19 de maio de 2015
por Esmael Morais
12 Comentários

Coluna do Marcelo Araújo: “O bom Anfitrião de uma Curitiba sem dono”

anfitriaoMarcelo Araújo*

No dia 09/05/15 houve um encontro de carros esportivos de luxo numa churrascaria que fica na Av. N.S. Aparecida (final da Av. Batel), em Curitiba. Na saída houve uma carreata com destino ao Paraná Golf, na BR-376. O vídeo da saída dos bólidos circulou e obrigou a Polícia Rodoviária Federal (PRF) dar uma explicação sobre a escolta oferecida, que se iniciou com a interrupção da referida avenida. A Prefeitura não se manifestou, mas é nesses pequenos detalhes que você vê se uma casa tem dono ou está largada, causando inveja até na ‘Mãe Joana’.

Em 01/02/12, época que eu estava a frente da Setran, houve um atropelamento de torcedor sobre a Rodovia BR-277 em frente ao Parque Barigui, o qual saía do Ecoestádio Janguito Malucelli para pegar seu carro estacionado no parque.

Num primeiro momento a Prefeitura foi acusada de omissão, e à época deixei bem claro que a competência da Setran se encerrava na ponte do Rio Barigui, onde termina a Av. Mário Tourinho, bem como no Parque Barigui fora da faixa de domínio rodoviário, e que caberia a PRF cuidar dessa travessia, como de fato ocorreu no jogo seguinte após insistência da Federação Paranaense de Futebol (FPF). Leia mais