15 de julho de 2018
por Esmael Morais
Comentários desativados em Folha descobre que dirigentes patronato ‘mamam’ há décadas no dinheiro público

Folha descobre que dirigentes patronato ‘mamam’ há décadas no dinheiro público

Imagina se o jornalão paulistano descobrir que os dirigentes patronais sequer labutam na área a que se propõem representar… Vide o caso do presidente licenciado da Fiesp, Paulo Skaf (MDB), “sem indústria” desde o início dos anos 2.000.  ... 

Leia mais

7 de abril de 2016
por Esmael Morais
5 Comentários

Agências de propaganda vão à Justiça contra fraude em licitação do Sistema S

O Sindicato das Agências de Propaganda do Paraná (Sinapro) ingressou na Justiça ontem (6), com pedido de suspensão de licitação supostamente fraudulenta, no valor de R$ 4,9 milhões, destinada à contratação de publicidade pelo sistema S — constituído pela Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), Sesi (Serviço Social da Indústria) e Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial).

O sistema S licita agência de propaganda para veicular, principalmente, peças contra deputados e senadores que se posicionam contra o golpe ao estado democrático de direto e contra o impeachment da presidente Dilma.

O sistema S é um conjunto de entidades jurídicas de caráter associativo de direito privado, mas, como elas gerem recursos públicos, são “contaminados” pelos princípios do direito público. Ou seja, a Fiep também está sujeita à Lei das Licitações (8.666/93).

Dito isto, o presidente do Sinapro, Elon César Isfer Garcia, na representação judicial contra o sistema S, viu indícios de fraudes que ferem a lei de licitações e que podem causar lesões “irreparáveis” ao interesse público.

Não é comum o Sinapro intervir em processos licitatórios. A entidade das agências de propaganda só entra em campo quando os vícios são escandalosamente flagrantes.

“Requer-se a suspensão imediata do certame para evitar a continuidade de um processo fadado de ilegalidade e inconstitucionalidade causando prejuízo ao erário público e lesivo aos interesses constitucionais dos licitantes”, pediu o Sinapro ao à Justiça, haja vista a previsão de abertura dos envelopes da concorrência para amanhã (8).

O diabo é que o sistema S no geral, e a Fiep, no particular, estão entre aquelas instituições que se dizem lutar contra a corrupção “dos outros”; elas fazem de um pato amarelo, que aliás é roubado, seu símbolo de honestidade.

sistema S é apontado como um dos maiores sonegadores de impostos do país, e, segundo o deputado federal João Arruda (PMDB-PR), o prejuízo ao erário pode ultrapassar R$ 18 bilhões ao ano. O parlamentar propõe a criação de uma CPI para investigar desvios desses recursos que seriam utilizados na especulação do mercado financeiro.

Leia a íntegra da ação do Sinapro:

http://esmaelmorais.com.br/sinapro_vs_fiep.pdf

Leia mais

30 de março de 2016
por Esmael Morais
5 Comentários

“Ministério da Justiça deveria investigar a farra golpista do sistema S com dinheiro público”

J. Carlos de Assis*

Marx supunha que o capitalismo explodiria por conta de suas próprias contradições internas. Parte do capitalismo brasileiro não quer esperar por isso. Corre o risco de explodir por conta de sua imbecilidade. As matérias pagas pedindo o impeachment da Presidenta Dilma em edições de quatro jornais de ontem denotam a suprema estupidez do empresariado, sobretudo paulista, capitaneado por essa figura caricata de Paulo Skaf, por perderam completamente a perspectiva dos interesses reais em favor de ideologia política.

É bem verdade que, para seus propósitos imbecis, Skaf é um sujeito de sorte. Encontrou entre dirigentes das classes trabalhadoras um trânsfuga do movimento sindical, Paulinho da Força, que se coloca na vanguarda do atraso em matéria de política econômica e tornou-se seu sócio. Skaf teve sorte também por trocar a fatigante vida industrial pela comodidade do corporativismo sindical, apossando-se de uma das maiores caixas da República, o dinheiro público arrecadado em nome do Sesi e do Senai.

A exposição pública de dinheiro esbanjado na propaganda do impeachment, com a cobertura de assinaturas provavelmente financiadas pela própria Fiesp, é um acinte à decência e um desafio à ética. Algum procurador da República, desses que preservam a honra de não agir segundo preferências partidárias, deveria investigar a fonte dos recursos usados nessa propaganda, ou seja, se há ali dinheiro do Sesi e do Senai – dinheiro público que deve estar sob fiscalização do TCU e demais órgãos de controle da administração federal, mas que não está.

Não só pelo descaramento do uso político-partidário de verbas oriundas de recursos parafiscais essa atuação de Skaf deveria ser investigada. Ele e o presidente da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro, Eduardo Eugênio, introduziram no sistema S a inacreditável cobrança por cursos de profissionalização. Um sistema inventado por Getúlio e empresários idealistas, no tempo em que os havia, foi degenerado numa arapuca para ganhar dinheiro de pobres e de desempregados, numa verdadeira aberração das finalidades do Senai.

Por que a imprensa brasileira nunca denunciou isso? A resposta está nas páginas do pedido de impeachment. Na verdade, a Fiesp não quer apenas fazer propaganda do golpe. Quer também encher de dinheiro as burras dos jornais cujo partidarismo ext Leia mais

12 de julho de 2014
por Esmael Morais
Comentários desativados em Programa Adolescente Aprendiz forma mais 49 jovens em Araucária

Programa Adolescente Aprendiz forma mais 49 jovens em Araucária

Pensando na qualificação profissional de jovens e na oportunidade do primeiro emprego, o Programa Adolescente Aprendiz realizado em Araucária promoveu a formatura de mais uma turma com 49 alunos quinta-feira! (10), no Centro de Convivência Dr. Ulysses Guimarães. O Curso de Auxiliar Administrativo e Produção Industrial é resultado de uma parceria firmada entre a Prefeitura de Araucária, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS), com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

Familiares dos formandos acompanharam a solenidade de encerramento de curso juntamente com representantes da SMAS, do Senai, do poder executivo e legislativo. O vice-prefeito Rui Souza representou o prefeito no evento e fez um breve relato sobre alguns investimentos na qualificação profissional do município. Quando o prefeito Olizandro assumiu a outra gestão, em 2005, sofríamos com a falta de mão de obra qualificada. Ele priorizou esse setor e investiu R$10 milhões, tanto que recebemos uma premiação nacional por ser um dos municípios que mais investiu nisso. Sabemos da importância de investir nesse setor!, disse a autoridade.

Além da entrega de certificados, durante a solenidade, houve a entrega de uma bolsa de estudo do Senai aos dois melhores alunos do curso. Allyson Henrique Silveira e Valdirene da Silva foram considerados os participantes mais dedicados e comprometidos do programa. Allyson conta que foi muito bom o desenvolvimento que teve a partir do programa. Aprendi a lidar melhor com o mundo e a superar minha timidez. Meus colegas e meu chefe elogiaram a mudança que tive desde que entrei no programa. Agradeço muito a oportunidade!, relatou.

O gerente do Senai de Araucária, Fabrício Luz Lopes, parabenizou todos os alunos e familiares e fez um agradecimento especial para todos que estão envolvidos para que essa iniciativa continue. Temos essa parceria muito importante entre a Prefeitura, Senai e empresas privadas, que permite a transformação do sonho desses jovens em realidade. Mais do que técnica, essa união permite ajudar na construção do caráter desses cidadãos!, complementou.

via Leia mais

3 de junho de 2014
por Esmael Morais
Comentários desativados em Prefeitura repassa área para construção de um Senai em Colombo

Prefeitura repassa área para construção de um Senai em Colombo

Obras estão previstas para março de 2015; quando pronta deverá atender 1.600 alunos em cursos presenciais e 5.600 à  distância

Obras estão previstas para março de 2015; quando pronta deverá atender 1.600 alunos em cursos presenciais e 5.600 à  distância. Prefeita Beti Pavin e o diretor regional do Senai, Marco Antonio celebram a doação do terreno para a construção de um Centro de Formação Profissional. Também estavam presentes no ato da assinatura de doação da área o secretário da Fazenda, Márcio Strapasson, o diretor regional do Senai Paraná, Marco Antonio Areias Secco e os técnicos Fernanda Vann e Rodrigo de Jesus.! 

A Prefeitura Municipal de Colombo por meio das secretarias da Indústria, Comércio, Turismo e Cultura e da Fazenda assinou na última semana a escritura de doação de um terreno na região do Guaraituba para a construção de um Centro de Formação Profissional do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – Senai no município. ... 

Leia mais

Esmael Morais 2009-2018. O Blog do Esmael é liberto das excludentes convenções mercantis Copyright ©. O site não cobra pelos direitos autorais, portanto, pode e deve ser reproduzido no todo ou em parte, além de ser liberado para distribuição desde que preservado seu conteúdo e o nome do autor. | A política como ela é em tempo real.

Topo