31 de maio de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Temer corta até verba da proteção às mulheres para garantir lucro de sócio privado na Petrobras

Temer corta até verba da proteção às mulheres para garantir lucro de sócio privado na Petrobras

O diabólico Michel Temer cortou recursos de áreas como saúde, educação e segurança para bancar — temporariamente — o subsídio de R$ 0,46 por litro de diesel e, assim, desmobilizar com auxílio das forças armadas a greve dos caminhoneiros. Na prática, o Tinhoso garantiu a fórceps o lucro do sócio privado na Petrobras. ... 

Leia mais

1 de março de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Mídia quer convencer que ‘pibinho’ e desemprego são coisas boas para o brasileiro

Mídia quer convencer que ‘pibinho’ e desemprego são coisas boas para o brasileiro

É de dar enjoo as mentiras que a mídia chapa branca conta na tentativa de salvar o golpe e embriagar o mais desavisado de que Lula e o PT não são mais necessários. Os jornalões se esforçam para convencer que o ‘pibinho’ de 1% e o desemprego de Michel Temer são coisas boas para o brasileiro. Não é. ... 

Leia mais

1 de março de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Mídia quer convencer que ‘pibinho’ e desemprego são coisas boas para o brasileiro

Mídia quer convencer que ‘pibinho’ e desemprego são coisas boas para o brasileiro

É de dar enjoo as mentiras que a mídia chapa branca conta na tentativa de salvar o golpe e embriagar o mais desavisado de que Lula e o PT não são mais necessários. Os jornalões se esforçam para convencer que o ‘pibinho’ de 1% e o desemprego de Michel Temer são coisas boas para o brasileiro. Não é. ... 

Leia mais

4 de janeiro de 2018
por Esmael Morais
12 Comentários

Temer elege os pobres como ‘inimigos número 1’ ao atacar o Bolsa Família

Depois de doar R$ 10 bilhões da Petrobras aos “fundos abutres” norte-americanos, Michel Temer quer compensar essa parte do desfalque diminuindo o Bolsa Família, programa de combate à pobreza reconhecido mundialmente. Ou seja, o governo comporta-se como “Hobin Hood ao contrário” que tira dos pobres para dar ao rico sistema financeiro. ... 

Leia mais

14 de agosto de 2017
por Esmael Morais
21 Comentários

Temer deixa Exército matando cachorro a grito

O ilegítimo Michel Temer (PMDB) não poupou nem as Forças Armas com os cortes, que, segundo o Estadão, chegou a 44,5% no orçamento. Os militares podem ficar sem dinheiro até para cobrir gastos essenciais já em setembro. Leia mais

17 de junho de 2016
por Esmael Morais
18 Comentários

Coração de pedra, Temer paga Bolsa Família ‘sem’ reajuste concedido por Dilma

temer_meirelles_bolsa_familiaO interino Michel Temer (PMDB) fez uma opção preferencial pelos mais riscos, pois nesta sexta-feira (17) o governo provisório começou o pagamento do Bolsa Família sem o reajuste de 9% que Dilma Rousseff havia concedido. Leia mais

19 de setembro de 2015
por Esmael Morais
21 Comentários

Prefeito fica ‘peladão’ em protesto contra ‘pacote de maldades’ de Richa

O prefeito Roger Selski (PR), presidente da Associação de Municípios dos Campos Gerais (AMCG), ficou pedalão protesto contra o "pacote de maldades 3" do governador Beto Richa (PSDB); Assembleia Legislativa deverá votar medida que corta R$ 400 milhões dos municípios paranaenses.

O prefeito Roger Selski (PR), presidente da Associação de Municípios dos Campos Gerais (AMCG), ficou pedalão protesto contra o “pacote de maldades 3” do governador Beto Richa (PSDB); Assembleia Legislativa deverá votar medida que corta R$ 400 milhões dos municípios paranaenses.

O prefeito de Ipiranga, Roger Selski (PR), presidente da Associação de Municípios dos Campos Gerais (AMCG), radicalizou no protesto contra o “pacote de maldades 3” do governador Beto Richa (PSDB), que corta R$ 400 milhões das prefeituras paranaenses.  ... 

Leia mais

13 de setembro de 2015
por Esmael Morais
8 Comentários

Dilma e ministros voltam a se reunir no Palácio da Alvorada

da Agência Brasil

A presidenta Dilma Rousseff voltou a ser reunir hoje (13) com os ministros da Fazenda, Joaquim Levy, e da Casa Civil, Aloizio Mercadante, no Palácio da Alvorada. Levy chegou por volta das 15h30 e ainda não deixou a residência oficial. Já Mercadante saiu do palácio por volta das 17h45. A assessoria de imprensa não confirma se outros ministros participam da reunião.

Também não foi divulgada a pauta do encontro, que ocorre em meio a discussões de medidas para demonstrar compromisso do governo com o corte de gastos, desde o rebaixamento da nota de crédito do Brasil pela agência de classificação de risco Standard & Poor’s (S&P), na última quarta-feira (9).

Ontem (12), a presidenta convocou reunião para discutir uma reforma administrativa, com redução de despesas nos ministérios. No sábado, participaram os ministros da Casa Civil, Aloizio Mercadante; da Justiça, José Eduardo Cardozo; da Agricultura, Kátia Abreu; da Ciência e Tecnologia, Aldo Rabelo; das Cidades, Gilberto Kassab; da Integração Nacional, Gilberto Occhi; da Previdência Social, Carlos Gabas; do Esporte, George Hilton; das Comunicações, Ricardo Berzoini; e dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues.

Leia mais

17 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
22 Comentários

Veja como a Educação está bancando o fracasso da gestão Beto Richa

richa_surpresa_educacao.jpgQuando a senadora Gleisi Hoffmann (PT) afirmou numa das tiradas mais sensacionais da campanha, durante debate na TV Band, que o governador Beto Richa (PSDB) parecia mais um Kinder Ovo!, pelas constantes surpresas, ela não fazia ideia de que estava definindo politica e sociologicamente como é a gestão do tucano no Paraná. Os educadores que o digam, conforme relato abaixo.  ... 

Leia mais

10 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
14 Comentários

Deu chabu durante governo itinerante de Beto Richa em Londrina

por Samara Rosenberger e Vitor Ogawa, da Folha de LondrinaNa manhã desta quarta-feira (10), estudantes da Universidade Estadual de Londrina (UEL) protestaram contra cortes de verba nas Instituições Estaduais de Ensino Superior (IEES) no Instituto Agronômico do Paraná (IAPAR), em Londrina, local onde o governador Beto Richa abriu os trabalhos do Governo do Estado. A concentração também contou com a presença de professores do ensino médio.

Os manifestantes exigem o pleno funcionamento da universidade com dinheiro público e livre da privatização. Eles também questionam o discurso de crise de arrecadação e reivindicam uma série de medidas: o imediato repasse do orçamento à s IEES-PR; a abertura de concursos públicos; política efetiva de permanência estudantil para todas as IEES-PR, com RU a preço acessível e de qualidade; moradia estudantil de qualidade e com vagas suficientes; ampliação das bolsas de pesquisa/extensão; autonomia universitária com gestão democrática e participativa e financiamento integralmente das IEEs pelo Estado, com verba pública.

A manifestação foi marcada por uma confusão envolvendo Rubens Caldarelli, filho do ex-vereador Oswaldo Caldarelli, e uma estudante do Serviço Social da UEL.

Os universitários faziam um cordão humano e tentavam impedir a entrada de pessoas no Iapar quando Caldarelli pegou um guarda-chuva e agrediu a universitária Thais Ferreira. Ela sofreu cortes na mão e foi à  delegacia registrar boletim de ocorrência. Além disso, Caldarelli ofendeu verbalmente o fotógrafo da Folha de Londrina, Ricardo Chicarelli, que tentava registrar a agressão. Rubens foi encaminhado ao 6!º Distrito Policial (DP) por policiais militares.

Agressor e vítima assinaram termo circunstanciado e foram liberados no local.

O secretário de Ciência e Tecnologia, João Carlos Gomes, dialogou com os estudantes e prometeu aumentar em 15% a verba de custeio das universidades em 2015. Em breve entrevista coletiva, Richa defendeu o pacote de austeridade aprovado ontem pela Assembleia Legislativa e disse que protestos de estudantes “sempre irão acontecer”.

Leia mais

2 de dezembro de 2014
por Esmael Morais
102 Comentários

Em crise, governo Richa corta 30% dos funcionários da Educação

NRE_Richa.jpgO governador Beto Richa (PSDB) deverá pôr a mão em um vespeiro nos próximos dias visando aplacar a crise financeira que assola o caixa do estado. ... 

Leia mais

24 de junho de 2014
por Esmael Morais
19 Comentários

Decreto de Richa anuncia novos cortes para garantir 13!º do funcionalismo

Em crise financeira e de gestão sem precedentes na história do Paraná, o governador Beto Richa (PSDB) decretou novos cortes nas despesas da administração direta e indireta até 31 de dezembro de 2014. O esforço do tucano é para fazer caixa visando o pagamento do ameaçado 13!º salário do funcionalismo público estadual.

O decreto de Richa determina que qualquer despesa “excepcional”, que não esteja empenhada, necessita de autorização prévia da Secretaria da Fazenda sob pena de descumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Ou seja, atos que gerem gastos com pessoal — como aumentos nos salários e contratações — estão expressamente proibidos pela atual gestão.

O governo do PSDB se esmerou nos últimos meses em produzir imagens de policiais e bombeiros empurrando viaturas sem combustível pelas ruas de várias cidades paranaenses. Também aplicou calote em fornecedores e deixou faltar o leite das crianças, ao não pagar os produtores do alimento, e merenda nas escolas, dentre outras barbaridades.

Veja a íntegra do decreto de Beto Richa:

http://www.uepg.br/Banner_Portal/2014/Of.CIRCULAR_Conten%C3%A7%C3%A3oDespesas.pdf

Leia mais

27 de setembro de 2013
por Esmael Morais
24 Comentários

“Richa reconhece que oposição sempre teve razão nas críticas”, diz Verri

O deputado Enio Verri, presidente estadual do PT, comentou o anúncio feito pelo governo Beto Richa (PSDB) nesta sexta-feira (27), de que serão extintos cargos comissionados e quatro secretarias do governo para conter os gastos na gestão. Segundo Verri, o anúncio confirma que a oposição sempre esteve correta ao criticar o excesso de cargos comissionados no governo, o descontrole nos gastos e a ineficiência na gestão.

Não existe e nunca existiu choque de gestão. O governo Richa está se encaminhando para o fim, foi preciso quase três anos para o governador reconhecer que a oposição sempre esteve correta nas suas críticas. à‰ lamentável constatar que o Paraná precisou chegar a uma situação de calamidade financeira, sem dinheiro para custeio e investimentos, para que fossem anunciadas medidas que a oposição tem cobrado desde os primeiros meses de governo!.

Verri cobrou responsabilidade e seriedade no cumprimento das promessas anunciadas por Richa.

à‰ importante lembrar que a primeira promessa do governador, ao tomar posse, foi de austeridade na gestão, pelo equilíbrio financeiro. Hoje vemos que isso foi um grande engodo. Entre 2011 e 2013, foram feitos anúncios de corte de recursos para custeio e investimentos, mas na prática nada mudou. O mínimo que a população do Paraná merece, no último ano do mandato do governador, é que ele finalmente leve a sério a gestão financeira do nosso estado.!

Leia mais

27 de setembro de 2013
por Esmael Morais
15 Comentários

PSD perde espaço com extinção de secretaria no governo Richa; assista ao vídeo

O governador Beto Richa (PSDB) anunciou nesta sexta (27) reforma no secretariado, que consiste na fusão de secretarias e extinção de mil cargos comissionados, além da venda de veículos da frota pública do Estado.

De acordo com a Agência Estadual de Notícias, serão extintas as secretarias de Controle Interno, da Corregedoria e Ouvidoria, Assuntos da Copa 2014 e do Turismo, que será incorporada pela Secretaria da Cultura e passará a se chamar Secretaria de Estado da Cultura e do Turismo.

As medidas de contenção de gastos anunciadas pelo tucano farão o PSD perder espaço no governo. O partido !“ que comandava o Turismo, com Jackson Pitombo — vem flertando com a candidatura da ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, do PT.

O presidente da Associação de Bares e Restaurantes, Fábio Aguayo, criticou a extinção da Secretaria do Turismo. Justamente no Dia do Turismo, véspera da Copa, a Secretaria foi eliminada!, observou.

O governador afirmou que encaminhará na próxima semana mensagem à  Assembleia Legislativa para reduzir de 4.657 para 3.657 o número de cargos comissionados no Executivo estadual.

Com o corte, segundo Richa, a economia será de R$ 48 milhões por ano no pagamento de servidores sem vinculo com o Estado. Na mesma mensagem será criada a Função de Gestão Pública (FG) para funcionários de carreira que ocupam cargos de diretoria, chefia e assessoramento, valorizando o servidor público concursado.

O governador disse ainda que concedeu 51% de aumento aos professores em dois anos de mandato. Ele garantiu que cumprirá com a folha complementar para a categoria no próximo dia 4 de outubro.

Assista ao vídeo com reportagem da RPCTV:

Leia mais