17 de novembro de 2013
por esmael
58 Comentários

E se Barbosa virar réu nas cortes internacionais?

Setores do PT e PCdoB querem levar Joaquim Barbosa à  cortes internacionais; partidos acusam presidente do STF de aplicar golpe político! ao decretar prisões de Genoino e Dirceu; Pizzolato, ex-diretor do BB, está refugiado na Itália, de onde poderá promover campanha internacional pela liberdade de presos políticos; ítalo-brasileiro, ele pede novo julgamento no país da bota; E se um tribunal italiano considerar o Pizzolato inocente?!, questiona o irrequieto senador Roberto Requião, da Comissão de Relações Exteriores do Senado; juristas veem ilegalidades nas penas impostas aos réus, haja vista não haver provas suficientes aos crimes imputados a eles; mundos políticos e acadêmicos também já perguntam: E se Barbosa virar réu nas cortes internacionais?!.

Setores do PT e PCdoB querem levar Joaquim Barbosa à  cortes internacionais; partidos acusam presidente do STF de aplicar golpe político! ao decretar prisões de Genoino e Dirceu; Pizzolato, ex-diretor do BB, está refugiado na Itália, de onde poderá promover campanha internacional pela liberdade de presos políticos; ítalo-brasileiro, ele pede novo julgamento no país da bota; E se um tribunal italiano considerar o Pizzolato inocente?!, questiona o irrequieto senador Roberto Requião, da Comissão de Relações Exteriores do Senado; juristas veem ilegalidades nas penas impostas aos réus, haja vista não haver provas suficientes aos crimes imputados a eles; mundos políticos e acadêmicos também já perguntam: E se Barbosa virar réu nas cortes internacionais?!.

O senador Roberto Requião (PMDB-PR), membro da Comissão de Relações Exteriores do Senado, ao ficar sabendo que em fuga o ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil, Henrique Pizzolato, pediu novo julgamento na Itália, não titubeou para dar uma sapecada no Supremo Tribunal Federal (STF): “E se um tribunal italiano considerar o Pizzolato inocente?”, questionou o irrequieto parlamentar paranaense. Leia mais