Presidente do Podemos, Cesar Silvestri Filho, abandona Moro, Alvaro e Ratinho Junior e anuncia candidatura ao governo pelo PSDB do Paraná

Presidente do Podemos abandona Moro, Alvaro e Ratinho Junior e anuncia candidatura ao governo pelo PSDB do Paraná

Google News

Deu ruim para o suspeito ex-juiz Sergio Moro (Podemos), o senador Alvaro Dias (Podemos) e o governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD). O novo fato que o Blog do Esmael pode significar uma reviravolta no cenário político do estado e do país.

O presidente do Podemos no Paraná, o ex-prefeito de Guarapuava (PR), Cesar Silvestri Filho, anunciou a sua filiação ao PSDB do Paraná para construção de uma candidatura ao governo do estado.

O anúncio foi feito ao lado do ex-governador Beto Richa; do presidente Nacional do PSDB, Bruno Araújo; e do governador de São Paulo, João Doria.

Participaram da reunião em São Paulo, o deputado federal Rossoni e o deputado estadual Michele Caputo.

PSDB terá candidato

Os tucanos paranaense informaram que terão candidato ao governo no Paraná contrário a Ratinho Junior, Alvaro Dias e Sergio Moro. Em termos prático, Cesar Silvestri Filho e o PSDB podem levar a disputa pelo Palácio Iguaçu para o segundo turno.

Além do PSDB, os bolsonaristas também podem lançar uma quarta candidatura no Paraná contra Moro e Ratinho. O presidente da República sonda o ex-prefeito de Maringá, Silvio Barros II, irmão do líder do governo na Câmara, Ricardo Barros, ou o deputado Felipe Barros –amigo dos filhos do mandatário.

O acordo “por cima” entre Ratinho Junior, Sergio Moro e Alvaro Dias causou cisão no próprio grupo do governador. Não é descartada a hipótese do ex-chefe da Casa Civil, deputado Guto Silva, deixar o PSD para concorrer ao Senado pelo PSDB.

Candidatura no Paraná

A disputa ao governo do Paraná terá ao menos quatro candidatos competitivos em 2022. A saber:

  • Ratinho Junior (PSD)
  • Roberto Requião (PT, provavelmente)
  • Cesar Silvestri Filho (PSDB)
  • Silvio Barros II (PP) ou Felipe Barros (PSL), ambos da base bolsonarista
  • Veja também  Lula a favor do PIX

    Resumo da ópera: desandou o arroz doce de Ratinho Junior, Sergio Moro e Alvaro Dias.