplicação da PR-445 em Londrina, repercutindo matéria do Portal Bonde. Na ocasião o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) do governo do Estado garantiu que as fendas não colocam em risco a estrutura.

O vereador Roberto Fu (PDT) visitou as obras na manhã desta terça-feira (30) e constatou que as rachaduras do viaduto estão aumentando. ! De acordo com ele, a espessura aumentou de 2 cm para 6 cm nos últimos dias; “é assustador”, destacou.

Fu convocou representantes do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e do Sindicato da Construção Civil (Sinduscon) para dar explicações sobre as rachaduras, mas ninguém apareceu. “A comunidade está sem respostas”, observou. O engenheiro da obra também faltou ao encontro.

O problema deve voltar a ser discutido em reunião marcada para a tarde da próxima segunda-feira (6) na Câmara Municipal. “Espero que os responsáveis pela obra participem do encontro e prestem esclarecimentos”, afirmou.

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR) visitou o viaduto na última semana, constatou as rachaduras e enviou ofício ao DER pedindo providências. O departamento, por sua vez, garantiu que o problema será resolvido em 20 dias pela empresa responsável pelas obras. Conforme a assessoria de imprensa do DER, as fendas foram causadas pela falta de nivelamento do solo, que será readequado.

via Portal Bonde, editado.

Leia mais

27 de setembro de 2014
por esmael
26 Comentários

Crea encontra rachaduras em viaduto novo da PR-445 em Londrina

via Portal Bonde

Fiscais do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR) visitaram parte das obras de duplicação da PR-445 e encontraram rachaduras no muro de contenção de um viaduto localizado entre a rodovia e a avenida Dez de Dezembro (zona sul de Londrina).

Os fiscais foram até o local após o recebimento de uma denúncia. O Crea constatou o problema, fotografou as rachaduras e enviou as imagens, além de documentos sobre a visita, para a superintendência regional do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão responsável por acompanhar as obras de duplicação da PR-445.

“Não temos o poder legal de embargar a estrutura ou pedir a paralisação das obras. Só podemos verificar e pedir providências aos órgãos competentes”, explicou o chefe do setor de fiscalização do Crea no norte do Paraná, Rubens Galera.

O DER informou, via assessoria de imprensa, que a empresa responsável pela construção do viaduto já foi notificada para reparar as rachaduras. De acordo com o órgão, a terceirizada tem 20 dias para executar as melhorias. O DER garantiu, ainda, que as fendas foram causadas por problemas no solo e não colocam em risco a estrutura.

O Governo do Estado pretende inaugurar 10 quilômetros de duplicação da PR-445, entre a Universidade Estadual de Londrina (UEL) e o município de Cambé, na tarde da próxima segunda-feira (29).

Leia mais

26 de setembro de 2014
por esmael
3 Comentários

Coluna do Ricardo Mac Donald: A luta permanente contra a burocracia

Ricardo Mac Donald, em sua coluna desta sexta-feira, anuncia a realização do I Encontro Nacional sobre Licenciamento na Construção, promovido pela Prefeitura de Curitiba e entidades do setor de fiscalização e construção, no próximo dia 10 de outubro, na capital paranaense, com o objetivo de eliminar burocracia e facilitar investimentos nas cidades brasileiras; Quando assumimos a Prefeitura, os empresários se queixavam que não tinham nem com quem reclamar!, lembra o capitão do time do prefeito Gustavo Fruet; leia o texto e compartilhe.

Ricardo Mac Donald, em sua coluna desta sexta-feira, anuncia a realização do I Encontro Nacional sobre Licenciamento na Construção, promovido pela Prefeitura de Curitiba e entidades do setor de fiscalização e construção, no próximo dia 10 de outubro, na capital paranaense, com o objetivo de eliminar burocracia e facilitar investimentos nas cidades brasileiras; Quando assumimos a Prefeitura, os empresários se queixavam que não tinham nem com quem reclamar!, lembra o capitão do time do prefeito Gustavo Fruet; leia o texto e compartilhe.

Ricardo Mac Donald* ... 

Leia mais

21 de maio de 2014
por esmael
13 Comentários

Sem rumo, governo Richa copia projeto de Rossafa no Crea

Bem que o deputado Romanelli se esforçou para "criar" um projeto ao governo Richa, mas o que ele propõe já existe há 13 anos; em 2001, o então presidente do Crea, Luiz Antônio Rossafa, elaborou o Projeto Paraná cuja iniciativa lhe rendeu homenagem na Câmara Municipal de Curitiba pelo vereador Ricardo Gomyde (PCdoB); cópia do projeto, realizada pelo governo tucano, dá combustível para a campanha na engenharia paranaense pelo "Volta Rossafa"; Crea deverá eleger novo presidente em novembro deste ano.

Bem que o deputado Romanelli se esforçou para “criar” um projeto ao governo Richa, mas o que ele propõe já existe há 13 anos; em 2001, o então presidente do Crea, Luiz Antônio Rossafa, elaborou o Projeto Paraná cuja iniciativa lhe rendeu homenagem na Câmara Municipal de Curitiba pelo vereador Ricardo Gomyde (PCdoB); cópia do projeto, realizada pelo governo tucano, dá combustível para a campanha na engenharia paranaense pelo “Volta Rossafa”; Crea deverá eleger novo presidente em novembro deste ano.

O governo Beto Richa (PSDB), sem rumo e projeto, foi ao fundo do baú copiar uma ideia do ex-presidente do Conselho Regional de Engenharia (Crea), Luiz Antônio Rossafa, datado de 2001, que consiste em “diretrizes para o desenvolvimento sustentável do Paraná”. O tucano rebatizou o estudo de “Agenda Paraná!. As entidades de engenharia já conhecem o mesmo documento como “Projeto Paraná”. ... 

Leia mais

14 de abril de 2014
por esmael
48 Comentários

Depois de “resolver” empréstimos e saúde, Gleisi agora debruça sobre logística do Paraná

A ex-ministra e senadora Gleisi Hoffmann (PT), candidata ao governo do Paraná, tem agenda forte nesta segunda-feira (14). Depois de posicionar-se como “mãe” da liberação do empréstimo de R$ 817 milhões, que estava travado havia meses na Secretaria Nacional do Tesouro, agora a petista dedica seu tempo para ampliar a presença de médicos cubanos no estado e discutir os gargalos logísticos do Paraná.

Hoje pela manhã, em Curitiba, Gleisi participa de cerimônia de acolhimento e distribuição de 295 dos novos profissionais do programa Mais Médicos que atuarão em vários municípios. O evento conta com a presença do ministro da Saúde, Arthur Chioro.

Logo mais, a partir das 14h30, em Foz do Iguaçu, a senadora do PT ministra palestra sobre o Programa de Investimentos em Logística (PIL) do Governo Federal na 2!ª Reunião Ordinária do Colégio de Presidentes do Sistema Confea/Crea e Mútua, composto pelo presidente do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), pelos 27 presidentes dos Conselhos Regionais e pelo presidente da Mútua. A palestra acontece no Hotel Slaviero Suítes (Rua Rui Barbosa, 394). Na sequencia, a senadora visita o prefeito Reni Pereira.

Leia mais

5 de dezembro de 2013
por esmael
11 Comentários

Veto de Temer a “ménage à  trois” põe Paulo Rossi, do PSD, no aquecimento

Até o vice-presidente da República, Michel Temer, achou muita sacanagem proposta de "ménage à  trois" (palanque triplo) de Beto Richa (PSDB) aos peemedebistas do Paraná; diante do veto da direção nacional do PMDB à  aliança com o tucano, muito provavelmente, Cheida e Romanelli deverão antecipar saída de seus cargos no governo; de olho no Trabalho, PSD já colocou o sindicalista Paulo Rossi no aquecimento; PSC tem o ex-presidente do Crea, àlvaro Cabrini, para o Meio Ambiente.

Até o vice-presidente da República, Michel Temer, achou muita sacanagem proposta de “ménage à  trois” (palanque triplo) de Beto Richa (PSDB) aos peemedebistas do Paraná; diante do veto da direção nacional do PMDB à  aliança com o tucano, muito provavelmente, Cheida e Romanelli deverão antecipar saída de seus cargos no governo; de olho no Trabalho, PSD já colocou o sindicalista Paulo Rossi no aquecimento; PSC tem o ex-presidente do Crea, àlvaro Cabrini, para o Meio Ambiente.

O veto do vice-presidente da República, Michel Temer, à  participação do PMDB na “ménage à  trois” (palanque triplo) de Beto Richa (PSDB), poderá antecipar mexidas no primeiro escalão do governo do Paraná. O primeiro que entra na marca do pênalti é o secretário do Trabalho, Luiz Cláudio Romanelli, que é deputado estadual licenciado.  ... 

Leia mais

20 de novembro de 2013
por esmael
21 Comentários

CPI do Pedágio afrouxa o sutião de vez: ‘sem quebra de sigilos’

Xerifes da CPI do Pedágio não veem necessidade de quebrar sigilos das pedagiadoras, que, de acordo com estudo técnico do Crea, vêm roubando há 15 anos os usuários das rodovias privatizadas; no final deste ano, segundo um parlamentar ouvido pelo blog, haverá uma grande pizza para comemorar o resultado das "investigações"; script seria parecido com o de 1998, quando Lerner "baixou" a tarifa para reajustá-la depois de reeleito; para se dizer séria CPI precisaria colocar em seu relatório final a proposta de encampação da administração de suas estradas pelo Estado.

Xerifes da CPI do Pedágio não veem necessidade de quebrar sigilos das pedagiadoras, que, de acordo com estudo técnico do Crea, vêm roubando há 15 anos os usuários das rodovias privatizadas; no final deste ano, segundo um parlamentar ouvido pelo blog, haverá uma grande pizza para comemorar o resultado das “investigações”; script seria parecido com o de 1998, quando Lerner “baixou” a tarifa para reajustá-la depois de reeleito; para se dizer séria CPI precisaria colocar em seu relatório final a proposta de encampação da administração de suas estradas pelo Estado.

O presidente da CPI do Pedágio, deputado Nelson Luersen (PDT), afirmou que não vê motivos para pedir a quebra dos sigilos fiscal, telefônico e bancários das concessionárias que exploram 27 praças de pedágio nas rodovias do estado. ... 

Leia mais

8 de novembro de 2013
por esmael
3 Comentários

CPI do Pedágio suspeita influência de lobby até no estudo da Fipe

Membros da CPI do Pedágio deverão pedir suspeição de estudo apresentado pela Fipe que dá razão e sugere ressarcimento à s concessionárias de pedágio no Paraná; deputado vê lobby das empresas e conluio do governo do estado, que pagou estudo técnico! de R$ 165 mil  para Instituto supostamente favorecer! pedagiadoras;  Crea-PR, em parecer divulgado em março deste ano, apontou que os usuários vem sendo roubados há 15 anos, pois as rodovias do Anel de Integração se encontram em condições muito próximas das encontradas antes do processo de concessão!.

Membros da CPI do Pedágio deverão pedir suspeição de estudo apresentado pela Fipe que dá razão e sugere ressarcimento à s concessionárias de pedágio no Paraná; deputado vê lobby das empresas e conluio do governo do estado, que pagou estudo técnico! de R$ 165 mil para Instituto supostamente favorecer! pedagiadoras; Crea-PR, em parecer divulgado em março deste ano, apontou que os usuários vem sendo roubados há 15 anos, pois as rodovias do Anel de Integração se encontram em condições muito próximas das encontradas antes do processo de concessão!.

Este blogueiro conversou longamente nesta sexta (8) com um dos integrantes da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), da Assembleia Legislativa, que investiga a máfia do pedágio no Paraná. O deputado estranhou matéria publicada na edição de hoje no jornal Gazeta do Povo afirmando que “Pedágio no PR traz prejuízo tanto ao usuário quanto à s concessionárias“. ... 

Leia mais

5 de novembro de 2013
por esmael
7 Comentários

MP adere à  campanha do “Blog do Esmael” pela construção da ponte Matinhos-Guaratuba

Alvíssaras. Segundo reportagem de Thiago Machado, no jornal Metro, edição desta terça (5), o Ministério Público do Paraná (MP-PR), ingressou com uma ação civil pública pedindo que o governo do Estado faça o estudo de viabilidade da ponte Matinhos-Guaratuba.

Em dezembro de 2012, este blog lançou campanha pela construção da ponte Matinhos-Guaratuba (clique aqui para relembrar), sobre a baía de Guaratuba, com 800 metros de extensão, e mais de 34 quilômetros de acessos e viadutos pelas PRs 508 e 412.

A construção da ponte, uma reivindicação de mais de 20 anos, vai impactar positivamente em todos os municípios do Litoral porque consiste num conjunto de obras de mobilidade urbana. à‰ a oportunidade concreta de a região viver mais do que a temporada, enfim, viabilizar-se economicamente o ano inteiro. Esse tema foi abordado durante o lançamento do “Caderno Litoral” deste blog, no último final de semana, em Paranaguá.

Várias entidades, como Fiep, UGT, Crea, Assindilitoral, e lideranças políticas como o ex-governador Orlando Pessuti (PMDB) já se pronunciaram a favor da iniciativa do blog (baixe o material da campanha).

Seja bem-vindo, Ministério Público. Parabéns à  promotora Ana Claudia Luvizotto Bergo pela iniciativa e adesão à  campanha lançada pelo Blog do Esmael! A seguir, leia a íntegra da reportagem no jornal Metro:

MP entra na briga pela construção pela ponte de Guaratuba

A 1.!ª Promotoria de Justiça de Guaratuba entrou com uma ação civil pública pedindo que o governo do Estado faça o estudo de viabilidade da ponte do Guaratuba. A análise técnica seria a primeira ação para a futura construção, antiga reivindicação dos moradores do litoral e de turistas.

Segundo a autora da ação, promotora Ana Claudia Luvizotto Bergo, o MP-PR (Ministério Público do Paraná) está cobrando o cumprimento de uma lei estadual de 1991, que determina que o DER (Departamento de Estradas e Rodagem) construa a ponte.

A gente entende que houve uma omissão de mais de 20 anos. Nem o primeiro passo foi dado!, afirma.

Ela conta que, em junho, foi aberto um inquérito sobre a travessia em Guaratuba, que acabou resultando nesta ação civil.

Neste período, tivemos várias comunicações com o DER, mas o que parece é que nem eles chegaram a uma conclusão sobre a melhor solução!, conta.

O governo do Estado vem estudando, junto com o DNIT (Departamento Nacional de Infra Estrutura de Transporte), um projeto de melhoria do trânsito no litoral. Segundo o que o próprio órg Leia mais

14 de outubro de 2013
por esmael
16 Comentários

Coluna do Marcelo Araújo: Fruet continua na contramão em Curitiba

Marcelo Araújo, especialista em trânsito, em sua coluna semanal, não poupa Fruet, a quem culpa pelas trapalhadas no trânsito da capital; também especialista em multas, o colunista diz que a responsabilidade pelo cancelamento de recente 60 mil multas é do o ex-secretário de Trânsito, Joel Kruger, presidente do Crea; mais: Araújo desafia Prefeitura de Curitiba a mostrar representação judicial contra Correios, como havia anunciado na tentativa de eximir-se da responsabilidade na perda de R$ 4 milhões em infrações; leia o texto.

Marcelo Araújo, especialista em trânsito, em sua coluna semanal, não poupa Fruet, a quem culpa pelas trapalhadas no trânsito da capital; também especialista em multas, o colunista diz que a responsabilidade pelo cancelamento de recente 60 mil multas é do o ex-secretário de Trânsito, Joel Kruger, presidente do Crea; mais: Araújo desafia Prefeitura de Curitiba a mostrar representação judicial contra Correios, como havia anunciado na tentativa de eximir-se da responsabilidade na perda de R$ 4 milhões em infrações; leia o texto.

por Marcelo Araújo* ... 

Leia mais

24 de setembro de 2013
por esmael
37 Comentários

Governo Richa promete tirar do papel em 60 dias ponte Matinhos-Guaratuba

DER convoca empresas para construção da ponte Matinhos-Guaratuba; Blog do Esmael lançou campanha pelo início da obra em dezembro de 2012 com apoio do Crea, Fiep, UGT, Assindilitoral, além várias lideranças políticas e empresariais do Paraná; governo Richa pretende desengavetar projeto lançado pelo antecessor Pessuti.

DER convoca empresas para construção da ponte Matinhos-Guaratuba; Blog do Esmael lançou campanha pelo início da obra em dezembro de 2012 com apoio do Crea, Fiep, UGT, Assindilitoral, além várias lideranças políticas e empresariais do Paraná; governo Richa pretende desengavetar projeto lançado pelo antecessor Pessuti.

Em dezembro de 2012, este blog lançou campanha pela construção da ponte Matinhos-Guaratuba (clique aqui para relembrar), sobre a baía de Guaratuba, com 800 metros de extensão, e mais de 34 quilômetros de acessos e viadutos pelas PRs 508 e 412.  ... 

Leia mais