14 de junho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Damous: “Por baixo da toga de Moro aparece a camisa do PSDB”

Damous: “Por baixo da toga de Moro aparece a camisa do PSDB”

O deputado Wadih Damous (PT-RJ) denunciou nesta quarta (13) a decisão do juiz Sérgio Moro – tomada em abril e somente agora revelada – de se arvorar dono das provas obtidas pela operação Lava Jato e impedir que os órgãos de controle – CGU, AGU, Banco Central, TCU, Receita Federal e CADE – ‘incomodem’ aos criminosos delatores que fizeram acordo para redução de suas penas. Damous denunciou, também, outra decisão de Moro: a de se negar a julgar o processo que envolve o governo Beto Richa: “Se Moro tirar a toga de justiceiro, por baixo vai aparecer a camiseta do PSDB”, afirmou. ... 

Leia mais

7 de agosto de 2014
por Esmael Morais
24 Comentários

Perícia comprova: Revista Veja fraudou fita sobre CPI da Petrobrás

via Brasil 247

O laudo elaborado pelo Instituto de Perícias Científicas de Mato Grosso do Sul revela que a gravação da conversa entre dois funcionários da Petrobras !“ José Eduardo Barrocas e Bruno Ferreira !“ e uma outra pessoa não identificada, divulgada esta semana pela revista Veja, foi editada, o que compromete qualquer avaliação sobre a participação de senadores em uma suposta tentativa de fraudar os trabalhos da CPI da Petrobras, conforme denunciado com alarde pela revista.

O documento, assinado pelo perito Fernando Klein, conclui, com base na análise feita na gravação disponibilizada pela Veja em seu site na Internet, com duração de 2 minutos e 40 segundos, que não há uma sequência lógica que permita vincular o senador Delcídio do Amaral (PT/MS) a eventual orientação repassada aos depoentes da CPI da Petrobras, uma vez que no momento imediatamente anterior à  citação do nome “Delcídio” na conversa há uma interrupção de 1 minuto e 14 segundos na gravação, o que comprova a montagem.

O laudo esclarece que o uso de arquivo editado pode trazer interpretações equivocadas em relação ao contexto de todo um diálogo.

“Do arquivo analisado separamos segmentos que demonstram a edição do mesmo, sendo claramente perceptível pelo menos duas interrupções na sequencia das falas, a primeira com 1 minuto e 12 segundos e a outra com 1 minuto e 30 segundos. O uso de palavras separadas de sua sequência original pode trazer interpretação destoante do efetivo contexto em que teriam sido empregadas. Dessa forma, não há credibilidade para a interpretação do conteúdo e da aplicação dos diálogos constantes na gravação de 2 minutos e 40 segundos disponibilizada no sítio eletrônico da revista Veja, dada a evidente edição do mesmo”, assegura o perito.

O IPC é o maior e mais conceituado instituto de perícias de Mato Grosso do Sul. Ele é responsável por pelo menos 70 % de todas as investigações periciais requisitadas pela Justiça no estado.

Leia mais

17 de dezembro de 2013
por Esmael Morais
14 Comentários

Tarifa mais cara do mundo causa desmaio na CPI do Pedágio; assista

O culpado pelo tumultuo é o governo Richa que autorizou novo reajuste no pedágio mais caro do mundo, uma violência contra a economia e o direito de ir e vir das pessoas de bem nas rodovias paranaenses; quiproquó de hoje na Assembleia, durante a CPI do Pedágio, é mais um capítulo da violência empregada na defesa da máfia das concessionárias; houve até desmaio; CPI dos Patetas considerou positiva a reunião de hoje, o que não é de estranhar, pois essa comissão de "investigação" engoliu sem farinha aquele aumento concedido dia 1!º de dezembro pelo governo tucano; assista ao vídeo.

O culpado pelo tumultuo é o governo Richa que autorizou novo reajuste no pedágio mais caro do mundo, uma violência contra a economia e o direito de ir e vir das pessoas de bem nas rodovias paranaenses; quiproquó de hoje na Assembleia, durante a CPI do Pedágio, é mais um capítulo da violência empregada na defesa da máfia das concessionárias; houve até desmaio; CPI dos Patetas considerou positiva a reunião de hoje, o que não é de estranhar, pois essa comissão de “investigação” engoliu sem farinha aquele aumento concedido dia 1!º de dezembro pelo governo tucano; assista ao vídeo.

A chapa esquentou na manhã desta terça (17) durante a sessão da CPI do Pedágio, na Assembleia Legislativa do Paraná, quando manifestantes que acompanhavam o depoimento do secretário da Infraestrutura, José “Pepe” Richa Filho, irmão do governador, entraram em confronto com a segurança da Casa. ... 

Leia mais