25 de abril de 2014
por Esmael Morais
72 Comentários

Repórter de TV surpreende ao defender ao vivo salário de juiz para professor; assista ao vídeo

O jornalista Diogo Hutt, da TV Tarobá, ao vivo, deu exemplo consciência cidadã, ao defender isonomia salarial entre juízes e professores; recentemente, o governo Beto Richa (PSDB) sancionou lei que concede R$ 4 mil de auxílio-moradia aos magistrados; "Quer saber de uma coisa? Eu apoio essa greve", explicitou no telejornal, durante reportagem sobre a greve dos educadores do Paraná que hoje entrou no 3!º dia; vale a pena conferir o vídeo.

O jornalista Diogo Hutt, da TV Tarobá, ao vivo, deu exemplo consciência cidadã, ao defender isonomia salarial entre juízes e professores; recentemente, o governo Beto Richa (PSDB) sancionou lei que concede R$ 4 mil de auxílio-moradia aos magistrados; “Quer saber de uma coisa? Eu apoio essa greve”, explicitou no telejornal, durante reportagem sobre a greve dos educadores do Paraná que hoje entrou no 3!º dia; vale a pena conferir o vídeo.

O repórter Diogo Hutt, da TV Tarobá de Londrina, repetidora da TV Bandeirantes, surpreendeu no telejornal desta sexta-feira (25) ao defender salário de juiz, algo em torno de R$ 27 mil ao mês, para professores que recebem menos de 10% desse valor no Paraná. ... 

Leia mais

25 de abril de 2014
por Esmael Morais
22 Comentários

Em carta, Vargas pede para sair do PT

Pressionado, deputado André Vargas (PT-PR) enviou carta ao diretório municipal de Londrina, nesta sexta (25), onde era filiado desde 1990, pedindo sua desfiliação; ex-vice-presidente da Câmara, desde o começo deste mês, vem perdendo importantes posições estratégicas; desfiliação é estratégia para manter mandato; situação do agora ex-petista também vinha causando desarranjos! políticos no PT do Paraná.

Pressionado, deputado André Vargas (PT-PR) enviou carta ao diretório municipal de Londrina, nesta sexta (25), onde era filiado desde 1990, pedindo sua desfiliação; ex-vice-presidente da Câmara, desde o começo deste mês, vem perdendo importantes posições estratégicas; desfiliação é estratégia para manter mandato; situação do agora ex-petista também vinha causando desarranjos! políticos no PT do Paraná.

O ex-vice-presidente da Câmara, deputado André Vargas, pediu para sair do PT. Ele enviou carta ao diretório municipal do partido em Londrina, Norte do Paraná, onde ele é filiado desde 1990. ... 

Leia mais

25 de abril de 2014
por Esmael Morais
9 Comentários

Coronel que admitiu torturas na ditadura é assassinado no Rio; assista

da Agência Brasil, via 247

Coronel reformado do Exército, Paulo Malhães, de 76 anos, foi encontrado morto nesta manhã em seu sítio na zona rural de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense; segundo a polícia, três homens invadiram a casa, amarraram a mulher e o caseiro, e procuraram armas; durante a ação, o militar foi morto; em depoimento à  Comissão Nacional da Verdade no mês passado, Malhães admitiu ter torturado, matado e ocultado cadáveres durante a ditadura militar; assista ao vídeo.

Coronel reformado do Exército, Paulo Malhães, de 76 anos, foi encontrado morto nesta manhã em seu sítio na zona rural de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense; segundo a polícia, três homens invadiram a casa, amarraram a mulher e o caseiro, e procuraram armas; durante a ação, o militar foi morto; em depoimento à  Comissão Nacional da Verdade no mês passado, Malhães admitiu ter torturado, matado e ocultado cadáveres durante a ditadura militar; assista ao vídeo.

O coronel reformado do Exército, Paulo Malhães, de 76 anos, foi encontrado morto hoje pela manhã (25) em seu sítio na zona rural de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. De acordo com a polícia, três homens invadiram a casa, amarraram a mulher e o caseiro, e procuraram armas. Durante a ação dos criminosos, o militar foi morto. O corpo do coronel Malhães está no Instituto Médico-Legal de Nova Iguaçu, onde será determinada a causa da morte. ... 

Leia mais

25 de abril de 2014
por Esmael Morais
75 Comentários

Educadores em greve prometem marchar sobre Beto Richa na terça; assista ao vídeo

O Blog do Esmael acompanhou de perto na tarde desta sexta (25) as discussões de professores e funcionários de escolas direto do acampamento no Centro Cívico, em frente ao Palácio Iguaçu, em Curitiba. A categoria encerrou hoje o terceiro dia de greve e segundo a presidenta da APP-Sindicato, Marlei Fernandes, o movimento avançará na semana que vem.

O sindicato diz que a proposta levada à  mesa de negociação pelo governo do estado não atende as expectativas dos educadores, que esperavam muito mais. Por isso, informa a APP-Sindicato, a greve continua sem previsão de término.

Entretanto, neste sábado (26), a partir das 8h30, o Comando Estadual de Greve da APP-Sindicato se reunirá no auditório da sede estadual da entidade para analisar a proposta apresentada pelo governo Richa.

Em entrevista exclusiva ao Blog do Esmael, a dirigente sindical adiantou que não haverá aulas na segunda-feira, dia 28, e convocou uma megamarcha dos educadores sobre o governador Beto Richa (PSDB) para terça, dia 29, na capital, da Praça Santos Andrade (UFPR) até o Palácio Iguaçu.

A APP-Sindicato estima que 85% da categoria parou em todo o estado. Na segunda, ainda de acordo com Marlei, o comando de greve vai à s escolas para fazer piquete e convocar a marcha.

Assista à  entrevista com Professora Marlei Fernandes:

Informalmente, o Blog do Esmael apurou que a categoria não gostou da proposta do governo Richa, que prevê pagamento em dinheiro para hora-atividade e parcelamento de outras reivindicações a “la Casas Bahia” — a perder de vista.

As principais proposta do governo para encerrar a greve:

1) Hora-atividade – Pagamento em dinheiro da diferença de 0,67 de hora de trabalho a partir de agosto de 2014 e implementação na jornada no início do ano letivo de 2015.

2) Auxílio-transporte – Suspensão do corte imposto aos educadores em licença médica.

3) Pagamento das promoções e progressões para professores e funcionários !“ Parcelamento do pagamento em dez vezes, a partir da folha de maio.

4) Funcionários !“ Aumento do valor do auxílio-transporte dos funcionários do QFEB. Será acrescido de um valor, de aproximadamente R$ 88,00, para alcançar o valor do auxílio-transporte do um cargo de professor de 20 horas.

5) Funcionários !“ Encaminhamento, junto com a Lei da Data-base, da garantia de que nenhum(a) funcionário(a) público(a) tenha o salário-base inferior ao valor do Salário Mínimo Regional. Além disso, o governo assegurou o pagamento da data-base, em maio, em parcela única.

Os profissionais da educação estão acampados em frente ao Palácio Iguaçu por tempo indeterminado.

Pela Fanpage do Blog do Esmael, no Facebook (clique aqui), o leitor poderá acompanhar online os detalhes do alvoroço paredista. Basta curtir e assinar o feed da página para receber as atualizações das notícias gratuitamente em seu navegador.

Acerca da greve

O magistério deflagrou a greve porque o governo Beto Richa (PSDB) não cumpriu a palavra dada em negociações (a exemplo da não implementação dos 33% de hora-atividade no início do ano letivo de 2014) e adotou medidas que punem a categoria (como os descontos no auxílio-transporte).

Os educadores ainda cobram R$ 100 milhões relativos a avanços e progressões não pagos e o cumprimento da Lei Nacional do Piso, que prevê reajuste de 8,32% nos salários deste ano.

A seguir leia, os 13 pontos de pauta reivindicados pela APP-Sindicato:

1. 33% de hora-atividade – Nossa reivindicação histórica para a hora-atividade é de 50%. Queremos sua ampliação imediata para 33% e assim progressivamente. A hora-atividade tem que ser aplicada conforme a Lei 11.738/2008 (PSPN) a todos(as) os(as) professores(as) da rede, obedecendo a regulamentação da carreira de hora-aula de 50 minutos.

2. Piso Nacional – Este ano, foi anunciado, pelo Ministério da Educação (MEC), o índice de 8,32% de reajuste do Piso Salarial Profissional Nacional (PSPN). A APP defende, porém, que o índice a ser aplicado seja o de 10,6%, defendido pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE).

3. Reajuste dos(as) funcionários(as) – Queremos que o reajuste nos salários dos funcionários(as) de escola este ano seja conforme o índice do Piso Regional d Leia mais

25 de abril de 2014
por Esmael Morais
14 Comentários

Pelas mãos de Gomyde, frentistas ingressam no Partido Comunista

 Cerca de 6 mil trabalhadores em postos de combustíveis estarão sob a influência do PCdoB de Ricardo Gomyde que, nesta sexta (25), anunciou a filiação na legenda vermelha do presidente do Sindicato dos Empregados em Postos de Combustíveis de Curitiba (Sinpospetro), Lairson Sena; Gomyde quer uma das 54 cadeiras da Assembleia Legislativa do Paraná.


Cerca de 6 mil trabalhadores em postos de combustíveis estarão sob a influência do PCdoB de Ricardo Gomyde que, nesta sexta (25), anunciou a filiação na legenda vermelha do presidente do Sindicato dos Empregados em Postos de Combustíveis de Curitiba (Sinpospetro), Lairson Sena; Gomyde quer uma das 54 cadeiras da Assembleia Legislativa do Paraná.

Toda vez que um motorista for abastecer seu carro em um posto de combustível, muito provavelmente, será atendido por um militante do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) na região metropolitana de Curitiba. à‰ o que diz o presidente estadual da legenda vermelha no Paraná, Ricardo Gomyde, que acaba de filiar Lairson Sena, presidente do Sindicato dos Empregados em Postos de Combustíveis de Curitiba (Sinpospetro). ... 

Leia mais

25 de abril de 2014
por Esmael Morais
28 Comentários

Bruxo diz que Requião vence no PMDB; pesquisa também vê triunfo da candidatura própria; assista

Chik Jeitoso, o macumbeiro mais famoso do Hemisfério, fez previsão especial para o Blog do Esmael; polêmico bruxo suprapartidário viu nas "Lâminas Sagradas", nesta sexta (25), que Requião vencerá a convenção do PMDB em junho; pesquisa

Chik Jeitoso, o macumbeiro mais famoso do Hemisfério, fez previsão especial para o Blog do Esmael; polêmico bruxo suprapartidário viu nas “Lâminas Sagradas”, nesta sexta (25), que Requião vencerá a convenção do PMDB em junho; pesquisa “mano a mano” com delegados peemedebistas, recém-saída do forno, atesta o que diz o místico; levantamento no partido também identificou que convencionais preferem Gleisi a Richa, caso passe a remota tese de coligação; Jeitoso jura que nunca errou uma previsão política, nem mesmo sobre a morte de Sarney, feita na virada de 2012 para 2013, pois, segundo ele, fora contratado para “driblar” a morte do ex-presidente do Senado; assista ao vídeo.

O bruxo Chik Jeitoso afirmou nesta sexta (25), em Curitiba, que depois de ler as “Lâminas Sagradas” do Tarot, que o senador Roberto Requião será ungido candidato do PMDB ao governo do Paraná. ... 

Leia mais

25 de abril de 2014
por Esmael Morais
34 Comentários

Francischini apontado como autor de “vazoduto” na PF contra petistas

do Brasil 247
Uma decisão tomada pelo juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato, democratiza o acesso à s informações da ação empreendida pela Polícia Federal e mina o poder do deputado Fernando Francischini (SDD-PR). Moro tornou públicas as informações do inquérito !“ são mais de cinco mil páginas em papel e outras nove mil digitalizadas !“ e isso deve evitar que os vazamentos seletivos prossigam.

Suspeita-se, entre os responsáveis pela Operação Lava Jato, que Francischini, ex-delegado da PF, seja o principal responsável pelo “vazoduto” que tem instrumentalizado as manchetes de jornais, capas de revistas e longas reportagens nas TVs, que visam desgastar o governo Dilma, a Petrobras e o PT. Isso porque, logo após as prisões da Operação Lava Jato, Francischini recebeu por sete horas advogados dos doleiros presos, que lhe pediram apoio e lhe entregaram todo o inquérito, até então desconhecido da imprensa. São quase 5 mil paginas em papel e outras 9 mil paginas digitalizadas.

Experiente no trato dessas informações, Francischini teria fatiado o inquérito, selecionando os “capítulos” mais importantes e distribuindo o material a veículos como Veja, Folha, jornal O Globo e TV Globo. O primeiro alvo foi o deputado André Vargas (PT-PR), que passou a balançar depois que um pedido de um jato emprestado ao doleiro Alberto Yousseff veio à  tona. Francischini teria até montado uma lógica de distribuição de informações. Veja recebia o trecho do inquérito na quinta-feira, com o compromisso de não publicar na sua edição online. Folha e a TV Globo recebiam as informações na sexta-feira. Era a garantia de que todo os temas selecionados por ele renderiam também no fim de semana.

Coordenação

Foi assim que, no mesmo sábado, Veja e Folha saíram com a tabela de Paulo Roberto Costa sobre “soluções” de empreiteiras para operações de compras da Petrobras. Ou as insinuações em todos os jornais de que haveria indícios de relação de Alberto Yousseff com o ministro Paulo Bernardo, das Comunicações, e a senadora Gleisi Hoffmann, ambos adversários de Francischini no Paraná.

Foi também assim, através do “vazoduto” montado por Francischini que, ontem, minutos depois de a Justiça ter quebrado o sigilo do processo, as edições online de Veja, Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo vieram com as insinuações de envolvimento do ex-ministro Alexandre Padilha com o doleiro. Todos juntos, em menos de 30 minutos, conseguiram localizar a citação a Padilha no inquérito !“ o que demonstra a organização dos vazamentos.

Com a decisão do juiz Sergio Moro, o caso fica, agora, aberto ao público, evitando que os vazamentos sejam manobrados por um político oposicionista especializado em ações do tipo. Naturalmente, a imprensa familiar continuará selecionando as informações que atinjam o governo, o PT e a Petrobras, mas não poderá também ignorar se o inquérito contiver informações contra políticos de outros partidos.

Leia mais

25 de abril de 2014
por Esmael Morais
9 Comentários

Agora vai: DNIT apresenta consórcio vencedor para construção da segunda ponte entre Foz e o Paraguai

Antiga reivindicação de moradores e comerciantes dos dois lados da fronteira, nova ponte internacional deverá desafogar a Ponte da Amizade (Brasil e Paraguai); não custa perguntar: e a ponte entre Matinhos e Guaratuba, no Litoral, sai?

Antiga reivindicação de moradores e comerciantes dos dois lados da fronteira, nova ponte internacional deverá desafogar a Ponte da Amizade (Brasil e Paraguai); não custa perguntar: e a ponte entre Matinhos e Guaratuba, no Litoral, sai?

O Departamento Nacional de Infraestrutura de! Transportes (DNIT) apresentou nesta quinta-feira (24) o consórcio vencedor da licitação para construção da segunda ponte entre Foz do Iguaçu e Ciudad del Este. A reivindicação é antiga e visa desafogar a Ponte da Amizade, principal ligação entre o Brasil e o Paraguai. ... 

Leia mais

25 de abril de 2014
por Esmael Morais
25 Comentários

Requião pode “desistir” de Gleisi na vice por “malcriação do PT”

Pelo Twitter, nesta sexta (25), o senador Roberto Requião (PMDB) "ameaçou" desistir de convidar Gleisi Hoffmann (PT) para sua vice na corrida pelo Palácio Iguaçu; "Eu não convidei Gleisi para ser vice, mas se o PT continuar de malcriação eu não aceito mais", ironizou o peemedebista, referindo-se à s recentes declarações dos deputados petistas Enio Verri e Elton Welter.

Pelo Twitter, nesta sexta (25), o senador Roberto Requião (PMDB) “ameaçou” desistir de convidar Gleisi Hoffmann (PT) para sua vice na corrida pelo Palácio Iguaçu; “Eu não convidei Gleisi para ser vice, mas se o PT continuar de malcriação eu não aceito mais”, ironizou o peemedebista, referindo-se à s recentes declarações dos deputados petistas Enio Verri e Elton Welter.

O senador Roberto Requião (PMDB), em tom de ironia, nesta sexta (25), disse que vai “desconvidar” a senadora Gleisi Hoffmann (PT) para sua vice devido à  malcriação do PT. ... 

Leia mais

25 de abril de 2014
por Esmael Morais
21 Comentários

PF faz disparo letal contra candidatura lulista em São Paulo

do Brasil 247 Por essa, nem Geraldo Alckmin, nem Paulo Skaf, nem Gilberto Kassab poderiam esperar. Muito menos os principais veículos da mídia familiar no Brasil, que têm feito oposição sistemática e militante ao Partido dos Trabalhadores. Ganharam um presente, diretamente de Brasília.

Da Polícia Federal, subordinada ao ministro José Eduardo Cardozo, partiu um vazamento seletivo sobre a Operação Lava-Jato que atingiu em cheio a campanha do ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha !“ nome no qual o ex-presidente Lula e o PT depositam a maior esperança para conquistar o governo de São Paulo, dando fim a um ciclo de 20 anos do PSDB no poder.

Ao vazar o trecho de um relatório que aponta que Padilha indicou o executivo Marcus Cezar de Moura para o laboratório Labogen, ligado ao doleiro Alberto Yousseff, preso na operação, a Polícia Federal entregou, de bandeja, a cabeça de Padilha a seus inimigos.

Os resultados foram os esperados. Três manchetes, que poderão ser amplamente exploradas na campanha eleitoral deste ano.

Da Folha, a mensagem direta: “PF liga ex-ministro Padilha a empresa de doleiro preso”.

Do Globo, outro petardo: “Padilha indicou executivo para doleiro, apura PF”. No Estado de S. Paulo, quase o mesmo: “Padilha indicou executivo para doleiro, aponta PF”.

Padilha, naturalmente, negou qualquer associação com o doleiro Alberto Youssef. “Repudio envolvimento do meu nome e esclareço que não indiquei nenhuma pessoa para Labogen. Se como diz a PF, envolvidos se preocupavam com autoridades fiscalizadoras, só poderiam se referir aos mecanismos de controle criados por mim no Ministério da Saúde. A prova maior disso é que nunca existiu contrato com a Labogen e nunca houve desembolso por parte do Ministério da Saúde”, disse ele, em postagem nas redes sociais.

No entanto, é óbvio que a candidatura Padilha sofreu um duro revés, antes mesmo de atingir velocidade de cruzeiro. A primeira questão é: ele sobreviverá à  adversidade? A segunda é mais intrigante: terá sido fogo amigo?

Leia mais

25 de abril de 2014
por Esmael Morais
25 Comentários

“A greve continua no Paraná”, afirma APP-Sindicato; assista ao vídeo

A presidenta da APP-Sindicato, Marlei Fernandes, em relato aos educadores acampados há três em frente ao Palácio do Iguaçu, após a segunda reunião com secretários do governo Beto Richa (PSDB), informou ontem à  noite que a greve continua por tempo indeterminado (assista ao vídeo abaixo).

O Blog do Esmael, direto do Palácio das Araucárias, ao lado do acampamento, acompanhou as cinco horas da nova rodada de negociações que terminou sem acordo.

O comando de greve deverá convocar uma assembleia dos grevista para amanhã, sábado, dia 26, para decidir se encerra ou movimento ou não.

Informalmente, o Blog do Esmael apurou que a categoria não gostou da proposta do governo Richa, que prevê pagamento em dinheiro para hora-atividade e parcelamento de outras reivindicações a “la Casas Bahia” — a perder de vista.

As principais proposta do governo para encerrar a greve:

1) Hora-atividade – Pagamento em dinheiro da diferença de 0,67 de hora de trabalho a partir de agosto de 2014 e implementação na jornada no início do ano letivo de 2015.

2) Auxílio-transporte – Suspensão do corte imposto aos educadores em licença médica.

3) Pagamento das promoções e progressões para professores e funcionários !“ Parcelamento do pagamento em dez vezes, a partir da folha de maio.

4) Funcionários !“ Aumento do valor do auxílio-transporte dos funcionários do QFEB. Será acrescido de um valor, de aproximadamente R$ 88,00, para alcançar o valor do auxílio-transporte do um cargo de professor de 20 horas.

5) Funcionários !“ Encaminhamento, junto com a Lei da Data-base, da garantia de que nenhum(a) funcionário(a) público(a) tenha o salário-base inferior ao valor do Salário Mínimo Regional. Além disso, o governo assegurou o pagamento da data-base, em maio, em parcela única.

Os profissionais da educação estão acampados em frente ao Palácio Iguaçu por tempo indeterminado.

Pela Fanpage do Blog do Esmael, no Facebook (clique aqui), o leitor poderá acompanhar online os detalhes do alvoroço paredista. Basta curtir e assinar o feed da página para receber as atualizações das notícias gratuitamente em seu navegador.

Acerca da greve

O magistério deflagrou a greve porque o governo Beto Richa (PSDB) não cumpriu a palavra dada em negociações (a exemplo da não implementação dos 33% de hora-atividade no início do ano letivo de 2014) e adotou medidas que punem a categoria (como os descontos no auxílio-transporte).

Os educadores ainda cobram R$ 100 milhões relativos a avanços e progressões não pagos e o cumprimento da Lei Nacional do Piso, que prevê reajuste de 8,32% nos salários deste ano.

A seguir leia, os 13 pontos de pauta reivindicados pela APP-Sindicato:

1. 33% de hora-atividade – Nossa reivindicação histórica para a hora-atividade é de 50%. Queremos sua ampliação imediata para 33% e assim progressivamente. A hora-atividade tem que ser aplicada conforme a Lei 11.738/2008 (PSPN) a todos(as) os(as) professores(as) da rede, obedecendo a regulamentação da carreira de hora-aula de 50 minutos.

2. P Leia mais

25 de abril de 2014
por Esmael Morais
19 Comentários

Coluna do Ricardo Mac Donald: à‰ preciso formar gestores públicos

Ricardo Mac Donald*

As eleições atuais, em que vários partidos políticos não têm mais ideologia e se assemelham a cartórios de registro de candidatura e partilha de tempo de televisão, com candidatos que disputam o poder entre si, como se fossem agrupamento de interesses, onde pesa mais a empatia e a fidelidade na disputa do poder do que planos concretos para a administração da coisa pública, resulta em grandes dificuldades de gestão.

Outros países se debruçaram sobre o problema e entendem que é preciso formar um corpo funcional forte, com grande conhecimento de gestão pública e estabilidade para que a memória da administração não se perca a cada mudança de governo.

Como já se viu, não adianta colocar um médico na gestão de um hospital se ele não souber gerenciá-lo, pois poderemos ter ótimo cirurgião transformado num péssimo administrador.

A França, muito tempo atrás, partiu para a formação de uma classe dirigente, com a ENA !“ Escola Nacional de Administração. A moderna China vai pelo mesmo caminho, com a Academia de Liderança Executiva da China, onde lições de administração moderna são incorporadas ao desenvolvimento do país, adotando ensinamentos da Harvard Kennedy School e da ENA Francesa.

No Brasil, deveríamos pensar em algo semelhante. As pessoas com vocação para a gestão pública poderiam aprender a simplificar o andamento das coisas, a mirar os objetivos concretos dos cidadãos, a fazer render ao máximo o dinheiro público, a gastar o menos possível com a máquina pública, para as ações chegarem otimizadas nas pontas.

Aproveitar as experiências exitosas dos bons gestores. Não só aprender a teoria, mas ter no currículo grande espaço para aulas práticas. Ter noção exata de quanto custam os serviços e obras públicas para fazer os orçamentos gerais.

De outro lado, aprofundar a participação do cidadão, aproveitando os meios digitais, as audiências públicas, as eleições. Fazer com que as pessoas entendam como funcionam os poderes públicos, que não existem pais/mães provedores, que o populismo assim como o clientelismo são péssimos caminhos. à‰ só ver o que ocorre na Argentina, na Venezuela e na Bolívia.

Mostrar que não existem soluções fáceis e que tudo tem um custo. A cidade de Lyon, que tem o melhor sistema de transporte público da França, conseguiu convencer empresas a pagar diretamente aos operadores do sistema parte do seu custo. Toda a cidade ganhou.

No Brasil, se a população passasse a cuidar das cidades com atenção centrada no custo das coisas, estaríamos dando passos de gigante.

Próxima sexta, novo tema.

*Ricardo Mac Donald Ghisi é advogado, secretário Municipal de Governo de Curitiba. Escreve à s sextas no Blog do Esmael.

Leia mais

Esmael Morais 2009-2018. O Blog do Esmael é liberto das excludentes convenções mercantis Copyright ©. O site não cobra pelos direitos autorais, portanto, pode e deve ser reproduzido no todo ou em parte, além de ser liberado para distribuição desde que preservado seu conteúdo e o nome do autor. | A política como ela é em tempo real.

Topo