do Brasil 247

Em debate sobre os avanços e desafios dos governos da América Latina, organizado no prédio do Mercosul, em Montevidéu, ex-presidente Lula chama atenção para o combate ao monopólio nas comunicação; "No Brasil, nós temos nove famílias que determinam praticamente todo o poderio dos meios de comunicação", criticou o ex-presidente, que vai ocupando, no continente, o espaço deixado pelo venezuelano Hugo Chávez, morto em março.

Em debate sobre os avanços e desafios dos governos da América Latina, organizado no prédio do Mercosul, em Montevidéu, ex-presidente Lula chama atenção para o combate ao monopólio nas comunicação; “No Brasil, nós temos nove famílias que determinam praticamente todo o poderio dos meios de comunicação”, criticou o ex-presidente, que vai ocupando, no continente, o espaço deixado pelo venezuelano Hugo Chávez, morto em março.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva destacou na noite desta quinta-feira, durante debate no prédio do Mercosul, em Montedivéu, o monopólio dos meios de comunicação como um dos principais desafios dos governos latino-americanos. Durante o seminário Transformações em risco? Perspectivas e tensões do progressismo na América Latina!, de que também participaram presidente do Uruguai, José Pepe Mujica e o secretário-geral da Confederação Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras das Américas (CSA), Victor Báez, Lula destacou que “não pode haver um monopólio dos meios de comunicação”.

Segundo o ex-presidente brasileiro, “esse é um tema extremamente delicado e que tem que ser debatido em vários países”. “Outro dia eu vi o [presidente Barack] Obama se queixando dos meios de comunição nos Estados Unidos. Se você vai na Alemanha, você ouve a Angela Merkel se queixar de alguns setores da imprensa”, comentou. “No Brasil, nós temos nove famílias que determinam praticamente todo o poderio dos meios de comunicação”, destacou Lula, acrescentando que “não é fácil mudar” esse cenário.

“Fizemos uma grande conferência, no Brasil, de que participaram milhares de pessoas e aprovamos um programa que agora está sendo discutido no Ministério das Comunicações para ver como se encaminha o debate para a sociedade avançar”, lembrou Lula. “Porque nós queremos avançar, não queremos polemizar. O que nós queremos é provar que uma legislação que tem uma regulação feita em 1962 não vale para 2013. Não vale porque a gente não tinha um terço das coisas que nós temos hoje”, explicou.

Ouça trecho do discurso do ex-presidente:

Leia o registro do Instituto Lula sobre o debate, que tratou sobre as ameaças de retrocesso no continente: (mais…)

Compartilhe!

    Tucanos Beto Richa e seu vice Flávio Arns, secretário da Deseducação, aos poucos, vão destruindo a educação e o conceito de Estado para a maioria dos paranaenses. Haverá reação ou não?

    Tucanos Beto Richa e seu vice Flávio Arns, secretário da Deseducação, aos poucos, vão destruindo a educação e o conceito de Estado para a maioria dos paranaenses. Haverá reação ou não?

    O colunista Felipe Patury, da revista à‰poca, informa que o governador Beto Richa (PSDB), do Paraná, dá mais um importante passo rumo ao desmonte da estrutura do Estado. Agora é na área da TI (Tecnologia da Informação).

    De acordo com Patury, o tucano assina no próximo dia 9 um protocolo de intenções com o presidente da Microsoft Brasil, Michel Levy. Segundo o acordo, a companhia vai disponibilizar conteúdos de capacitação básica em TI e apoiar startups locais por meio de softwares de alta tecnologia, suporte técnico e treinamento de negócios.

    Além disso, informa o colunista, professores e diretores de escolas públicas serão registrados no portal de colaboração mundial do setor desenvolvido pela Microsoft, a rede Parceiros na Aprendizagem. Cerca de 120 alunos da rede pública serão beneficiados pelo programa.

    O diabo é que a iniciativa do governador desmonta de vez o programa Paraná Digital, de software livre dispobilizado pela Celepar, a companhia de informática estatal, bem como os softwares livres e equipamentos do fornecidos pelo Ministério da Educação, através do ProInfo, que são utilizados por alunos e professores de todo o país.

    Falando em TI, a Celepar está licitando R$ 46 milhões, cujas propostas serão abertas no dia 18 de abril próximo, para a “contratação de serviços e aquisição de equipamentos de informática, telecomunicações e infraestrutura de cabeamento associada, pelo prazo de 48 (quarenta e oito) meses”.

    Compartilhe!

      via BandNews FM Curitiba

      Deputado Tercílio Turini (PPS) quer contar, em tempo real, a quantidade de carros que passam pelas praças de pedágio no Paraná.

      Deputado Tercílio Turini (PPS) quer contar, em tempo real, a quantidade de carros que passam pelas praças de pedágio no Paraná.

      As praças de pedágio do Paraná poderão ter um pedagiômetro!. Um projeto de lei que tramita na Assembleia Legislativa do Paraná prevê que o governo do estado instale painéis eletrônicos nas praças, com a contagem em tempo real de quanto a concessionária já arrecadou e com o número atualizado de quantos carros passaram pelo local. Pela proposta, o equipamento deve ser colocado em um espaço visível e de fácil acesso aos usuários.

      O autor, o deputado Tercílio Turini (PPS), explica que esta medida é para dar mais transparência e ajuda o contribuinte a cobrar mais investimentos nas rodovias pedagiadas.

      Pela proposta, o pedagiômetro deve ser reiniciado todo dia primeiro de janeiro, para que o equipamento informe sempre a arrecadação anual. O texto está na Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia e pode entrar na pauta de votações na próxima terça-feira.

      O Paraná tem atualmente 2.600 quilômetros de estradas pedagiadas, com 27 praças de cobrança. Em 2011, as concessionárias arrecadaram um bilhão, 420 milhões de reais e fecharam o ano com 206 milhões de reais de superávit.

      Ouça a proposta do deputado Turini:

      Compartilhe!

        eymaelVocê se lembra do Eymael, o único que pode derrotar Fernando Henrique?

        O legendário presidente nacional do PSDC, José Maria Eymael, estará presente no VI Encontro da Social Democracia Cristã Região Sul e Sudeste, entre hoje (5) e amanhã (6), no Hotel Tulip Inn, em Santa Felicidade.

        Evento reúne presidentes, parlamentares, filiados, autoridades e simpatizantes do PSDC nacional, estaduais e municipais na capital paranaense.

        Interessados em participar do evento, no dia 06 de abril, aberto ao público, deverão realizar suas inscrições através do site do PSDC.

        Ouça o clássico jingle de Eymael (1988):

        Compartilhe!

          O senador Roberto Requião (PMDB-PR), em discurso no plenário do Senado, nesta semana, classificou a Medida Provisória que prevê a privatização dos portos brasileiros como “burra”. (mais…)

          Compartilhe!

            por Antonio Senkovski, com agências, via Gazeta do Povo

            Incertezas sobre a questão do ICMS e mudança repentina na composição do ICMS afetou a planilha de gastos de todos os industriais, diz Fiep.

            Incertezas sobre a questão do ICMS e mudança repentina na composição do ICMS afetou a planilha de gastos de todos os industriais, diz Fiep.

            A produção industrial do Paraná recuou 2,2% em fevereiro deste ano, em relação a janeiro, e tem, no acumulado do ano, o segundo pior desempenho do País entre os 14 locais que integram a Pesquisa Industrial Mensal de Produção Física, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os resultados de fevereiro foram divulgados nesta sexta-feira (5).

            No acumulado do primeiro bimestre de 2013, a indústria do Paraná tem decréscimo de 4,7%. O estado fica à  frente apenas do Espírito Santos, que tem queda acumulada de 10,7%.

            Nos últimos 12 meses, a indústria paranaense recuou 6% e ficou com o terceiro pior desempenho entre os locais pesquisados. Espírito Santo (-7,6%) e Amazonas (-6,9%) foram os locais com o pior desempenho nessa comparação. (mais…)

            Compartilhe!

              Ton Vargas (PT) assumiu oficialmente a regional do CIC. Foto: Freddy Pinheiro.

              Ton Vargas (PT) assumiu oficialmente a regional do CIC. Foto: Freddy Pinheiro.

              O prefeito Gustavo Fruet (PDT) confirmou esta semana o nome do petista Ton Vargas, afilhado político do deputado à‚ngelo Vanhoni, como novo chefe da regional do bairro CIC (Cidade Industrial de Curitiba).

              Vargas comandou ontem à  noite, ao lado de outro petista, o secretário da Saúde Adriano Massuda, a primeira audiência pública acerca do orçamento municipal de 2014. Segundo o novo administrador regional, 1,5 mil pessoas participaram do evento.

              O bairro CIC tem 220 mil habitantes. A região tem o contrataste entre a riqueza (indústrias) e a pobreza (ocupações irregulares). Na audiência de ontem, esses moradores tiveram a oportunidade de realizar perguntas ao prefeito e aos secretários. O de Saúde foi o mais requisitado na reunião.

              Queremos que esta audiência seja o primeiro passo para uma relação muito próxima e direta entre a Prefeitura e a população!, disse o prefeito Gustavo Fruet, ao abrir o evento na CIC.

              Compartilhe!

                Nunca antes na história do Paraná que se viu tanto a presença do Estado, de maneira tão intensa, como neste período eleitoral no município de Joaquim Távora, no Norte Pioneiro.

                Além do presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Mounir Chaowiche, que praticamente transferiu a sede da empresa para o pequeno município, ontem baixou por lá (de helicóptero, é claro) o irmão do governador, o secretário de Infraestrutura Pepe “Legal” Richa.

                Cerca de 8 mil eleitores de Joaquim Távora voltarão vão à s urnas neste domingo, dia 7 de abril. A disputa agora é entre Gélson Mansur Nassar (PSDB) e Emílio Calil Neto (DEM).

                O tucano Gélson é cunhado do presidente da Cohapar, por isso o tamanho do aparato governamental na campanha.

                Por outro lado, Neto Calil conta com o apoio do senador Roberto Requião (PMDB) e de seu sobrinho João Arruda (PMDB), além da simpatia de petistas. Ontem (5), o grupo realizou o último comício da campanha (veja vídeo).

                “O Mounir tinha que trazer casas para Joaquim Távora, não fez até agora e nunca fará”, critica o candidato demopeemedebita.

                A nova eleição vai ocorrer porque o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cassou o prefeito eleito em outubro de 2012, Wiliam Walter Ovçar (PSC), mais conhecido como Vatão, e o vice, Valdir Azarias (DEM).

                Compartilhe!

                  O âncora da TV Bandeirantes, Boris Casoy, conhecido pelo seu utraconvervadorismo de direita, ao comentar o vazamento de áudio numa entrevista do presidente do Uruguai, José Mujica, segundo qual “a velha (Cristina Kirchner) é pior que o vesgo (Néstor Kircher)”, soltou essa: “Convenhamos, é uma velhinha bem enxuta ainda…”.

                  Na sua opinião, o direitista Casoy teria alguma chance com a viúva esquerdista?

                  à‰ bom lembrar que Casoy, na noite de réveillon de 31 de dezembro de 2009, após o gari Francisco Lima aparecer em uma vinheta desejando feliz natal, uma falha técnica levou ao ar o áudio do âncora dizendo: “Que merda: dois lixeiros desejando felicidades do alto das suas vassouras. O mais baixo na escala do trabalho”.

                  Em 2011, Casoy e a TV Bandeirantes forma condenados pela Justiça a pagar R$ 21 mil de indenização por danos morais ao gari.

                  Compartilhe!

                    Os mortos (e os vivos também) decidiram em assembleia rejeitar o Obama das Araucárias para administrar os cemitérios da capital.

                    Os mortos (e os vivos também) decidiram em assembleia rejeitar o Obama das Araucárias para administrar os cemitérios da capital.

                    Em 16 de janeiro último, este blog registrou que o sindicalista Messias da Silva, conhecido como Obama das Araucárias, estava praticamente certo para assumir o cargo de Serviços Especiais! !“ que administra os 22 cemitérios da capital paranaense.

                    Obama que contava com o apoio do deputado federal e vice-presidente da Câmara, André Vargas (PT), esperava ser confirmado pelo prefeito Gustavo Fruet (PDT). Esperava.

                    Após as doze badaladas notúrnicas, segundo uma fonte deste blogueiro, os mortos se reuniram em assembleia para decidir sobre quem administraria a “vida” dos 150 mil túmulos existentes nos cemitérios da capital.

                    Qual foi o resultado da assembleia? Os mortos — e os vivos também — rejeitaram o Obama das Araucárias nos “Serviços Especiais”. Bateu na trave.

                    Compartilhe!

                      da Agência Brasil

                      A líder do movimento, Lucila Ahumada, morreu sem encontrar o filho, a nora e o neto desaparecidos durante a ditadura militar da Argentina.

                      A líder do movimento, Lucila Ahumada, morreu sem encontrar o filho, a nora e o neto desaparecidos durante a ditadura militar da Argentina.

                      Lucila Ahumada de Inama, uma das líderes do movimento Avós da Praça de Maio – um dos mais ativos da Argentina em defesa dos direitos das vítimas da ditadura -, foi encontrada morta ontem (4) em Buenos Aires. Lucila morreu afogada durante as enchentes que atingem o país desde o último dia 1!º.

                      Lucila morreu afogada depois que a área onde estava foi alagada. A água atingiu 1,7 metro. Em nota, o movimento lamentou a morte e prestou solidariedade á família da líder, ás demais vítimas e seus parentes. Expressamos o nosso pesar pelo desastre e a nossa solidariedade com as vítimas e suas famílias!, diz o comunicado. (mais…)

                      Compartilhe!
                        Charge de S. Salvador - Estado de Minas.

                        Charge de S. Salvador – Estado de Minas.

                        Compartilhe!

                          da Rede Brasil Atual

                          Bancada do PSDB no Câmara, liderada por Carlos Sampaio (SP), alega ameaça de demissões em massa por conta da regulamentação da profissão ao apresentar projeto contra a chamada PEC das Domésticas; deputados da oposição propõem que os patrões sejam isentos de pagar a multa de 40% sobre o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) em caso de demissão sem justa causa. Do outro lado do balcão, Rita de Cassia trabalhou a vida toda como domestica, sem carteira assinada. Hoje, doente, precisa trabalhar para se sustentar. Foto: Iano Andrade/Arquivo.

                          Bancada do PSDB no Câmara, liderada por Carlos Sampaio (SP), alega ameaça de demissões em massa por conta da regulamentação da profissão ao apresentar projeto contra a chamada PEC das Domésticas; deputados da oposição propõem que os patrões sejam isentos de pagar a multa de 40% sobre o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) em caso de demissão sem justa causa. Do outro lado do balcão, Rita de Cassia trabalhou a vida toda como domestica, sem carteira assinada. Hoje, doente, precisa trabalhar para se sustentar. Foto: Iano Andrade/Arquivo.

                          A bancada do PSDB no Câmara, alegando ameaça de demissões em massa para empregados domésticos por conta da regulamentação da profissão, apresentou nesta quinta-feira (4) projeto que retira direitos estabelecidos pela chamada PEC das Domésticas. A Proposta de Emenda à  Constituição foi aprovada em março no Senado e promulgada esta semana no Congresso. (mais…)

                          Compartilhe!

                            estadaoJornais do Paraná

                            Gazeta do Povo: TRF ainda depende de projeto de lei para ser instalado no Paraná

                            Jornal do Estado: No Paraná, 753.214 mudaram de número de telefone em 4 anos

                            Jornal Metro: Com obras e serviços, UPS vai além da polícia

                            Notícias do Paraná (Colombo): Criação do Tribunal Regional Federal no Paraná é festejada

                            Jornal de Londrina: Golpe de construtura pode chegar a R$ 100 milhões

                            Folha de Londrina: GOLPE NA CRIMINALIDADE – Denarc desmantela quadrilha de traficantes

                            O Diário (Maringá): Dos 30 municípios da região, 20 têm prejuízo com Fundeb

                            Diário dos Campos: Transbrasiliana receberá R$ 111 milhões do PAC-2

                            Jornal da Manhã: Cooperativas da região instalam moinho em Ponta Grossa

                            Tribuna do Interior: Beto Richa entrega mais viaturas e destaca investimentos na segurança

                            O Paraná: Maioria dos armazéns não pode receber estoque público

                            Jornal Hoje: Após série de assaltos, quadrilha é desarticulada

                            Gazeta do Iguaçu: BR-469 será transformada em via ecológica e de lazer

                            Diário do Noroeste: Preço de itens da cesta básica pode variar até 253,54% em Paranavaí

                            Tribuna de Cianorte: Richa quer Codesul decisivo em um novo pacto federativo

                            Umuarama Ilustrado: Denúncia leva polícia a flagrar central de pirataria

                            Tribuna do Norte: Multinacional investe em fábrica de ração em Apucarana

                            Jornais de outros estados

                            Globo: De olho na inflação: Governo cortará imposto dos planos de saúde

                            Folha: Rio acusa CSN de expor famílias a contaminação

                            Estadão: Coreia do Norte leva míssil de médio alcance para costa

                            Correio: Um inocente morto e uma cidade ferida

                            Valor: Crédito se retrai nos grandes bancos

                            Estado de Minas: Nas estradas mineiras, a tragédia é infinita

                            Zero Hora: Sistema sob suspeita liberou 121 mil alvarás de incêndio

                            Compartilhe!

                              do Brasil 247

                              Presidente do Uruguai, José Mujica deixou escapar comparação entre o casal Cristina e Néstor Kirchner, sem perceber que seu microfone estava ligado; Néstor, que era estrábico, morreu em 2010 e antecedeu a viúva na presidência da Argentina; questionado sobre o comentário, Mujica desconversou: "Não vou dar bola e nem atravessar o mundo para esclarecer nada. Inventem o que quiserem".

                              Presidente do Uruguai, José Mujica deixou escapar comparação entre o casal Cristina e Néstor Kirchner, sem perceber que seu microfone estava ligado; Néstor, que era estrábico, morreu em 2010 e antecedeu a viúva na presidência da Argentina; questionado sobre o comentário, Mujica desconversou: “Não vou dar bola e nem atravessar o mundo para esclarecer nada. Inventem o que quiserem”.

                              Presidente do Uruguai, José Mujica deixou escapar nesta quinta-feira um crítica à  colega argentina Cristina Kirchner, sem perceber que seu microfone estava ligado. Foi durante entrevista coletiva em Sarandí Grande (a 138 km de Montevidéu), transmitida ao vivo pela internet pela Presidência uruguaia. (mais…)

                              Compartilhe!

                                O secretário Municipal da Cultura de Curitiba, Marcos Cordiolli, utilizou as redes sociais, na noite desta quinta-feira (4), para acusar a Polícia Militar do Paraná de cometer censura contra um grupo teatral na capital.

                                “Faço uma pequena pausa na agenda para registrar minha indignação e repúdio ao ato de censura da Polícia Militar contra os integrantes do grupo de teatro ‘Erro’. Espero que o bom senso prevaleça por parte da Polícia Militar e que não tenhamos mais atos de repressão contra a arte. A cultura agradece”, desabafou Cordiolli.

                                Na última terça-feira (2), a PM interveio durante a apresentação da peça de teatro Hasard!, que integra o Festival de Curitiba e é representada pelo Erro Grupo, de Florianópolis.

                                Encenada ao ar livre, em quatro ruas do Centro da cidade, o espetáculo utiliza um baralho para interagir com o público e esta interatividade define o final. Há quatro possibilidades e uma delas exige a nudez completa, que motivou a presença policial.

                                Em uma das apresentações, chegou a ter confusão com a polícia, que impediu que os atores ficassem nus. Houve bate-boca. Eu me senti sem o meu direito de me expressar livremente”, afirma Lana Reider, atriz.

                                Com informações do G1 PR

                                Compartilhe!

                                  Traiano quer que o governo do PSDB tenha direito de privatizar o porto de Paranaguá no lugar do governo federal.

                                  Traiano quer que o governo do PSDB tenha direito de privatizar o porto de Paranaguá no lugar do governo federal.

                                  A bronca dos tucanos paranaenses acerca da Medida Provisória 595, a MP dos Portos, não é contra a privatização ou concessão de área portuária à  iniciativa privada ou contra a precarização da mão de obra dos trabalhadores. Muito pelo contrário. A briga é pelo butim. A disputa é por quem privatiza primeiro e “melhor”.

                                  O líder do governo Beto Richa (PSDB) na Assembleia Legislativa do Paraná, deputado Ademar Traiano, conhecido pitbull do Palácio Iguaçu, em novo artigo de opinião provocativo, diz que os portos brasileiros estão à  deriva e — como não poderia ser diferente — culpa o governo Dilma Rousseff com o intuito de atingir a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, virtual adversária de seu chefe em 2014.

                                  A retórica do tucanato paranaense com essa conversa de “cerca-lourenço” tem apenas um objetivo: tirar do governo federal o poder de realizar as licitações de concessão dos portos; o governo do PSDB, no Paraná, quer a atribuição de privatizar, a exemplo do que já fizeram com as rodovias impondo caríssimos pedágios e que tentaram com a privatização bilionária de 171 serviços públicos (esta última barrada graças à  pressão da sociedade).

                                  A seguir, publico a íntegra do artigo de Ademar Traiano:

                                  Portos à  deriva (mais…)

                                  Compartilhe!

                                    A professora e jornalista Dinah Pinheiro Ribas lança hoje, à s 19 horas, na Fnac, o livro A viagem de Efigênia Rolim nas asas do Peixe Voador!.

                                    A professora e jornalista Dinah Pinheiro Ribas lança hoje, à s 19 horas, na Fnac, o livro A viagem de Efigênia Rolim nas asas do Peixe Voador!.

                                    A minha ex-professora de redação jornalística na faculdade, Dinah Pinheiro Ribas, lança daqui a pouco, à s 19 horas, na Livraria Fnac, no Shopping Barigui, o livro A viagem de Efigênia Rolim nas asas do Peixe Voador!.

                                    Obra escrita pela jornalista Dinah revela a trajetória da artista popular Efigênia Rolim, que se consagrou no cenário curitibano como a Rainha do Papel.

                                    Personagem pertencente à  paisagem cultural curitibana, Efigênia iniciou seu trabalho artístico muito antes do que se denominou responsabilidade social e sustentabilidade. Ao utilizar material reciclável, ela confecciona trajes, bonecas, animais, e figuras as mais simbólicas. (mais…)

                                    Compartilhe!

                                      A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, pré-candidata ao governo do Paraná em 2014, é a principal estrela do programa eleitoral gratuito que entrou no ar ontem (3) à  noite.

                                      A aparição da petista no rádio e na televisão assustou o PSDB que torce para que ela não dispute o Palácio Iguaçu contra o governador Beto Richa. O tucano tentará a reeleição.

                                      Nas inserções veiculadas pelo PT, Gleisi aparece falando sobre redução do custo de vida para os brasileiros com a redução dos juros, da conta de luz e dos impostos na cesta básica.

                                      O governo que há 10 anos está mudando o Brasil que investe firme nas estradas paranaenses, como na BR-153, contornos Maringá e Cascavel!, diz a ministra no vídeo em que capitaliza melhorias nas rodovias.

                                      O material veiculado foi produzido pelo marqueteiro Oliveiro Marques, da Capim Limão, o mesmo que dirigiu a TV de Gustavo Fruet (PDT) em Curitiba.

                                      Compartilhe!

                                        Briga das famílias Requião e Pessuti pode chegar à  Assembleia Legislativa através de Maurício e Moisés; a disputa desde já é para medir o tamanho do eleitorado; quem faz mais votos em 2014?

                                        Briga das famílias Requião e Pessuti pode chegar à  Assembleia Legislativa através de Maurício e Moisés; a disputa desde já é para medir o tamanho do eleitorado; quem faz mais votos em 2014?

                                        A briga entre o senador Roberto Requião (PMDB) e o ex-governador Orlando Pessuti, secretário-geral do partido, convertido esta semana a conselheiro da Itaipu Binacional, promete se estender à s respectivas proles.

                                        O filho de Pessuti, o advogado Moisés, é pré-candidato a deputado estadual pelo PSC; o de Requião, Maurício Filho, também almeja uma das 54 cadeiras da Assembleia Legislativa do Paraná pelo PMDB.

                                        Ambos os filhos — Moisés Pessuti e Maurício Requião – têm expectativa de eleição. O diabo é que eles disputam o tamanho do eleitorado. Orlando acha que a sua cria vai fazer mais votos que a de Requião — e vice-versa.

                                        Se de fato “os russos” (eleitores) concordarem com as estratégias dos “papais corujas”, necessariamente, essa briga dominará a Assembleia a partir de 2015. A conferir.

                                        Compartilhe!
                                          Copyright © 2009 Esmael Morais. Todos os direitos reservados.