9 de outubro de 2014
por esmael
22 Comentários

Dilma rebate FHC: Eles não dão importância ao Povo!

via Brasil 247

Em Salvador, onde faz campanha nesta quinta-feira (9), a presidente Dilma Rousseff concedeu entrevista à  rádio Metrópole e rebateu as declarações “preconceituosas” do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso de que “o PT está fincando nos menos informados”. A petista aproveitou para falar que espera debate de “alto nível” neste segundo turno contra o candidato do PSDB, Aécio Neves.

“Essa eleição é fundamental. Eu discordo do baixo nível, destilando o ódio. Essa história de falar que nossos votos são de pessoas ignorantes. Isso mostra o preconceito e o desconhecimento. As pessoas não são ignorantes coisa nenhuma. O povo é informado, tem ideias próprias, não precisa de ninguém vir explicar. Tem que ter respeito”.

Dilma aproveitou oportunidade para lembrar que venceu Aécio em Minas Gerais, terceiro maior colégio eleitoral do País e terra natal do tucano.

“Eu ganhei do meu adversário em Minas Gerais, onde ele tinha o berço político. Eu sou de Belo Horizonte, mas ganhei dele no Rio de Janeiro. Perdi em São Paulo. Ganhei nos estados do Sudeste, no Norte. Isso (de que a presidente é forte apenas no Nordeste e que seus eleitores são mal informados) é uma visão preconceituosa. Como eles não dão importância ao povo, tudo isso é destilar ódio”.

A partir das 11h, Dilma seguirá em caminhada do Largo Irmã Dulce até a Igreja de Nosso Senhor do Bonfim. “Fiquei muito satisfeita, fiquei muito feliz. Fiquei feliz com as eleições de Rui Costa para governador e Otto Alencar para senador. São grandes parceiros. Vim aqui agradecer essa grande votação que a Bahia me dá”, disse a presidente.

1 de julho de 2014
por esmael
Comentários desativados em Pinhais inaugura Centro Unificado de Artes e Esportes

Pinhais inaugura Centro Unificado de Artes e Esportes

Na próxima quinta-feira (3), será realizada a inauguração do Centro Unificado de Artes e Esporte de Pinhais (CEU). O equipamento público foi estruturado para integrar atividades e serviços culturais, práticas esportivas e de lazer, formação e qualificação para o mercado de trabalho, serviços socioassistenciais, políticas de prevenção à  violência e inclusão digital.

Em Pinhais, o CEU reúne as Secretarias de Cultura Esporte e Lazer e Assistência Social, por meio do CRAS !“ Centro de Referência em Assistência Social, com o objetivo de mobilizar, gerir e dar funcionalidade ao espaço aberto à  comunidade.

Idealizado em conjunto pelos Ministérios da Cultura, Esportes, Desenvolvimento Social e Combate à  Fome, Justiça e Trabalho e Emprego, o local integra, num mesmo espaço físico, programas e ações setoriais desses ministérios, visando a promoção da cidadania e a redução da pobreza.

No município, o prédio foi construído no bairro Weissópolis e é resultado da parceria entre os governos municipal e federal. São 1.010,63 m!² de área construída em um terreno 3.000 m!², totalizando um investimento de mais de R$ 2,3 milhões.

Proposta

O principal objetivo da administração municipal é o de viabilizar ações de mobilização social e de planejamento de gestão do CEU, juntamente com gestores públicos, comunidade beneficiada e representantes de instituições que contribuíram com o processo de implantação e gestão deste espaço. Além disso, existe a proposta de articulação entre a comunidade, as entidades e o poder público para múltiplas atividades culturais, esportivas, sociais e assistenciais.

Planejamento

Para chegar até um formato ideal foram realizadas diversas ações visando um melhor atendimento à  população. Para tanto, durante o período de planejamento foi realizado um mapeamento das lideranças locais para identificar os principais interesses da população. Também ocorrem mobilizações sociais, pesquisas de opinião para um melhor direcionamento das ativid

13 de dezembro de 2013
por esmael
19 Comentários

Segundo o Ibope, sobe para 43% aprovação do governo Dilma

da Agência Brasil
O percentual da população que avalia como ótimo ou bom o desempenho do governo da presidenta Dilma Rousseff aumentou de 37% para 43%. A aprovação da maneira como ela governa oscilou de 54% para 56%, enquanto a parcela da população que confia na presidenta se manteve estável em 52%. Os dados fazem parte da pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), encomendada ao Ibope, e divulgada hoje (13).

Segundo o gerente Executivo de Pesquisa e Competitividade da CNI, Renato da Fonseca, um dos pontos que mais influenciaram o crescimento da aprovação do governo foi o fato de isso ocorrer após uma forte queda do índice, em decorrência das manifestações de julho. Em março, o governo Dilma bateu recorde de aprovação, com 63% da população considerando-o ótimo ou bom. Em julho, com as manifestações, o percentaul chegou a 31%.

“As pessoas tiveram reações muito fortes em função das manifestações. Mas depois reavaliaram. Vale ressaltar que a recente pesquisa mostra melhora na avaliação do governo, mas não da presidenta Dilma Rousseff. Até porque a aprovação da maneira como ela governa apresentou uma oscilação dentro da margem de erro da pesquisa, de 2 pontos percentuais; e a parcela da população que confia nela ficou estável [em 52%]”, disse Fonseca.

Melhora avaliação das políticas de governo

Entre setembro e novembro, a avaliação das políticas específicas de governo melhorou em todas as áreas analisadas pela pesquisa CNI-Ibope. Mesmo assim, em praticamente todas as áreas analisadas o percentual de desaprovação é maior que o de aprovação.

A aprovação das políticas de combate ao desemprego subiu 8 pontos percentuais, passando de 39% para 47%. Já a desaprovação caiu de 57% para 49%. A avaliação positiva das políticas governamentais no setor de educação passou de 33% para 39%, e a desaprovação caiu de 65% em setembro para 58% em novembro.

Apesar de a aprovação das políticas voltadas para a saúde registrar crescimento de 5 pontos percentuais, passando