13 de setembro de 2015
por esmael
8 Comentários

Dilma e ministros voltam a se reunir no Palácio da Alvorada

da Agência Brasil

A presidenta Dilma Rousseff voltou a ser reunir hoje (13) com os ministros da Fazenda, Joaquim Levy, e da Casa Civil, Aloizio Mercadante, no Palácio da Alvorada. Levy chegou por volta das 15h30 e ainda não deixou a residência oficial. Já Mercadante saiu do palácio por volta das 17h45. A assessoria de imprensa não confirma se outros ministros participam da reunião.

Também não foi divulgada a pauta do encontro, que ocorre em meio a discussões de medidas para demonstrar compromisso do governo com o corte de gastos, desde o rebaixamento da nota de crédito do Brasil pela agência de classificação de risco Standard & Poor’s (S&P), na última quarta-feira (9).

Ontem (12), a presidenta convocou reunião para discutir uma reforma administrativa, com redução de despesas nos ministérios. No sábado, participaram os ministros da Casa Civil, Aloizio Mercadante; da Justiça, José Eduardo Cardozo; da Agricultura, Kátia Abreu; da Ciência e Tecnologia, Aldo Rabelo; das Cidades, Gilberto Kassab; da Integração Nacional, Gilberto Occhi; da Previdência Social, Carlos Gabas; do Esporte, George Hilton; das Comunicações, Ricardo Berzoini; e dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues.

Leia mais

6 de novembro de 2013
por esmael
50 Comentários

Coluna do Ademar Traiano: “Gleisi é tão incompetente que nem consegue privatizar direito”

Ademar Traiano, líder do governo Beto Richa, em sua coluna de hoje, pratica seu esporte predileto: espezinhar a ministra-chefe da Casa Civil; tucano afirma que "Gleisi Hoffmann é tão incompetente que nem consegue privatizar direito"; esse motivo, segundo o ideólogo do Palácio Iguaçu, motivaram broncas da presidenta Dilma no casal ministerial durante reunião realizada no sugestivo! Finados; A versão não oficial diz que Dilma sapateou na cabeça dos ministros com fúria por 7 horas!, provoca o colunista; leia o texto.

Ademar Traiano, líder do governo Beto Richa, em sua coluna de hoje, pratica seu esporte predileto: espezinhar a ministra-chefe da Casa Civil; tucano afirma que “Gleisi Hoffmann é tão incompetente que nem consegue privatizar direito”; esse motivo, segundo o ideólogo do Palácio Iguaçu, motivaram broncas da presidenta Dilma no casal ministerial durante reunião realizada no sugestivo! Finados; A versão não oficial diz que Dilma sapateou na cabeça dos ministros com fúria por 7 horas!, provoca o colunista; leia o texto.

por Ademar Traiano* ... 

Leia mais

2 de novembro de 2013
por esmael
6 Comentários

De olho em 2014, Dilma cobra ações de ministros

do Brasil 247
Ao longo de uma reunião que durou cerca de sete horas, a presidente Dilma Rousseff (PT) cobrou de 15 ministros o cumprimento dos cronogramas de projetos e ações do Governo Federal em setores como infraestrutura e na área social. A ordem é acelerar o que for possível para que esta ações sejam apresentadas à  população até o final deste ano. A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffman, negou que a reunião tenha tido um viés eleitoral em função das eleições majoritárias do próximo ano. Para ela, o momento é de prestação de contas. “Isso tem a ver com resultado de governo. O governo é eleito, organiza seus programas, faz compromisso com a população e tem que prestar contas. Estamos em momento de prestação de contas e entregas”, afirmou.

De acordo com a ministra, os ministros detalharam a atual condição de obras e projetos referentes à s suas pastas de atuação. Os pontos mais cobrados foram os ligados as áreas de educação, saúde, infraestrutura rodoviária e aeroportuária. Programas como Minha Casa Minha Vida, Pronatec e Brasil sem Miséria também foram esmiuçados. Ao término da reunião, uma agenda para a entrega e inauguração de várias obras ainda este ano teria sido definida entre Dilma e os ministros.

Segundo o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, a presidente Dilma mostrou-se “preocupada” com o ritmo dos projetos e ações executados pelo Governo Federal. “Ela (a presidente Dilma) não mudou nada do que tem de planejado. Só quer que as coisas aconteçam”, disse Bernardo. Dentro desta ótica de fazer e mostrar!, Dilma deverá ter reuniões semelhantes com os ministros que não participaram da reunião deste sábado (2), a exemplo das pastas de agricultura e esportes.

Participaram desta primeira reunião com a presidente Diulma, os ministros dos Transportes, Cesar Borges, da Educação, Aloizio Mercadante, de Minas e Energia, Edison Lobão, da Secretaria de Políticas para a Mulher, Eleonora Menicucci, do Meio Ambiente, Izabela Teixeira, das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, do Desenvolvimento Social e Combate à  Fome, Tereza Campello, do Planejamento, Miriam Belchior, do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas, da Secretaria de Portos, Antonio Henrique, da Integração Nacional, Francisco Teixeira, das Comunicações, Paulo Bernardo, de Relações Instit Leia mais