20 de outubro de 2013
por esmael
7 Comentários

Dilma Rousseff: “Brasil defende uma internet aberta, democrática e participativa”

Dilma utilizou o Twitter, neste domingo (20), para orientar a delegação brasileira que vai à  Indonésia participar do Fórum sobre Governança na Internet; a revelação do ex-agente da CIA Edward Snowden, de que brasileiros são monitorados pelos governos dos EUA e do Canadá, apressou a votação do Marco Civil da Internet no Congresso; segundo João Arruda, presidente da Comissão Especial que analisou a nova lei, o objetivo é proteger os usuários e sua privacidade; todas as legislações anteriores tinham o sentido de criminalizar e punir os internautas; a neutralidade da rede, que obriga os provedores a tratar de maneira igual todos os usuários, está garantida; será a melhor legislação do mundo!, garante o deputado do Paraná.

Dilma utilizou o Twitter, neste domingo (20), para orientar a delegação brasileira que vai à  Indonésia participar do Fórum sobre Governança na Internet; a revelação do ex-agente da CIA Edward Snowden, de que brasileiros são monitorados pelos governos dos EUA e do Canadá, apressou a votação do Marco Civil da Internet no Congresso; segundo João Arruda, presidente da Comissão Especial que analisou a nova lei, o objetivo é proteger os usuários e sua privacidade; todas as legislações anteriores tinham o sentido de criminalizar e punir os internautas; a neutralidade da rede, que obriga os provedores a tratar de maneira igual todos os usuários, está garantida; será a melhor legislação do mundo!, garante o deputado do Paraná.

A presidenta Dilma Rousseff, pelo Twitter, informou na noite deste domingo (20) que enviou o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, para uma viagem a Bali, Capital da Indonésia, onde acontecerá de amanhã (21) até sexta (25) o Fórum sobre Governança na Internet. Leia mais