Chanceler russo vê risco de terceira guerra mundial com entrada da OTAN ‘por procuração’ no conflito da Ucrânia

► A inadmissibilidade da guerra nuclear é a ‘postura de princípios’ de Moscou, diz Lavrov ► O perigo de tal conflito não deve ser subestimado, disse o ministro das Relações Exteriores da Rússia A inadmissibilidade de uma guerra nuclear é a posição de princípio de Moscou, o perigo de tal conflito não deve ser subestimado, … Read more

Biden vê risco de Terceira Guerra Mundial se sanções contra Rússia frustrarem

O presidente dos EUA, Joe Biden, disse que uma alternativa às duras sanções que Washington impôs à Rússia seria a Terceira Guerra Mundial. – Você tem duas opções. Iniciar uma Terceira Guerra Mundial, entrar em guerra com a Rússia, fisicamente. Ou duas, garantir que o país que age tão contrário à lei internacional acabe pagando … Read more

EUA deslocam caças. Rússia não cede. Vem aí a 3!ª Guerra Mundial?

do Brasil 247

Barack Obama faz o que se esperava dele; com a Otan declarando apoio à  Ucrânia, presidente norte-americano desloca 12 jatos de guerra para a fronteira com a Polônia; com tropas nas ruas, dentro da Crimeia, Vladmir Putin prossegue cruzada diplomática pelo direito da região à  autonomia; ao levar a sério movimentação das tropas ocidentais, guerra entre as duas maiores potências militares do mundo estaria sendo armada; você acredita em uma 3!ª Guerra Mundial?
Barack Obama faz o que se esperava dele; com a Otan declarando apoio à  Ucrânia, presidente norte-americano desloca 12 jatos de guerra para a fronteira com a Polônia; com tropas nas ruas, dentro da Crimeia, Vladmir Putin prossegue cruzada diplomática pelo direito da região à  autonomia; ao levar a sério movimentação das tropas ocidentais, guerra entre as duas maiores potências militares do mundo estaria sendo armada; você acredita em uma 3!ª Guerra Mundial?
As pressões sobre o tabuleiro da Ucrânia só aumentam. Enquanto o comando da Otan declara apoiar o governo do país e a Rússia fixa seu exército dentro da Crimeia, os Estados Unidos realizam seu primeiro movimento militar. Um esquadrão com uma dúzia de caças F-16 foi deslocada para a fronteira da Polônia com a Ucrânia. A clara intenção é mostrar mobilização militar para impedir a conexão da Crimeia, península autônoma da Ucrânia, à  Federação Russa.

Será preciso, porém, mais do que o deslocamento de F-16 para levar a Rússia a um recuo. Após dar sua posição ao presidente dos EUA, Barack Obama, em dois longos telefonemas, Putin procurou a chanceler alemã à‚ngela Merkel para repetir seus argumentos de que o plebiscito marcada para o próximo final de semana na Ucrânia é legítimo. O parlamento do país aprovou por unanimidade a ligação à  Federação Russa.

Os grandes movimentos militares são acompanhados, até aqui, com relativa calma dentro da Ucrânia. Vai ficando claro, agora, que pelos menos duas dezenas de grupos organizados de neonazistas e fascistas estavam entre a massa que levou à  queda do presidente Viktor Yanukovich.

Abaixo, notícia da Agência Reuters a respeito:

Read more