6 de junho de 2016
por Esmael Morais
29 Comentários

Gustavo Fruet estuda uma “capivara coxinha” como símbolo de Curitiba

capivara_coxinha

O prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), estuda estabelecer uma “capivara coxinha” — vestida com a camisa amarela da seleção — como símbolo da cidade. Leia mais

16 de março de 2016
por admin
18 Comentários

Coluna do Rafael Greca: Fruet ataca inimigos imaginários

Download áudio

Rafael Greca*

A última do Gustavo Fruet (PDT), depois que a Sereia do PT caiu no buraco da Lava Jato. Em discurso extemporâneo, dentro de escola pública, falando para uma plateia formada por inocentes crianças, o prefs Fruet deixou escapar o desânimo de sua equipe com as chances de sua reeleição e atacou o que podemos chamar de inimigos imaginários.

Foi um discurso acentuadamente eleitoral. A quadra coberta de uma escola pública virou palanque  para o mais tacanho proselitismo político. Conduta vedada pela legislação. Deu-se na última quinta-feira, dia 10 de março, durante inauguração de minúsculas melhorias na Escola Municipal Leonor Castellano, no Boqueirão.

O evento abriu a programação de aniversário dos 323 anos de Curitiba, segundo informou, pomposa, a áulica e caríssima assessoria da Prefs sem feitos.

O prefeito disse que o ano eleitoral será de “ofensas e mentiras”. Da nossa parte, não! Cremos firmemente que só a Verdade nos libertará. Só a Realidade bem observada pode gerar a verdadeira consciência.

Fruet prometeu manter “serenidade e a responsabilidade”, e ao mesmo tempo des Leia mais

8 de dezembro de 2015
por admin
6 Comentários

Coluna do Marcelo Araújo: Preconceito, desrespeito e o princípio da seriedade

Download

Marcelo Araújo*

Desde a semana passada o cenário político nacional está centrado na aceitação do pedido de impeachment da Presidenta. Seria um momento oportuno para um pedido de interdição do prefeito Gustavo, pois não é possível que goste tanto de martelar os dedos.

O Bruxo dos bruxos do norte ao sul do mundo, Chik Jeitoso, define bem seu estado de espírito: “Ele está esquisito, parece perturbado, acho que são encostos que o acompanham.”

Semana passada também foi marcada por mais uma das esquisitices. Não satisfeito com o insucesso do case Vó Gertrudes, ele conseguiu se superar com o outdoor usado para demonstrar o quanto ele é deficiente.

A prefeitura pode estar tentando concorrer com a marca Benetton em termos de publicidade polêmica, mas chega de exagerar na dose. Provérbio adequadíssimo é que a diferença entre remédio e veneno é a dose. Por falar em Prefs, bom humor e descontração agrega simpatizantes, mas não se pode perder o amigo para não perder a piada quando se trata da coisa pública. Entre princípios que a regem, como legalidade, impessoalidade, finalidade, moralidade, publicidade, em Curitiba poder-se-ia acrescentar seriedade.

Já que o prefeito acusa os deficientes de privilegiados, não trata de forma muito diversa os idosos. Ele literalmente pisa em cima deles. Desrespeitar vagas de idosos e deficientes tornou-se um sacrilégio, e nesse quesito a Santa Inquisição não deve perdoá-lo. Ele estaciona na vaga de idoso do estacionamento da prefeitura! A heresia foi praticada no exercício do cargo, e com seu veículo de uso oficial de placas AXS-9051, pertencente à Cotrans, e de seu uso.

Belo veículo que contraria sua postura franciscana, talvez para parecer mais como um carro de propriedade pessoal fugindo dos tradicionais sedãs Ômega e Cruize. O referido veículo também não respeita as cercanias metropolitanas, pois no dia 18/11/15 às 12:04hs estava no aeroporto em local proibido, conforme notificação que deve ter recém chegado.

Seu padrinho Celso Nascimento, colunista da decadente Gazetona, certamente não repercutiria o pecado do afilhado quando se especializava em demonizar supostos infratores, que de tanto falar resolveu entrar para o rol com uma, ou melhor duas contramãos seguidas (Imaculada Conceição e Comendador Roseira, conforme B.O. 57699/15).

Por falar em veículos, qual foi o reco-reco entre o Conselho Tutelar e a FAS, que desvinculou até a plotagem dos carros que possuíam as duas logos? Houve alguma confusão com verbas federais ou coisa parecida? A primeira-dama pode explicar?

De multa eu entendo!

*Marcelo Araújo é advogado, presidente da Comissão de Trânsito, Transporte e Mobilidade da OAB/PR. Escreve nas terças-feiras para o Blog do Esmael.

Leia mais

1 de dezembro de 2015
por Esmael Morais
10 Comentários

Em nota, Gleisi critica propaganda fascista de Fruet contra deficientes

gleisi_outdoor_fruetA senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) manifestou indignação, nesta terça-feira (1), com a propaganda fascista da Prefeitura de Curitiba que pede o “fim dos privilégios para deficientes” em outdoors espalhados na capital paranaense.

Embora a secretária da Pessoa com Deficiência, Mirella Prosdocimo, tenha assumido a autoria da antipropaganda, o estrago já foi feito na imagem do prefeito Gustavo Fruet (PDT).

“Um assunto tão sério não pode ser abordado de maneira desrespeitosa numa época política delicada em que estamos vivendo, onde sentimentos de ódio, preconceito e conservadorismo afloram”, criticou a senadora do PT.

Segundo explicação da secretária da Pessoa Deficiente, o marketing desenvolvido pela turma da “Prefs” tinha por objetivo “chocar”.

“O desrespeito que aconteceu na internet durou só um dia, mas as pessoas com deficiência enfrentam essa afronta todos os dias”, justificou Mirella.

O diabo é que a propaganda da “Prefs” já dera várias outras escorregadelas antes, conforme mostrou há pouco o Blog do Esmael.

A seguir, leia a íntegra da nota oficial da senadora Gleisi Hoffmann: Leia mais

1 de dezembro de 2015
por admin
19 Comentários

Outdoor contra “privilégios de deficientes” é mais um tiro no pé da “Prefs” de Gustavo Fruet

privilegios_fruetA comunicação do prefeito Gustavo Fruet (PDT), em 24 horas, disparou um tiro de bazuca no pé do próprio prefeito de Curitiba. O que era para ser mais uma daquelas “brincadeiras” sem graça da equipe da rede social denominada “Prefs” tornou-se motivo de nojo, sinônimo de piada de mau gosto, antipropaganda, enfim, coisa para no mínimo demitir o secretário Municipal da Propaganda.

O quiproquó começou ontem (30) com a instalação de outdoors misteriosos na capital paranaense pedindo o “fim dos privilégios para deficientes”. O material foi assinado por um grupo autodenominado “Movimento pela Reforma de Direitos”, com uma página no Facebook.

As fotos dos outdoors fascistas rodaram o país em questão de minutos através da internet. Desencadearam todo tipo de reação. A maioria deles, como era de se esperar, foi de repúdio e de choque. Mas houve quem concordou, e não foi pouca gente.

Imagine daqui a pouco outros serão encorajados a publicar outdoors chamando uma pessoa negra de “macaco” e, diante da repercussão e reprovação, esses virão a público dizer que tudo não passou de “brincadeirinha”. Uma ova! Todo preconceituoso é um filho da puta.

Diante da péssima repercussão, o que danifica a imagem de bom moço de Fruet, foi escalado o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência para assumir a criação da falsa campanha contra os “privilégios dos deficientes”. Isto apenas ampliou a confusão. Leia mais

14 de abril de 2015
por Esmael Morais
14 Comentários

Coluna do Marcelo Araújo: “Na ‘Prefs’ de Guga não falta capivara nem circo”

Marcelo_Prefs_Fruet
Marcelo Araújo* ... 

Leia mais

5 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
13 Comentários

Veja essa: Página no Facebook satiriza a “Prefescura de Curitiba”

prefs_prefeitura.jpgHá tempos a comunicação da Prefeitura de Curitiba vem tentando construir uma imagem bacana do “prefs” Gustavo Fruet (PDT) nas redes sociais. Mais do que um gestor eficiente, o “prefs” tem que ser legal, prafrentex, descolado e tal. ... 

Leia mais