Putin diz que é necessário acabar com violência entre Palestina e Israel

Sputnik – O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse ser possível garantir paz, segurança e desenvolvimento sustentável apenas com os esforços de toda a comunidade mundial. Putin apelou para a cooperação, discursando nesta terça-feira (18) em cerimônia de condecoração presidencial dada por embaixadores estrangeiros. A Rússia considera o fim da violência entre Israel e Palestina … Read more

Israel endurece bombardeios contra Faixa de Gaza; mais de 200 palestinos morreram em sete dias

Uma série de novos bombardeios israelenses na Faixa de Gaza, efetuados nas primeiras horas da madrugada desta segunda-feira (17), destruíram casas e edifícios no território palestino controlado há quase 15 anos pelo movimento islâmico Hamas. Este enclave pobre, de 2 milhões de habitantes, registrou o pior balanço diário de mortos no domingo: 42 pessoas, incluindo … Read more

Bernie Sanders sugere cortar US$ 4 bilhões em ajuda militar a Israel por violações a direitos humanos em Gaza

O senador democrata Bernie Sanders, do estado de Vermont, sugeriu neste domingo (16/5) que os Estados Unidos cortem US$ 4 bilhões por ano em ajuda militar a Israel por causa de violações aos direitos humanos. Sanders, que controla a poderosíssima comissão de orçamento do Senado, disse é ilegal a ajuda dos EUA para apoiar violações … Read more

Conflito Israel x Palestina: crianças e mulheres entre as vítimas

À medida que jorra o sangue no conflito, aumentam as possibilidades de Benjamin Netanyahu se eternizar no poder Pelo menos 192 palestinos foram mortos em ataques aéreos israelenses e bombardeios em Gaza, incluindo pelo menos 58 crianças, de acordo com as autoridades de saúde palestinas, e 12 israelenses morreram em ataques com foguetes do Hamas. … Read more

França proíbe manifestação pró-palestina e acirra debate sobre conflito israelo-palestino

O conflito no Oriente Médio reverbera com força na França, principalmente depois da interdição de uma manifestação pró-palestina em Paris. A crise israelo-palestina “inflama a classe política francesa”, destaca Le Parisien nesta sexta-feira (14). LEIA TAMBÉM Estadão diz que tem medo de 2º turno entre Lula e Bolsonaro Renan guarda a mágoa com Bolsonaro na … Read more

Deu no New York Times: Israel assassinou comandantes palestinos

O jornal americano The New York Times, o maior do mundo, reporta onda de assassinatos israelenses que seriam dirigentes do levante palestino. Segundo a publicação dos Estados Unidos, uma nova rodada de combates israelense-palestinos, desencadeada por tensões sobre a cidade sagrada de Jerusalém, aumentou nesta quarta-feira (12/5) quando Israel assassinou vários comandantes do Hamas e … Read more

Israel bloqueou a entrada de vacinas da Covid em Gaza, dizem os palestinos

Oficiais palestinos acusaram Israel de impedir que um primeiro carregamento vital de 2 mil vacinas contra o coronavírus destinadas aos profissionais de saúde da linha de frente entrem na Faixa de Gaza bloqueada. A Autoridade Palestina disse que uma transferência planejada de doses da vacina russa Sputnik V para o enclave costeiro, que está geograficamente … Read more

Para Irã e Turquia, acordo entre Emirados Árabes Unidos e Israel “trai causa palestina”

A Turquia acusou os Emirados Árabes Unidos de “trair a causa palestina”, ao aceitar o acordo de normalização de relações com Israel, anunciado pelos Estados Unidos nesta quinta-feira (13). A assinatura do documento deve ocorrer dentro de três semanas na Casa Branca, em Washington. Segundo os Emirados Árabes Unidos, Israel teria aceitado colocar um fim … Read more

Google Maps elimina Palestina dos mapas de buscas on line

O Google Maps eliminou a Palestina dos mapas que apresenta no site de buscas. Os Estados Unidos, sede da empresa, não reconhecem a Palestina como país. Mas 157 países reconhecem o estado palestino e seus direitos pela autodeterminação e soberania territorial. Desde de terça-feira (14) que procurar pela palavra “Palestina” no Google Maps resulta em … Read more

Lula foi o primeiro a visitar Israel e foi também à Palestina

A assessoria do ex-presidente Lula relembrou hoje que ele foi o primeiro presidente Brasileiro a visitar Israel. Mas também visitou a Palestina. “Não ofendeu povos nem religiões, defendeu a paz.” LEIA TAMBÉM: Flávio Bolsonaro, com ‘medinho’, amarela e apaga tuite contra o Hamas Ao não visitar a Palestina, Bolsonaro se coloca do lado de Israel … Read more

Flávio Bolsonaro, com ‘medinho’, amarela e apaga tuite contra o Hamas

O senador Flavio Bolsonaro (PSL-RJ) usou o Twitter nesta terça-feira (2) para criticar o movimento político palestino Hamas, que exigiu a retratação do governo brasileiro sobre a criação de um “escritório de negócios” em Jerusalém. O “valentão” escreveu que o Hamas deveria explodir: “Quero que vocês se EXPLODAM!!!”, disparou. Minutos depois, Flávio Bolsonaro apagou o … Read more

Embaixadores de países árabes pedem reunião com Jair Bolsonaro

Os embaixadores de países árabes no Brasil querem se reunir com Jair Bolsonaro e o ministro das Relações Exteriores Ernesto Araújo assim que o presidente retornar de Israel. Nesta segunda-feira (1º), Bolsonaro anunciou que será instalado um escritório comercial em Jesuralém, o que desagradou os países árabes e decepcionaou Israel. O objetivo é cumprimentá-lo “pela … Read more

Lula explica por que é diferente de Bolsonaro; assista

O ex-presidente Lula deu razão ao ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno, que disse não ter como fazer comparação entre o petista e o presidente Jair Bolsonaro (PSL). A declaração do ministro-militar se deu neste domingo (31) no contexto da visita de Bolsonaro a Israel e quando jornalistas lembraram que Lula também … Read more

Palestina pode romper com Brasil após escritório de Bolsonaro em Jerusalém

A Autoridade Palestina convocou seu embaixador no Brasil, após o presidente Jair Bolsonaro (PSL) anunciar a abertura de um escritório de representação comercial em Jerusalém. “O ministério entrará em contato com o embaixador da Palestina no Brasil para consultas, a fim de tomar as decisões apropriadas para enfrentar tal situação”, afirma comunicado divulgado pelo Ministério … Read more

Delegação cristã da Palestina promove diálogo sobre os riscos da mudança de status de Jerusalém

Uma delegação de líderes religiosos cristãos palestinos se encontra no Brasil, desde quinta-feira passada (24), a convite da  Aliança Cristã Evangélica Brasileira, para realizar diálogos sobre a atual situação da Palestina e o status da Jerusalém. A comitiva é integrada por representantes de várias igrejas e organizações da Palestina. Os integrantes da missão eclesiástica, que … Read more

“Reconhecer Jerusalém como capital de Israel é uma violação do direito internacional”, diz embaixador da Palestina

O embaixador da Palestina no Brasil, Ibrahim Alzeben, declarou na quinta-feira (29), em evento de solidariedade ao povo palestino na Assembleia Legislativa gaúcha, em Porto Alegre, que reconhecer Jerusalém como capital de Israel é uma violação do direito internacional. “Ninguém, nem o Conselho de Segurança da ONU, reconhece soberania israelense sobre o território palestino, incluindo … Read more

Na Palestina, greve geral e jornada de luto depois do massacre em Gaza

Os palestinos realizam nesta terça-feira (15) uma greve geral e uma jornada de luto no 70° aniversário da Nakba, a “catástrofe” (tradução do árabe) que representou para eles a fundação de Israel em 1948 e após a morte de 60 pessoas nos protestos desta segunda na faixa de Gaza reivindicando o retorno dos refugiados e … Read more

Unicef contabiliza mais de 400 crianças mortas e 2,5 mil feridas em Gaza

via Agência Brasil

A tragédia na Faixa de Gaza supera o número de 400 crianças mortas e mais de duas mil e quinhentas feridas. Comparando com o tamanho e a população dos Estados Unidos, seria como se mais de 200 mil crianças americanas tivessem morrido. O Unicef calcula que 370 mil menores precisam de ajuda psicológica para tentarem ultrapassar o trauma vivido.
O terror! na Faixa de Gaza supera o número de 400 crianças mortas e mais de duas mil e quinhentas feridas. Comparando com o tamanho e a população dos Estados Unidos, seria como se mais de 200 mil crianças americanas tivessem morrido. O Unicef calcula que 370 mil menores precisam de ajuda psicológica para tentarem ultrapassar o trauma vivido.

Mais de 400 crianças morreram e 2,5 mil ficaram feridas nos bombardeios do Exército israelense em Gaza, indicou hoje o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), que calcula que 370 mil menores precisam urgentemente de ajuda psicológica para ultrapassar esta situação traumática.

O número de crianças mortas durante esta operação militar é 408 e supera o de menores mortos durante a [operação] Chumbo Fundido!, a ofensiva anterior de Israel, entre 2008 e 2009 – durante a qual 350 crianças morreram. Se se comparar a demografia de Gaza com a dos Estados Unidos seria como se 200 mil crianças norte-americanas tivessem morrido, disse à  imprensa Pernille Ironside, que dirige o gabinete do Unicef em Gaza.

Ironside assinalou que não há eletricidade no território palestino, controlado pelo movimento islâmico Hamas, e que os sistemas de água potável e de saneamento não funcionam, de modo que o risco de surgirem doenças transmissíveis e diarreia é iminente.

Read more

Mesmo anunciando cessar-fogo, Israel mantém ataques a Gaza

via Opera Mundi

Após admitir ter atingir uma escola da Organização das Nações Unidas (ONU) em Rafah, na Faixa de Gaza, onde pelo menos dez palestinos morreram, o Exército israelense anunciou ontem (03) um cessar-fogo que duraria sete horas. Mesmo assim os ataques foram mantidos em algumas áreas e o terror continua nesta segunda-feira.
Após admitir ter atingir uma escola da Organização das Nações Unidas (ONU) em Rafah, na Faixa de Gaza, onde pelo menos dez palestinos morreram, o Exército israelense anunciou ontem (03) um cessar-fogo que duraria sete horas. Mesmo assim os ataques foram mantidos em algumas áreas e o terror continua nesta segunda-feira.

Segundo fontes oficiais palestinas, uma menina de oito anos morreu e outras 30 pessoas ficaram feridas nesta segunda-feira (04/08) em um ataque israelense no campo de refugiados de Shati, na Cidade de Gaza, pouco após entrar em vigor uma trégua humanitária anunciada por Israel no domingo.

De acordo com Ashraf al Qidra, porta-voz do Ministério da Saúde na Faixa de Gaza, o ataque aconteceu minutos depois das 10h da manhã (horário local, 4h de Brasília), hora na qual Israel disse que tinha suspendido suas atividades ofensivas na faixa durante sete horas. O ataque atingiu a casa da família Bakri, onde morreu uma das filhas e outras 30 pessoas ficaram feridas. Os feridos foram levados ao hospital Shifa.

Read more

Mercosul deve endurecer posição contra Israel

via Brasil 247

Reunidos em Caracas, os presidentes dos cinco países do bloco, formado por Brasil, Uruguai, Paraguai, Argentina e Venezuela, discutirão uma posição comum em relação aos ataques de Israel contra a Faixa de Gaza, que já deixou mais de 1.000 palestinos mortos, a maioria civis; cientista político Emir Sader defende que Tratado de Livre Comércio com Israel, o primeiro a ser assinado pelo bloco, em 2010, com um país de fora da América Latina, seja suspenso; "A ideia da condenação de Israel, especialmente pela postura em relação à  Gaza, é algo absolutamente consensual", opina; Brasil foi chamado de "anão diplomático" por porta-voz da chancelaria israelense quando condenou ataques contra os palestinos; latinos se unirão?
Reunidos em Caracas, os presidentes dos cinco países do bloco, formado por Brasil, Uruguai, Paraguai, Argentina e Venezuela, discutirão uma posição comum em relação aos ataques de Israel contra a Faixa de Gaza, que já deixou mais de 1.000 palestinos mortos, a maioria civis; cientista político Emir Sader defende que Tratado de Livre Comércio com Israel, o primeiro a ser assinado pelo bloco, em 2010, com um país de fora da América Latina, seja suspenso; “A ideia da condenação de Israel, especialmente pela postura em relação à  Gaza, é algo absolutamente consensual”, opina; Brasil foi chamado de “anão diplomático” por porta-voz da chancelaria israelense quando condenou ataques contra os palestinos; latinos se unirão?

Reunidos em Caracas para a 46!ª Cúpula do Mercosul, os presidentes dos cinco países que formam o bloco, Brasil, Uruguai, Paraguai, Argentina e Venezuela, devem discutir, além de outros temas, o conflito entre Israel e os palestinos na região da Faixa de Gaza. Os representantes das nações devem debater uma posição comum diante dos bombardeios das forças militares de Israel, que deixou mais de 1.000 palestinos mortos, a maioria civis, contra 53 soldados israelenses e três civis.

Israel foi o primeiro país fora da América Latina a ter um Tratado de Livre Comércio com o Mercosul, assinado em 2010. Na opinião do cientista político Emir Sader, chegou o momento de discutir a pertinência desse tratado e de o Mercosul “endurecer” sua posição contra o país, em um boicote aos produtos fabricados por Israel em assentamentos palestinos pelos bombardeios contra Gaza. “Países como Brasil e Uruguai têm um intenso intercâmbio militar com Israel. Coisa absolutamente indevida”, comentou.

Read more

Conselho de Segurança da ONU pede cessar-fogo imediato em Gaza

Com aprovação unânime pelos 15 membros, o Conselho de Segurança da ONU divulgou nesta madrugada uma declaração pedindo cessar-fogo humanitário imediato e incondicional entre Israel e o Hamas na Faixa de Gaza. A declaração também cobra de ambas as partes o esforço de implementar um cessar-fogo duradouro e totalmente respeitado, baseado na iniciativa de mediação egípcia!.
Com aprovação unânime pelos 15 membros, o Conselho de Segurança da ONU divulgou nesta madrugada uma declaração pedindo cessar-fogo humanitário imediato e incondicional entre Israel e o Hamas na Faixa de Gaza. A declaração também cobra de ambas as partes o esforço de implementar um cessar-fogo duradouro e totalmente respeitado, baseado na iniciativa de mediação egípcia!.

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) formalizou na madrugada de hoje (28), em Nova York, uma declaração apelando para um cessar-fogo humanitário imediato e incondicional! entre Israel e o Hamas na Faixa de Gaza. Aprovada por unanimidade pelos 15 membros do conselho, a declaração pede para as partes envolvidas no conflito aplicarem totalmente! o cessar-fogo durante a celebração do fim do Ramadã, esta semana, e estenderem para além desse período, buscando uma negociação da paz na região.

As 15 nações apelaram ao respeito pleno do direito humanitário internacional, sobretudo no que diz respeito à  proteção dos civis! e enfatizaram que as instalações civis e humanitárias, incluindo as da ONU, devem ser respeitadas e protegidas!. Há três dias, um bombardeio atingiu uma escola da ONU em Gaza. A declaração também cobra de ambas as partes o esforço de implementar um cessar-fogo duradouro e totalmente respeitado, baseado na iniciativa de mediação egípcia!.

Read more

Israel critica, mas Brasil mantém condenação ao terror em Gaza

O governo de Israel emitiu comunicado criticando a postura do governo brasileiro de convocar o embaixador em Tel Aviv para consultas e a publicar duas notas, em uma semana, condenando o terror em Gaza. Imediatamente o ministro das Relações Exteriores do Brasil, Luiz Alberto Figueiredo, defendeu a posição do governo brasileiro que condena o uso desproporcional da força por Israel em conflito na Faixa de Gaza.
O governo de Israel emitiu comunicado criticando a postura do governo brasileiro de convocar o embaixador em Tel Aviv para consultas e a publicar duas notas, em uma semana, condenando o terror em Gaza. Imediatamente o ministro das Relações Exteriores do Brasil, Luiz Alberto Figueiredo, defendeu a posição do governo brasileiro que condena o uso desproporcional da força por Israel em conflito contra os palestinos.

O governo de Israel criticou a postura do governo brasileiro de convocar o embaixador em Tel Aviv para consultas e de! publicar duas notas em uma semana condenando a escalada da violência entre Israel e Palestina. Em comunicado à  imprensa, o Ministério das Relações Exteriores de Israel manifestou desapontamento! diante das críticas do Brasil.

Ato contínuo, o ministro das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo, defendeu hoje (24) a posição do governo brasileiro que condenou energicamente o uso desproporcional da força! por Israel em conflito na Faixa de Gaza. Condenamos a desproporcionalidade da reação de Israel, com a morte de cerca de 700 pessoas, dos quais mais ou menos 70% são civis, e entre os quais muitas mulheres, crianças e idosos. Realmente, não é aceitável um ataque que leve a tal número de mortes de crianças, mulheres e civis”, disse o ministro. “E é sobre esse fato que essa nova nota fala!, ressaltou Figueiredo em entrevista.

Read more

Brasil reforça crítica a Israel por terror em Gaza e retira embaixador do país

O governo brasileiro voltou a criticar nesta quarta-feira (23/07) a ofensiva de Israel em Gaza, pediu a implementação de um cessar-fogo e chamou para consultas o embaixador do país em Tel Aviv. Além disso, em diversas cidades brasileiras estão acontecendo manifestações organizadas por comunidades árabes e simpatizantes da causa palestina. O Ministério das Relações Exteriores, … Read more

Um beijo pela paz no Oriente Médio

O ex-prefeito de Piraquara, Gabriel Samaha, o Gabão, ex-presidente da Associação dos Municípios do Paraná (AMP), foi flagrado no fim de semana dando um beijo em um israelense em protesto que pedia paz no Oriente Médio. Conflito entre israelenses e palestinos, detonado há duas semanas, já matou quase 500 pessoas na Faixa de Gaza. Gabão … Read more

Ataques de Israel à  Faixa de Gaza já mataram mais de 100 nesta semana

Segundo autoridades palestinas, ao menos 100 já morreram em bombardeios israelenses na Faixa de Gaza desde terça-feira, metade seria de civis. Cerca de 600 pessoas, a maioria civis, ficaram feridas. Manifestações por todo o mundo, inclusive em Israel, condenam ataques.
Segundo autoridades palestinas, ao menos 100 já morreram em bombardeios israelenses na Faixa de Gaza desde terça-feira, metade seria de civis. Cerca de 600 pessoas, a maioria civis, ficaram feridas. Manifestações por todo o mundo, inclusive em Israel, condenam ataques.
Os ataques de Israel aos palestinos na Faixa de Gaza iniciados na terça-feira (8) já mataram ao menos 100 pessoas. Metade seria de civis. Cerca de 600 pessoas, a maioria civis, ficaram feridas. No último incidente, na madrugada desta sexta-feira, três pessoas morreram dentro de uma casa na cidade de Rafah, no sul do território. Não há relatos de mortos em Israel.

Segundo Israel, militantes palestinos lançaram cerca de 500 foguetes de Gaza contra o território israelense desde terça-feira. Os foguetes teriam sido interceptados e neutralizados por sistemas de defesa antimísseis. Pelo menos um foguete foi lançado do sul do Líbano em direção ao norte de Israel na manhã desta sexta-feira.

O primeiro ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, afirmou que a operação israelense lançada na terça-feira contra alvos do Hamas está “progredindo como planejado” e deve entrar em nova fase. Ele não precisou os detalhes. O premiê israelense não deu indicações de quando ou se as tropas farão intervenções terrestres.

Read more