17 de março de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em A lava jato quebrou o país

A lava jato quebrou o país

O fetiche da lava jato do combate à corrupção quebrou o país e talvez precisemos duas décadas para nos recuperarmos do ponto de vista político, econômico e moral. ... 

Leia mais

6 de março de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Bolsonaro tenta minimizar vídeo pornô; ação popular exige retirada do Twitter

Bolsonaro tenta minimizar vídeo pornô; ação popular exige retirada do Twitter

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) corre o risco de ser obrigado, pela Justiça, a retirar vídeo pornô com cenas “golden shower” (fetiche de urinar no parceiro) durante relação sexual. ... 

Leia mais

27 de janeiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em O estranho fetiche de Bolsonaro pelo Estado de Israel

O estranho fetiche de Bolsonaro pelo Estado de Israel

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) tem vários fetiches, além daqueles com a comunidade LGTB, dentre os quais um é mais estranho: pelo Estado de Israel. ... 

Leia mais

12 de dezembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em A lava jato deu mais prejuízos do que benefícios ao Brasil

A lava jato deu mais prejuízos do que benefícios ao Brasil

Na ponta do lápis, a lava jato deu mais prejuízos do que benefícios aos brasileiros nesses quase cinco anos de atuação. Só em um acordo judicial, em virtude da força-tarefa criada pelo ex-juiz Sérgio Moro, a Petrobras teve de pagar R$ 10 bilhões para os temidos fundos abutres norte-americanos.

LEIA TAMBÉM

Bolsonaro tem 74% de desaprovação na América Latina, diz Ipsos ... 

Leia mais

30 de novembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em O fetiche do MPF é prender Lula, mas liberar geral o auxílio-moradia

O fetiche do MPF é prender Lula, mas liberar geral o auxílio-moradia

O Ministério Público Federal (MPF) tem uma lógica perversa e um falso moralismo incríveis: manter preso o ex-presidente Lula e liberar geral o auxílio-moradia para toda a magistratura.

Há tempos o MPF deixou de cumprir seu papel constitucional — custos legis, isto é, de fiscal da lei — para defender pautas e fetiches corporativos como aumento salarial, participação no ‘lucro’ das delações, punição exacerbada para petistas — escolhidos como inimigos do Estado — e afrouxamento do rigor para os amigos do rei (

vide o caso Onyx Lorenzoni ... 

Leia mais

19 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Em artigo, Márcia Tiburi associa lava jato ao fascismo de Hitler

Em artigo, Márcia Tiburi associa lava jato ao fascismo de Hitler

A pré-candidata do PT ao governo do Rio, Márcia Tiburi, em artigo na revista Cult, aponta as semelhanças entre a lava jato e o nazismo de Adolf Hitler, na Alemanha.

“Ao longo da história, não há movimento autoritário que não tenha contado com o apoio de considerável parcela de juristas e juízes. Hitler, por exemplo, não cansava de agradecer o apoio dos juízes alemães”, escreve ao comparar os autoritarismos de Führer com à força-tarefa do juiz Sérgio Moro.

Para Tiburi, “a pretexto de combater a corrupção, a Operação Lava Jato revelou-se um instrumento de corrupção da democracia.”

A pré-candidata petista não tem dúvidas de que — por trás do fetiche do combate á corrupção — a operação lava jato é uma farsa:

“Em outras palavras, diante dos descuidos dos neoinquisidores brasileiros, os efeitos negativos da Operação Lava Jato para a economia são bem superiores à recuperação dos ativos.”

Leia a íntegra do texto, originalmente publicado na revista

Cult ... 

Leia mais

12 de abril de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Temer no bico do corvo

Temer no bico do corvo

Michel Temer está no bico do corvo. Por isso ele voou nesta quinta (12), fora da agenda, para se encontrar com advogados. O Vampirão Neoliberal foi acompanhar de perto a nova crise que envolve Maristela Temer, filha dele, que teria pago reforma de uma casa com dinheiro mal havido pelo coronel Lima.

O pagamento foi realizado por dinheiro vivo pela mulher do amigo de Temer, o coronel Lima, segundo a Polícia Federal.

Embora o Vampirão Neoliberal tenha uma política canalha para economia, contra os trabalhadores, favorável aos bancos, o falso moralismo da mídia e o fetiche da PF em combater corrupção, a qualquer custo, não devem merecer acolhida quando atacam a família para atingir um objetivo explicitamente político. Leia mais

9 de abril de 2018
por Esmael Morais
4 Comentários

Delegado da PF pediu prisão de Temer, Alckmin e Aécio

O k-suco ferveu na Polícia Federal nas últimas horas, pois o delegado Milton Fornazari Junior, ex-chefe da seção de combate à corrupção e ao crime organizado de São Paulo, defendeu nas redes sociais a prisão de Michel Temer (MDB), Aécio Neves (PSDB) e Geraldo Alckmin (PSDB).

LEIA TAMBÉM

Ou Moro prende políticos do PSDB ou Moro se desmoraliza ainda mais ... 

Leia mais

19 de março de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Seria justificável o auxílio-moradia se juízes defendessem a nação

Seria justificável o auxílio-moradia se juízes defendessem a nação

A velha mídia emenda na discussão do auxílio-moradia — que ela trata como uma questão moral — o pagamento de gratificações a desembargadores e juízes que acumularem “jurisdição, funções administrativas ou acervo processual”. A sociedade poderia até pagar esses penduricalhos de bom grado, se a magistratura ao menos defendesse o país e a soberania nacional. Não o faz, por isso é vítima deste debate umbilical, desgastante, despolitizado.

O ex-jornal curitibano

Gazeta do Povo ... 

Leia mais

17 de março de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em A lava jato desgraçou a economia em quatro anos

A lava jato desgraçou a economia em quatro anos

O combate é um fetiche seletivo da lava jato, que trava uma guerra moral contra Lula e o PT. As sucessivas operações da força-tarefa de Sérgio Moro e Deltan Dallagnol desgraçaram a economia nesses últimos quatro anos.

Quebraram as todas áreas em que os fundamentalistas da lava jato meteram a mão. Vide a indústria naval, a engenharia, o setor de petróleo e gás, a construção civil, a indústria de proteínas, etc.

Dallagnol, Moro et caterva tem muito a comemorar nesses quatro anos de lava jato: R$ 160 bilhões de prejuízo na Petrobras e 12,7 milhões de desempregados no país.

O Brasil antes da lava jato era o do pleno emprego, da economia em expansão, de respeitabilidade internacional, da felicidade, do desenvolvimento e da prosperidade. Agora é só tristeza principalmente dos trabalhadores, dos jovens, dos velhos, do mais pobres e dos negros deste país. Leia mais

21 de fevereiro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Globo age como “Maria Batalhão”

Globo age como “Maria Batalhão”

O fetiche da Globo e dos Marinho com a farda vem de longa data. Desde a ditadura militar, em 1964, quando o grupo de comunicação começou a se consolidar no Brasil. Eles têm fetiche igual ao da “Maria Batalhão”, porém, com uma diferença: as mulheres que têm forte atração por homens que vestem farda não atentam contra a dignidade nem contra a vida da pessoa humana.

Dito isto, a Globo tem sido fundamentalista em favor da militarização do Rio e do país. Jornais, revistas, tevês, rádios e portais da empresa se esforçam diuturnamente para convencer a sociedade de que o problema dela agora é segurança pública. (Note o caríssimo leitor que está vendo um deslocamento de pauta, da corrupção para a insegurança cujos alvos são os negros e pobres das periferias).

A repentina mudança de pauta na Globo tem duas razões de ser: 1- ela trabalha com o exaurimento do tema “corrupção” com a cada vez mais possível prisão do ex-presidente Lula; e 2- tenta alavancar o moribundo ‘vampiro neoliberalista’, qual seja, Michel Temer, nome adotado pelos Marinho para uma nova temporada de “ditadura” sob a bandeira da “segurança pública”.

Resumo da ópera: a Globo está usando os militares para vitaminar o vampirão nas urnas.
Leia mais

14 de fevereiro de 2018
por Esmael Morais
1 Comentário

O judiciário está nu!

“Toda nudez será castigada”, premonizou certa feita o dramaturgo e jornalista Nelson Rodrigues. De repente, não mais que de repente, não é que o judiciário ‘ficou nu’ e precisa se explicar à opinião pública –ou seria opinião publicada? — sobre privilégios e prebendas?

Equivoca-se quem acha que a reação a juízes e procuradores tem relação com salários. Essa polêmica é falsa tal qual uma nota de três reais. “… a crítica cega contra a remuneração da magistratura é pré-jurídica e conspira contra o Estado de Direito”, afirma o juiz Federal no Recife (PE)

Roberto Wanderley Nogueira ... 

Leia mais

6 de julho de 2017
por Esmael Morais
Comentários desativados em O mundo de Janot

O mundo de Janot

O procurador-geral da República Rodrigo Janot não se sente culpado pela crise política e econômica do país. Ele também não vê relação da desgraça do povo com a lava jato, depois ajudar no golpe de Estado. Leia mais