Em live desta quinta, Bolsonaro deve reafirmar mentiras que contou na Assembleia-Geral da ONU

Em live, Bolsonaro planeja reforçar manifestação em 7 de setembro e anunciar volta do horário de verão

Google News

O presidente Jair Bolsonaro planeja usar a live semanal desta quinta-feira (02/09) para reforçar a convocação das manifestações em 7 de setembro, Dia da Independência, contra ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e contra o Congresso Nacional, que, nesta quarta (1º/09), rejeitou sua escravocrata minirreforma trabalhista.

Pronunciamento Bolsonaro ao vivo

Além de chamar apoiadores para os atos antidemocráticos, Bolsonaro ainda tende a voltar atrás e anunciar a retomada do horário de verão para este ano. Em abril de 2019, o presidente assinou decreto extinguindo o horário especial alegando pouca efetividade na economia energética.

“As conclusões foram coincidentes. O horário de pico hoje é às 15 horas e [o horário de verão] não economizava mais energia”, disse Bolsonaro no dia 25 de abril de 2019 em cerimônia no Palácio do Planalto, que extinguiu o horário de verão. Ele também justificou que não haveria queda na produtividade dos trabalhadores nesse período.

Empresários do setor de turismo afirmam que o horário de verão vai promover alguma economia de energia e permitir estender o funcionamento de atividades ligadas ao lazer, ajudando os negócios mais afetados pela pandemia.

Por causa dos “desinvestimentos” públicos [falta de recursos públicos] e privatização do setor energético, associados à crise hídrica, o Brasil poderá enfrentar apagão a partir de outubro ou novembro, o que poderá agravar a depressão econômica.

Ainda na live desta noite, Jair Bolsonaro vai comentar o julgamento do marco temporal no STF. Além de espalhar dados falsos, o presidente da República sinalizou que pode desrespeitar a decisão do STF sobre o tema.

“[A consequência da rejeição ao ‘marco temporal’ seria] uma área de reserva indígena equivalente ao Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Vai afetar em cheio o agronegócio”, declarou Bolsonaro na semana passada.

Veja também  Boicote fake ao facebook continua, segundo as grandes marcas anunciantes

O Blog do Esmael vai acompanhar em tempo real esses próximos passos do presidente Jair Bolsonaro.

Leia também

Fim do horário de verão, única “obra” de Bolsonaro, pode cair por falta de apoio da população e do comércio

Bolsonaro copia tática do golpe de Pinochet cooptando polícia e caminhoneiros

Para o andar de baixo, a depressão econômica já uma realidade desde o início da pandemia