richa_ameaca.jpgSanta Periquita que nos proteja, pois o governador reeleito Beto Richa (PSDB), em entrevista ao repórter Euclides Lucas Garcia, da Gazeta do Povo, edição deste domingo (19), disse em tom ameaçador: “O melhor está por vir”.

Depois de reeleito no começo deste mês, já estouraram duas rebeliões organizadas pelo Primeiro Comando da Capital (PCC) nas penitenciárias de Guarapuava e Maringá. Ao todo, são 22 duas revoltas nos presídios somente este ano.

Os paranaenses têm pela frente o “deferimento” (parcelamento) do tarifaço da energia e, em dezembro, vem aí novo reajuste no preço do pedágio nas rodovias do estado, dentre outras “surpresas”.

Segundo informações do próprio Palácio Iguaçu, há um “aperto fiscal” para garantir o pagamento do 13º salário. Os fornecedores não têm garantia de que receberão “o seu” porque a folha dos comissionados ainda bate no limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

A seguir, leia a íntegra da entrevista de Richa: (mais…)

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

dilma_blogueiros

A campanha da presidenta Dilma Rousseff (PT) convocou um ato político para esta segunda-feira (20), em São Paulo, ‘blogueiros progressistas’ e movimentos populares ligados à juventude e cultura.

Com as presenças de Lula e Dilma, a ideia é trabalhar as periferias na reta final da campanha pela reeleição. Na hora do evento, às 17 horas, internautas e militantes virtuais estão sendo orientados a utilizar a hashtag #PeriferiaComDilma.

Além da presidenta e do ex-presidente, o encontro de hoje à tarde ainda vai reunir torcidas organizadas, juventudes partidárias, movimentos estudantis, jornada de lutas, cultura, skate, comunicadores, moradia, rap, funk, direitos humanos e igrejas.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

do Brasil 247

Pesquisa encomendada pela CNT (Confederação Nacional dos Transportes) aponta a presidente com 50,5% dos votos válidos, contra 49,5% do candidato do PSDB; em votos gerais, contando brancos e nulos, a vantagem é a mesma para Dilma Rousseff, que tem 45,5% ante 44,5% de Aécio Neves; mostras da semana passada apontavam empate técnico, mas com Aécio numericamente à frente; primeira pesquisa do segundo turno do instituto MDA foi realizada sábado e domingo, portanto antes do terceiro debate presidencial, exibido ontem à noite pela TV Record; margem de erro é de 2,2 pontos percentuais; Ibovespa acentua queda após divulgação da pesquisa.

Pesquisa encomendada pela CNT (Confederação Nacional dos Transportes) aponta a presidente com 50,5% dos votos válidos, contra 49,5% do candidato do PSDB; em votos gerais, contando brancos e nulos, a vantagem é a mesma para Dilma Rousseff, que tem 45,5% ante 44,5% de Aécio Neves; mostras da semana passada apontavam empate técnico, mas com Aécio numericamente à frente; primeira pesquisa do segundo turno do instituto MDA foi realizada sábado e domingo, portanto antes do terceiro debate presidencial, exibido ontem à noite pela TV Record; margem de erro é de 2,2 pontos percentuais; Ibovespa acentua queda após divulgação da pesquisa.

Pesquisa CNT/MDA divulgada na manhã desta segunda-feira 20 confirma o empate técnico apontado nas mostras Datafolha e Ibope da semana passada, mas com a presidente Dilma Rousseff (PT) numericamente à frente de Aécio Neves (PSDB).

A candidata à reeleição registrou 50,5% dos votos válidos, contra 49,5% do candidato tucano. Esta foi a primeira pesquisa do instituto MDA no segundo turno, portanto não há cenário de comparação com levantamentos anteriores.

Contabilizando os votos gerais, com brancos e nulos, a vantagem da petista é mesma: 45,5% das intenções de voto a Dilma, ante 44,5% a Aécio Neves. A margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais.

O instituto MDA realizou 2.002 entrevistas em 137 municípios de 25 estados no sábado 18 e no domingo 19, portanto antes do terceiro debate presidencial, exibido pela TV Record na noite deste domingo.

As pesquisas Datafolha e Ibope divulgadas na semana passada apontaram resultados idênticos entre elas, com empate técnico entre Aécio (51%) e Dilma (49%), mas com Aécio dois pontos à frente. O Datafolha divulga um novo levantamento nesta segunda-feira 20, às 18h no site da Folha de S. Paulo.

O Ibovespa acentuou a queda após a divulgação da pesquisa mostrando Dilma um ponto à frente. Leia abaixo reportagem do portal Infomoney. (mais…)

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS
A vigésima segunda(!) rebelião no sistema penitenciário estadual iniciada no final da tarde de ontem (19) na Penitenciária Estadual de Maringá está chegando ao fim. A reivindicação dos presos era basicamente a mesma das outras 21 revoltas, transferência de parte dos presos e melhoria na alimentação. O saldo até agora é de dois agentes penitenciários feridos e dois tomados como reféns, além da banalização das revoltas, com o governo se tornando o grande refém dos presos.

A vigésima segunda(!) rebelião no sistema penitenciário estadual iniciada no final da tarde de ontem (19) na Penitenciária Estadual de Maringá está chegando ao fim. A reivindicação era basicamente a mesma das outras 21 revoltas, transferência de parte dos presos e melhoria na alimentação. O saldo até agora é de dois agentes penitenciários feridos e dois tomados como reféns, além da banalização das revoltas, com o governo Richa se tornando o grande refém dos presos.

A rebelião iniciada no final da tarde do domingo (19) na Penitenciária Estadual de Maringá deverá ser encerrada ainda na manhã de hoje (20). As negociações conduzidas pela Polícia Militar e pelo Departamento de Execução Penal do Estado do Paraná (Depen) estão avançadas. As reivindicações são parecidas com as rebeliões anteriores: transferências de presos e melhorias na alimentação.

Para se ter uma ideia do nível das reivindicações, um dos líderes da rebelião seria um preso que quer transferência para Curitiba, por que sua mulher estaria para dar a luz.

O saldo desta que é a vigésima segunda rebelião no sistema penitenciário estadual, até agora, é de dois agentes penitenciários feridos, já atendidos e sem risco de morte; e dois agentes tomados como reféns. Mas o que chama mesmo a atenção é a banalização das rebeliões, mostrando que não há comando e a segurança interna dos presídios é muito frágil; e o grande refém é na verdade o governo de Beto Richa (PSDB), que não tem força para fazer frente ao Primeiro Comando da Capital (PCC). (mais…)

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

gleisi_francischini.jpg

O Blog do Esmael procurou a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) para saber o que ela achou da iniciativa do deputado Fernando Francischini (SDD-PR), que anunciou que irá convocá-la para explicar, na Câmara dos Deputados, a denúncia de que teria recebido R$ 1 milhão para sua campanha ao Senado, em 2010, dos delatores do esquema na Petrobras, o ex-diretor Paulo Roberto Costa e o doleiro Alberto Youssef.

Gleisi disse não ter problema nenhum em falar sobre o assunto, mas quer saber porque a valentia do delegado Francischini é seletiva. Segundo ela, o tucano mostrou-se “mais frouxo” quando divulgaram o nome de dezenas de deputados que estariam envolvidos, inclusive um do partido dele e o próprio presidente da Câmara dos Deputados.

“Onde estava o valente Francischini, que não convocou imediatamente a todos para se explicarem?”, questiona a petista, apontando “valentia seletiva” do parlamentar do PSDB.

Ao Blog do Esmael, o deputado do Solidariedade ironizou a senadora do PT: “Ela queria que eu convocasse do Além o senador Sérgio Guerra [ex-presidente nacional do PSDB, morto este ano, também denunciado pelo ex-diretor da Petrobras], mas será surpreendida com vários “PB’s” na agenda do delator”, retrucou. (mais…)

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

dilma_aecio_record.jpgCentenas de leitores do Blog do Esmael opinaram desde o início da madrugada de hoje sobre o debate presidencial na Record entre Aécio Neves (PSDB) e Dilma Rousseff (PT). Para eles, embora tenham achado o confronto mais chocho em relação ao do SBT, a petista se sobressaiu apresentando “dados consistentes” no confronto televisivo. Esse foi o terceiro encontro dos contendores neste segundo turno.

Para muitos, a ausência de ataques pessoais e “baixarias” no embate de ontem seria prova de que os dois candidatos amadureceram depois de puxões de orelha do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

No encontro dos presidenciáveis, prevaleceu a comparação de realizações nos governos FHC, Lula e Dilma. Na tentativa de evitar a confrontação de projetos antagônicos, Aécio acusava a candidata do PT de “sempre olhar para o passado”.

A Petrobras e a Itaipu Binacional ganharam destaque central no debate da Record, pois o tucano insistiu várias vezes na tecla de que o tesoureiro do PT, João Vacari Neto, fora apontado em delação premiada pelo ex-diretor da estatal, Paulo Roberto Costa, como um dos beneficiários de propinas da petrolífera. O petista é conselheiro de Itaipu.

No debate, Aécio chegou a citar a ex-ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann (PT-PR), de receber dinheiro do esquema denunciado pelo delator. Dilma rebateu a questão dizendo que o partido do adversário engavetou várias denúncias e lembrou que o senador Sérgio Guerra, ex-presidente nacional do PSDB, recebera propina da Petrobras. “Eu puno, vocês não”, repetiu a presidenta.

Dilma espezinhou Aécio em diversas oportunidades. Bem menos que no confronto do SBT, ela levou o adversário a discutir sua gestão em Minas Gerais. Associou-o ao risco da privatização na Petrobras, de ameaçar direitos e conquistas dos trabalhadores, à volta da inflação e do desemprego no país. A petista também cravou no tucano a pecha de “pessimista” devido às críticas no campo econômico.

O quarto e último — e talvez decisivo — debate entre Dilma e Aécio será na sexta-feira, dia 24, na Rede Globo.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Marcelo Araújo, em sua coluna desta segunda-feira, afirma que a recente disputa entre os presidenciáveis para ver quem é mais infrator “parece briga entre o cego que empurrava o cadeirante: o cadeirante falou para o cego: ‘Olha que mulher mais linda!’.  O cego prontamente respondeu: ‘Corre atrás...’”; segundo o especialista de trânsito e multa, Dilma cometeu falta gravíssima ao transportar neto no colo, assim como Aécio ao dirigir com carteira vencida e se recusar fazer o bafômetro; leia o texto e compartilhe.

Marcelo Araújo, em sua coluna desta segunda-feira, afirma que a recente disputa entre os presidenciáveis para ver quem é mais infrator “parece briga entre o cego que empurrava o cadeirante: o cadeirante falou para o cego: ‘Olha que mulher mais linda!’. O cego prontamente respondeu: ‘Corre atrás…’”; segundo o especialista de trânsito e multa, Dilma cometeu falta gravíssima ao transportar neto no colo, assim como Aécio ao dirigir com carteira vencida e se recusar fazer o bafômetro; leia o texto e compartilhe.

Marcelo Araújo*

No debate, embate ou combate para a eleição presidencial nesse segundo turno o Trânsito, o Transporte e a Mobilidade ficaram centrados em provocações pessoais. Se de um lado Aécio conduzia o veículo com a carteira vencida (infração gravíssima), de outro, Dilma transportava o neto em desacordo com normas de segurança que seu governo disciplinou (infração gravíssima).

Como nenhum dos candidatos está sendo eleito para ser motorista nem ‘tia’ para cuidar de escolares, creio que o assunto poderia assumir olhos de águia, não de galinha! Fundamental por se tratar de um tema que atinge as três esferas de governo — federal, estadual e municipal — em especial a Política Nacional de Trânsito.

Na esfera federal é uma das joias da coroa, pois pelo menos três ministérios de suma importância estão diretamente ligados ao assunto, como o Ministério das Cidades que preside o CONTRAN (Conselho Nacional de Trânsito – lembrando que sua composição tem uma dezena de ministérios), o Ministério dos Transportes no qual está ligado o DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) e o Ministério da Justiça, ao qual se subordina a Polícia Rodoviária Federal, além de agências como a ANTT – Agência Nacional de Transportes Terrestres, que controla de forma geral o transporte e as concessões rodoviárias.

Nesse assunto devemos ponderar que o poder concentrado no CONTRAN na sua atividade regulamentadora em forma de Resolução, ou ainda mais, quando a figura individual de seu Presidente edita Deliberações com força de Resolução podemos afirmar que ele age com mais poder que o Legislativo e o próprio chefe do Executivo, pois quando o chefe do Executivo edita uma Medida Provisória ela tem limitação de tempo para ser discutida enquanto a Deliberação pode eternizar-se sem sequer um referendo do restante dos integrantes do CONTRAN.

Um exemplo típico desse poder foi a tentativa frustrada da implantação dos simuladores de direção nas autoescolas que movimentaria rios de dinheiro, com um financiamento já aprovado pela Caixa Econômica em torno de 500 milhões de Reais.

Sequer adentramos nos assuntos que diariamente estão na mídia, como a acidentalidade, aplicação do dinheiro do FUNSET – Fundo Nacional de Segurança e Educação de Trânsito que arrecada 5% do valor de todas as multas aplicadas no país. O tema merece a devida atenção.

De multa eu entendo!

*Marcelo Araújo é advogado, presidente da Comissão de Trânsito, Transporte e Mobilidade da OAB/PR. Escreve nas segundas-feiras para o Blog do Esmael.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS
Charge de Frank para A Notícia (Joinville SC)

Charge de Frank para A Notícia (Joinville SC)

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

jornal_1260_img1_141019-1Jornais do Paraná

Gazeta do Povo: Imigrantes do Haiti relatam 13 casos de racismo com agressão

Bem Paraná: Campanha eleitoral gera “discurso de ódio” nas redes sociais

Jornal Metro: Debaixo d’água, a raça

Jornal de Londrina: Que venha a Série C

Folha de Londrina: Tubarão retorna à Série C

Jornal Hoje: Redução da maioridade atingiria 56% dos infratores

Gazeta do Iguaçu: Porto Seco de Foz já movimentou mais de R$ 11 bilhões em 2014

Jornais de outros estados

Globo: Caso Petrobrás é destaque em debate sem ofensas

Folha: Maioria sofre falta d’água em SP e já planeja estocar

Estadão: Petrobrás e gestão marcam debate sem ataques pessoais

Correio Braziliense: Dilma e Aécio baixam temperatura de debate

Valor: Brasil se isola com tarifas de importação mais altas

Estado de Minas: Mais propostas, menos ataques e… a Petrobrás

Zero Hora: Mais propostas, menos ataques e… a Petrobras

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

dilma_aecio_record.jpg

Transmissão encerrada 00h05.

Quem ganhou o debate? Dê a sua opinião.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Primeiro Comando da Capital (PCC) vem mostrando que tem a supremacia no sistema carcerário do Paraná; neste domingo (19), estourou a 22ª rebelião deste ano na Penitenciária de Maringá (PEM); governador Beto Richa, que inspira o “choque de gestão” de Aécio Neves, não se pronunciou acerca da crise nos presídios que se arrasta. (Foto: Blog do Leandro Oliveira - http://blogleandrooliveira.blogspot.com.br).

Primeiro Comando da Capital (PCC) vem mostrando que tem a supremacia no sistema carcerário do Paraná; neste domingo (19), estourou a 22ª rebelião deste ano na Penitenciária de Maringá (PEM); governador Beto Richa, que inspira o “choque de gestão” de Aécio Neves, não se pronunciou acerca da crise nos presídios que se arrasta. (Foto: Blog do Leandro Oliveira – http://blogleandrooliveira.blogspot.com.br).

Fontes do Blog do Esmael no comando da Polícia Militar afirmam que estourou no fim da tarde deste domingo (19), por volta das 17h30, uma rebelião na Penitenciária de Maringá (PEM), região Noroeste, que fica na divisa com o município de Paiçandu.

Informações preliminares dão conta que o batalhão de Choque já chegou ao local. A situação é muito tensa, pois há agentes penitenciários feitos reféns.

Esta é a 22ª rebelião em presídios do Paraná somente neste ano de 2014.

O governador Beto Richa (PSDB), cujo choque de gestão será copiado por Aécio Neves (PSDB), caso seja eleito no próximo domingo (26), não fez nenhum pronunciamento acerca da supremacia do PCC (Primeiro Comando da Capital) no sistema carcerário do estado.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

do Brasil 247

"Uma das restrições proíbe a reprodução, nos programas de propaganda eleitoral, de reportagens e artigos de imprensa. Ainda que se destine a restringir o conteúdo e a forma da propaganda, a proibição incide sobre a divulgação dos artigos e reportagens. Logo, restringe a liberdade de imprensa com antecedência. O que caracteriza censura prévia", diz o colunista Janio de Freitas.

“Uma das restrições proíbe a reprodução, nos programas de propaganda eleitoral, de reportagens e artigos de imprensa. Ainda que se destine a restringir o conteúdo e a forma da propaganda, a proibição incide sobre a divulgação dos artigos e reportagens. Logo, restringe a liberdade de imprensa com antecedência. O que caracteriza censura prévia”, diz o colunista Janio de Freitas.

O jornalista Janio de Freitas, colunista da Folha de S. Paulo, classifica como “censura”, a decisão do Tribunal Superior Eleitoral de restringir conteúdos veiculados no horário eleitoral.

Na coluna Censura, ele afirma que “o TSE tomou duas decisões para aplicação imediata na propaganda eleitoral que caracterizam censura”.

“O TSE tomou as duas decisões para aplicação imediata nos programas de propaganda eleitoral do segundo turno. Portanto, além do mais, muda as regras de um processo em curso, já em seus últimos dias”, diz ele.

“Uma das restrições proíbe a reprodução, nos programas de propaganda eleitoral, de reportagens e artigos de imprensa. Ainda que se destine a restringir o conteúdo e a forma da propaganda, a proibição incide sobre a divulgação dos artigos e reportagens. Logo, restringe a liberdade de imprensa com antecedência. O que caracteriza censura prévia”.

Para Janio, quem se beneficia é o tucano Aécio Neves. “O TSE criou a medida repressora ao considerar queixa de Aécio Neves contra a exibição, na propaganda de Dilma Rousseff, de um recorte de jornal sobre demissões de jornalistas em Minas, atribuídas a pressões do então governador e negadas pelo hoje candidato”, afirma.

“A outra medida repressora do TSE equipara-se em tudo à anterior. Proíbe a exibição de entrevistados em apoio a afirmações críticas feitas pela campanha. Nada convém mais a uma crítica do que a fundamentação com fatos ou com manifestações pessoais. O TSE não a quer”, diz Janio. “Nesse segundo caso, o TSE proíbe que cidadãos usufruam da liberdade de expressar suas queixas, suas aspirações e, pode ser, sua adesão eleitoral. Ou seja, ao cidadão fica proibido mostrar que é cidadão.”

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Pelo Twitter, Delegado Protógenes (PCdoB-SP) denuncia fraude nas urnas eletrônicas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE); “Fui vítima desse sistema na minha eleição de deputado federal em 2014”, denuncia o parlamentar que é delegado da Polícia Federal; Blog do Esmael apurou que uma emissora nacional de televisão está finalizando reportagem explosiva sobre o assunto, que pode colocar em xeque a confiabilidade e a inviolabilidade do sistema de apuração brasileiro.

Pelo Twitter, Delegado Protógenes (PCdoB-SP) denuncia fraude nas urnas eletrônicas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE); “Fui vítima desse sistema na minha eleição de deputado federal em 2014”, denuncia o parlamentar que é delegado da Polícia Federal; Blog do Esmael apurou que uma emissora nacional de televisão está finalizando reportagem explosiva sobre o assunto, que pode colocar em xeque a confiabilidade e a inviolabilidade do sistema de apuração brasileiro.

Faltando sete dias para a eleição do segundo turno, quando o Brasil vai escolher entre Aécio Neves e Dilma Rousseff para a Presidência da República, e 13 estados e o Distrito Federal elegerão os novos governadores, aumentam as suspeitas de fraudes nas urnas eletrônicas.

O Blog do Esmael apurou que uma emissora nacional de televisão está finalizando uma reportagem explosiva sobre o assunto, que pode colocar em xeque a confiabilidade e a inviolabilidade do sistema de votação e apuração do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A esse respeito, o deputado Delegado Protógenes (PCdoB-SP) tuitou um vídeo afirmando que Diego Aranha, professor da Universidade de Brasília (UNB), considera a urna eletrônica é insegura. “Fui vítima desse sistema na minha eleição de deputado federal em 2014”, denunciou o parlamentar que é delegado da Polícia Federal.

O assunto “fraude nas urnas eletrônicas” mereceu neste domingo (19) um retweet do senador Roberto Requião (PMDB-PR). É do paranaense um projeto no Senado que permite a recontagem no sistema eletrônico atual por meio de impressão do voto.

Assista ao depoimento do professor Diego Aranha, da UNB:

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

debate_record_19.jpgCumprindo a missão de transmitir ao vivo todos os debates entre os candidatos, o Blog do Esmael leva ao ar neste domingo (19), às 22 horas, o debate na TV Record com Aécio Neves (PSDB) e Dilma Rousseff (PT).

Os âncoras do Jornal da Record Adriana Araújo e Celso Freitas vão mediar este terceiro embate televisivo (clique aqui para assistir).

O Blog do Esmael é a única página especializada em política do país a transmitir ao vivo todos os debates com os presidenciáveis do primeiro e do segundo turno. Também transmitiu ao vivo todas as contendas do 1º turno na disputa pelo governo do Paraná.

Por volta das 20h30, uma hora e meia antes do confronto, o Blog do Esmael vai mostrar o pré-debate, os bastidores do encontro com os dois presidenciáveis.

Veja como será o debate de hoje à noite: (mais…)

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Durante audiência no Vaticano, em fevereiro de 2014, a presidente Dilma Rousseff entregou ao Papa Francisco uma bola autografada pelo ex-jogador Ronaldo Fenômeno e uma camisa retrô da seleção brasileira.

Durante audiência no Vaticano, em fevereiro de 2014, a presidente Dilma Rousseff entregou ao Papa Francisco uma bola autografada pelo ex-jogador Ronaldo Fenômeno e uma camisa retrô da seleção brasileira.

O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, em novo depoimento na deleção premiada, revelou que o Papa Francisco torceu pela Seleção Canarinho nos jogos da Copa do Mundo. Detalhe: o Pontífice nasceu na Argentina, país que possui a maior rivalidade do mundo com o futebol do Brasil, que sediou a competição este ano.

Preso pela Operação Lava Jato, Costa contou com o apoio do doleiro Alberto Youssef para convencer o Papa a aceitar propina de US$ 10 milhões para trocar de camisa. Os recursos teriam saídos dos cofres da Petrobras num esforço de fazer o Brasil ganhar a Copa e facilitar a reeleição da presidenta Dilma Rousseff.

Dirigentes da Fifa teriam acompanhado o transporte do dinheiro dos cofres da estatal de petróleo, no Rio de Janeiro, até o Vaticano, em Roma, na Itália.

Além do Papa, o delator da Petrobras também garantiu que pagou propinas para políticos do PT, PP, PMDB e PSDB.

O acusador não tem responsabilidade com as acusações que faz, haja vista que não precisa provar nada do que falou nos depoimentos premiados.

As informações acima são falsas, mas poderiam perfeitamente ganhar ares de veracidade em tempos de delação premiada e ideologização da mídia brasileira neste segundo turno da eleição presidencial.

Primeiro a velha mídia acusa, condena e executa a pena. Depois, se não houver provas, fica por isso mesmo. Se o acusado for petista, preto ou puta tem chances enormes de ir para a cadeia. Caso o galalau seja tucano nada lhe acontece, o processo vai para a gaveta.

Jornais, revistas, rádios, TVs e portais de notícias agem no país como se fossem partidos políticos. Preferem a candidatura de Aécio Neves a de Dilma, pois sentem saudades da era FHC.

Enfim, a velha mídia faz o trabalho sujo que Aécio não tem coragem de fazer.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS
Charge de Marco Aurélio para o Zero Hora

Charge de Marco Aurélio para o Zero Hora

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

capa_20141019Jornais do Paraná

Gazeta do Povo: O voto do Bolsa Família

Folha de Londrina: Baixo iguaçu: usina cercada de polêmicas

O Diário (Maringá): Projeto não previa pórtico que caiu e matou gerente

Diário dos Campos: Tempo de contribuição atinge 39% dos aposentados em PG

Jornal da Manhã: Partidos começam disputa pelo comando da Câmara

Gazeta do Paraná: Rebelião não é motivo para ‘troca’, diz Richa

Diário do Noroeste: Aciap confirma expediente diferenciado para comércio

Tribuna do Norte: Eleitores duelam pelas redes sociais

Jornais de outros estados

Globo: Dilma agora admite corrução na Petrobras

Folha: Desmate da Amazônia na gestão Dilma volta a crescer

Estadão: Dilma admite que houve desvio de verba na Petrobrás

Correio Braziliense: Acuada, Dilma admite corrupção na Petrobras

Estado de Minas: Lagoas secas

Zero Hora: Um mergulho nas águas do descaso

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

Jornal O Estado de S. Paulo, edição deste domingo (18), traz denúncia de que a ex-ministra Gleisi Hoffmann teria recebido R$ 1 milhão do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa. Coincidência ou não com a manchete do Estadão, a senadora petista participou nesta sexta-feira (17) de uma "operação secreta", segundo o senador Roberto Requião, envolvendo a deputada eleita Christiane Yared, que tem o trânsito como bandeira. As três se encontraram no Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais.

Jornal O Estado de S. Paulo, edição deste domingo (18), traz denúncia de que a ex-ministra Gleisi Hoffmann teria recebido R$ 1 milhão do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa. Coincidência ou não com a manchete do Estadão, a senadora petista participou nesta sexta-feira (17) de uma “operação secreta”, segundo o senador Roberto Requião, envolvendo a deputada eleita Christiane Yared, que tem o trânsito como bandeira. As três se encontraram no Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais.

A edição de domingo (19) do jornal O Estado de S. Paulo, que defende a eleição do tucano Aécio Neves (PSDB), traz denúncia de que a ex-ministra Gleisi Hoffmann (PT) teria recebido R$ 1 milhão do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa.

A acusação feita pelo ex-diretor em regime de delação premiada, de acordo com o Estadão, aponta que Gleisi recebeu o dinheiro para sua eleição ao Senado pelo Paraná em 2010. Depois de vitoriosa nas urnas, em junho de 2011, ela substituiu Antônio Palocci na Casa Civil.

Coincidência ou não com a manchete do Estadão neste domingo, Gleisi participou nesta sexta-feira (17) de uma “missão especial”, segundo o senador Roberto Requião (PMDB), envolvendo a deputada eleita Christiane Yared (PTN-PR) que tem como bandeira o trânsito (clique aqui).

Ao Estadão, a senadora paranaense afirmou desconhecer Paulo Roberto Costa e o doleiro Alberto Youssef.

Resumo da ópera: Eles não gostam de mulheres.

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS

O presidenciável Aécio Neves (PSDB) buscará novamente apoio dos ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra a propaganda do PT. Neste sábado (18), a campanha de Dilma Rousseff levou ao ar inserções afirmando que o tucano desrespeita as mulheres.

No vídeo de 30 segundos da petista, o locutor diz que “Aécio tem mostrado dificuldades em respeitar as mulheres”. Na peça, imagens do candidato com dedo em riste acusando Luciana Genro (PSOL) e Dilma de “levianas” durante debates televisivos.

Irritado, o candidato do PSDB adiantou por meio de sua assessoria que vai processar Dilma “por injúria e difamação”. É mais uma tentativa de judicializar a campanha na reta final deste segundo turno.

Para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Aécio é “grosseiro” e possui “comportamento de filhinho de papai”.

“Nunca vi um cidadão faltar com respeito com uma presidente como faz nosso opositor. Eu não tinha coragem de ser grosseiro contra o Collor. Isso é comportamento de um filhinho de papai. Não sei se ele teria coragem de ser tão grosseiro se o adversário dele fosse homem. Não é só porque Dilma é mulher, mas porque ela é presidente desse País”, disparou hoje em Belo Horizonte (MG), quando ele participava de um ato de campanha ao lado da presidenta Dilma.

O TSE, sob o pretexto de evitar “baixaria” na eleição, censurou propaganda de Dilma sobre o aeroporto privado construído no município de Cláudio, Minas Gerais, na gestão de Aécio Neves (clique aqui).

Compartilhe esta informação
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Live
  • PDF
  • RSS
Copyright © 2009 Blog do Esmael. Todos os direitos reservados.
(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});