17 de Março de 2018
por esmael
Comentários desativados em A lava jato desgraçou a economia em quatro anos

A lava jato desgraçou a economia em quatro anos

O combate é um fetiche seletivo da lava jato, que trava uma guerra moral contra Lula e o PT. As sucessivas operações da força-tarefa de Sérgio Moro e Deltan Dallagnol desgraçaram a economia nesses últimos quatro anos. Leia mais

21 de Fevereiro de 2018
por esmael
Comentários desativados em PT reafirma que intervenção político-militar “é contra os pobres” do Rio de Janeiro

PT reafirma que intervenção político-militar “é contra os pobres” do Rio de Janeiro

As bancadas do PT na Câmara e do Senado não têm dúvidas de que a intervenção político-militar no Rio de Janeiro, empreendida por Michel Temer, é contra os pobres e negros que vivem nos morros cariocas. E mais: o ex-presidente Lula disse hoje (21), em Minas Gerais, que o objetivo do emedebista é roubar os votos do deputado Jair Bolsonaro (PSL-RJ). Leia mais

21 de Fevereiro de 2018
por esmael
Comentários desativados em Globo age como “Maria Batalhão”

Globo age como “Maria Batalhão”

O fetiche da Globo e dos Marinho com a farda vem de longa data. Desde a ditadura militar, em 1964, quando o grupo de comunicação começou a se consolidar no Brasil. Eles têm fetiche igual ao da “Maria Batalhão”, porém, com uma diferença: as mulheres que têm forte atração por homens que vestem farda não atentam contra a dignidade nem contra a vida da pessoa humana. Leia mais

21 de Fevereiro de 2018
por esmael
1 Comentário

Requião: Intervenção no Rio é uma farsa midiática de um governo desmoralizado

O senador Roberto Requião (MDB-PR), em discurso nesta terça (20), afirmou que as Forças Armadas poderão sair completamente desmoralizadas da intervenção militar no Rio de Janeiro. Leia mais

19 de Fevereiro de 2018
por esmael
Comentários desativados em Temer testará hoje “jogada publicitária” na Câmara; PT votará contra intervenção no Rio

Temer testará hoje “jogada publicitária” na Câmara; PT votará contra intervenção no Rio

A Câmara deverá votar na noite desta segunda (19) o decreto de Michel Temer que impõe intervenção militar no Rio de Janeiro. A sessão foi marcada para iniciar às 19 horas. O PT quer deixar claro, hoje à noite, que o emedebista pretende fazer um palanque em cima de cadáveres de pobres e negros dos morros cariocas. Leia mais

18 de Fevereiro de 2018
por esmael
3 Comentários

Bispo da Igreja Católica afirma que intervenção militar é contra pobres e negros do Rio

O bispo da Igreja Católica Dom Mauro Morelli, pelo Twitter, desmistificou a intervenção militar de Michel Temer afirmando que se trata de uma ação contra os pobres do Rio de Janeiro. Leia mais

28 de Março de 2015
por esmael
20 Comentários

OAB publica ‘Nota de Repúdio’ sobre caso de racismo contra médica afrodescendente

oab2A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Seção Paraná, publicou através da Comissão de Igualdade Racial e de Gênero, presidida pelo advogado Mesael Caetano dos Santos, uma nota de repúdio sobre o caso de racismo contra uma médica gaúcha do programa Mais Médicos, que trabalha no município de Santa Helena, no Oeste do Paraná.

O caso veio a público nesta semana quando a médica Thatiane Santos da Silva registrou queixa contra a secretária municipal de Saúde de Santa Helena, Terezinha Madalena Bottega, alegando comentários racistas por causa do penteado no estilo “dreadlock” que ela usa. Leia a nota a seguir.

13 de novembro de 2013
por esmael
4 Comentários

Média salarial de negros é 36% menor, aponta Dieese

da Agência BrasilOs negros representam 48,2% dos trabalhadores nas regiões metropolitanas. Mas, mesmo assim, a média de seu salário chega a ser 36,1% menor do que a de não negros. As diferenças salariais recebem pouca influência da região analisada, das horas trabalhadas ou do setor de atividade econômica, o que significa que os negros efetivamente recebem menos do que os brancos. As informações são do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) e foram divulgadas hoje (13).

A pesquisa, realizada entre 2011 e 2012 nas regiões metropolitanas de Belo Horizonte, Fortaleza, Porto Alegre, Recife, Salvador e São Paulo, além do Distrito Federal, aponta desproporção também em relação à  formação educacional.

Dos negros trabalhadores, 27,3% não haviam concluído o ensino fundamental (que vai do 1!º ao 9!° ano) e apenas 11,8% conquistaram o diploma de ensino superior, ao passo que entre os não negros em atividade 17,8% não terminaram o ensino fundamental e 23,4% formaram-se em uma faculdade. E, segundo o Dieese, esse cenário se reflete nos ganhos salariais.

Ainda de acordo com o Dieese, um trabalhador negro com nível superior completo recebe na indústria da transformação, em média, R$ 17,39 por hora, enquanto um não negro chega a receber R$ 29,03 por hora. Isso pode ser explicado porque o avanço escolar beneficia a todos promovendo o aumento dos ganhos do trabalho, mas de maneira mais expressiva para os não negros!.