Sergio Moro, que não elegeu vereador em Curitiba, vai tentar emplacar “Janja Moro” em São Paulo

► “Janja Moro” e Joice Hasselmann disputam a mesma faixa eleitoral em SP

Na eleição municipal de 2020, o ex-juiz e ex-ministro Sergio Moro (Podemos) não conseguiu eleger um dileto amigo vereador em Curitiba. O empresário Fábio Aguayo, então no PSL, obteve apenas 1.027 votos – insuficientes para se eleger para uma das 38 vagas na Câmara Municipal.

O tempo passa, o tempo voa, e agora Moro tenta emplacar a esposa, a advogada Rosângela, conhecida na capital paranaense como “Janja Moro”, como deputada federal pelo Podemos de São Paulo.

Site Brasil 247 lança filme sobre enriquecimento de Sergio Moro e membros da Lava Jato; assista

Sergio Moro segue a escrita de políticos tradicionais, como Jair Bolsonaro (PL), que joga pesado para garantir emprego para família inteira na política.

O estado de São Paulo, na eleição de 2018, adotou a jornalista paranaense Joice Hasselmann, que se elegeu pelo PSL como deputada federal. De casa nova, ela tenta a reeleição pelo PSDB.

Joice se elegeu com mais de 1 milhão de votos, sendo a mulher mais votada na história da Câmara dos Deputados.

O curioso é que a paranaense Joice Hasselmann publicou um livro em 2016 enaltecendo Sérgio Moro e a operação Lava Jato. No entanto, em 2022, seu ídolo lançará a mulher, “Janja Moro”, como candidato pelo mesmo estado de SP.

Moro se deu mal na viagem à Alemanha; veja por quê

Assim como Moro, Joice era adoradora e seguidora do bolsonarismo. Ela rompeu com o presidente e o ex-ministro da Justiça foi demitido em abril de 2020.

Primeiramente, é preciso entendermos que 2018 não é 2022. Segundo, alertar que pode faltar votos para eleger duas deputadas pela mesma faixa ideológica em SP. Ou seja, ambas podem ficar sem mandato.

Veja também  Respeito ao Paraná, por Romanelli

Portanto, é bastante pertinente o questionamento: Sergio Moro, que não conseguiu eleger seu dileto amigo em Curitiba, conseguirá emplacar sua esposa – a “Janja Moro” – deputada federal por São Paulo? A conferir.