5 de maio de 2016
por admin
11 Comentários

Estudantes fazem a diferença em São Paulo; mas, e no Paraná?

ubes_camila_lanes

A mobilização dos estudantes no enfrentamento às falcatruas do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), vem chamando a atenção de todo o País.

A onda começou com as ocupações para barrar o fechamento das escolas estaduais. Agora, os estudantes ocupam a Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) exigindo uma CPI para investigar máfia da merenda. Aqui no Paraná, os problemas na educação pública e as falcatruas do governo são semelhantes, então fica a pergunta: cadê os estudantes para enfrentar Beto Richa? Leia mais

12 de dezembro de 2015
por admin
9 Comentários

Considerada de “direita”, UGT do Paraná é a única central que aprovou moção pelo “Fica Dilma”

As centrais sindicais, movimento estudantil e movimentos populares estão se organizando para a mobilização nacional em repúdio ao golpe do impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT) no próximo dia 16 de dezembro, quarta-feira.

No Paraná, a CUT, CTB, NCST, Força Sindical e até a UGT já se manifestaram contra o processo de impeachment aberto pelo presidente da Câmara Federal, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Para o secretário geral da CUT Paraná, Marcio Kieller, a decisão do governador Beto Richa de apoiar o  impeachment deve reforçar o movimento contra o golpe no Estado. “Se o Beto Richa está a favor desse absurdo, muitos trabalhadores, especialmente os professores, devem se mobilizar contra o impeachment”, completou Kieller.

A Força Sindical do Paraná publicou uma nota se posicionando contrária ao golpe e também deve se juntar à mobilização do dia 16. Para a Central, o processo só vai atrasar ainda mais a retomada econômica, além de colocar em risco a democracia e os direitos trabalhistas e sociais.

As entidades do movimento estudantil (UPES, UPE, UBES e UNE) também estão mobilizadas e vão jogar peso na mobilização do dia 16. Centenas de estudantes de todo o Brasil estão acampados em Brasília desde quarta-feira (9) em frente ao Congresso Nacional, para pressionar os deputados contra o golpe do impeachment.

O presidente da UPE, Bruno Pacheco, afirmou que os estudantes vão às ruas dia 16 contra o golpe, mas também pressionar por uma nova política econômica, onde os ricos paguem pela crise. “Queremos a taxação das grandes fortunas e a repatriação de recursos enviados para o exterior”, completou Bruno.

Diversas entidades que estão se organizando no Fórum de Lutas 29 de Abril realizarão Leia mais

7 de dezembro de 2015
por admin
9 Comentários

Trabalhadores e estudantes organizam resistência ao golpe

naovaitergolpeO movimento de resistência ao golpe na forma de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff começa a se organizar hoje no Paraná. As centrais sindicais, diversos sindicatos, entidades estudantis e movimentos populares vão se reunir para definir uma agenda de mobilizações em defesa da democracia.

A reunião será às 18h30, desta segunda-feira (7), na sede da APP-Sindicato (Av. Iguaçu, 880, em Curitiba).

O Blog do Esmael conversou com o presidente da União Paranaense dos Estudantes Secundaristas (UPES), Matheus dos Santos. Segundo ele, a democracia no Brasil foi construída com muita luta e muitas vidas, por isso não se pode descuidar e permitir o golpe. “Não se trata somente de defender o mandato da presidente Dilma Rousseff. Vamos para a rua defender antes de tudo a democracia”. Leia mais

3 de setembro de 2015
por Esmael Morais
9 Comentários

UPE empossa diretoria que terá tarefa de promover o “Fora Beto Richa”

richa_pachecaoA União Paranaense dos Estudantes (UPE) realizará solenidade de posse da sua nova diretoria para o biênio de 2015-2017 no dia 5 de setembro, sábado, às 10h, no Casarão da entidade, em Curitiba. ... 

Leia mais

18 de agosto de 2015
por Esmael Morais
15 Comentários

Blog do Esmael transmite ao vivo na quinta-feira manifestação pró-Dilma

Os movimentos sociais do Paraná e do Brasil estarão nas ruas nesta quinta-feira (20) na luta por direitos, liberdade e democracia, contra o golpismo tucano. O ato em Curitiba será na Praça Santos Andrade com a concentração marcada para 11 horas. Diversas cidades do interior estado realizarão manifestações semelhantes.

O Blog do Esmael transmitirá ao vivo a mobilização na capital paranaense em parceria com a TV 15.

As manifestações pró-Dilma Rousseff serão comentadas pelos senadores Gleisi Hoffmann (PT) e Roberto Requião (PMDB), que intervirão de Brasília, assim como o deputado federal Fernando Francischini (SD).

Nos estúdios da TV 15, em Curitiba, com mediação do repórter César Setti, estarão Murilo Hidalgo, presidente da Paraná Pesquisas; deputado Requião Filho (PMDB); Ricardo Mac Donald, secretário Municipal de Governo de Curitiba; e este editor.

No último domingo (16), o Blog do Esmael e a TV 15 transmitiram ao vivo para o Brasil e o mundo os protestos organizados pelo PSDB contra Dilma e o PT.

Participam da mobilização de quinta entidades como a União Nacional dos Estudantes (UNE), as centrais sindicais (CUT, CTB, Intersindical), a União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES), Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), União Brasileira de Mulheres (UBM), União Paranaense dos Estudantes (UPE), União Paranaense dos Estudantes Secundaristas (UPES), entre outras.

As manifestações de quinta-feira serão em defesa da Petrobras, da democracia, contra a terceirização e o ajuste fiscal que tiram direitos dos trabalhadores, em defesa dos empregos do bancários do HSBC, pela saída de Eduardo Cunha (PMDB) da presidência da Câmara dos Deputados e contra a onda conservadora que se instalou no país recentemente.

Uma reforma política efetiva também está na pauta dos movimentos sociais. O fim do financiamento empresarial de campanhas, um dos principais pontos defendidos pelos trabalhadores, é visto como um caminho que poderá encaminhar a resolução de diversos problemas.

Serviço: Ato por Direitos, Liberdade e Democracia
Local: Praça Santos Andrade, Centro. Curitiba -PR
Data: Quinta-feira, 20 de agosto
Horário: 11h

Com informações da CUT-PR.

Leia mais

24 de junho de 2015
por Esmael Morais
62 Comentários

Assista: Deputado Ademar Traiano bate-boca com presidente da UPE

O pronunciamento do estudante de jornalismo Bruno Pacheco, recém-eleito presidente da UPE, causou dor de barriga nos deputados nesta quarta-feira (24).

O dirigente estudantil fuzilou a queima roupa os parlamentares que votaram contra o reajuste de 8,17% aos professores e funcionários públicos; denunciou o sucateamento das universidades; e criticou a farra dos auxílios disso e daquilo, aumentos nos ganhos dos deputados, enfim.

“Só os amigos do governador podem ter reposição no salário. Será que essa crise é só para o povo?”, questionou o presidente da UPE, que foi interrompido pelo presidente da Assembleia, Ademar Traiano (PSDB).

Pachecão da UPE falou umas verdades aos deputados, que não gostaram.

Dirigentes estudantis de todo o estado se solidarizaram com Bruno. Eles estudam para agosto uma manifestação de desagravo em frente à Assembleia. Leia mais

21 de junho de 2015
por Esmael Morais
7 Comentários

UPE elege nova diretoria prometendo mobilizações contra Beto Richa

Blog da Laís Laíny, de Cascavel

A UPE (União Paranaense dos Estudantes) escolheu Bruno Schroeder Pacheco como presidente da entidade à gestão 2015/2017. Ele encabeçou a chapa UPE na “Luta Por Mais Direitos” e sua eleição representa a continuidade da UJS (União da Juventude Socialista – juventude do PCdoB) – na gestão da entidade.

Também estavam na disputa pela UPE a chapa Unidade Popular, presidida por Lays Gonçalves (representante do coletivo petista Kizomba) e também a chapa Oposição de Esquerda, que tinha como representante Larissa Rahmeier, da juventude do Psol.

Bruno venceu a eleição com folga. Foram 118 votos, contra 44 à Unidade Popular e 11 à Oposição de Esquerda.

Estudante de Jornalismo da PUC, em Curitiba, Bruno assume a UPE prometendo interiorizar as bandeiras e manter a unidade contra as medidas que o governador Beto Richa (PSDB) tem adotado.

“Temos que tirar a concentração da UPE de Curitiba e interiorizar. Também vamos unificar a luta contra a PEC 171 (Redução da Maioridade Penal) e contra o retrocesso do governador”, afirma o novo presidente da UPE.
Entre os desafios de atividades que ele pretende implantar em sua gestão são a 1ª Exposição de Negros e Negras da UPE; o 2º Encontro LGBT e a Exposição de Mulheres da UPE. Todos os eventos pautados no ambiente acadêmico.

“Esses eventos são importantes porque atualmente os jovens se organizam de outras formas, como em grupos LGBT, em grupos de negros e negras”, cita Bruno.
Bruno Pacheco reforça a UPE seguirá participando da luta pela Educação junto com as demais categorias do funcionalismo público.

“Na segunda-feira estaremos com na Assembleia Legislativa acompanhando a votação do Plano Estadual da Educação pois os estudantes não foram consultados”.
A escolha da direção marca o encerramento do 45° Conupe (Congresso da União Paranaense dos Estudantes) que começou na sexta-feira (19). Durante os três dias, Cascavel recebeu aproximadamente 500 estudantes de todo o Paraná que di Leia mais

2 de novembro de 2013
por Esmael Morais
8 Comentários

A vez das mulheres no movimento estudantil

51!º Congresso da UPES em Paranavaí, neste final de semana, deverá eleger a estudante Camila Lane, de 17 anos, nova presidente; filiada na UJS, braço político do PCdoB na juventude, a moça confirma a aposta dos comunistas nas mulheres no comando das organizações estudantis; UPE, entidade dos universitários, também apostou numa mulher; evento no Noroeste contou com uma feijoada japonesa! preparada pelo deputado Teruo Kato (PMDB). As fotos são de Ricardo Gomyde, presidente do PCdoB, que acompanha  o congresso.

51!º Congresso da UPES em Paranavaí, neste final de semana, deverá eleger a estudante Camila Lane, de 17 anos, nova presidente; filiada na UJS, braço político do PCdoB na juventude, a moça confirma a aposta dos comunistas nas mulheres no comando das organizações estudantis; UPE, entidade dos universitários, também apostou numa mulher; evento no Noroeste contou com uma feijoada japonesa! preparada pelo deputado Teruo Kato (PMDB). As fotos são de Ricardo Gomyde, presidente do PCdoB, que acompanha o congresso.

A estudante Camila Lanes, de 17 anos, do Colégio estadual Costa Viana, de São José dos Pinhais, deverá ser eleita neste domingo (3) a nova presidenta da União Paranaense dos Estudantes Secundaristas (UPES). ... 

Leia mais