22 de fevereiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Juiz que restringiu atividades da Vigília Lula Livre é primo da mulher de Moro

Juiz que restringiu atividades da Vigília Lula Livre é primo da mulher de Moro


O desembargador Fernando Paulino da Silva Wolff Filho, do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR), que restringiu manifestações e reuniões no entorno da vigília Lula Livre, que ocorrem em terreno particular, é primo de Rosângela Wolff Moro. A advogada é casada com o ministro da Justiça e Segurança Pública do governo de Jair Bolsonaro (PSL), o ex-juiz federal de primeira instância Sérgio Moro. ... 

Leia mais

22 de fevereiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Vigília Lula Livre emite nota sobre decisão de desembargador do TJPR

Vigília Lula Livre emite nota sobre decisão de desembargador do TJPR

A vigília Lula Livre emitiu uma nota nesta sexta-feira (22) sobre a decisão do desembargador Fernando Paulino da Silva Wolff Filho, do Tribunal de Justiça do Paraná, que revogou a liminar que garantia a vigília pela liberdade do ex-presidente Lula (PT) em frente a sede da Polícia Federal em Curitiba.  ... 

Leia mais

21 de fevereiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em URGENTE: JUSTIÇA PROÍBE MANIFESTAÇÕES DA VIGÍLIA LULA LIVRE

URGENTE: JUSTIÇA PROÍBE MANIFESTAÇÕES DA VIGÍLIA LULA LIVRE

O desembargador Fernando Paulino da Silva Wolff Filho, do Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR), decidiu proibir manifestações da Vigília Lula Livre no entorno da Polícia Federal de Curitiba. ... 

Leia mais

29 de setembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Justiça garante acampamento Lula Livre até o final da eleição

Justiça garante acampamento Lula Livre até o final da eleição

O Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) bateu o martelo e decidiu que o acampamento Lula Livre, no entorno da Polícia Federal de Curitiba, permanecerá no local até o final da eleição presidencial. ... 

Leia mais

8 de agosto de 2018
por editor
Comentários desativados em PSOL vai pedir a impugnação de Richa

PSOL vai pedir a impugnação de Richa

Após a condenação do ex-governador Beto Richa (PSDB) no Tribunal de Justiça do Paraná, o PSOL decidiu que pedirá a impugnação da candidatura do tucano ao Senado.  ... 

Leia mais

30 de maio de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Justiça libera vigília Lula Livre em apoio ao ex-presidente em Curitiba

Justiça libera vigília Lula Livre em apoio ao ex-presidente em Curitiba

O desembargador Fernando Paulino da Silva Wolff Filho, do Tribunal de Justiça do Paraná, cassou a proibição da Vigília Lula Livre no entorno da Polícia Federal de Curitiba. Segundo o magistrado, o barulho das manifestações no local “são inerentes ao próprio exercício do direito de reunião” assegurados pela Constituição. ... 

Leia mais

24 de dezembro de 2015
por Esmael Morais
20 Comentários

Coluna do Reinaldo de Almeida César: A restauração do delegado Michelotto e os ataques de Mauro Ricardo

Reinaldo Almeida César*

Registo aqui meu apoio e aplauso para a lúcida decisão do delegado geral e do Conselho da Polícia Civil, restaurando a dignidade pessoal e profissional do delegado Marcus Vinícius da Costa Michelotto, designando-o para a direção do Instituto de Identificação.

A decisão unânime do colegiado no Tribunal de Justiça é reta e clara. Todo procedimento instaurado em desfavor de Michelotto deve ser trancado por ausência de justa causa, nos termos do voto proferido pelo relator Marcel Rotoli de Macedo, cujos conhecimentos jurídicos e tradição familiar no Direito o iluminaram na correta decisão.

Logo, não há qualquer razão para impor a Michelotto (e sua família) uma espécie de tortura, pena ou castigo infamante, próprios do Código Filipino, que regia entre nós nos tempos do Brasil colônia.

Conheço o Delegado Michelotto há quase trinta anos.

Quando estava iniciando minha carreira no magistério, como assistente do Professor René Dotti, lecionei na turma onde ele era aluno, na Faculdade de Direito.

Nessa época, lembro-me que ele dividia os encargos do estudo universitário com a função de bancário, no Bamerindus, onde conheceu sua esposa e companheira de sempre, Cristine.

Depois acompanhei, à distância, sua trajetória de êxitos na Polícia Civil e na Secretaria de Defesa Social de Curitiba.

Faço justiça ao governador Beto Richa, ao rememorar que tive ampla autonomia e absoluta carta branca para compor minha equipe na SESP, no final de 2010.

Escolhi pessoalmente, sem qualquer sugestão, interferência ou pedido – e assumo a responsabilidade das escolhas – os comandantes da PM (coronéis Scheremetta e, depois, Bondaruk), os comandantes do Corpo de Bombeiros (coronéis Domaneschi, Donadello, Ferreira e Pombo), o diretor da Criminalística (Antonio Siqueira), do IML (Porcídio Vilanni), do Instituto de Identificação (Newton Rocha) e do GRAER (coronel Orlando Artur).

Não tive um insta Leia mais

15 de setembro de 2015
por Esmael Morais
35 Comentários

Em tempo recorde, TJPR suspende ação contra primo de Beto Richa

mauricio_desembargador_abi_richa ... 

Leia mais

3 de junho de 2015
por Esmael Morais
22 Comentários

Sai Pessuti, entra Maurício Requião em cargo da Itaipu Binacional

conselho_itaipuO ex-secretário de Educação do Paraná, Maurício Requião, é um dos mais novos integrantes do conselho de administração da usina de Itaipu Binacional. Ele entrou no lugar do advogado Orlando Moisés Fischer Pessuti, filho do ex-governador Orlando Pessuti (PMDB), neoaliado do governador Beto Richa (PSDB).

Além do ex-secretário da Educação paranaense, o conselho também passou abrigar o ex-ministro da Ciência e Tecnologia e presidente do PSB nacional, Roberto Átila Amaral Vieira. Ele substituiu o engenheiro nuclear Luiz Pinguelli Rosa, da UFRJ. Leia mais

27 de maio de 2015
por Esmael Morais
7 Comentários

​Servidores do judiciário estadual também estão em greve no Paraná

judiciarioPelo jeito não é só no poder executivo comandado pelo governador Beto Richa (PSDB) que existem injustiças e reivindicações dos servidores. Começou na terça-feira (26) a greve por tempo indeterminado do judiciário paranaense.

Os servidores protestaram em frente aos seus locais de trabalho com faixas e carro de som, alertando a população sobre o movimento. Cerca de 70% das comarcas do estado estão fechadas com os servidores de braços cruzados.

As principais reivindicações são relativas a condições de trabalho haja vista que a reposição da data-base de 8,17% já foi encaminhada pelo Tribunal de Justiça para a Assembleia Legislativa.

A lista de pedidos dos servidores é grande e começa com a isonomia entre as carreiras dos servidores de 1º e 2º grau (1ª e 2ª instância), que já foi determinada pelo Conselho Nacional de Justiça, mas ainda não foi acatada pelo TJPR. Leia mais

24 de março de 2015
por Esmael Morais
45 Comentários

Juiz que liberou da cadeia primo do governador Beto Richa “abre fogo” contra Juca Kfouri, Dilma Rousseff e PT

tokars_kfouri_richa_dilma_abi.jpgO juiz substituto em 2.º grau Márcio José Tokars, da 2.ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR), que concedeu ontem à noite um Habeas Corpus liberando o lobista Luiz Abi Antoun, primo do governador Beto Richa (PSDB), da prisão após uma semana, foi às ruas no último dia 15 de março contra o PT e o governo “corrupto” de Dilma Rousseff.

Quem relata isso é o próprio Tokars em seu perfil no Facebook, datado de 12 de março — véspera da manifestação que reuniu 80 mil pessoas em Curitiba. No texto, o juiz defende o panelaço da classe média e espinafra o jornalista Juca Kfouri que viu ódio da classe média contra a petista no artigo “O panelaço da barriga cheia e do ódio”.

O diabo é que Luiz Abi, o primo de Richa, esteve preso por fraude em licitações no governo do Paraná. Praticou corrupção. O parente do tucano foi solto mesmo com o magistrado reconhecendo a gravidade do delito. Tokars defendeu “medidas alternativas à prisão preventiva” do “chefe da quadrilha”, nas palavras do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).

Deputados perguntavam na manhã de hoje, nos corredores da Assembleia Legislativa, se o juiz Márcio José Tokars vai à próxima manifestação pelo impeachment de Dilma acompanhado de Luiz Abi Antoun, pois, como se sabe, os protestos contra o PT e a presidenta são engendrados dentro do Palácio Iguaçu. Mas os palacianos disfarçam bem sob o manto do “apartidarismo”.

A seguir, leia a íntegra da carta aberta do juiz Márcio José Tokars ao jornalista Juca Kfouri: Leia mais

23 de março de 2015
por Esmael Morais
44 Comentários

Tribunal de Justiça do Paraná manda soltar primo preso de Beto Richa

por Fábio Silveira, do blog Baixo Clero ... 

Leia mais

28 de fevereiro de 2015
por Esmael Morais
76 Comentários

Richa comemora liminar parcial; APP-Sindicato diz que greve dos professores continua

O governo Beto Richa (PSDB) comemora liminar parcial conquistada no Tribunal de Justiça (TJPR) exigindo a volta dos professores e funcionários de escolas à s salas de aula. A decisão do juiz de plantão Victor Martin Bapschke determina retorno de 30% professores do 3!º ano do Ensino Médio sob pena de multa de R$ 10 mil ao dia para a APP-Sindicato.

O sindicato dos trabalhadores da educação informou nesta noite que não foi notificado da decisão judicial, mas, de antemão, garantiu que manterá a greve e que recorrerá para cassar a liminar parcialmente favorável a Richa.

“Há risco evidente e irreparável a ausência do conteúdo para os fins do concurso vestibular, provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e recomposição do calendário escolar”, diz um trecho da decisão do magistrado.

Orientamos os educadores a se manterem firmes na nossa luta e a não retornarem à s escolas na próxima segunda. Manteremos a greve da categoria!, pediu há pouco o comando de greve da APP-Sindicato.

à‰ bom frisar que a greve nas 2,1 mil escolas fora deflagrada porque o govenador Beto Richa demitiu 30 mil trabalhadores na educação; fechou várias turmas e superlotou salas de aula com até 60 alunos.

Desde novembro de 2014, o tucano também deixou de repassar recursos do fundo rotativo, que é utilizado para a manutenção dos estabelecimentos de ensino. Além disso, para completar a maldade, não pagara a rescisão dos 30 mil demitidos, nem as férias dos educadores do quadro próprio.

Leia mais

2 de junho de 2014
por Esmael Morais
2 Comentários

Ponta Grossa: Greve sem precedentes pode romper contrato com a Viação Campos Gerais

Após anunciar multas diárias à  Viação Campos Gerais (VCG) pela greve no transporte de Ponta Grossa, o prefeito Marcelo Rangel (PPS) pretende entrar com uma ação no Tribunal de Justiça do Paraná (TJ) para rescindir o contrato com a concessionária. A decisão sucede à  notificação da VCG, publicada no Diário Oficial da última sexta-feira, na qual a Prefeitura evocou as penalidades previstas no artigo 30 da lei municipal do transporte (Lei 7.018 de 2002) pelo déficit nos serviços prestados.

O rompimento no contrato de concessão foi estudado ontem pelo prefeito junto à  Procuradoria Geral do Município. Embasado nas cláusulas contratuais, vou pedir na Justiça a anulação, o cancelamento da concessão, uma vez que a empresa apresenta problemas na prestação dos serviços!, anunciou Rangel. Com mais de dez dias de paralisação, percebemos que não existe interesse em nenhuma das partes em terminar a greve!, comentou o prefeito.

VCG se posiciona sobre greve no transporte coletivo

A Viação Campos Gerais (VCG) disponibilizou uma nota a imprensa sobre as últimas notícias veiculadas a respeito da greve no transporte coletivo da cidade !“ amanhã a paralisação completa 15 dias e se torna a maior em andamento no Brasil. Em nota, a VCG informou que vem adotando todas as medidas que estão ao seu alcance para encerrar a greve dos trabalhadores!.

A empresa informou que no mesmo dia em que o movimento grevista foi iniciado, a empresa ajuizou dissídio coletivo de greve perante a Justiça do Trabalho, buscando uma solução rápida para a paralisação!. Segundo a empresa, a iniciativa da VCG garantiu que ao menos 50% da frota de ônibus circule nos horários de pico e 30% nos horários de menor movimento, assim reduzindo os efeitos da greve!, informa a empresa.

Segunda a nota da VCG, “o aumento salarial pretendido pelo SINTROPAS não causará impacto apenas na VCG, mas também em toda a comunidade pontagrossense, na medida em que o salário dos motoristas Leia mais

2 de maio de 2014
por Esmael Morais
32 Comentários

Absolvido e de ficha limpa, Jaime Lerner pensa voltar à  Prefeitura de Curitiba em 2016

Correligionários do ex-governador Jaime Lerner já trabalham com a hipótese de candidatura à  Prefeitura de Curitiba em 2016; ele foi prefeito da capital em três oportunidades e comandou o Palácio Iguaçu por dois mandatos; semana passada, o Tribunal de Justiça absolveu Lerner da acusação de improbidade administrativa e devolveu-lhe a ficha limpa, portanto, se cuida prefeito Gustavo Fruet... Lerner vem aí!

Correligionários do ex-governador Jaime Lerner já trabalham com a hipótese de candidatura à  Prefeitura de Curitiba em 2016; ele foi prefeito da capital em três oportunidades e comandou o Palácio Iguaçu por dois mandatos; semana passada, o Tribunal de Justiça absolveu Lerner da acusação de improbidade administrativa e devolveu-lhe a ficha limpa, portanto, se cuida prefeito Gustavo Fruet… Lerner vem aí!

O ex-governador Jaime Lerner conseguiu reverter na semana passada condenação da 4!ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) por improbidade administrativa. Em agosto do ano passado, uma sentença judicial determinou que ele pagasse indenização ao Estado no valor de R$ 4,3 milhões, devidamente corrigidos, além de lhes cassar os direitos políticos e determinar outras sanções (clique aqui). ... 

Leia mais

2 de abril de 2014
por Esmael Morais
23 Comentários

Rossoni convoca nova eleição para o Tribunal de Contas do Estado

Presidente da Assembleia, Valdir Rossoni, vai reiniciar o processo eleitoral para nova escolha de conselheiro do TCE na próxima segunda 7; Fábio Camargo deverá renunciar ao cargo sub judice! até este sábado, 5, para disputar a Assembleia; secretário-geral da Casa, Plauto Miró, é o favorito na nova disputa para a vaga; deputado Ademir Bier (PMDB) deverá herdar a primeira-secretaria da Assembleia; petista Tarso Cabral Violin já anunciou que participará novamente do pleito e espera os sete votos da bancada do partido; se vai levar é outra coisa.

Presidente da Assembleia, Valdir Rossoni, vai reiniciar o processo eleitoral para nova escolha de conselheiro do TCE na próxima segunda 7; Fábio Camargo deverá renunciar ao cargo sub judice! até este sábado, 5, para disputar a Assembleia; secretário-geral da Casa, Plauto Miró, é o favorito na nova disputa para a vaga; deputado Ademir Bier (PMDB) deverá herdar a primeira-secretaria da Assembleia; petista Tarso Cabral Violin já anunciou que participará novamente do pleito e espera os sete votos da bancada do partido; se vai levar é outra coisa.

O presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, deputado Valdir Rossoni (PSDB), nesta quinta (2), anunciou a realização de nova eleição para a escolha do conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE). ... 

Leia mais

25 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
93 Comentários

Richa comemora em jantar com deputados e juízes aprovação do auxílio-moradia de R$ 4 mil

Jantar nababesco oferecido pelo governador Beto Richa no Jockey Club, em Curitiba, esta noite, reuniu  deputados, juízes e conselheiros do TCE; tucano e magistrados comemoram a aprovação do auxílio-moradia de R$ 4 mil e a privatização da saúde pela Assembleia.

Jantar nababesco oferecido pelo governador Beto Richa no Jockey Club, em Curitiba, esta noite, reuniu deputados, juízes e conselheiros do TCE; tucano e magistrados comemoram a aprovação do auxílio-moradia de R$ 4 mil e a privatização da saúde pela Assembleia.

O governador Beto Richa (PSDB) comemora em jantar, neste exato, com juízes, desembargadores, deputados e conselheiros do Tribunal de Contas, a aprovação, pela Assembleia Legislativa, do auxílio-moradia de R$ 4 mil para os magistrados do Paraná. ... 

Leia mais

28 de novembro de 2013
por Esmael Morais
25 Comentários

TCE: Rossoni será agora tão ágil como foi no caso Bonilha, contra Requião?

Mundo político pressiona Rossoni para que adote mesma celeridade adotada em 2011, na eleição de Bonilha; na prática, deputados defendem nova e rápida eleição para conselheiro do TCE; Fábio Camargo, eleito em julho, com apoio de Richa, foi afastado ontem pelo TJPR; história muito parecida com a de Maurício Requião, que perdeu o cargo mesmo sem o julgamento do mérito; será que o presidente da Assembleia aplicará o princípio da isonomia ou adotará dois pesos duas medidas para situação idêntica?; pelo sim pelo, Plauto Miró, segundo colocado na disputa de julho, avisa que já está no aquecimento.

Mundo político pressiona Rossoni para que adote mesma celeridade adotada em 2011, na eleição de Bonilha; na prática, deputados defendem nova e rápida eleição para conselheiro do TCE; Fábio Camargo, eleito em julho, com apoio de Richa, foi afastado ontem pelo TJPR; história muito parecida com a de Maurício Requião, que perdeu o cargo mesmo sem o julgamento do mérito; será que o presidente da Assembleia aplicará o princípio da isonomia ou adotará dois pesos duas medidas para situação idêntica?; pelo sim pelo, Plauto Miró, segundo colocado na disputa de julho, avisa que já está no aquecimento.

O presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Valdir Rossoni (PSDB), abriu precedente, em 2011, ao declarar vacância em vaga litigiosa no Tribunal de Contas do Estado (TCE). A cadeira pertencia — ou ainda pertence — ao ex-secretário da Educação, Maurício Requião, mas, mesmo a questão não transitando em julgado, o tucano convocou nova eleição que culminou com a escolha do advogado Ivan Bonilha (clique aqui para relembrar). ... 

Leia mais

8 de outubro de 2013
por Esmael Morais
7 Comentários

Assembleia poderá realizar nova eleição para o Tribunal de Contas. Plauto volta ao aquecimento

Deputado Plauto Miró (DEM), 1!º secretário da Assembleia, derrotado na disputa em julho pelo deputado Fábio Camargo, pelo placar de 27 votos a 22, avisa que já entrou no aquecimento! pela disputar de nova eleição para escolha de conselheiro do Tribunal de Contas; antes, porém, CNJ e STJ têm de comprovar que houve tráfico de influência! do pai do conselheiro, Clayton Camargo, ex-presidente e desembargador afastado do Tribunal de Justiça do Paraná.

Deputado Plauto Miró (DEM), 1!º secretário da Assembleia, derrotado na disputa em julho pelo deputado Fábio Camargo, pelo placar de 27 votos a 22, avisa que já entrou no aquecimento! pela disputar de nova eleição para escolha de conselheiro do Tribunal de Contas; antes, porém, CNJ e STJ têm de comprovar que houve tráfico de influência! do pai do conselheiro, Clayton Camargo, ex-presidente e desembargador afastado do Tribunal de Justiça do Paraná.

O corregedor do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Francisco Falcão, ao abrir Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD) para apurar supostas irregularidades cometidas pelo ex-presidente do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR), Clayton Camargo, e afastá-lo cautelarmente da função de desembargador, também abordou o processo que pede providências sobre suposto tráfico de influência na eleição do Tribunal de Contas do Estado (TCE). ... 

Leia mais