Requião: Restrição de foro privilegiado é ‘meia sola’ só para políticos

Publicado em 3 maio, 2018
Compartilhe agora!

O senador Roberto Requião (MDB-PR), da tribuna, considerou nesta quinta (3) ‘meia sola’ a restrição do foro privilegiado somente para parlamentares. Para ele, configura-se o “juiz iníquo da Bíblia” e o “abuso de poder”. Assista ao vídeo:

LEIA TAMBÉM
STF mantém foro privilegiado para 60 mil agentes públicos

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje a restrição para políticos (deputados e senadores), mas livrou mais 50 mil agentes públicos no Brasil, segundo Requião.

Por exemplo, juízes e procuradores do Ministério Público continuam inimputável, isto é, permanecem com o foro privilegiado intacto.

Diferente de políticos, membros do judiciário não são submetidos ao voto do povo brasileiro.

Assista ao vídeo:

Compartilhe agora!