Ratinho Jr. passa a perna nos servidores do Paraná igual fez Beto Richa

Compartilhe agora!

O presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Ademar Traiano (PSDB), anunciou que vai recuar do parcelamento do reajuste dos servidores do Judiciário, Ministério Público e Tribunal de Contas. Esses “privilegiados” terão reajuste integral de 4,94%.

O recuo aponta que a necessidade de parcelar a reposição das perdas do funcionalismo até 2022 era uma grande balela. Uma mentira do governador Ratinho Junior (PSD) igual a que o ex-governador Beto Richa (PSDB) contou em 2015.

LEIA TAMBÉM
Bolsonaro culpa ONGs por queimadas na Amazônia

Entidades denunciam o ministro Salles à PGR por descaso com a Amazônia

Bolsonaro vai pedir para o povo respirar dia sim, dia não

Os servidores do Executivo terão o reajuste parcelado até 2022, com o pagamento de 2% em janeiro do ano que vem, 1,5% em janeiro de 2021 e mais 1,5% em janeiro de 2022.

Ainda falta definir o próprio Legislativo, mas se ninguém chiar, deve ter reajuste integral também.

Com informações do Bem Paraná.

Compartilhe agora!