1 de fevereiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Collor é a nova aposta de Bolsonaro para a presidência do Senado

Collor é a nova aposta de Bolsonaro para a presidência do Senado

Depois de apostar em Renan Calheiros, o presidente Bolsonaro segue inovando. Ele incentivou a candidatura de Fernando Collor (Pros). O ex-presidente se empolgou e foi o primeiro a se inscrever na disputa pela presidência do Senado. ... 

Leia mais

1 de fevereiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Oposição a Renan diz que já tem 41 senadores apoiando o voto aberto

Oposição a Renan diz que já tem 41 senadores apoiando o voto aberto

Um grupo de senadores que tenta barrar um novo mandato de Renan Calheiros (MDB-AL) na presidência do Senado afirma que já tem 41 senadores apoiando a votação aberta para a eleição de hoje. ... 

Leia mais

1 de fevereiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Bolsonaro telefonou para Renan parabenizando pela indicação no MDB

Bolsonaro telefonou para Renan parabenizando pela indicação no MDB

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) telefonou para Renan Calheiros (MDB) logo depois que foi confirmada a indicação para disputar a presidência do Senado em seu partido. ... 

Leia mais

21 de janeiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Fux remete para 1ª instância ação do MBL contra candidatura de Renan ao Senado

Fux remete para 1ª instância ação do MBL contra candidatura de Renan ao Senado

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, enviou para a primeira instância da Justiça Federal uma ação em que o Movimento Brasil Livre (MBL) pede que o senador Renan Calheiros (MDB-AL) seja impedido de concorrer à presidência do Senado.

LEIA TAMBÉM:
Queiroz teria se escondido em favela dominada por milícia

No pedido, o advogado Rubens Alberto Gatti Nunes, que representa o MBL, alega que Renan Calheiros responde no próprio STF a ao menos nove inquéritos relativos a supostos casos de corrupção, motivo pelo qual sua candidatura feriria os princípios da moralidade pública previstos na Constituição.

Responsável pelo plantão do Supremo até 1º de fevereiro, Fux não chegou a analisar o pedido de liminar para barrar a candidatura de Renan, remetendo o processo diretamente para a primeira instância da Justiça Federal, a quem cabe a competência para julgar esse tipo de ação popular, entendeu o ministro, tendo como base o Código de Processo Civil.

As candidaturas à presidência do Senado só devem ser formalizadas em 1º de fevereiro, mesmo dia em que tomam posse os senadores eleitos em outubro do ano passado, como é o caso de Calheiros, reeleito pelo estado de Alagoas.

Em mensagem no Twitter, o senador informou que caberá à bancada decidir quem será candidato.

“Olha, não quero ser presidente do Senado. Os alagoanos me reelegeram para ser bom senador, não presidente. Já fui várias vezes, em momentos também difíceis. A decisão caberá à bancada, e temos outros nomes.”

Olha, não quero ser presidente do Senado. Os alagoanos me reelegeram para ser bom senador, não presidente.
Já fui várias vezes, em momentos também difíceis. A decisão caberá à bancada, e temos outros nomes. ... 

Leia mais

17 de janeiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Até a Regina Duarte já se arrependeu de apoiar Bolsonaro

Até a Regina Duarte já se arrependeu de apoiar Bolsonaro

Até a atriz Regina Duarte já se mostra arrependida por ter emprestado seu carisma(!) ao presidente Bolsonaro (PSL). A bronca veio pela provável aliança entre Bolsonaro e Renan Calheiros (MDB) na eleição para presidente do Senado.

LEIA TAMBÉM:

Bolsonaro “torra” a popularidade inicial do seu governo ... 

Leia mais

19 de dezembro de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Marco Aurélio Mello determina voto aberto para eleição do presidente do Senado

Marco Aurélio Mello determina voto aberto para eleição do presidente do Senado

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (FTF), determinou nesta quarta-feira (19) que a eleição para a presidência do Senado seja realizada por meio do voto aberto. O regimento interno da Casa prevê votação secreta.

LEIA TAMBÉM:

PGR vai recorrer da decisão do ministro Marco Aurélio ... 

Leia mais