24 de fevereiro de 2018
por esmael
Comentários desativados em Chineses concluem compra do Terminal de Contêineres de Paranaguá

Chineses concluem compra do Terminal de Contêineres de Paranaguá

O grupo China Merchants Ports Holdings concluiu nesta quinta (22), em Brasília, a compra do Terminal de Contêineres do Porto de Paranaguá (TCP), no Litoral do Paraná, por R$ 2,9 bilhões. ... 

Leia mais

1 de setembro de 2016
por esmael
28 Comentários

Beto Richa pede que ilegítimo Michel Temer privatize o Porto de Paranaguá

temer_globo_richaO governador do Paraná Beto Richa (PSDB), antes do embarque do ilegítimo Michel Temer (PMDB) para a China, reforçou o pedido para privatizar o Porto de Paranaguá. A informação é do jornalista Lauro Jardim, n’O Globo, órgão porta-voz do golpe de Estado. Leia mais

15 de dezembro de 2015
por admin
3 Comentários

Calote Richa em salários põe em risco distribuição de merenda das crianças

codaparCom os salários atrasados e sem previsão de recebimento da segunda parcela do 13.º, os funcionários da Companhia de Desenvolvimento Agropecuário do Paraná (Codapar) entram em greve nesta terça-feira (15) por tempo indeterminado. A Codapar é vinculada à Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento (Seab) e possui mais de 350 funcionários.

A decisão da greve foi tomada em assembleia da categoria, promovida pelo Sindicato dos Engenheiros no Estado do Paraná (Senge-PR) e Sindaspp nesta segunda-feira (14) em Curitiba e Paranaguá. Com a paralisação, serviços de distribuição da merenda escolar e da importação e exportação de produtos agrícolas tendem a ficar comprometidos. Leia mais

3 de novembro de 2015
por esmael
7 Comentários

Beto Richa recebido com protesto no Porto de Paranaguá

O governador Beto Richa (PSDB) será alvo de protesto de trabalhadores, daqui a pouco, às 10h30, durante assinatura de contrato para dragagem dos portos de Antonio e Paranaguá  (APPA).

O ministro da Secretaria de Portos da Presidência da República, Helder Barbalho, também estará presente ao evento que será realizado no Auditório Emir Roth, Palácio Taguaré, na sede da APPA.

Os manifestantes já estão a postos no local aguardando a chegada do governador tucano.

Trabalhadores e comerciantes acreditam que o novo desenho da poligonal vai representar desemprego, subemprego, queda no comércio local e  um futuro incerto para a região.

Poligonais são áreas dos portos que definem as instalações portuárias e a infraestrutura de proteção e acesso ao porto. Os limites devem considerar os acessos marítimos e terrestres.

A poligonal e seus prejuízos

A população parnanguara, principalmente os trabalhadores portuários avulsos (tpas), que serão os primeiros e os maiores prejudicados, não sabem o que é a poligonal e os reflexos negativos que o novo traçado trará para cidade.

A poligonal define a área do porto organizado, onde o mercado de trabalho é exercido somente pelo tpa, ou seja, estivadores, arrumadores, vigias portuários, consertadores conferentes e trabalhadores de bloco com registro no Órgão Gestor de Mão de Obra (Ogmo/PR). Dentro do atual desenho da poligonal existente estão os portos de Paranaguá e Antonina e dos futuros portos de Pontal do Paraná e Embocui.

Com isso, o mercado de trabalho dos avulsos deve ser prioritário em todos esses terminais. Porém, a nova poligonal elaborada pela Appa e o grupo de trabalho, manteve na área de porto organizado, apenas o porto de Paranaguá, retirando o porto público de Antonina, Barão de Teffé, que não possui nenhuma movimentação de mercadorias e o Terminal Privativo da Ponta do Félix (TPPF) com intensa movimentação de fertilizantes e os futuros portos do Embocui e Pontal do Paraná. Com Leia mais

2 de outubro de 2015
por admin
1 Comentário

Exposição de fotos revela o avesso do Porto do Paranaguá

bannersite
Com o título “Um Outro Porto” o fotógrafo Ivan Ivanovick, que também é colaborador do Blog do Esmael, realizou durante os últimos meses um ensaio fotográfico registrando o entorno urbano do Porto de Paranaguá. A exposição abre nesta sexta-feira (2), às 20 horas, e ficará até o fim deste mês na Casa Monsenhor Celso, no Centro Histórico de Paranaguá.

As fotos mostram os contrastes e a disputa de espaço entre a cidade e o porto, bem como os impactos que a atividade portuária causam em seu entorno. São ruas, trilhos, armazéns e esteiras de transporte de grãos, além dos caminhões, contêineres, trens e pássaros disputando espaço num painel melancólico de sujeira e abandono. Leia mais

23 de agosto de 2015
por esmael
7 Comentários

Assembleia Legislativa fará audiência pública sobre o turismo no Litoral

audienciaA comissão de Turismo da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) realizará nesta segunda-feira (24), na Câmara Municipal de Paranaguá, uma audiência pública para debater o desenvolvimento do turismo no Litoral do estado.

Segundo o deputado estadual e presidente da comissão de turismo da ALEP, Chico Brasileiro (PSD), a ideia é debater alternativas para alavancar a atividade turística na região, sobretudo em relação à Ilha do Mel, Ferrovia Curitiba-Paranaguá, Porto de Paranaguá e as praias.

“Queremos debater com a sociedade organizada, formas de desenvolvermos, melhorarmos os serviços e divulgarmos nossos pontos turísticos do litoral do estado, pois entendemos que o turismo é uma importante fonte de geração de empregos e renda”, disse Chico.

O Litoral do Paraná possui muitos atrativos turísticos, como praias, rios, cidades históricas e gastronomia; mas sofre com a falta de estrutura e a sazonalidade. Fora da temporada de verão, o fluxo de visitantes cai muito e a economia se retrai. Fazer com que o turismo seja permanente e gire a economia durante todo o ano, é um grande desafio da região. Leia mais

9 de agosto de 2014
por esmael
18 Comentários

Coluna do Ricardo Gomyde: Pedágio, um peso abusivo nas costas dos paranaenses; até quando?

Quem vai para Santa Catarina por uma rodovia federal, por exemplo, paga um preço justo; já quem vai à s praias paranaenses, ou ao Porto de Paranaguá, deixa no pedágio um valor exorbitante. Portanto, o problema não é o pedágio, mas o pedágio praticado no Paraná!. A afirmação é de Ricardo Gomyde em sua coluna deste sábado, que denuncia a tarifa de R$ 15,40 cobrada no trecho da BR 277, administrado pela Ecovia, por sagrar o bolso do paranaense e encarecendo o custo da produção. O Paraná não aguenta mais esse peso em suas costas. à‰ preciso agir!!, cobra o colunista. Leia o texto e compartilhe.

Quem vai para Santa Catarina por uma rodovia federal, por exemplo, paga um preço justo; já quem vai à s praias paranaenses, ou ao Porto de Paranaguá, deixa no pedágio um valor exorbitante. Portanto, o problema não é o pedágio, mas o pedágio praticado no Paraná!. A afirmação é de Ricardo Gomyde em sua coluna deste sábado, que denuncia a tarifa de R$ 15,40 cobrada no trecho da BR 277, administrado pela Ecovia, por sagrar o bolso do paranaense e encarecendo o custo da produção. O Paraná não aguenta mais esse peso em suas costas. à‰ preciso agir!!, cobra o colunista. Leia o texto e compartilhe.

Ricardo Gomyde* ... 

Leia mais

1 de agosto de 2014
por esmael
2 Comentários

Comunidade pede fechamento do terminal de álcool de Paranaguá

Os moradores da Vila Becker, nas proximidades de Canal da Anhaia, em Paranaguá, se mobilizaram e ingressaram com um novo pedido de fechamento do Terminal Público de àlcool do Porto de Paranaguá e a paralisação imediata da remoção das famílias da Comunidade do Canal do Anhaia. Eles alegam que a remoção das famílias sem a devida avaliação dos imóveis prejudicará a indenização, e também o fato de que muitos moradores da área são pescadores e a remoção para uma região longe da baía prejudicaria seu trabalho.

Uma ação pública foi proposta em 2008 pelo Ministério Público Federal contra a APPA (Associação dos Portos), IAP (Instituto Ambiental do Paraná), União, e as empresas Vopak, Fospar, Cattalini e Petrobrás com o objetivo final de impedir o funcionamento do Terminal Público de àlcool, mediante suspensão de licenças ambientais concedidas.

Os réus de forma solidária foram obrigados a efetuar o levantamento das famílias residentes no entorno da área do Terminal. A Prefeitura doou um terreno próximo a PR!“407, no Bairro Porto Seguro, e algumas famílias já foram removidas. Mas os problemas continuam para quem ainda reside próximo ao canal.

A situação é deplorável uma vez que a poluição é grave e tem causado sérios problemas de saúde e até mesmo óbitos. A ação em andamento requer estudo de impacto de vizinhança, fundamental para que se tenha conhecimento da extensão dos danos causados pelas atividades do Terminal de àlcool ao meio ambiente e à  saúde dos antigos e dos atuais moradores.

Com informações do Blog da Luciane Chiarelli

Leia mais

25 de junho de 2014
por esmael
31 Comentários

Gleisi Hoffmann: tarifaço de 35% na energia “é do governador Beto Richa”

Em nota oficial, a senadora Gleisi Hoffmann (PT) contraditou na noite desta quarta (25) a versão do governador Beto Richa (PSDB) segunda qual o aumento 35,05% na tarifa de energia é responsabilidade do governo federal.

“… a proposta de impor ao povo do Paraná o reajuste de 35,05% foi feita pela COPEL, empresa controlada pelo governo do Paraná”, diz um trecho do comunicado.

A petista, que é candidata ao Palácio Iguaçu, afirmou que “a verdade é o contrário: foi a ação do governo federal que fez com que, no ano passado, os consumidores de todo o País tivessem uma redução média de 20,2 % no valor da conta de luz”.

Leia a íntegra da nota oficial de Gleisi Hoffmann:

A verdade sobre o aumento da Copel

Preocupada com as inverdades sobre o aumento da energia que estão sendo divulgadas pelo governador do Paraná, em nome da verdade e da transparência, a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) vem a público solicitar a atenção dos paranaenses para os seguintes pontos:

1) a responsabilidade pelo reajuste de 35,5% na conta de luz é do governador Beto Richa.

2) nota oficial da Secretaria de Comunicação Social do Governo Federal, com data de hoje, 25/6, é categórica: a proposta de impor ao povo do Paraná o reajuste de 35,05% foi feita pela COPEL, empresa controlada pelo governo do Paraná.

3) é lamentável que o chefe do Executivo estadual tente manipular a boa-fé das pessoas dizendo-se surpreendido com a decisão do governo federal de aumentar a luz em 35,05%!.

4) o governo federal não aumentou e nem aumenta a conta de luz. Aliás, a verdade é o contrário: foi a ação do governo federal que fez com que, no ano passado, os consumidores de todo o País tivessem uma redução média de 20,2 % no valor da conta de luz.

5) a Agência Nacional de Energia Elétrica, (Aneel), au Leia mais

18 de junho de 2014
por esmael
17 Comentários

Deputado entra com ‘ação inibitória” na Justiça para proibir Richa de nomear convencionais do PMDB

O deputado federal João Arruda ingressou na Justiça Eleitoral, na tarde desta quarta (18), com uma ação inibitória contra as nomeações de convencionais do PMDB pelo governador Beto Richa (PSDB).

No pedido do parlamentar, que é sobrinho do senador Roberto Requião, pré-candidato peemedebista ao Palácio Iguaçu, ele pede que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) proíba o tucano de “continuar a nomear os delegados do PMDB ou seus parentes, até o terceiro grau, para cargos em comissão”.

A liminar pretendida por Arruda tem como base denúncia de que o governador do estado estaria usando a máquina pública para cooptar os convencionais do PMDB com o intuito de aprovar coligação com o PSDB.

Leia o pedido de liminar em ação inibitória contra Beto Richa:

http://s3.amazonaws.com/static.esmaelmorais.com.br/wp-content/uploads/2014/06/20114851/acao_inibitoria_tre.pdf

Leia mais

16 de junho de 2014
por esmael
24 Comentários

Requião prevê candidatura própria no PMDB com apoio de 85%

A semana será decisiva para eleições no Paraná, pois a convenção estadual do PMDB nesta sexta (20) selará destinos de Requião e Richa; em meio a denúncias de corrupção, peemedebistas decidem daqui a 4 dias entre candidatura própria e coligação com o PSDB; advogado Luiz Fernando Delazari, ex-secretário da Segurança, não descarta prisões de corruptores e corrompidos na Operação Trinta Dinheiros!.

A semana será decisiva para eleições no Paraná, pois a convenção estadual do PMDB nesta sexta (20) selará destinos de Requião e Richa; em meio a denúncias de corrupção, peemedebistas decidem daqui a 4 dias entre candidatura própria e coligação com o PSDB; advogado Luiz Fernando Delazari, ex-secretário da Segurança, não descarta prisões de corruptores e corrompidos na Operação Trinta Dinheiros!.

Na próxima sexta-feira, dia 20, o PMDB vai à  tão esperada convenção estadual. Serão 596 votos de convencionais que definirão entre a candidatura do senador Roberto Requião e a coligação com o PSDB do governador Beto Richa. ... 

Leia mais

13 de junho de 2014
por esmael
22 Comentários

PF vai investigar nomeações de comissionados para votar contra Requião na convenção do PMDB

Ivori José Dias, delegado do município de Guaraqueçaba, nesta sexta (13), foi à  Polícia Federal denunciar que fora nomeado no Porto de Paranaguá em troca de voto na convenção estadual do PMDB contra a candidatura própria e a favor da coligação com o PSDB do governador Beto Richa; em vídeo, Requião pediu cadeia para os malandros que utilizam cargos públicos para corrupção!; advogado Luiz Fernando Delazari avisou que vai jogar pesado! contra a corrupção no governo tucano; leia abaixo a íntegra do depoimento do convencional na PF.

Ivori José Dias, delegado do município de Guaraqueçaba, nesta sexta (13), foi à  Polícia Federal denunciar que fora nomeado no Porto de Paranaguá em troca de voto na convenção estadual do PMDB contra a candidatura própria e a favor da coligação com o PSDB do governador Beto Richa; em vídeo, Requião pediu cadeia para os malandros que utilizam cargos públicos para corrupção!; advogado Luiz Fernando Delazari avisou que vai jogar pesado! contra a corrupção no governo tucano; leia abaixo a íntegra do depoimento do convencional na PF.

O delegado partidário Ivori José Dias, do município de Guaraqueçaba, Litoral, procurou a Polícia Federal (PF), nesta sexta-feira (13), para formalizar denúncia de compra de votos na convenção do PMDB do Paraná contra a candidatura própria do senador Roberto Requião. ... 

Leia mais

12 de junho de 2014
por esmael
35 Comentários

Coluna do Requião Filho: Abaixo a corrupção na convenção do PMDB

Requião Filho, em sua coluna desta quinta, condena utilização de cargos comissionados no Porto de Paranaguá, pelo PSDB, para interferir no resultado da convenção estadual do PMDB; partido vai definir no próximo dia 20 entre candidatura própria do senador Roberto Requião e coligação com o PSDB do governador Beto Richa; "Isto pode ser chamado de corrupção? Que moral tem quem promove a corrupção?", indaga o colunista, especialista em políticas públicas, que emenda: "daria roteiro de filme de máfia vagabundo"; leia o texto e compartilhe.

Requião Filho, em sua coluna desta quinta, condena utilização de cargos comissionados no Porto de Paranaguá, pelo PSDB, para interferir no resultado da convenção estadual do PMDB; partido vai definir no próximo dia 20 entre candidatura própria do senador Roberto Requião e coligação com o PSDB do governador Beto Richa; “Isto pode ser chamado de corrupção? Que moral tem quem promove a corrupção?”, indaga o colunista, especialista em políticas públicas, que emenda: “daria roteiro de filme de máfia vagabundo”; leia o texto e compartilhe.

Requião Filho* ... 

Leia mais

11 de junho de 2014
por esmael
35 Comentários

Em menos de 24 horas, Porto de Paranaguá volta atrás e “demite” convencionais do PMDB pró-Richa

E-mail interno da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA), que o Blog do Esmael teve acesso com exclusividade, nesta quarta (11), em menos de 24 horas depois de denúncia, informa que a "demissão" de convencionais do PMDB do Litoral; delegado e parente de peemedebistas estariam trocando voto contra Requião, na convenção do partido, por cargo comissionado de R$ 7 mil ao mês; mesmo com suspensão de contratações, deputado João Arruda avisa que vai pedir na Justiça e à  direção nacional do PMDB a suspeição dos convencionais do Litoral. (Clique na imagem para ampliar).

E-mail interno da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA), que o Blog do Esmael teve acesso com exclusividade, nesta quarta (11), em menos de 24 horas depois de denúncia, informa que a “demissão” de convencionais do PMDB do Litoral; delegado e parente de peemedebistas estariam trocando voto contra Requião, na convenção do partido, por cargo comissionado de R$ 7 mil ao mês; mesmo com suspensão de contratações, deputado João Arruda avisa que vai pedir na Justiça e à  direção nacional do PMDB a suspeição dos convencionais do Litoral. (Clique na imagem para ampliar).

Menos de 24 horas depois de nomear convencionais ou pessoas ligadas a delegados do PMDB à  convenção estadual do PMDB, a superintendência do Porto de Paranaguá voltou atrás e “demitiu” nesta quarta-feira (11) Camila Roque e Ivori José Dias. ... 

Leia mais

11 de junho de 2014
por esmael
40 Comentários

Deputado apresenta provas de compra de votos contra Requião na convenção do PMDB do Paraná

Deputado João Arruda apresentou provas nesta quarta (11) de uso do Porto de Paranaguá para cabalar votos de peemedebistas contra Requião; Ivori José Dias, delegado do PMDB de Guaraqueçaba, foi nomeado hoje para exercer o cargo de chefe da seção de operações Antonina; ontem, o parlamentar já havia denunciado a contratação de Camila Roque, filha do vereador Marquinhos Roque, presidente da Câmara Municipal de Paranaguá, que é delegado à  convenção estadual do PMDB, e sobrinha de outro convencional, Mário Cezar Elias Roque, conhecido como Maruca; Se o Ministério Público precisava de provas concretas para agir, aí estão os recibos das compras de votos de convencionais do PMDB!; sobrinho de Requião adiantou que pedir na Justiça e à  direção nacional do PMDB a suspeição dos convencionais do Litoral. (Clique na imagem para ampliar).

Deputado João Arruda apresentou provas nesta quarta (11) de uso do Porto de Paranaguá para cabalar votos de peemedebistas contra Requião; Ivori José Dias, delegado do PMDB de Guaraqueçaba, foi nomeado hoje para exercer o cargo de chefe da seção de operações Antonina; ontem, o parlamentar já havia denunciado a contratação de Camila Roque, filha do vereador Marquinhos Roque, presidente da Câmara Municipal de Paranaguá, que é delegado à  convenção estadual do PMDB, e sobrinha de outro convencional, Mário Cezar Elias Roque, conhecido como Maruca; Se o Ministério Público precisava de provas concretas para agir, aí estão os recibos das compras de votos de convencionais do PMDB!; sobrinho de Requião adiantou que pedir na Justiça e à  direção nacional do PMDB a suspeição dos convencionais do Litoral. (Clique na imagem para ampliar).

“Se o Ministério Público precisava de provas concretas para agir, aí estão os recibos das compras de votos de convencionais do PMDB”. São essas as palavras do deputado federal João Arruda, que, nesta quarta-feira (11), mostrou cópias das portarias que contratam delegados do partido pela superintendência do Porto de Paranaguá (APPA). Segundo o parlamentar, cada cargo representa R$ 7 mil ao mês para os convencionais votarem, no próximo dia 20, contra a candidatura própria do senador Roberto Requião ao Palácio Iguaçu. ... 

Leia mais