Artista é obrigada a retirar retrato de Caíto Quintana

Deputado Caito Quintana.


por Isadora Rupp, via Gazeta do Povo

A artista plástica Danielly Dias Sandy precisou retirar da mostra um dos quadros da exposição que inaugurou nesta semana no Sesc àgua Verde, intitulada Retratos. A peça mostrava o rosto do deputado estadual Caíto Quintana (PMDB) e foi nomeada como Retrato de quem encomendou e não pagou. A artista contou que fez o quadro há alguns anos, por encomenda, mas o deputado não gostou da pintura. Danielly guardou a obra, retrabalhou o quadro e o colocou na exposição. Mas não havia menção ao nome do deputado.

Segundo a artista, um homem, que não se identificou e disse somente ser um assessor de Quintana, entrou na galeria, fotografou o quadro e questionou a um funcionário se ele sabia quem foi retratado!. Com a resposta negativa, o homem disse se tratar do deputado e pediu que o quadro fosse retirado imediatamente da parede. O funcionário retirou a obra, após a artista fazer a autorização, por telefone. Da!­!­nielly disse que ficou assustada! e que o suposto assessor teve uma atitude grosseira. Em nenhum momento cito o nome dele. Quem reconhece é o público. Me senti oprimida. O artista tem liberdade de expressão, estamos em uma democracia!.

A reportagem tentou contato telefônico com o deputado, que estava com o celular desligado. O assessor de imprensa de Caíto Quintana informou que não sabia do ocorrido e que não seria possível falar com o deputado, pois ele está em viagem pelo interior do estado.

Comentários encerrados.