7 de novembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em PT aciona PGR contra vinheta do SBT que enaltece a ditadura militar

PT aciona PGR contra vinheta do SBT que enaltece a ditadura militar

O SBT, pertencente ao empresário Sílvio Santos, incorreu em vários crimes, alguns incluídos na Lei de Segurança Nacional, ao divulgar em sua programação, na terça-feira (6), vinhetas com o bordão “Brasil, ame-o ou deixe-o”, um dos principais slogans do período da ditadura militar. ... 

Leia mais

3 de novembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Deputado petista propõe “Lei Sergio Moro” contra interferência de juízes na política

Deputado petista propõe “Lei Sergio Moro” contra interferência de juízes na política

O deputado federal Paulo Teixeira, do PT de São Paulo, vai propor na Câmara a “Lei Sergio Moro” para impedir que juízes deixem a magistratura para assumir cargos em governos. ... 

Leia mais

1 de novembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Moro no superministério de Bolsonaro repercute no PT

Moro no superministério de Bolsonaro repercute no PT

Os petistas estão convencidos que o ex-presidente Lula e o PT foram perseguidos pelo juiz Sergio Moro porque ele queria ser ministro no futuro governo de Jair Bolsonaro (PSL). Nesse sentido, lideranças do partido utilizaram as redes sociais para se manifestarem sobre o assunto.  ... 

Leia mais

19 de outubro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Veja essa: Moro jura que está sendo perseguido pelo PT

Veja essa: Moro jura que está sendo perseguido pelo PT

O juiz Sérgio Moro disse em sua defesa ao CNJ (Conselho Nacional de Justiça) que está sendo perseguido pelo PT. Mais precisamente pelos deputados Wadih Damous (RJ), Paulo Pimenta (RS) e Paulo Teixeira (SP). ... 

Leia mais

4 de outubro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Moro no ‘bico do corvo’ por boca de urna

Moro no ‘bico do corvo’ por boca de urna

O juiz Sérgio Moro terá de explicar ao CNJ (Conselho Nacional de Justiça) sua participação na campanha eleitoral contra o PT e a eleição de Fernando Haddad. ... 

Leia mais

3 de outubro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Toffoli mantém censura a Lula

Toffoli mantém censura a Lula

O ministro Dias Toffoli, presidente do STF, também conhecido como “O Ingrato”, manteve esta noite a censura prévia às entrevistas de Lula. ... 

Leia mais

1 de outubro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em URGENTE: PT PEDE AFASTAMENTO DE SÉRGIO MORO

URGENTE: PT PEDE AFASTAMENTO DE SÉRGIO MORO

O deputado Paulo Pimenta (PT-RS), líder da bancada na Câmara, informou que o PT vai pedir o afastamento do juiz Sérgio Moro devido à ingerência no processo eleitoral. ... 

Leia mais

1 de agosto de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em PT anuncia acordo com PSB, PCdoB e PROS nos estados

PT anuncia acordo com PSB, PCdoB e PROS nos estados

O deputado Paulo Teixeira (PT-SP), membro do grupo de tática eleitoral do PT, anunciou nesta quarta (1º) resolução de acordo com PSB, PCdoB e PROS nos estados. ... 

Leia mais

9 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Em nota, PT afirma que prisão de Lula aprofunda sentimento de injustiça

Em nota, PT afirma que prisão de Lula aprofunda sentimento de injustiça

Os deputados do PT Paulo Pimenta (RS), Paulo Teixeira (SP) e Wadih Damous, em nota, afirmam que a decisão do desembargador Thompson Flores, presidente do TRF4, aprofunda o sentimento de injustiça contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. ... 

Leia mais

24 de abril de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Deputados barrados em visita a Lula pedem “medidas enérgicas” contra juíza do Paraná

Deputados barrados em visita a Lula pedem “medidas enérgicas” contra juíza do Paraná

Deputados que compõem a Comissão Externa da Câmara, barrados na Polícia Federal de Curitiba, irão cobrar “medidas enérgicas” do presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ). Eles foram barrados na visita que fariam nesta terça (24) ao ex-presidente Lula. ... 

Leia mais

26 de fevereiro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Deputado Paulo Teixeira sugere ‘operação política’ da PF na casa de Jaques Wagner

Deputado Paulo Teixeira sugere ‘operação política’ da PF na casa de Jaques Wagner

O deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP) sugeriu nesta segunda (26), pelo Twitter, que a operação Cartão Vermelho, da Polícia Federal, que faz buscas na casa do ex-governador da Bahia Jaques Wagner é nitidamente política.  ... 

Leia mais

26 de fevereiro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Jaques Wagner, plano B de Lula e PT, é alvo de operação da Polícia Federal

Jaques Wagner, plano B de Lula e PT, é alvo de operação da Polícia Federal

As ações político-partidárias da PF dão o tamanho exato do medo do PT, que, mesmo sem Lula, continua sendo o bicho-papão de 2018. ... 

Leia mais

10 de fevereiro de 2018
por Esmael Morais
1 Comentário

PF sob investigação do PT

O feitiço virou contra o feiticeiro, pois o Partido dos Trabalhadores vai denunciar o diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, por encobrir supostos crimes de Michel Temer. Sim, o PT quer, com razão, investigar a PF. ... 

Leia mais

11 de agosto de 2016
por Esmael Morais
36 Comentários

Gleisi: Golpe no Brasil agora também é problema das Américas; leia a íntegra da petição à OEA

dilma_golpe_temerA senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) reverbera nesta quinta (11) o pedido de liminar na Organização dos Estados Americanos (OEA) contra o golpe de Estado no Brasil. Leia mais

7 de maio de 2016
por Esmael Morais
33 Comentários

Supremo recebe 1º pedido de anulação do impeachment de Dilma

paulo_teixeiraO deputado Paulo Teixeira (PT-SP) ingressou na quinta-feira (5), no Supremo, com pedido de anulação da votação do impeachment na Câmara. O ministro Luiz Fux vai relatar o mandado de segurança com pedido de liminar.

A ação do parlamentar foi a primeira protocolada no STF após a votação de 17 de abril, que culminou com 367 votos favoráveis ao impeachment da presidente Dilma Rousseff ante 137 contrários.

No pedido de anulação, Teixeira argumenta que os partidos atropelaram a “lei do impeachment”, de 1950, ao determinar como deveriam votar seus parlamentares. Leia mais

9 de fevereiro de 2016
por admin
4 Comentários

Coluna do Enio Verri: Reforma tributária com justiça social

Enio Verri*

Constituído sob desigualdades sociais e mazelas que integram o Brasil desde sua colonização, o sistema tributário brasileiro não só apresenta disparidades que motivam constantes reclamações e reforçam as hierarquias sociais, como ainda, reproduz um modelo antiquado e desequilibrado que equaliza a taxação entre ricos e classe média.

Um sistema formulado por diferenças e normatizações que permitem a taxação de uma grande parcela que recebe pouco mais de dois salários mínimos — na essência, deveriam estar isentos — enquanto iguala rendas médias e altas, como se o impacto fosse o mesmo na vida desses contribuintes. Sem contar os outros benefícios, como o não pagamento de imposto sobre lanchas ou grandes fortunas, que os mais ricos recebem.

Um modelo arcaico que se encontra sob a necessidade e proposta de reforma, formulada pelos deputados federais do PT Sibá Machado, Afonso Florence, Vicente Cândido, José Mentor e Paulo Teixeira, além deste que assina essa coluna, que não só reconfigura a tabela do Imposto de Renda, como ainda, aumenta a arrecadação governamental, em tempos de reajuste fiscal, com justiça tributária.

Contrariando a lógica estabelecida pelo Leão, a reforma sugerida ao IR prevê um novo enquadramento que amplia o número de isentos e reduz consideravelmente a tributação a quase todas as faixas de renda. Sob essa nova perspectiva, todos aqueles que recebem até R$ 3.390,00 por mês estariam isentos – hoje, quem não contribui são os brasileiros com renda mensal de até R$ 1.903,98, beneficiando uma grande parcela de trabalhadores.

Do outro lado da pirâmide, rendas que variam entre R$ 27.120,01 e R$ 108.480,00 passariam a contribuir com 30%, enquanto valores acima desse limite seriam taxados em 40%. As faixas intermediárias variariam entre 5%, 10%, 15% e 20%, abaixo do modelo atual. Mudanças expressivas que garantem maior justiça tributária e aumento na arrecadação do Governo Federal.

Uma preposição que não só reduz a tributação de cerca de 95% da população brasileira, como ainda, prevê o aumento em aproximadamente R$ 70 bilhões na arrecadação federal, reiterando a discrepância do modelo vigente com a realidade. Disparidade, essa, refletida nos inúmeros privilégios que portadores de grandes fortunas contêm sobre os trabalhadores.

Uma proposta significativa que chega a Câmara dos Deputados com o poder de reestruturar o modelo do Imposto de Renda, desafogar a cobrança de impostos à maioria dos brasileiros e ainda favorecer o orçamento em um período de dificuldades econômicas. Uma matéria que, em meio a outras 13 propostas do PT, pode contribuir para a retomada do crescimento.

*Enio Verri é deputado federal, presidente do PT do Paraná e professor licenciado do departamento de Economia da Universidade Estadual do Paraná. Escreve nas terças sobre poder e socialismo.

Leia mais