18 de janeiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em CNJ dá 15 dias para desembargadora do TJ do Rio explicar posts contra políticos

CNJ dá 15 dias para desembargadora do TJ do Rio explicar posts contra políticos

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) abriu nesta quinta-feira (17) um procedimento preliminar de investigação e determinou que a desembargadora Marília Castro Neves, do Tribunal de justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), preste esclarecimentos em 15 dias sobre posts nas redes sociais com críticas ao senador Renan Calheiros (MDB-AL) e ameaça a Guilherme Boulos, que é líder do MTST e foi candidato a presidente pelo PSOL. ... 

Leia mais

17 de janeiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Boulos vai processar juíza que incita violência contra ele

Boulos vai processar juíza que incita violência contra ele


O ex- candidato à presidência da República e líder  do MTST, Guilherme Boulos, vai processar a juíza desembargadora Marília Castro Neves do TJ-RJ, que comemorou nesta quinta-feira (17) o decreto presidencial de Bolsonaro que libera a posse de quatro armas por pessoa. A magistrada escreveu em sua conta de Twitter que, a partir de agora, Guilherme Boulos será “recebido a bala” aonde for…” ... 

Leia mais

17 de janeiro de 2019
por Esmael Morais
Comentários desativados em Boulos vai processar desembargadora do Rio por incitação ao crime

Boulos vai processar desembargadora do Rio por incitação ao crime

O líder do MTST, Guilherme Boulos (PSOL), usou o Twitter nesta quinta-feira (17) para afirmar que vai processar a desembargadora Marília Castro Neves, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), por incitação ao crime. ... 

Leia mais

25 de abril de 2018
por editor
Comentários desativados em STJ aceita queixa-crime contra juíza que caluniou Marielle Franco

STJ aceita queixa-crime contra juíza que caluniou Marielle Franco

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) aceitou uma queixa-crime contra a desembargadora Marília Castro Neves, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ). O motivo foi uma postagem  nas redes sociais pedindo o fuzilamento do deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ). Marília foi a mesma juíza que caluniou a vereadora Marielle Franco após o seu assassinato. ... 

Leia mais

19 de março de 2018
por Redacao
Comentários desativados em Juristas acionam CNJ contra desembargadora que atacou Marielle

Juristas acionam CNJ contra desembargadora que atacou Marielle

A Associação Brasileira de Juristas pela Democracia (ABJD) entrou na tarde desta segunda-feira (19) com representação no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) contra a desembargadora Marília Castro Neves, do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, “em razão da prática de crime de ódio nas redes sociais contra a ativista e vereadora Marielle Franco, assassinada no dia 14 de março de 2018 no centro da cidade do Rio de Janeiro”.

De acordo com o texto da ABJD, “o deboche e o desprezo com que a desembargadora trata o trágico homicídio de Marielle, as mentiras que ajuda a disseminar sobre a conduta da vereadora, tentando culpar a vítima pela própria morte, são ofensas à dignidade da pessoa humana, que não estão acobertadas pela liberdade de expressão, o que já foi objeto de análise pelo Supremo Tribunal Federal, pela Corte Interamericana de Direitos Humanos e pela Corte Europeia de Direitos Humanos”. ... 

Leia mais