7 de julho de 2014
por esmael
16 Comentários

Candidato ao Senado pelo PSDC desiste após chantagem do PSDB

via Blog da Luciane

O ex-vice prefeito de Paranaguá Fabiano Elias anunciou o fim da sua candidatura ao Senado. A decisão foi tomada após pressão do PSDB, como o próprio Fabiano afirmou em sua página no Facebook:

“Para garantir uma maior estrutura e tempo de rádio e TV ao candidato do PSDB, nosso Presidente Luiz Adão me informou que recebeu um ultimato: Ou abandonava a candidatura ao Senado ou perdia toda a coligação na majoritária e na proporcional.

Temos 108 candidatos a deputado estadual e 60 a deputado federal na coligação que o nosso partido está encabeçando.

Se nossa candidatura fosse mantida a ordem emanada do PSDB era retirar o nosso partido de todas as coligações e o PSDC ficaria só com o candidato ao Senado, sem chapa de deputados na eleição que garantisse a legenda, destruindo o projeto de todo o nosso partido.

Há 5 dias atrás eu não era candidato a nada, mas desde que fui convidado e posteriormente escolhido em convenção confesso que fiquei muito motivado, especialmente pela oportunidade em debater temas importantes e de forma muito significativa pelas mais de 500 manifestações que recebi em dois dias aqui no Face.

Obrigado pelo apoio e confiança, mas estou fora da candidatura ao Senado neste ano.

Foi muito, mas muito bom mesmo enquanto durou, graças à  todos vocês.

Agradeço a Deus pelo companheirismo que recebi e pela tranquilidade que me dá neste momento de indignação com todo esse processo sujo e promíscuo.”

Com informações do Blog Paranaguá Urgente.

30 de junho de 2014
por esmael
17 Comentários

Hoje é dia D das coligações partidárias

Pulada de cerca de Gomyde roubou a cena política deste fim de semana, mas os partidos políticos têm até 23h59 de hoje para fechar as atas; o que era sólido pode se desmanchar no ar; o que era certo ontem, hoje pode ser um mar de incertezas; das três principais coligações -- Richa, Requião e Gleisi !“ somente o senador peemedebista bateu o martelo ao escolher Rosane Ferreira, do PV, como vice; petista e tucano ainda enfrentam guerrilhas internas.

Pulada de cerca de Gomyde roubou a cena política deste fim de semana, mas os partidos políticos têm até 23h59 de hoje para fechar as atas; o que era sólido pode se desmanchar no ar; o que era certo ontem, hoje pode ser um mar de incertezas; das três principais coligações — Richa, Requião e Gleisi !“ somente o senador peemedebista bateu o martelo ao escolher Rosane Ferreira, do PV, como vice; petista e tucano ainda enfrentam guerrilhas internas.

A Justiça Eleitoral estabelece hoje, dia 30 de junho, como data fatal para que os partidos políticos celebrem as coligações visando à s eleições de outubro. As convenções perderam sentido, pois a tarefa de finalizar os acordos foi delegada à s respectivas executivas das agremiações. Leia mais

22 de junho de 2014
por esmael
36 Comentários

Em conversa com Lula, Requião sugere petista Enio Verri na vice do PMDB

Requião telefonou ontem para o ex-presidente Lula sugerindo a vice para o deputado Enio Verri; em resposta à  articulação, ex-secretário do Planejamento afirmou ser um soldado do partido!; peemedebista recebeu ontem, em sua casa, comitiva do PCdoB liderada por Gomyde e pelo ministro Aldo Rebelo; os comunistas já fecharam coligação diante compromisso de ajuda para eleger um deputado vermelho!; não comparecimento do PT na convenção do aliado PDT irritou Osmar Dias, que abriu negociações com o candidato peemedebista; proposta de coligação também foi levada à  deputada Rosane Ferreira, do PV, que tem até o próximo dia 30 de junho para decidir; arco de aliança pretendido pelo senador do PMDB seria formado pelo PT, PDT, PCdoB e PV.

Requião telefonou ontem para o ex-presidente Lula sugerindo a vice para o deputado Enio Verri; em resposta à  articulação, ex-secretário do Planejamento afirmou ser um soldado do partido!; peemedebista recebeu ontem, em sua casa, comitiva do PCdoB liderada por Gomyde e pelo ministro Aldo Rebelo; os comunistas já fecharam coligação diante compromisso de ajuda para eleger um deputado vermelho!; não comparecimento do PT na convenção do aliado PDT irritou Osmar Dias, que abriu negociações com o candidato peemedebista; proposta de coligação também foi levada à  deputada Rosane Ferreira, do PV, que tem até o próximo dia 30 de junho para decidir; arco de aliança pretendido pelo senador do PMDB seria formado pelo PT, PDT, PCdoB e PV.

O senador Roberto Requião, candidato ao governo do Paraná, busca armar palanque com PV, PCdoB, PDT e PT. Neste fim de semana, o peemedebista telefonou para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sugerindo o nome do deputado e presidente estadual do PT, Enio Verri, para ser o vice na sua chapa e o também deputado à‚ngelo Vanhoni para a coordenação geral da campanha. Leia mais