4 de junho de 2018
por editor
Comentários desativados em Curitiba receberá 17ª Jornada de Agroecologia de 6 a 9 de junho

Curitiba receberá 17ª Jornada de Agroecologia de 6 a 9 de junho

Feira agroecológica no Paraná. Foto: Riquieli Capitani.

Curitiba receberá de 6 a 9 de junho a 17ª Jornada de Agroecologia, um dos maiores eventos dedicados à agricultura saudável e sustentável no Brasil. Seminários, oficinas, shows e atividades culturais estão previstas para ocorrer na Universidade Federal do Paraná (UFPR). O teólogo Leonardo Boff e da artista Letícia Sabatella são presenças confirmadas no evento. ... 

Leia mais

9 de maio de 2018
por editor
Comentários desativados em Brasil foi questionado na OEA sobre intervenção no Rio e assassinato de Marielle Franco

Brasil foi questionado na OEA sobre intervenção no Rio e assassinato de Marielle Franco

O Brasil foi questionado na Organização dos Estados Americanos (OEA) sobre violações dos direitos humanos no âmbito da intervenção militar federal no Rio de Janeiro e pelo assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e seu motorista Anderson Gomes. A sessão da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) da OEA foi realizada ontem (8), em Santo Domingo na República Dominicana. ... 

Leia mais

18 de julho de 2014
por esmael
14 Comentários

3 mil famílias sem terra ocupam área “grilada” pela fazenda Araupel no PR

O Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) ocupou na manhã de ontem (17) uma área de 35 mil hectares entre os municípios de Rio Bonito do Iguaçu e Quedas do Iguaçu, região Sudoeste, cujas terras são “griladas” pela fazenda Araupel.

Cerca de 3 mil famílias do Acampamento Herdeiros da Luta 1!° de Maio reivindicam a área “grilada” que pertenceria à  União para fins de reforma agrária.

Coincidentemente à  ocupação do MST, na quarta-feira (16) o senador Roberto Requião (PMDB) concedeu entrevista à  Rádio Municipal FM 92.5, de Quedas do Iguaçu, na qual questionou a legitimidade da posse da terra pela Araupel.

Essas são uma das melhores terras do Brasil, e a Araupel apenas produz madeira para exportação. Queremos produzir alimentos nessas terras, e por causa das ilegalidades, elas devem sim ser destinadas à  reforma agrária, para que possamos trabalhar e produzir alimento de qualidade ao povo brasileiro!, explica Antônio Miranda, da direção nacional do MST.

No começo do mês, o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) do Paraná formalizou o pedido de nulidade da área na 3!ª Vara Federal de Cascavel, por existirem sérias dúvidas jurídicas sobre a legitimidade do título de propriedade por parte da empresa.

Sobre a disputa pela terra na região

Desde o último dia 1!° de maio, milhares de famílias Sem Terra se organizam no lote de um agricultor do Assentamento Ireno Alves dos Santos, ao lado da área ocupada. A juventude Sem Terra, filhos e filhas de assentados da região, são os maiores protagonistas desse processo.

Desde 2004, tramita na justiça uma ação promovida pelo Incra contra a Araupel.

Desde a abertura do processo, os Sem Terra já conquistaram dois assentamentos sobre as terras em disputa: o Assentamento Celso Furtado, em Quedas do Iguaçu, e 10 de Maio, em Rio Bonito do Iguaçu.

A imissão de posse de ambas as áreas concedida pelo juiz responsável da Comarca de Cascavel foi dada sem que a empresa fosse indenizada, já que se apropriava ilegalmente da área.

O Incra já imitiu posse Leia mais