9 de julho de 2018
por editor
Comente agora

Juízes para a Democracia defendem desembargador que mandou soltar Lula

A Associação Juízes para a Democracia (AJD) emitiu uma nota de apoio ao desembargador Rogério Favreto, do Tribunal Regional Federal da 4a Região (TRF-4), que concedeu um habeas corpus ao ex-presidente Lula neste domingo (8). A decisão foi descumprida duas vezes pela Polícia Federal após ser contestada pelo juiz Sérgio Moro. Por fim, o Habeas Corpus foi “suspenso” pelo presidente do TRF-4, Thompson Flores. Leia mais

25 de abril de 2018
por editor
Comentários desativados em STJ aceita queixa-crime contra juíza que caluniou Marielle Franco

STJ aceita queixa-crime contra juíza que caluniou Marielle Franco

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) aceitou uma queixa-crime contra a desembargadora Marília Castro Neves, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ). O motivo foi uma postagem  nas redes sociais pedindo o fuzilamento do deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ). Marília foi a mesma juíza que caluniou a vereadora Marielle Franco após o seu assassinato. Leia mais

11 de março de 2016
por admin
16 Comentários

STJ autoriza investigação de corrupção contra Beto Richa

O ministro João Otávio de Noronha, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), instaurou inquérito para investigar o possível envolvimento do governador Beto Richa (PSDB), no esquema de corrupção na Receita Estadual.

Segundo a auditor fiscal Luiz Antônio de Souza, R$ 4,3 milhões em propina arrecadados no esquema teriam sido destinados ao financiamento da campanha de reeleição de Richa, em 2014. As denúncias foram apuradas pelo Gaeco na Operação Publicano, mas por ter foro privilegiado, o governador não pode ser investigado no Paraná.

O caso com o possível envolvimento de Richa foi remetido à PGR em novembro do ano passado, e a Procuradoria pediu autorização ao STJ para abrir o inquérito no início deste ano.

Com a autorização do STJ, finalmente o governador poderá ser investigado neste que é tido com um dos maiores escândalos de corrupção no estado. Beto Richa já entra para a história como o primeiro governador do Paraná a ser investigado pelo STJ.

Com informações do Portal G1