Mourão: “Para mim, no Brasil não existe racismo”

O vice-presidente da República, general Hamilton Mourão (PRTB), afirmou nesta sexta-feira (20) que no Brasil “não existe racismo”. Ele deu a declaração ao comentar o caso de João Alberto Silveira Freitas, homem negro que foi espancado até a morte por dois seguranças brancos do supermercado Carrefour, em Porto Alegre (RS), na noite de ontem (19).

“Lamentável, né? Lamentável isso aí. Isso é lamentável. Em princípio, é segurança totalmente despreparada para a atividade que ele tem que fazer. […] Para mim, no Brasil não existe racismo. Isso é uma coisa que querem importar aqui para o Brasil. Isso não existe aqui”, afirmou Mourão a jornalistas.

“Eu digo para você com toda tranquilidade: não tem racismo. Eu digo isso para vocês porque eu morei nos Estados Unidos. Racismo tem lá. Eu morei dois anos nos Estados Unidos. Na minha escola, que eu morei lá, o pessoal de cor, ele andava separado. Eu nunca tinha visto isso aqui no Brasil”, continuou.

“Mais ainda, o pessoal de cor sentava atrás do ônibus, não sentava na frente do ônibus. Isso é racismo, aqui não existe isso. Aqui você pode pegar e dizer é o seguinte: existe desigualdade. Isso é uma coisa que existe no nosso país”, concluiu.

O espancamento começou após um desentendimento entre a vítima e uma funcionária do supermercado, que fica na Zona Norte da capital gaúcha. Os dois acusados pela morte de João Alberto foram presos em flagrante. Um deles é o policial militar Giovani Gaspar da Silva e foi levado para um presídio militar. O outro é o segurança do Carrefour Magno Braz Borges e está em um prédio da Polícia Civil. A investigação trata o crime como homicídio qualificado.

Com informações do G1

Porto Alegre protesta às 18h contra assassinato de homem negro no Carrefour

O bicho vai pegar: Carrefour será às 18h alvo de protesto antirracista em Curitiba

Com informações do G1

Dia da Consciência Negra: Clubes se manifestam contra o racismo

Dia da Consciência Negra é feriado em quase 900 cidades do país; em Curitiba, não

Compartilhe agora