8 de janeiro de 2018
por Esmael Morais
12 Comentários

Deputado deixa o PDT após Lupi manifestar apoio a Lula e criticar judiciário

Considerado um dos generais do ex-senador Osmar Dias, o deputado estadual Márcio Pauliki, do Paraná, anunciou nesta segunda-feira (8) sua saída do PDT. Ele informou o motivo que o fez deixar a agremiação: o apoio do presidente nacional da legenda Carlos Lupi contra a caçada ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. ... 

Leia mais

8 de novembro de 2017
por Esmael Morais
23 Comentários

Deputados Molon e Aliel, da Rede, trocam Marina por Ciro

Os deputados Aliel Machado, do Paraná, e Alessandro Molon, do Rio, decidiram trocar a Rede, de Marina Silva, pelo PDT, de Ciro Gomes. Leia mais

16 de outubro de 2016
por Esmael Morais
13 Comentários

‘Bancada do Camburão’ provoca professores reelegendo nesta 2ª Traiano presidente da ALEP

O presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, deputado Ademar Traiano (PSDB), deverá ser reconduzido ao cargo nesta segunda-feira (17) pela ‘Bancada do Camburão’ – aquela que brilhou durante o massacre dos professores em 29 de abril. A eleição coincidindo com a greve dos educadores parece ser uma provocação ao magistério e aos estudantes que levaram bomba há pouco mais de um ano no Centro Cívico. Leia mais

16 de março de 2016
por Esmael Morais
16 Comentários

Eles foram ao protesto contra a corrupção, mas se negam assinar a CPI da Corrupção. Pode isso?

Os deputados estaduais Ney Leprevost (PSD), Felipe Francischini (SD) e Márcio Pauliki (PDT) em comum, além da juventude, têm a militância estridente contra a corrupção. Os três mosqueteiros foram vistos, inclusive, nas passeatas do último domingo (13) esbravejando contra a corrupção, o PT, e pedindo impeachment da presidente Dilma.

Qual o quê, Pauliki, Francischini e Leprevost NÃO assinaram o requerimento para instalação da CPI da Corrupção no governo Beto Richa (PSDB). O pedido de investigação é sobre a cobrança de propina na Receita Estadual, que teria irrigado a campanha de reeleição do governador tucano.

“Isso é combate seletivo à corrupção. Como é que o senhor, Ney Leprevost, não assina nem sequer a CPI da corrupção no governo Beto Richa?”, contra-atacou nesta terça-feira (15) o deputado Péricles Mello (PT), em discurso antológico na tribuna da Assembleia (clique aqui para assistir na íntegra).

Assista um trecho do discurso de Péricles:

De acordo com as investigações do Ministério Público, auditores corruptos identificavam empresas que deviam impostos para o estado e cobravam propina para reduzir ou anular o valor das dívidas. Levantamento realizado pelo próprio órgão indica que o prejuízo causado aos cofres públicos chega a quase R$ 1 bilhão.

Nas ruas, ao lado de coxinhas ensandecidos, os três deputados se manifestam juram que são contra a corrupção, mas na Assembleia Legislativa do Paraná eles “afrouxam a tanga” e viram tchutchuquinhas do Palácio Iguaçu, segundo colegas de parlamento.

Faltam apenas duas assinaturas para alcançar o número necessário (18) para abrir a CPI da Corrupção do governo Beto Richa. O que impede os parlamentares? Rabo preso ou indignação seletiva contra a corrupção?

O deputado Requião Filho (PMDB), líder da oposição, fez a chamada nominal dos 16 deputados que “tiveram coragem” de assinar o pedido de CPI da Corrupção.

Deputados que assinaram o pedido de abertura da CPI da Receita Estadual:

Ademir Bier (PMDB)
Anibelli Neto (PMDB)
Chico Brasileiro (PSD)
Cláudio Palozi (PSC)
Evandro Araújo (PSC)
Gilberto Ribeiro (PRB)
Gilson de Souza (PSC)
Márcio Pacheco (PPL)
Nelson Luersen (PDT)
Nereu Moura (PMDB)
Paranhos (PSC)
Péricles de Mello (PT)
Professor Lemos (PT)
Requião Filho (PMDB)
Tadeu Veneri (PT)
Tercílio Turini (PPS)

Leia mais

6 de julho de 2015
por Esmael Morais
3 Comentários

Deputado Pauliki garante que vende geladeiras mais barato que Richa

scanavaca_pauliki_richa_requiaoO deputado Márcio Pauliki (PDT), empresário do ramo comercial pela internet, garantiu nesta segunda-feira (6) que consegue vender geladeiras mais baratas que as do governador Beto Richa (PSDB).  ... 

Leia mais

21 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
6 Comentários

Oposicionistas lideram pesquisa pela Prefeitura de Ponta Grossa

PG_pesquisa_2016.jpgPesquisa aponta Pauliki e Aliel favoritos em 2016

por Stiven de Souza, do Jornal da Manhã

Rejeição de Marcelo Rangel (PPS) cresce e favorece liderança de Marcio Pauliki (PDT) e Aliel Machado (PCdoB) nas intenções de voto para a sucessão da Prefeitura de Ponta Grossa

Os deputados eleitos Marcio Pauliki (PDT) e Aliel Machado (PCdoB) são os favoritos para substituir Marcelo Rangel (PPS) na Prefeitura de Ponta Grossa. à‰ o que aponta o possível cenário eleitoral em 2016, levantado pelo instituto IRG Consultoria e Pesquisa. De acordo com o estudo, nomes ligados a grupos de oposição ao Governo Municipal têm se fortalecido, enquanto aumenta a rejeição do prefeito.

Se a disputa pela Prefeitura fosse hoje, Marcio Pauliki teria 31,04% dos votos contra 26,92% de Aliel Machado. No cenário apresentado pelo IRG, Marcelo Rangel seria o terceiro mais votado, com 18,43%, seguido do ex-prefeito Pedro Wosgrau Filho (PSDB), que obteria 12,01% do eleitorado. O levantamento também inclui o ex-vereador Edilson Fogaça (PMDB), com 5,80% !“ mesmo percentual dos indecisos. Leia mais

21 de maio de 2014
por Esmael Morais
4 Comentários

Com desistência de Osmar, PDT patina para fechar chapa proporcional

PDT paranaense corre risco de continuar sem representante no Congresso Nacional; desistência de Osmar Dias das eleições de 2014 desarranjou partido, que ainda luta para driblar empecilhos contra candidaturas de ex-prefeitos à  Câmara; outras lideranças do partido, como o empresário Márcio Pauliki, de Ponta Grossa, declinou do projeto nacional por uma das 54 vagas de estadual; vice-prefeito de Apucarana, Júnior da Femac, está apto à  disputa, mas não sabe se corre a deputado estadual ou federal; três deputados estaduais vão à  reeleição e três reivindicam única vaga ao Senado na chapa de Gleisi, que ensaia lançar o petista Dr. Rosinha.

PDT paranaense corre risco de continuar sem representante no Congresso Nacional; desistência de Osmar Dias das eleições de 2014 desarranjou partido, que ainda luta para driblar empecilhos contra candidaturas de ex-prefeitos à  Câmara; outras lideranças do partido, como o empresário Márcio Pauliki, de Ponta Grossa, declinou do projeto nacional por uma das 54 vagas de estadual; vice-prefeito de Apucarana, Júnior da Femac, está apto à  disputa, mas não sabe se corre a deputado estadual ou federal; três deputados estaduais vão à  reeleição e três reivindicam única vaga ao Senado na chapa de Gleisi, que ensaia lançar o petista Dr. Rosinha.

A ausência de protagonismo de sua principal liderança, Osmar Dias, deixa o PDT tateando no escuro para as eleições deste ano no Paraná. Inicialmente cogitado para o Senado, Câmara e depois para a vice da senadora Gleisi Hoffmann (PT), a desistência do vice-presidente do Banco do Brasil desajustou a formação da chapa proporcional pedetista. ... 

Leia mais

10 de abril de 2014
por Esmael Morais
8 Comentários

Gomyde vence batalha no PCdoB. Aliel concorre a federal

Vereador Aliel Machado, do município de Ponta Grossa, nesta quinta (10), decidiu disputar a Câmara Federal; liderança política em ascensão, o presidente da Câmara de Vereadores vinha tirando o sono de Gomyde e Péricles, que concorrerão à  Assembleia Legislativa do Paraná; entre mortos e feridos, todos se abraçaram aliviados; hoje, todos terão dormirão o sono dos justos, até aparecer uma próxima crise.

Vereador Aliel Machado, do município de Ponta Grossa, nesta quinta (10), decidiu disputar a Câmara Federal; liderança política em ascensão, o presidente da Câmara de Vereadores vinha tirando o sono de Gomyde e Péricles, que concorrerão à  Assembleia Legislativa do Paraná; entre mortos e feridos, todos se abraçaram aliviados; hoje, todos terão dormirão o sono dos justos, até aparecer uma próxima crise.

O ex-diretor de Futebol do Ministério do Esporte, Ricardo Gomyde, presidente do PCdoB do Paraná, venceu queda de braço com o presidente da Câmara Municipal de Ponta Grossa, Aliel Machado, em torno de candidatura à  Assembleia Legislativa. Eles disputavam a condição de “prioritário” no partido, mas, nesta quinta (10), o vereador “afrouxou o sutiã” ao decidir pela Câmara Federal. ... 

Leia mais

3 de abril de 2014
por Esmael Morais
7 Comentários

Osmar Dias pode disputar a Câmara

Lideranças do PDT do Paraná, a exemplo do empresário Márcio Pauliki, do município de Ponta Grossa, apostam numa candidatura de Osmar Dias à  Câmara Federal; vice-presidente do Banco do Brasil deverá se desincompatibilizar do cargo nesta sexta (4); expectativa de disputa proporcional anima pedetistas e decisão impacta até em outras legendas, como o PCdoB, que também deverá mexer em sua chapa de candidatos a deputado estadual por conta da conjuntura política pontagrossense.

Lideranças do PDT do Paraná, a exemplo do empresário Márcio Pauliki, do município de Ponta Grossa, apostam numa candidatura de Osmar Dias à  Câmara Federal; vice-presidente do Banco do Brasil deverá se desincompatibilizar do cargo nesta sexta (4); expectativa de disputa proporcional anima pedetistas e decisão impacta até em outras legendas, como o PCdoB, que também deverá mexer em sua chapa de candidatos a deputado estadual por conta da conjuntura política pontagrossense.

O ligadíssimo blogueiro Johnny Willian, do Blog do Johnny, Caderno Ponta Grossa do Blog do Esmael, nesta quinta (3), informa que o vice-presidente de Agronegócios e Micro e Pequenas Empresas do Banco do Brasil, Osmar Dias (PDT), deverá se licenciar até amanhã do cargo para sair candidato nas eleições de outubro.  ... 

Leia mais

3 de abril de 2014
por Esmael Morais
16 Comentários

Gomyde disputa condição de candidato prioritário do PCdoB com vereador de Ponta Grossa

Vereador Aliel Machado tem tirado noites de sono de Ricardo Gomyde e de forças políticas tradicionais do município de Ponta Grossa; presidente da Câmara pontagrossense e o diretor do Ministério do Esporte dizem que disputarão vaga na Assembleia Legislativa do Paraná pelo PCdoB; pelo tamanho da legenda vermelha, hoje, apenas um teria chances concretas de eleição em outubro; pelo tamanho do colégio eleitoral da cidade dos Campos Gerais, alguém poderá ficar chupando dedo !“ mesmo que o deputado Plauto Miró não concorra à  reeleição na Assembleia.

Vereador Aliel Machado tem tirado noites de sono de Ricardo Gomyde e de forças políticas tradicionais do município de Ponta Grossa; presidente da Câmara pontagrossense e o diretor do Ministério do Esporte dizem que disputarão vaga na Assembleia Legislativa do Paraná pelo PCdoB; pelo tamanho da legenda vermelha, hoje, apenas um teria chances concretas de eleição em outubro; pelo tamanho do colégio eleitoral da cidade dos Campos Gerais, alguém poderá ficar chupando dedo !“ mesmo que o deputado Plauto Miró não concorra à  reeleição na Assembleia.

O vereador Aliel Machado, presidente da Câmara Municipal de Ponta Grossa, nos Campos Gerais, é o mais novo pesadelo do presidente estadual do PCdoB, Ricardo Gomyde, diretor de Futebol do Ministério do Esporte. ... 

Leia mais

2 de outubro de 2013
por Esmael Morais
9 Comentários

Osmar Dias pode disputar a Câmara

Segundo o Blog do Johnny, de Ponta Grossa, o empresário Márcio Pauliki flerta com o PSDB, de Valdir Rossoni, com o intuito de pressionar Osmar a definir-se já pelo Senado, vice ou Câmara; a tendência é que o irmão de àlvaro cozinhe o galo até junho de 2014.

Segundo o Blog do Johnny, de Ponta Grossa, o empresário Márcio Pauliki flerta com o PSDB, de Valdir Rossoni, com o intuito de pressionar Osmar a definir-se já pelo Senado, vice ou Câmara; a tendência é que o irmão de àlvaro cozinhe o galo até junho de 2014.

O vice-presidente do Banco do Brasil, Osmar Dias, presidente estadual do PDT, poderá disputar uma cadeira na Câmara Federal. Esta é a expectativa — e aposta — de boa parte da frente política paranaense depois que seu irmão, senador àlvaro Dias, ser lançado à  reeleição pelo colega de ninho e de Senado, Aécio Neves, e pelo governador Beto Richa no último final de semana. ... 

Leia mais

30 de setembro de 2013
por Esmael Morais
4 Comentários

Na última semana para pular a cerca, políticos ficam igual biruta de aeroporto

Inseguro no PDT, Pauliki flerta com o Palácio Iguaçu; Osmar Dias não sabe que fazer em 2014, depois que seu irmão, àlvaro Dias (PSDB), foi lançado ao Senado; PDT perdeu dois deputados estaduais, Scanavaca e Bueno; políticos, com mandato ou sem, comportam-se como birutas de aeroporto nas vésperas fatal para a pulada de cerca: dia 5 de outubro.

Inseguro no PDT, Pauliki flerta com o Palácio Iguaçu; Osmar Dias não sabe que fazer em 2014, depois que seu irmão, àlvaro Dias (PSDB), foi lançado ao Senado; PDT perdeu dois deputados estaduais, Scanavaca e Bueno; políticos, com mandato ou sem, comportam-se como birutas de aeroporto nas vésperas fatal para a pulada de cerca: dia 5 de outubro.

O mundo partidário continuará tenso até o próximo sábado, dia 5 de outubro, data fatal para que os políticos pulem a cerca. Tem dirigente propondo que todos durmam juntos nesse período para evitar chifradas de última hora. ... 

Leia mais

21 de setembro de 2013
por Esmael Morais
16 Comentários

PCdoB agora é Gleisi desde criancinha

Ministros Gleisi Hoffmann e Paulo Bernardo abriram sua casa, neste sábado, em Curitiba, para receber o PCdoB de Ricardo Gomyde; na pauta, o retorno dos comunistas sob o guarda-chuva petista nas eleições de 2014; na reunião, a chefe da Casa Civil ungiu! o vereador Aliel Machado, presidente da Câmara de Ponta Grossa, como seu candidato a deputado federal na região dos Campos Gerais; candidata ao governo do estado pelo PT, ela lamentou possibilidade de saída do empresário pontagrossense Márcio Pauliki do PDT para ingressar no PSB, agremiação que deixou  esta semana a base de Dilma.

Ministros Gleisi Hoffmann e Paulo Bernardo abriram sua casa, neste sábado, em Curitiba, para receber o PCdoB de Ricardo Gomyde; na pauta, o retorno dos comunistas sob o guarda-chuva petista nas eleições de 2014; na reunião, a chefe da Casa Civil ungiu! o vereador Aliel Machado, presidente da Câmara de Ponta Grossa, como seu candidato a deputado federal na região dos Campos Gerais; candidata ao governo do estado pelo PT, ela lamentou possibilidade de saída do empresário pontagrossense Márcio Pauliki do PDT para ingressar no PSB, agremiação que deixou esta semana a base de Dilma.

A nova direção estadual do PCdoB do Paraná esteve na manhã deste sábado (21), em Curitiba, reunida com os ministros Paulo Bernardo (Comunicações) e Gleisi Hoffmann (Casa Civil). O encontro para debater o projeto eleitoral de 2014 foi realizado na casa dos petistas. ... 

Leia mais