7 de novembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Marcio Pochmann: Gasto com rolagem da dívida em 2019 será 3 vezes o da previdência

Marcio Pochmann: Gasto com rolagem da dívida em 2019 será 3 vezes o da previdência

Segundo o economista Marcio Pochmann o orçamento para 2019 prevê o “gasto” de 8,6% do PIB com previdência social. Mas a rolagem, amortização e juros da dívida pública consumirão 25,3% do PIB. Ou seja, três vezes o valor da previdência. ... 

Leia mais

6 de novembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Frente Parlamentar em Defesa da Previdência organiza luta contra reforma de Bolsonaro/Temer

Frente Parlamentar em Defesa da Previdência organiza luta contra reforma de Bolsonaro/Temer


Em reunião nesta terça-feira (6), na Câmara dos Deputados, a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Previdência Social, sindicatos de trabalhadores e representantes de várias entidades da sociedade civil, a Confederação Nacional dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares (CONTAG) e a Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Anfip), aprovaram uma nota e estratégias contra a votação da PEC 287/2016 neste ano, visando abrir diálogo franco e transparente com a sociedade a partir de 2019. ... 

Leia mais

25 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Aposentadorias ou juros de bancos, eis a decisão do próximo presidente do Brasil

Aposentadorias ou juros de bancos, eis a decisão do próximo presidente do Brasil

Já foi dito aqui que Michel Temer pagará R$ 968 bilhões do orçamento deste ano para o pagamento de juros, encargos, amortização e refinanciamento da dívida. Ou seja, 43,98% do orçamento da União encherá as burras dos bancos privados. Por outro lado, a Previdência Social consumirá este ano 22,47% do mesmo orçamento do ano de 2018. ... 

Leia mais

7 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em O salário mínimo deveria ser R$ 3.804,06, afirma Dieese

O salário mínimo deveria ser R$ 3.804,06, afirma Dieese

O Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese) afirma que o salário mínimo deveria ser R$ 3.804,06 no mês de junho, qual seja, os trabalhadores brasileiros são “roubados” 3,99 vezes quando recebem apenas R$ 954. ... 

Leia mais

2 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Gleisi Hoffmann: Um ano sem CLT; menos direitos, menos empregos

Gleisi Hoffmann: Um ano sem CLT; menos direitos, menos empregos

A senadora Gleisi Hoffmann, presidenta nacional do PT, lamenta que um ano depois de aprovada a reforma trabalhista, que revogou a CLT, o que se vê são muitos direitos a menos e nenhum emprego a mais. ... 

Leia mais

27 de abril de 2018
por editor
Comentários desativados em IBGE: Desemprego sobe e atinge 13,7 milhões de trabalhadores

IBGE: Desemprego sobe e atinge 13,7 milhões de trabalhadores

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta manhã (27) os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) que apontam aumentos na taxa de desemprego no primeiro trimestre de 2018. O número de trabalhadores desocupados atingiu 13,7 milhões, subindo 11,2% em relação ao trimestre anterior. ... 

Leia mais

30 de novembro de 2017
por Esmael Morais
14 Comentários

R$ 1 trilhão de isenções à Shell que poderia capitalizar a Previdência Social

As isenções de Michel Temer às petrolíferas estrangeiras, que podem ultrapassar R$ 1 trilhão, poderiam perfeitamente capitalizar a Previdência Social. Leia mais

12 de dezembro de 2016
por Esmael Morais
8 Comentários

Reforma da previdência: o mais grave ataque aos direitos dos trabalhadores desde 1988

romanelli_aposentadoriaO deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), líder do governo na Assembleia Legislativa do Paraná, em sua coluna desta segunda (12), dá um fulminante parecer: “A reforma da previdência apresentada ao Congresso Nacional é a mais grave de todas as ameaças aos trabalhadores brasileiros produzidas até agora pelo governo Temer”. Leia mais

6 de dezembro de 2016
por Esmael Morais
8 Comentários

k-suco vai ferver hoje no Senado

brasilia_congressoO projeto que responsabiliza o abuso de autoridade fará o k-suco ferver nesta terça (6) no Senado. Leia mais

5 de dezembro de 2016
por Esmael Morais
8 Comentários

REDE quer afastar Renan

renan_moroO cargo de presidente do Senado Renan Calheiros (PMDB-AL) foi questionado nesta segunda (5) pela REDE no Supremo Tribunal Federal. Leia mais

10 de agosto de 2016
por Esmael Morais
13 Comentários

Pela aposentadoria, UGT ameaça romper com governo interino de Michel Temer

Patah_RossiO presidente nacional da União Geral dos Trabalhadores, Ricardo Patah, e o presidente da UGT-Paraná, Paulo Rossi, em artigo especial para o Blog do Esmael, nesta quarta (10), desmente o discurso do governo segundo a qual a Previdência Social é deficitária. Leia mais

21 de maio de 2016
por Esmael Morais
4 Comentários

CUT desmente mídia golpista: ‘não negociamos com governo ilegítimo’

vagner_freitasA Central Única dos Trabalhadores distribuiu nota neste sábado (21) desmentindo a velha mídia golpista. “CUT não recuou nem vai recuar. Não negociamos retrocessos e não reconhecemos golpistas como governo”, diz o comunicado assinado pelo presidente da entidade, Vagner Freitas, contrapondo às matérias mentirosas publicadas pelos jornais Folha de S. Paulo e Estadão, colocando em dúvida a posição cutista contrária ao confisco da aposentadoria pelo governo ilegítimo de Michel Temer. Abaixo, leia a íntegra do documento: Leia mais

16 de maio de 2016
por Esmael Morais
13 Comentários

CUT e CTB dizem não reconhecer governo golpista de Michel Temer

meireles_paulinhoA Central Única dos Trabalhadores (CUT) e a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) se negaram, nesta segunda-feira (16), a reunir com o governo golpista de Michel Temer (PMDB) para discutir o que eles consideram retrocessos na Previdência Social.

Em nota, o presidente da CTB, Adilson Araújo, disse que a proposta de reforma da Previdência de Temer prevê aposentadoria no caixão. “A CTB tem muita clareza dos riscos e, diferente de alguns setores do movimento sindical, não se dispõe a segurar na alça da traição”, informou.

O presidente nacional da CUT, Vagner Freitas, também assinou uma nota na qual ressalta que os trabalhadores são as principais vítimas do golpe no país. Ele garantiu que retrocessos não se negociam. “Vamos combatê-los na luta”, prometeu. Leia mais